A China conseguiu dar um nó no capitalismo ocidental

Mário Assis Causanilhas

Não pretendo ser o dono da verdade e nem descobrir a pólvora sem fazer barulho, mas a China deu um nó tático no capitalismo ocidental. Na ânsia de maximizar lucros e resultados, as empresas foram, paulatinamente, transferindo para a China as suas linhas de produção e, ao mesmo tempo, criando um modelo de substituição de importações às avessas.

Agora, um espirro da China transforma-se numa pneumonia no Ocidente. Hoje, a China está preparada para ditar as regras do comércio internacional, estabelecer parâmetros cambiais e limitar o preço das principais commodities.

###
A HEGEMONIA DO DÓLAR

Flávio José Bortolotto

Os EUA operam a moeda hegemônica internacional, US$ dollar, reserva principal de aproximadamente 70% de todas as economias, e o esquema funciona como um poderoso eletro-ímã atraidor de capitais do mundo todo, principalmente da China, e isso constitui poderosa pressão anti-inflacionária nos EUA.

O Brasil vem perdendo capitais em ritmo crescente, com pico pouco antes de nossa grande depreciação do real em relação ao US$ dollar de cerca de 50% no último ano, e isso se traduz em poderosa pressão inflacionária no Brasil.

Os juros básicos e comerciais nos EUA são reduzidos, porque lá há abundância de capital, mas são altíssimos no Brasil, porque aqui há grande escassez de capital. Temos que capitalizar nossa Economia.

O crescimento industrial da China provocou a poluição dos rios

###
A MALANDRAGEM CHINESA

Carlos Newton

Para dar o salto triplo na economia, a China se valeu da mão-de-obra baratíssima e permitiu a instalação das indústrias mais poluidoras do planeta. Com isso, tirou da miséria a maior parte da população e se tornou a segunda maior economia do mundo.

Agora, surgiram os problemas. A poluição é intolerável. As estatísticas oficiais, sempre fraudadas, dizem que são 400 mil mortos por ano. Podemos aumentar para 8 milhões, que ainda sai barato. O famoso Rio Amarelo tornou-se marrom e está morrendo. Os trabalhadores já conquistaram alguns dias férias e aposentadoria. Outros direitos trabalhistas fatalmente terão de ser concedidos. Tudo isso custa dinheiro.

Só que agora a China já pode dar as cartas. Sua aliança com a Rússia lhe garantirá a energia de que necessita para manter o crescimento e desafiar a hegemonia do dólar. E assim caminha a humanidade.

14 thoughts on “A China conseguiu dar um nó no capitalismo ocidental

  1. Qualquer país, fora da érea do euro pode estabelecer seus parâmetros cambiais, desde que possua alguma reserva na moeda para a qual deseja se ancorar, como o dólar, por exemplo.

    A china mantém o yuan bem desvalorizado para aumentar a produtividade que é baixa e se baseia apenas no câmbio (desvalorização cambial) e na baixa remuneração do trabalhador.

    Tem muito chão para a China trilhar até se despontar como um excelente país.

  2. A China sabe que o verdadeiro PODER/RIQUEZA de uma Nação não são seus Recursos Naturais por maiores que sejam estes, nem seu Armamento mesmo que conte com Armas Termo-Nucleares, a URSS tinha tudo isso, mas um POVO liderados por Empresários/ Empreendedores/Engenheiros/Inventores/Técnicos/Operadores, etc, capacitados em Projetar e Desenvolver/fazer Manutenção/Operar e Aprimorar toda a moderna Maquinaria de uma avançada Economia Industrial.
    Então, a China depois de conquistar com MAO TSE-TUNG a plena SOBERANIA via Armas Termo-Nucleares, com o grande Líder DENG HSIAU-PING partiu para um gigantesco Programa de FORMAÇÃO DE PESSOAL que já conta quase 30 Anos, de mais de 600.000.000 de Chineses, que em +- 300 grandes Zonas de Processamento Especais, próxima aos Portos, onde vige o mais puro CAPITALISMO e portanto a eficiência Econômica é a máxima, sem interferência de Sindicatos e nem Nada, transformou a China na maior Plataforma de Exportação do Mundo, chegando a concentrar +- 55% de TODA a Indústria do Mundo.
    Agora, que tem tem quase 900.000.000 dos seus +- 1.400.000.000 de Cidadãos treinados e aptos a criar novas Máquinas, aprimorar as existentes e a fazer a correta Manutenção e Operação de suas imensas Linhas de Montagens, vai gradativamente reduzindo sua Exportação de Produtos simples, vai desenvolvendo seu Mercado Interno, e aumentando sua Exportação de Produtos de cada vez mais alta Tecnologia.
    Daqui a +- 50 anos, a China poderá com êxito enfrentar a Hegemonia dos EUA expressa em sua Moeda Hegemônica o US $ Dollar.

    Nunca foi por falta de CAPITAL que a China procedeu assim, pois um Banco Central de um País SOBERANO pode fornecer INFINITO CRÉDITO ao seu Governo/Economia, mas para FORMAR PESSOAL, que é a coisa mais importante que uma Nação faz.

    Se na 2ª Guerra Mundial os ALIADOS não tivessem largado “uma bomba sobre a Alemanha”, mas tivessem “guilhotinado TODOS os Alemães”, teriam destruído a Economia Alemã, mas como bombardearam quase todas as instalações Industriais, Infra-Estrutura e mesmo Cidades, mas deixaram a maior parte da bem formada População Alemã viva, logo depois da Guerra, a Economia Alemã (O POVO ALEMÃO) fez MILAGRES.
    O exemplo é horrível, mas não vejo como “esclarecer” melhor o tema: Importância de uma População BEM FORMADA e EXPERIENTE numa Economia Industrial Avançada. Abrs.

  3. Apenas para registro: não está ocorrendo fuga de capitais do Brasil. Pelo contrário, a recessão e a desvalorização cambial reduziram o déficit das transações correntes para cerca de US$ 60 bilhões, folgadamente financiado por um volume de investimento estrangeiro no país em 2015 da ordem de US$ 75 bilhões. Segue link para a boa coluna de João Paulo Kupfer no Estadão.

    http://economia.estadao.com.br/blogs/jpkupfer/bons-resultados-por-linhas-tortas-no-setor-externo/

  4. No meu entendimento, não foi “a China” quem deu um nó no capitalismo ocidental, ela foi apenas o “instrumento”!
    Quem está dando um nó no capitalismo ocidental é a PLUTOCRACIA, que, desde a era Reagan, iniciou a desindustrialização ocidental, começando pela sua “política” (estratégia) de “DESREGULAMENTAÇÃO”!

    Ora, assim é fácil! Enquanto a “desregulamentação” desorganiza o capitalismo ocidental e promove todo tipo de falcatrua contra as Instituições de Estado, desestruturando a sociedade, as nações rigidamente REGULAMENTADAS passam a apresentar uma eficácia “atonitamente imprevisível” no cumprimento de suas metas ! ! !

    Simples assim! Todas as demais análises, como quanto ao investimento na qualificação da mão de obra indispensável ao desenvolvimento, apesar de verdadeiras, passam a ser questões coadjuvantes sob esse cenário expandido!

    Nada foi por acaso! Baixem e leiam o PowerPoint clicando no meu nickname se quiserem de fato entender qual seja a verdadeira história do mundo desde a Revolução Francesa!

  5. Prezado Prof. Dr. CARLOS FREDERICO ALVERGA,
    Posso estar enganado, mas os sintomas que sentimos com a máxi-desvalorização do Real frente ao US$ Dollar no último ano, os mais de R$ 120 Bi/2015 gastos pelo Banco Central em Contratos de Swap Cambial para “segurar o Real em +- 4 Reais X 1 US$ Dollar, e sabendo como são bem informadas as Águias do Capital Internacional, sinto que pouco antes da máxi-desvalorização, “de um jeito ou de outro”, porque nem todo Fluxo Financeiro é feito “oficialmente”, sinto que houve muita SAÍDA de Capital do Brasil, que agora passada a máxi-desvalorização, amaina ou até INVERTE de sentido. Abração.

  6. Está certo Bortolotto, recentemente houve fuga de capitais, vide a desvalorização cambial, mas se levarmos em conta a situação cambial do ano como um todo, verificamos que há um equilíbrio favorável, na medida em que o déficit das transações correntes em 2015 foi de cerca de US$ 60 bilhões e o volume de investimento estrangeiro no país em 2015 foi da ordem de US$ 75 bilhões. Abraço pra você.

  7. A China jamais, NEVER, atingirá o avanço econômico, social, intectual, criativo, que atingiu o Ocidente, mormente os E.U.A. A China não passa de uma tirania disfarçada, onde 70% do PIB pertence a membros do P.Comunista. Eles fizeram um “download”, piratearam os avanços científicos e tecnológicos ocidentais, mas não criaram uma sociedade aberta, plural, com instituições fortes. A muralha da China já começa a ruir. Quem viver verá.

