A presença de Bautista Vidal

Said Barbosa Dib

Bautista Vidal, este sim, merecia uma honraria no Panteão da Pátria. Precisamos de homens como ele, que sempre lutou não pelo que nos divide, não por classes, raças ou grupelhos específicos e oportunistas, mas pelo que nos une, pela brasilidade, pela união de todos nós. Se o Brasil ouvisse os conselhos e análises de homens honrados, inteligentes e patriotas como Bautista Vidal, Helio Fernandes e Adriano Benayon, estaríamos enchendo os Anhangabaús da vida não com depravados, hedonistas, desocupados e pederastas de todos os tipos, mas com cidadãos preocupados com a saúde da família brasileira, com nossa evolução material e espiritual; e em tornar reais as potencialidades do nosso Brasil. Ainda bem que não só os bons vão embora. Resta-nos o alívio de ficarmos livres de parasitas como os Civita e os Mesquitas da vida. É isso! Apenas um desabafo pela perda do grande Bautista Vidal. Com certeza, está lá no Céu do lado de Deus e dos bons.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

6 thoughts on “A presença de Bautista Vidal

  1. Sugiro aos leitores que conheçam a obra de Bautista Vidal. Ele escreveu vários livros, todos versando sobre a questão energética, a economia e a nossa soberania. E o olhar de um homem com sua inteligência e formação em Engenharia e Física, já aponta para uma análise no mínimo revolucionária sobre os problemas que nos afligem há tanto tempo. Infelizmente para o Brasil, os Civita e os Mesquita, “parasitas” citados por Said Barbosa Dib, são mais conhecidos pelos brasileiros do que um patriota do porte do Prof. Bautista.

  2. Senhor Said Barbosa Dib, acabei de ler uma grande verdade e uma homenagem póstuma ao grande baiano e brasileiro BAUTISTA VIDAL, são pessoas assim que honram a nossa Pátria tão vilipendiada, parabéns.

  3. Tivemos o privilégio de ser amigos – eu e meu irmão Valdir Stédile, membro fundador do PDT paranaense – do grande patriota José Walter Bautista Vidal, figura humana espetacular, nacionalista e patriota que defendia o Brasil e suas riquezas como poucos têm coragem de defender. Fizemos vários eventos no Paraná contando com a presença de Bautista Vidal nos anos 90, lembro como ele questionava a famigerada Lei de Patentes e outras medidas governamentais de desnacionalização do nosso país, que à época foram aprovadas e estão aí permitindo que empresas estrangeiras avancem sobre o Brasil, a exemplo dos leilões de poços da Petrobrás. Pessoas como ele quando se vão deixam um enorme vácuo e muita saudade em quem, como nós, com ele partilhou causas e sonhos.

  4. Caro Said Barbosa Dib, saudações
    Bautista Vidal foi, é e sempre será um dos Gigantes que este nosso tão sofrido Brasil produziu. Aprendi a admirá-lo lendo o Helio Fernandes.
    Um pioneiro. Um valente. Um indomável. Um inesquecível Brasileiro, o Bautista Vidal!!!

  5. Trata-se, dentre outros, exemplo da inversão de valores que a nossa sociedade, nossa mídia, vive nos dias de hoje. Um grande e competente BRASILEIRO. Certamente será reconhecido pelas gerações futuras (pelas suas ideias e seu nacionalismo).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *