Boa notícia: maior fiscalização da PM/RJ reduz acidentes e vítimas em rodovias nos feriadões

Milton Corrêa da Costa

Os números sobre acidentes de trânsito e de vítimas, em rodovias estaduais do Rio de Janeiro, durante os feriadões, vem caindo consideravelmente nos últimos anos. Segundo o Tenente Coronel PM Oderlei Santos, comandante do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), o fator mais importante foi a intensificação da fiscalização com relação ao excesso de velocidade, através de operações com viatura-radar, simultaneamente ao combate a outras infrações de trânsito.

Os números comprovam a importância da fiscalização de trânsito. No feriado de Sete de Setembro, com relação ao ano de 2010 (o feriado de 2011 ocorreu numa quarta-feira não havendo ‘feriadão’), houve uma redução de 65,95 % no número de acidentes de trânsito, caindo de 185 em 2010 para 63 em 2012, além de uma redução de 41,11 % no número total de vítimas, saindo de 90 em 2010 para 53 em 2012. Caiu também em 64,94 % o número de veículos envolvidos em acidentes, de 308 em 2010 para 108 em 2012.

No feriado do Réveillon (2011/2012), relativamente ao período anterior, houve uma redução de 80,35 % no número de acidentes de trânsito; com uma queda de 46,97% no número de vítimas. No feriadão de Carnaval ocorreu uma redução de 44,11 % no número de acidentes de trânsito e de 7,53% no número de vítimas; além de uma redução de 45,74% no número de veículos envolvidos em acidentes.

Na Semana Santa, relativamente a 2011, verificou-se redução de 34,57 % no número de acidentes de trânsito; com queda de 26,92% no número de vítimas; além de redução de 40,07% no número de veículos envolvidos em acidentes. No feriado de Corpus Christi, com relação ao ano de 2011, houve uma redução de 24,27 % no número de acidentes de trânsito, com queda de 5,44 % no número total de vítimas, além de uma redução de 23,56 % no número de veículos envolvidos em acidentes.

Educar para o trânsito é educar para a vida. Num país onde a guerra do trânsito produz, anualmente, cerca de 35 mi óbitos, sem falar nos que adquirem graves sequelas, tornando-de mortos em vida, o trabalho do Batalhão de Polícia Rodoviária da PMERJ é digno de louvor. A prioridade do BPRv é salvar vidas, através da prevenção. No entanto, infelizmente, na barbárie do trânsito brasileiro, ainda é preciso punir para reeducar.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *