HELIO FERNANDES AMANHÃ

Ninguém acreditava na conquista
dos que eram perseguidos, humilhados,
discriminados, violentados de todas as
formas. Mas o Supremo decidiu:
“Os homoafetivos têm até os
PRIVILÉGIOS dos heteroafetivos”.

 

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *