Aloysio Nunes Ferreira resiste e não aceita ser vice na chapa de Aécio Neves

José Carlos Werneck

Para atrair o PSDB paulista, Aécio Neves quer o senador Aloysio Nunes Ferreira   na vice, caso sua candidatura à Presidência seja confirmada pelo partido. Está sendo muito comentada em Brasília a matéria de Débora Bergamasco, no “O Estado de S. Paulo”, que anunciou essa possibilidade.

Segundo o jornal, Aécio acha que com isso  pode obter votos de Minas Gerais e de São Paulo, os dois maiores colégios eleitorais do País. Em São Paulo, são 31,3 milhões de eleitores. Em Minas, mais 15 milhões. Aécio  acredita que pode diminuir o tradicional predomínio do PT no Nordeste.

Até agora, Aloysio Nunes resiste à escolha de seu nome. “Deus me livre. Não quero ser um estorvo protocolar. Vice não tem função prática”, disse o senador, que já foi vice-governador de São Paulo na gestão de Luiz Antônio Fleury Filho, entre 1991 e 1994. E completou: “Não quero morar no Jaburu, não quero andar cercado por seguranças. Me  acho um senador razoável e quero continuar sendo um. Já fui vice, não quero mais”.

ÚLTIMA HORA

Aécio reitera que não vai deixar essa decisão para última hora. Em 2010, Serra, então candidato a presidente, lançou seu vice, o ex-deputado federal, Antônio Índio da Costa, do DEM do Rio de Janeiro, um mês e meio após Dilma ter convidado,o peemedebista Michel Temer, de São Paulo, para compor sua chapa.

A opção tardia de Serra foi um desastre político. Os dois nem se conheciam, as afinidades não apareceram e o candidato a vice fez declarações polêmicas, acusando o PT de ser ligado às Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia).

A chapa Aécio/Aloysio também é vista como uma chance para selar a união dos tucanos mineiros com os paulistas, pois até hoje existem problemas de relacionamento de Aécio com políticos ligados a José Serra.

Preterido no projeto político do PSDB, o ex-governador paulista ainda não digeriu o  nome do senador mineiro pela maioria do partido para enfrentar a presidente Dilma, em 2014 e tem se recusado a aparecer em eventos em torno de Aécio.

 

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

3 thoughts on “Aloysio Nunes Ferreira resiste e não aceita ser vice na chapa de Aécio Neves

  1. Apesar de que maldito e o homem que confia no homem , nao merecemos mais um governo dessas pessoas nunca vou esuecer os apagoes e privatizacoes , na verdade nem eles nem dos atuais , espero que em 2014 mude realmente para melhor , mas quem !?!?!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *