Ato pró-Bolsonaro pede intervenção militar para fechar Congresso e Supremo

Manifestantes durante ato deste domingo (31) com mensagens contra o Congresso e o Supremo — Foto: Isabella Calzolari / GloboNews

Todo domingo é a mesma coisa na manifestação dos fanáticos

Gustavo Garcia e Márcio Falcão
G1 e TV Globo

Manifestantes fizeram neste domingo (31) em Brasília um ato a favor do governo Jair Bolsonaro e em defesa de medidas inconstitucionais e antidemocráticas, como o fechamento do Congresso, o fechamento do Supremo Tribunal Federal (STF) e uma intervenção militar.

Pela Constituição, vigora no Brasil o regime democrático. Portanto, uma intervenção militar seria ilegal. A Constituição também determina que Congresso e STF fazem parte dos poderes da República e devem ter autonomia.

DE HELICÓPTERO – Os manifestantes desceram pela Esplanada dos Ministérios, a maioria de carro, em direção à Praça dos Três Poderes, onde estão localizados o Congresso, o Palácio do Planalto (sede do poder Executivo), e o prédio do STF. Alguns deles optaram por se concentrar em outro ponto, no gramado em frente ao Congresso.

Bolsonaro usou o helicóptero da Presidência para sobrevoar o ato de apoio a seu governo. Do alto, acenou para os manifestantes.

Depois de o helicóptero pousar, Bolsonaro foi para a frente do Palácio do Planalto e, a pé, percorreu o cercado onde se aglomeravam os manifestantes. Sem máscara para prevenção do coronavírus, contrariando decreto do governo do Distrito Federal, Bolsonaro acenou para os apoiadores.

MONTOU NUM CAVALO – Em outro momento do ato, Bolsonaro montou em um cavalo da patrulha militar e cavalgou entre os manifestantes, acenando.

Parte dos manifestantes também não usava máscara. A multa prevista para quem desrespeitar o decreto é de até R$ 2 mil reais. Também por conta da pandemia, o governo do Distrito Federal não recomenda aglomerações.

O G1 questionou a Polícia Militar e o Governo do Distrito Federal se houve punições aos manifestantes que estavam sem máscara. Na última semana, a Polícia Civil indiciou dois manifestantes que estavam sem máscara em protesto realizado no dia 1º de maio.

DIREITO FUNDAMENTAL – O governo do Distrito Federal não informou quais orientações deu às equipes de segurança. Neste domingo, a Polícia Militar do Distrito Federal divulgou a seguinte nota: “A PMDF informa que atua em apoio aos órgãos de fiscalização e vigilância sanitária, cabendo a estes estabelecer o cumprimento das normas. Não existe previsão de prisão para o descumprimento do uso de máscaras, mas uma aplicação de multa. Cabe destacar que realizar manifestação é um direito fundamental expresso no inciso XVI, do Artº 5, da Constituição Federal.”

Mais tarde, a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP/DF) informou que monitora atos públicos de toda e qualquer natureza, respeitados os limites constitucionais. Além de auxiliar a promoção de ações de segurança pública, o trabalho integrado corrobora com a mobilidade, fiscalização e saúde da população do DF”, diz o texto da nota.

17 thoughts on “Ato pró-Bolsonaro pede intervenção militar para fechar Congresso e Supremo

  1. “Militarismo bolso-doriano, toma partido, visivelmente, e ataca com bombas de gás lacrimogêneo manifestantes pró-democracia na Avenida Paulista, e, por outro lado, protege e libera geral para grupos bolsonarianos em manifestação nazifascistas pró-bolsonaro e contra instituições democráticas, desnorteando, descaracterizando e dissolvendo assim, a bombas, manifestações pela democracia que pretendiam ser pacíficas, e que transcorriam pacificamente. https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2020/05/31/palmeirenses-se-unem-a-corintianos-em-protesto-contra-bolsonaro-na-paulista.htm?fbclid=IwAR0VUFtFqh3JpjSFZt_qkxQXx_i0nIrSpT9c9SxT21qfhWJrk5_t5JJ6fyM

  2. Intervenção militar para tirar Bolsonaro como opção política. Tem mais é que acabar com mais esse câncer, parasita, da republica e do suor, lágrimas e vidas do contribuinte.

    • Pois é, caro Limongi. Tens razão na sua precisa observação.

      Eu não assisti. Mas já fui a muitas exposições. Pude assistir noticiários, depoimentos e ler jornais da época, entender um pouco o contexto.
      Olhar o histórico que antecedeu.

      A elite e a classe conservadora que apoiou depois achou que logo seria só pedir para fazer uma manobra de volta à Democracia e se lascou.

      Não vivi uma Ditadura mas tenho certeza que numa nada há de boa.

      A Corrupção só não é vista porque não há Transparência, acesso amplo à Informação.

      Ainda recentemente ficamos incrédulos com atos secretos (salvo engano do senado) indevidos, escondendo ilícitos. Mas cada vez mais, com a informatização, tem tornado públicos atos de governo que permitiram denúncias a partir do jornalismo investigativo.

      Por melhor (menos sanguinária) das Ditaduras, não substitui uma Democracia.

  3. Verdade seja dita, Justiça seja feita. Sob pandemia, todas as manifestações políticas de rua, são criminosas, e deveriam ser dissolvidas, com a consequente prisão do presidemente que as instigam.

  4. BOLSONARO E SUA LUTA DESIGUAL CONTRA O SISTEMA
    Muitos dizem que Bolsonaro usa agora a mesma NARRATIVA VITIMISTA que antes Lula usava contra as “ZILITIS DESTE PAÍS “. No caso de Bolsonaro, além das ZILITES tem todo um SISTEMA que não o quer no poder. Mas a narrativa encontra seu fundamento quando damos os nomes dos bois deste SISTEMA que fazem oposição covarde e ferrenha para manterem suas pautas progressistas bem como seus interesses e benefícios pessoais intocados:
    -Banda podre da CNBB (Defende: Aborto, Sincretismo, Loby Gay, invasão de Propriedades, opção EXCLUSIVA E EXCLUDENTE PELO POBRE como massa de manobra ideológia, ódio de Classes, o NÓS CONTRA ELES, e o Comunismo Revolucionário Armado)
    -Parte do STF
    -Membros da OAB
    -Banda Podre do Congresso e Senado
    -Banda Podre da Cultura Nacional
    -CUT
    -MST
    -Comunistas, Partidos de Esquerda e Centro Esquerda
    -Funcionários Públicos e de Estatais
    -LGBTS
    -Reitores e Educadores de Faculdades Públicas Federais
    -ISENTÕES e TRAÍRAS
    -Desafetos históricos e pessoais de Bolsonaro
    -Foro de São Paulo
    -China, Cuba e Rússia
    -Radicais de Esquerda
    -Crime Organizado (Nacional e Internacional)
    -Narcotraficantes
    -Rede Globo e imprensa oposicionista
    -George Soros e seus asseclas por ele patrocinados no Brasil.
    Ora bolas, um STF subseviente à oligarquia desse país e interesses da esquerda (PT, PSDB, DEM, PDT, REDE, etc) vocês querem que o povo de bem aceite como cordeitinho? O STF chega a ser pior do que a Rede Globo. Deixou de ser poder moderador para ser poder de confusão há muito tempo. O povo não aguenta mais. Senhores abrem os olhos; tirem as escamas dos olhos.
    Brasil para os verdadeiros brasileiros.

    • Então tá. Então cadê o projeto ? Dinastia bolsonariana ? O meu problema não são os desafetos do Bolsonaro, e nem vice-versa, o meu problemas são os desafetos do erário que nos roubam em profusão sem dó e sem piedade, à moda do couro sai a correia, com a agravante de que não tem mais couro para tirar mais correias, e é nele$ que eu quero colocar o guizo, com projeto novo e alternativo a tudo isso que aí está há 130 anos,

  5. Os ânimos estão mesmo acirrados, conforme postou Limongi, acima.

    Resta saber da parte de quem?!

    Se a claque bolsonariana, fanáticos, radicais e admiradores de Bolsonaro, clamam pela intervenção militar – na verdade, o retorno da ditadura -, esse pessoal demonstra que é tão estúpido e ignorante quanto o presidente da República!

    Por acaso Bolsonaro não é ex-capitão do Exército Nacional?
    Não foi eleito presidente democraticamente?
    O seu staff não é composto de mais militares que civis?

    O clamor pela intervenção militar apenas comprova que a questão não é reformar as instituições como devem e necessitam urgentemente, mas fechá-las!
    Logo, intervenção passa muito longe dessa intenção, pois o imbecil e idiota quer a ditadura implantada mais uma vez no Brasil!

    Eu pedi durante muito tempo pela INTERVENÇÃO militar nesse blog.
    Eu alertava pela imperiosa razão de o povo não suportar mais sustentar um legislativo inútil e corrupto, vagabundo e perdulário.
    Que fosse FECHADO por seis meses ou até um ano para as devidas reformas, basicamente a diminuição dos valores salariais irreais para o país, menos parlamentares, fim das mordomias, regalias, privilégios e indenizações e, para o STF, a imediata implantação de um Plano de Carreira para magistrados concursados, que ascenderiam o ápice da magistratura conforme ficha funcional no Judiciário desde o início da profissão.

    JAMAIS pedi pelo fim dessas instituições, até porque se tanto se fala em democracia, que eliminá-las seria o retorno do período de exceção que tivemos, e de tristes e dolorosas lembranças.

    Agora não!
    A resistência do parlamento frente a medidas de Bolsonaro não aprovadas ou modificadas;
    Sentenças do STF que contrariam o presidente, afora se querer que o Chefe do Executivo desrespeite a Alta Corte;
    Dificuldades colocadas no caminho de Bolsonaro, em razão do seu comportamento agressivo, insultuoso, colérico, polêmico, ocasionando que seus seguidores exijam o fechamento do STF e congresso porque o presidente não pode ser cerceado nas sua intenções e projetos, por mais que sejam nocivos e nefastos à nação e cidadania, o apelo é pela ditadura, que não vai ser concretizada JAMAIS!

    Aliás, quem se coloca ao lado do governo com essa proposta, demonstra que são tão traidores e péssimos brasileiros, quanto foram os petistas através da militância, quando omitiu-se dos roubos praticados contra o Brasil e sua população!

    Em outras palavras:
    Continua mandando e desmandando a maldita ideologia, seja de esquerda ou de direita, mas ambas prejudicando desgraçadamente um país pobre, miserável, constituído de analfabetos absolutos e funcionais, de milhões de desempregados, e de uma economia que está falindo a cada dia!

    E querem ainda o retorno da ditadura?!

    Pois duvido, independente dos oficiais generais brasileiros repudiarem tal intenção, que Trump, Putin e Xi Jinping, concordem com essa medida!
    No dia seguinte à implantação da ditadura, e receberemos comitivas desses líderes mundiais nada felizes com Bolsonaro!

    É mais fácil haver governos de esquerda, que ditaduras de direita!
    Países governados por tendências socialistas e comunistas, posso citar dezenas; já, o contrário, não existe!

    Logo, a direta mundial que comanda o mundo, que tem o dinheiro, que pode apontar o dedo para essas nações, irá concordar em ser da mesma forma criticada que a esquerda??!!

    Só mesmo um lunático e ignorante como Bolsonaro, e seus fiéis seguidores, com menos sensatez que o amo e senhor!

  6. O Presidente decidiu (por livre vontade) usar o transporte aéreo de um helicóptero para ir até o local, sobrevoar enquanto dava uns acenos e, depois, pousar para saudar a multidão, ao final, andou à cavalo e voltou para o Alvorada no mesmo helicóptero.

    Eu para sustentar isso que nós cobram impostos… bastante combustível do helicóptero e fora a vida útil dos equipamentos.

  7. Liguei a TV agora, e vi as imagens de mais um domingo de movimentos em favor de Bolsonaro, mas também contrários ao presidente.

    E, naturalmente, o confronto.

    Em Brasília, o presidente andou a cavalo no meio de seus apoiadores, apoiando as manifestações contrárias à democracia, ocasionando que as tensões mais ainda se retesem no país.

    E que me leva a pensar que a intenção de Bolsonaro é mesmo de colocar o povo contra o povo;
    instalar a baderna;
    criar o conflito popular;
    acirrar a direita contra a esquerda;
    até chegar o momento que as FFAA deverão intervir para dar um basta às arruaças que aumentarão paulatinamente até o rompimento democrático!

    O comportamento de Bolsonaro está sendo extremamente perigoso, imprudente e irresponsável!
    Ou diminui seus arroubos autoritários ou submeterá o Brasil à sua destruição, ainda mais em meio à pandemia que nos assola, e já matou 30 mil pessoas!

    Bolsonaro age como um louco, um Dom Quixote, talvez se sentindo um São Jorge lutando contra os dragões criados pela sua mente alterada!

  8. De fricote em fricote, Bolsonaro mostra que não tem qualidades nem para ser porteiro de prostibulo.

    Se meteu com Moro e peredeu.

    Não sabe mais o que faz o matuto metido a malandro, e enquanto houver a turma dos basbaquaras para bater palmas para o macaco dançar, as louças do nosso país vão se quebrando.

    Vai de mal a pior, se os militares se posicionarem será contra Bolsonaro porque hoje o que vale é a própria segurança de cada um deles, diferentemente de 1964 quando estava em jogo a segurança nacional.

    O jogo está feito, e Bolsonaro, mais burro que uma pedra, não percebe.

    Passada a pandemia, cairá, e parabo bem do Brasil.

  9. “Parte dos manifestantes também não usava máscara. A multa prevista para quem desrespeitar o decreto é de até R$ 2 mil reais.”

    Sugestão aos conscienciosos autores da matéria dos mé®dias … identifique esses negacionistas, fascistas, golpistas e encaminhe para que as autoridades do DF lhes cobrem as multas de 2 mil reais … estarão prestando uma cabuetagem cívica, digna dos veículos para os quais militam.

    “realizar manifestação é um direito fundamental expresso no inciso XVI, do Artº 5, da Constituição Federal”

    A Polícia Militar deveria dar algumas aulas gratuitas, sobre a CR, para os urubus togados do STF, para os editores dos mé®dias e, também, dessa tribuna.

  10. A POLÍTICA BRASILEIRA E A NOSSA DIFÍCIL ESCOLHA DE SOFIA.
    A escolha de Sofia é uma expressão oriunda de um romance do escritor William Styron, que invoca a imposição de se tomar uma decisão difícil sob pressão e enorme sacrifício pessoal. Neste romance autobiográfico, Sofia é uma bela Polonesa, presa com seus dois filhos pequenos, no campo de concentração de Auschwitz durante a II Guerra. Um sádico oficial nazista dá a ela a opção de salvar apenas uma das crianças da execução, ou ambas morrerão, obrigando-a à terrível decisão. A escolha de Sofia passou desde então, ater o significado quando nos vemos forçados a optar entre duas alternativas igualmente difíceis.
    1ª)-A ESQUERDA MATERIALISTA BRASILEIRA RADICAL DEFENDE: O que importa é o estado de BEM ESTAR SOCIAL, não importando os meios, pois os fins justificam os meios (ainda que ao final de tudo, todos possamos ir para o inferno de barriga cheia e tendo gozado de todos os prazeres possíveis).
    2ª)-A DIREITA BRASILEIRA CRISTÃ E CONSERVADORA DEFENDE: A questão MORAL não pode ser separada da questão SOCIAL, e jamais é aceitável cometer um mau deliberado para dele tirar algum bem. E por fim, o próprio Jesus coloca a importância da QUESTÃO MORAL SOBRE A SOCIAL ao declarar: “De que vale ao homem ganhar o mundo inteiro e no fim vir a perder-se?” (Mateus 8,36).
    Eis a difícil escolha de Sofia para alguns brasileiros(as) na nossa atual política a nível federal, estadual e municipal. Claro, que para quem é Cristão como eu, é uma questão de princípios, meios e fins, e está muito clara nossa escolha pela segunda no exemplo acima, mas nem sempre as coisas nos são apresentadas com esta clareza, mas que pelo ao menos não percamos como Cristãos, nossos critérios para nossas escolhas, que devem ser sempre os evangélicos, ou sejam, aqueles indicados por Cristo e que sejam claramente defendidos sem ambiguidades, por nossos representantes, do contrário, teremos que fazer a difícil escolha de Sofia.
    Prefiro os valores cristãos a valores mundano, progressistas…O Brasil cairá no abismo sem volta se optar pelo distanciamento de Deus. A esquerda prefere as abominações; é sua natureza. Está no DNA. Deixa os mortos seguirem seus mortos. Lamento profundamente os que sabendo da verdade e estando nela, largou-a e abraçou os valores morais deprimentes da esquerda. Cegos seguindo cegos.
    Feliz é a nação cujo Deus é o Senhor.

    ­­

  11. Quando se escreve que esquerdista é antes de tudo um psicopata, eis aí um já no estado avançado da demência. Paranóia e esquizofrenia irreversíveis. O que ele escreve já o condena. Tem cura? Psiquiatra nenhum consegue traze-lo a vida real. A Medina humana não pode fazer nada. Camisa de força e sanatório. Vida vegetativa. Esbraveja sem saber significado das palavras. Coitado!!
    Ser petista ao extremo se corre risco colossal de chegar a esse ponto. Tornar-se-á zumbi.

  12. O duro não é assistir todo domingo essa balbúrdia anti-cívica, anti-social e impatriótica comandada por um descerebrado sociopata, o duro é os pretensos cultos e esclarecidos leitores desta TI se lançarem à polêmica com argumentos tão descabidos e agressivos que mais parece uma rixa entre cães raivosos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *