Apertem os cintos, porque iluso dizer que em dois anos a economia vai melhorar

Resultado de imagem para crescimento da economia charges

Charge do Iotti (Zero Hora)

Jos Vidal

Taxar lucros e dividendos, revisar isenes e subsdios, combater sonegaes e elises fiscais so tarefas obrigatrias do governo para tentar uma reforma fiscal de verdade. Achatar e congelar salrios mdios e menores s vai agravar a situao. Grande parte do PIB do Brasil devido ao consumo das famlias. Logo, necessrio aumentar os rendimentos daqueles que ganham menos, reduzindo a desigualdade social. Aos que ganham mais ou menos, na chamada classe mdia, tambm deveria ser aliviada a carga de impostos, para que possam consumir mais.

Quanto aos que ganham muito, eles j consomem o que querem e ainda sobra dinheiro, portanto, essa camada privilegiada poderia contribuir com algo mais.

FRAGA E PIKETTY – Algumas medidas sugeridas por Armnio Fraga vo ao encontro do que muitos j colocaram aqui na Tribuna da Internet. O que fazer, como sempre, a parte mais fcil. Como fazer (realisticamente) a parte difcil.

Algumas ideias de reduo do tamanho da desigualdade no Brasil para que a economia seja sustentvel, citadas por Fraga, so parecidas com as receitas dadas pelo economista francs Thomas Piketty, conforme reportagem que saiu na revista poca sobre o novo livro dele:

Traduzindo o economs do livro, no Brasil a maior parte dos impostos incide sobre o consumo, e no sobre a renda ou o patrimnio. Como as pessoas com menos renda tendem a gastar a maior parte de seus recursos com consumo, a tributao fica mais pesada para quem ganha menos. Os especialistas chamam isso de tributao regressiva. Um parntese que no est no livro: as principais propostas de reforma em estudo atualmente no Congresso simplificam o sistema tributrio, mas no atacam essa questo integralmente. Para corrigir essa situao, o pas teria de seguir o exemplo de naes mais ricas e aumentar a taxao sobre a renda e o patrimnio, o que no est certo que acontecer.

H LIMITAES Diz ainda a reportagem da poca que o diagnstico de Piketty sobre o atraso do Brasil em seguir um modelo de tributao mais redistributivo aponta limitaes doutrinais e ideolgicas, mas tambm a ausncia de uma maioria parlamentar adequada: No Brasil, como na Europa e nos Estados Unidos, impossvel reduzir as desigualdades tanto quanto seria desejvel sem transformar igualmente o regime poltico, institucional e eleitoral, assinala o economista francs.

claro que precisamos reduzir o tamanho do Estado brasileiro. Pelos dados da Receita Federal, a carga tributria nos trs entes federados situa-se em torno de 32,5%. O dficit primrio est em torno de R$ 105 bilhes. E as despesas previdencirias, antes dos pagamentos dos juros da dvida, so as maiores e vo continuar assim por longo tempo.

AUMENTAR RECEITAS – Ento, so necessrias muitas outras mais medidas para reverso do quadro atual da economia. E no podem ser s pelo lado da conteno das despesas, com o ministro Paulo Guedes est operando. Simultaneamente, preciso criar mecanismos para crescer mais, gerar novos empregos, mas o setor privado no far isso sozinho.

Acho que dizer que em dois anos tudo vai melhorar uma quimera. Medidas de austeridade no faro essa mgica. Ser necessrio estimular o crescimento, mas a equipe econmica nem toca no assunto.

10 thoughts on “Apertem os cintos, porque iluso dizer que em dois anos a economia vai melhorar

  1. Concordo que a economia no v melhorar em 2 anos.
    Isto decorre por sermos um pas socialista, que como tal exige um estado gigantesco para fazer o tal socialismo e que por isso mesmo ele no acontece e nunca aconteceu em parte alguma do planeta durante um sculo.

    No existe almoo de graa como promete a demagogia desta ideologia nefasta.

    No nosso caso a situao ainda pior, pois com a destruio do pas por 16 anos de esquerda socialista, na sua pior vertente, a comunista, a coisa assumiu a condio de terra arrasada, pela m gesto e pior, com roubos e muita corrupo jamais vistos na histria da humanidade.

    • Concordo com o texto acima do Mario Jr.
      Os socialistas rapinadores do Estado quebraram o nosso Pas e agora ouvimos cobranas indevidas dos detratores da Ptria.
      So cnicos e falsos ao extremo.

    • Todos so pilantras, quando no criminosos.

      Os resultados desta farsa da salvao da humanidade, conhecida como ideologia socialista j mostrou a que veio durante um sculo.

      Mesmo na sua forma mais light que a socialista-comunista, a socialista-fascista, como a que foi implantada neste pas por Getulio em 35, mostrou cabalmente , que ela a longo prazo produz resultados nefastos para a populao (30 milhes de desempregados aqui no Brasil).

      A Argentina com Pern e Mxico com o PRI tambm adotaram o socialismo-fascista.

        • Socialismo virou uma grife, um slogan que transforma quem apoia em um ser do bem. Propaganda disseminada constantemente e que, aqui na Amrica, usou o smbolo Guevara como uma pessoa justa e que deve ser imitada. Paradoxalmente ele foi um perseguidor contumaz dos homossexuais e assassinou de forma cruel e fria seus inimigos polticos e at companheiros de luta.

  2. Toda e qualquer medida para cobrar mais impostos ou retirar privilgios da elite poltica-econmica que manda no pas ser vetado e impugnado no congresso e se passar ser declarado inconstitucional pelo STF. E isso aps dezenas de liminares dos juzes ativistas postergando a entrada das medidas em vigor. Esqueam. S com tapa na cara e chute no rim as ditaduras caem.

  3. Os socialulas, realmente quebraram o Brasil.
    O problema todo que os ditos profissionais, convocados pela eleio, esto remendando as fraturas erradas, que iro causar srias dores sociais, se no for tomado uma providncia, rpida e enrgica…

    Questiona-se, se os atuais “remendadores”, so incompetentes, ou canalhes, tambm!

    Eu particularmente, acho os dois……

  4. Mais um texto defendendo que o governo deve gastar mais, dando dinheiro aos amigos do rei.

    O caminho o contrrio, o governo deve reduzir e permitir que as empresas atuem nas reas que precisam.

    O governo no consegue pagar suas contas em dia e ainda tem que defenda que gaste mais.

Deixe um comentário para Luiz Fernando Souza POA/RS Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.