  8. Que draga é “capitalismo ocidental”?
    Ou é capitalismo é ou se mão de obra escrava.
    Esses socialistas…
    Em que mundo os senhores vivem? Reclamam da mão de obra livre no Ocidente e acham bonito o estado chines usarem o seu povo como escravo.
    Ah… vão…

    • Perfeita observação Luchetta!

      Isso – esse tipo de ‘entendimento distorcido’ – é resultado direto das transformações de sentido semântico que o multiculturalismo PODRE de nossas mídias já conseguiu consolidar até mesmo nas mentes de pessoas esclarecidas, que já não conseguem mais atinar para o tamanho da armadilha que envolve atualmente a humanidade, e continuam através de microscópios perscrutando uma visão holística do cenário!

      É o reflexo do contra senso induzido pelo vício induzido das “tecnicidades” da modernidade! Essa armadilha leva os mais preparados a se perderem por atalhos de “especificidades”, desviando-os na busca do “preciosismo irrebatível”, que os conduz, invariavelmente, à indispensável PERDA DE VISÃO E SENTIDO QUE O CENÁRIO APRESENTA ! ! !

  9. Prezado Sr. PEDRO RIOS,
    Um País SOBERANO, até que atinja o PLENO EMPREGO pode criar CRÉDITO do ar fino, através do seu Banco Central (Propriedade do Governo Federal), comprando Títulos do TESOURO (Dpto. da Min. da Fazenda, também Propriedade do Governo Federal). Cria-se então uma Dívida Pública em que o Credor é o Governo Federal, e o Devedor é o mesmo Governo Federal, que é só uma ficção contábil.
    A Alemanha Nazista de 1933 Jan, estava falidíssima, com DESEMPREGO +- 40% da População Ativa e muitos outros sub-Empregados, e foi só por ter-se chegado nessa triste situação que o Partido Nazista chegou ao poder, era ele ou os Comunistas. Assumindo o Poder nessas circunstâncias, o grande Economista HJALMAR SCHACHT Presidente do BC Alemão começou a emitir CRÉDITO nessas circunstâncias, construindo Infra-Estrutura, re-Armando o País, em 2 anos acabando com o DESEMPREGO, reconstruindo TODA a Economia Alemã, de tal forma que em 7 anos, até 1939 o País Economicamente estava tão forte que sustentou uma Guerra Mundial por quase 6 anos, no qual foi derrotado por certo, mas não por FALTA DE DINHEIRO ( CRÉDITO), e tudo isso SEM INFLAÇÃO.

    Os EUA sempre fizeram isso prosperaram muito. Os EUA financiaram quase 70% da Segunda Guerra Mundial toda com um esquema desse tipo, com pouquíssima Inflação. Nunca faltou DINHEIRO. É preciso saber Administrar para controlar a INFLAÇÃO, mas até o PLENO EMPREGO o risco de Inflação é mínimo. Além do CRÉDITO, é necessário ter GENTE CAPACITADA em todos os níveis para “tocar a Economia”. É por isso que GENTE CAPACITADA é o Fator mais importante. CRÉDITO pode-se criar.

    E porque não podemos fazer um esquema semelhante para Financiar a saída de nossa Recessão?
    Porque o Cartel do Capital Internacional não nos permite. É um problema Político/PODER. Mas tecnicamente não haveria impedimento algum. Abrs.

    • Bortolotto, É perfeita sua avaliação em: “E porque não podemos fazer um esquema semelhante para Financiar a saída de nossa Recessão? Porque o Cartel do Capital Internacional não nos permite. É um problema Político/PODER. Mas tecnicamente não haveria impedimento algum.”

      Após isso devidamente reconhecido e publicamente divulgado, fica a pergunta ainda não respondida objetivamente: Quem aqui, em sã consciência vai continuar achando que somos um país soberano em condições de investir em saúde e educação, se esses pilares são sistematicamente torpedeados pelo “Cartel do Capital Internacional” através dos “seus representantes locais” tais como Roberto Setúbal, Jorge Paulo Lehman, Trabuco e toda a corja de “políticos” (criminosos) que é financiada para permanecer no governo da nação exatamente pelos interesses desse “Cartel do Capital Internacional” apoiado pela 4º Poder das Mídias “GLOBO” de massa ? HEIM?

      Quem vai agora defender que “tudo depende apenas de vontade política” ou que “nossos políticos são uns incompetentes”? Ora essa ! ! ! Somos uma eterna colônia administrada por TRAIDORES que, “a la teoria Gersiana”, só gostam de levar vantagem! De resto, tudo que se disser em contrário, será puro UFANISMO CEGO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *