Blog sob ataque, saindo do ar com muita frequência

Carlos Newton

Compreensivelmente, a Tribuna da Internet está saindo do ar a todo momento, dificultando o acesso dos internautas. Já estamos acostumados a esses ataques de hackers, certamente este é o blog mais hackeado do país, o que significa que é cada vez mais importante. Quando você for acessar e não tiver êxito, deixe passar alguns minutos e procure acessar novamente. Faça como a canção de Raul Seixas e Paulo Coelho, tente outra vez.

8 thoughts on “Blog sob ataque, saindo do ar com muita frequência

    • Obrigado pela mensagem, Borelli. Já trocamos de provedor, ficou pior. O problema é intrincado e a solução custa caro. Para dificultar os hackers, é preciso programa de provedor do tipo “cloud”, ou seja, para andar nas nuvens. E por enquanto não temos condições de embarcar nesta onda.

      Abs.

      CN

  1. Já pensaram em fazer um jornalismo mais imparcial? Quiçás… quiçás… Isso faça acabar de vez a ira dos que se sentem incomodados a a parcilidade dos nobres colegas. Quem acompanha esta página, por simpatia ou como eu apenas para ver o tamanho da adesão ao movimento quanto pior melhor para o brasil e uma oposição que só pensa em poder nota claramente a posição deste veículo. Claque para toda denúncia mesmo infundada quando o assunto envolve a situação e silência sepulcral quanto o assunto é sobre os malfeitos da oposição e de quem os serve. Que fez a oposição por todo estes dez meses de legislatura a não ser gritar o mantra “impeacheman”? Parecem que não sabem fazer outra coisa. Apesar dos pareceres, apesar do STJ, apesar da constituição dizer que o impedimento só se aplica ao mandato corrente eles (oposição) e vocês imprensa não sabem noticial ou opinar sobre outra coisa. Tenha paciência. Pode até quem sabe voces não estarem sofrendo invasão hacker. Pode ser simplesmente uma legião de simpatizantes que loucos por informação tendenciosa tentam acessar vosso veículo e tal qual uma multidão de gente que tenta passar ao mesmo tempo por uma porta e não consegue. O mesmo pode está acontecendo com vós que ante um problema ao que parece simples se acham logo vitimas de perseguição e censura. E lhes digo mais: Parafraseando aquele outro que nem lembro o nome, posso até não concordar com o que dizes, mas moverei todos os esforços para que tenhas o direito de dizer o que pensa. Liberdade acima de tudo.

    • Prezado Jesus, com todo o respeito, eu vejo este blog como um dos mais imparciais que conheço… aqui tem de tudo: tem pedetista que mete o malho no editor, tem pedetista que defende Dilma, tem pedetista que não gosta do PT;

      Tem psolista que defende o Chico Alencar e leva crítica alegando que o Chico, quando jovem veio da UDN;

      Tem PPS que escreve bem; tem PMDB idem e tem outros que baixam o sarrafo no PMDBezão;

      Tem PSB que fica interpretando a Pomba do Espírito Santo…

      Tem Direita, tem Esquerda, tem Centro, tem Anarquista;

      Tem Religioso – pasme – !

      Tem os que gostam de poesia e outros de crônica;

      Tem de Quase Tudo um Pouco;

      Penso, o que incomoda os srs Hackeres é este pretenso “Sob o Signo da Liberdade” …

      Convenhamos, todo Poder, qualquer que seja ele, não gosta dessa Liberdade toda e prefere

      mesmo puxar brasa para sua sardinha, como se falava antigamente.

      Sabe Jesus, é difícil aceitar quem é Independente… você sabe tão bem quanto os comentaristas da TI que essa história de Independência e Transparência não rima com Política e por isso, haja a desconfiança dos srs Hackeres. Os Poderes querem os agregados e não os desapegados.

      Parabéns pelo seu sobrenome !

      • Vejos esta salada de opiniões especialmente nos comentários das matérias meu caro colega. No mais quando o assunto é matéria publicada mesmo, excetuando os textos do Leonardo Boff e vez por outra um outro texto mais imparcial de algum outro colunista o que vemos e lemos mesmo e o pau malhando no governo, no Lula e no PT. Agorinha mesmo acabei de ler um textp onde um colunista diz: (…) Há um equívoco no texto. Para manchar biografia, é preciso ter uma. No caso de Dilma, ela não tem biografia, mas folha corrida. (…)

        Então para um jornalista que se nega a reconhecer a existência de uma biografia da Presidente Dilma, é um tanto radical. Opinião desta natureza demonstra raiva e ódio. Pode-se muito bem fazer jornalismo sem ofensa. Sem denegrir. Pode se muito bem informar e tecer opinião valiosa de de credibilidade principalmente sem desmontar honras alheias. Estou certo ou estou errado meu nobre colega Antonio Rocha?

        • Pois é, meu caro Jesus, eu tb fico pensando nisso, e o editor várias vezes, já pediu aos comentaristas um pouco mais de moderação nas palavras. Mas olha, eu tb frequento os blogs petistas/governistas e vejo cada barbaridade nos comentários tchê !

          Já vi/li até petista sugerindo pegar em armas, eu discordo porque foi numa dessa de Luta Armada que o meu tio desapareceu até hoje.

          Abraços Socialistas !
          Antonio Rocha

          • Meu nobre colega Antonio Rocha, realmente o radicalismo anda beirando as duas trincheiras. Mas reconheço também que o extremismo proveniente da ala de esquerda (que eu não concordo) é fruto e reação aos da direita que tiveram início primeiro. Senão vejamos, dois pontos, abre aspas e travessão… rsss

            A qualquer notícia que seja verdadeira ou falsa que envolva elementos do governo ou de sua base de apoio, já começam os insultos raivosos. Vai desde violência verbal, promessas de violência físicas, desejos de que este ou aquele ptralha como dizem morram assim ou assado. Isso além de demonstrar um espírito raivoso por que não dizer belicoso, promove uma reação igual no outro lado. Assim caminha (infelizmente) a humanidade. Queira ou não concordar com o governo, a opinião da grande massa ensandecida alimentada por uma mídia tendenciosa é sempre de desqualificar. Podemos como já disse defendermos interesses e ideologias sem desmontar honras alheias. Podemos sim… Mas não é isso que acontece. Os mal feitos dos políticos neste pais, e não é de agora, já passam de cinco séculos ocorrem em todas as bandeiras partidárias. Sabemos disso. Sabemos… E o que tem feito a imprensa amiga? Aponta toda a artilharia para o governo e seus pares e descança na caserna quando estes mal feitos envolvem os amigos e membros da oposição raivosa. Não precisa ser um defensor ferrenho do governo para notar isso. Temos vistos diariamente casos assim. Não preciso lincar inúmeros exemplos aqui, não é mesmo? Mas eles existem, e como existem… Então. Reflitamos sobre o papel da imprensa e dos formadores de opinião. A salvação tem sido a santa teia, “www” com seus inúmeros blogues e páginas feitas por profissionais mais comprometidos com a verdadeira notícia, para servirem de contra peso à este segmento jornalístico que mais parece um partido político…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *