Tunai e Sérgio Natureza, dizendo adeus à dor

O compositor, poeta e letrista carioca Sergio Roberto Ferreira Varela, conhecido como Sérgio Natureza, mostra que depois de vários momentos adversos é possível dizer “Adeus à Dor”, música gravada por Tunai, em 1981, pela Polygram.

Sérgio Natureza
 ADEUS À DOR
Tunai e Sérgio Natureza
Pelo que se passou
Pelo que se sofreu
Pelo que se chorou
Pelo que se perdeu
Por tudo que doeu
Pelo que machucou
É que a gente ficou
Meio fora do ar
Apesar dos pesares
Porém se lutou
E do luto da noite
A manhã rebentou
As formigas unidas
Vencendo o trator
O pior já passou, dá até pra cantar
Diz adeus a dor
Não dá mais pra voltar
Adeus a dor
É muito amor pra dar
Adeus a dor
É forte como o mar
Diz adeus a dor
Ninguém vai segurar
Adeus a dor
O que já é já está
Adeus a dor
Brotando como flor
(Colaboração enviada por Paulo Peres – site Poemas & Canções)
This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *