Benedita-Lindberg

Ela foi senadora, não se destacou em Brasília, lá é diferente. Trocou os últimos 4 anos pelo cargo de vice-governadora, sabedoria. Abandonou tudo que podia do “mulher, negra e favelada”, ficou na vala comum. Mas assumiu 9 meses de governo, desastrosos e irrecuperáveis.

Agora, tenta voltar ao senado, não tem legenda, prestígio e até mesmo voto. Abriu luta com o prefeito reeeleito de Nova Iguaçu, que hoje é muito mais forte do que ela. Não tem chance de ser indicada, se conseguir, tira quinto, o número exato de candidatos.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *