Heleno pensa (?) que fala em nome dos militares, mas está completamente enganado

Charge do Amarildo | VEJA

Charge do Amarido (Revista Veja)

Carlos Newton

O ministro da Defesa, general Fernando Azevedo e Silva, que é conhecido por sua sobriedade, recentemente emitiu duas notas oficiais para tranquilizar a nação, garantindo que as Forças Armadas não aceitarão um novo golpe militar. Mas parece que seu recado não foi entendido pelo general Augusto Heleno, que tenta se comportar como se fosse (?) líder das Forças Armadas.

É triste ver um oficial de carreira brilhante enveredar por caminhos tristonhos, como dizia Ary Barroso em “Folha Morta”. O general Augusto Heleno precisa ser lembrado que está num posto civil, que não lhe dá direito de falar em nome dos militares.

DOIS ROMPANTES – Nas últimas semanas, o ministro-chefe do Gabinete Institucional da Presidência já teve dois rompantes. O primeiro, ao receber a intimação para depor no inquérito contra o ex-ministro Sérgio Moro, por entender que estava sendo ameaçado de condução coercitiva, sem saber que se trata de um texto-padrão, que todo condutor de inquérito, seja delegado ou juiz, utiliza ao determinar intimações. Para que fique claro que não se trata de um convite, mas de uma ordem judicial. Deveria ter pedido desculpas ao ministro.

Nesta sexta-feira, o segundo rompante, ao ser informado sobre pedido de apreensão dos celulares de Bolsonaro e de Carluxo.  Mais uma vez, o ilustre general desconhecia que o relator é obrigado, na forma da lei processual, a pedir manifestação da Procuradoria-Geral da República. Pagou outro mico e não se desculpou junto a Celso de Mello.

E AINDA FAZ AMEAÇAS… – O pior foi o ministro Heleno ter ameaçado com uma crise institucional. Na sua ignorância jurídica, soltou nota oficial considerando o ato de Celso de Mello como “evidente tentativa de comprometer a harmonia entre os poderes e poderá ter consequências imprevisíveis para a estabilidade nacional”.  

É muito triste assistir à decadência de um chefe militar que havia conquistado a admiração dos brasileiros. E a gente fica na dúvida: será que o general Heleno mudou ou na verdade ele sempre foi destemperado assim?

###
P.S. –
Heleno pensa (?) que fala em nome das Forças Armadas. Acontece que os militares não estão nada satisfeitos com esse governo caricato, incompetente e desbocado.  Achar que as Forças Armadas se sentem “representadas” por esse governo é um bocado de exagero. Os militares vão deixar Bolsonado apodrecer até desabar sozinho. Apenas isso. (C.N.)

78 thoughts on “Heleno pensa (?) que fala em nome dos militares, mas está completamente enganado

    • Peraí, peraí, peraí, comparar o time da Copa de 70, com o time do Bolsonaro é brincadeira, né ? É mais gozação com a nossa cara, né ? O time da copa de 70 era uma constelação de astros, e o time do Bolsonaro é uma seleção de pernas de pau e cabeças de bagres, para ficarmos nos temos futebolísticos, em resposta à sua provocação.

      • Sr Jegue (autopropaganda, né ?), refiro-me ao comandante aos berros e palavrões com seus comandados e para por aí. Afinal, quando um chefe resolve dar um esporro – desculpa, CN, entenda como bronca – geral, em seu grupo, tenho a certeza de que não recitará Camões nem Jesus.

  1. CN, mais uma vez, erra feio. Cego pela raiva que sente pelo destemido Presidente da República, põe-se de quatro para as armações golpistas do coprológico urubu togado Excelso de Mellda.

    CN, esquecendo que o próprio STF proibiu conduções coercitivas aplaude a ameaça que o juiz de merda fez aos generais.

    CN, desinformado, parece não saber que o juiz de merda, negou, na origem, a apreensão do celular do Dr Moro. O que CN finge não saber são as ligações telefônicas entre o Dr Moro e diversos golpistas, todos inimigos do Bolsonaro, na ante véspera da sua demissão, inclusive com gente do STF.

    Eu faço a pergunta que o CN deveria fazer: com quem o Dr Moro conversou? Terá sido com Celso de Mello? Com Rodrigo Maia? Com quem? E, mais importante, qual o teor dessas conversas? O telefone do Dr Moro tem segredos que podem destruir figurões da bandidocracia tucano-petista. Bolsonaro deveria reforçar a segurança do Dr Moro … é um arquivo vivo.

        • Por falar em bandeira, não estou gostando nada de ver bandidos, pilantras e vagabundos enrolados com a Bandeira do nosso Brasil., usando a favor desta ou daquela facção criminosa.

          • E isso aí, Mário, disse pouco mas disse tudo, a Bandeira do Brasil é nossa, do povo brasileiro, e realmente não estamos gostando nada de vê-la roubada de nós por facções criminosas, fantasiadas de partidos políticos, nas quais se enrolam pra ludibriar o povo inocente e se escudarem contra a persecução penal.

        • É incrível como vocês não entendem que não gostar de Bolsonaro não é, necessariamente, ser de esquerda. A grande maioria das pessoas que votaram nele foi como o objetivo de impedir a volta do PT ao poder. Eu fui uma delas. Grande parte da classe média está desiludida com o presidente. Só os bolsonaristas fanáticos, por serem cegos como qualquer fanático, não enxergam a realidae. Eu não me sinto obrigada a aceitar todos os absurdos que vejo acontecerem no país. Bolsonaro se revelou um governante totalmente despreparado para o cargo que ocupa. Espero na próxima eleição para presidente do Brasil ter melhores opções.

  2. Pois é, do nosso digníssimo editor esperava-se um Construtor de Catedrais no lugar disso se empenha em ser o Desconstrutor de Generais.
    Augusto Heleno que se cuide, a mira laser está apontada para sua cabeça.
    Vai fundo chefe, ainda estamos numa democracia.

    • Pimenta,

      “Augusto Heleno que se cuide …”
      O general nos ameaça, e ele é que deve se cuidar??!!
      E tu ainda concluis que estamos numa democracia (sic)??

      Como sei da tua renomada inteligência e humor britânico porque és sutil e refinado nas tuas alusões e comparações, vou considerar mais uma de tuas brincadeiras, e de bom gosto, reconheço, ainda mais quando acusas o Mediador de “Desconstrutor de Generais”!

      Só tu, mesmo, para essa hilária atribuição editorial em pleno domingo.

      Saúde e paz.
      Te cuida!

  3. Bom dia , leitores (as):

    Senhores Carlos Newton e Marcelo Copelli , as pessoas deveriam ficarem atentos nas proposituras do Ministro da Economia Paulo Guedes , pois muitas delas são de cunho criminosos visando dilapidar o patrimônio público , em benefício próprio e de seus comparsas banqueiros , dentro da forma da lei que previamente já estão sendo legitimado , aproveitando-se numa falsa premissa de ignorância de economia do Presidente Jair Bolsonaro e falta de ” liderança e autoridade ” do mesmo , escondendo-se atrás da crise do ” COVID-19 ” e dos conflitos e atritos diversos que o Presidente Jair Bolsonaro , deliberadamente provoca e promove .
    Lembre :
    O Ministro da economia do Brasil Paulo Guedes tem em seu histórico ” ROUBAR e SAQUEAR ” os fundos de pensão dos funcionários das empresas públicas e empresas estatais , inclusive já enviou uma proposta para o congresso nacional para legitimar esses crimes .

  4. Hilário ver como esses robôs pagos pelo clã miliciano, pelo que chamam de “destemido” passaram a reles biribinhas!
    Na forma da lei, o arapuca deles vai pro saco, e vai saber em que tipo de pau essa gentalha irá se pendurar.
    No início tinha o MelhorJairseacosrumando….
    Sobraram alfaiates de zinco… Medíocres, senza futuro, bando de nó cegos!

  5. Aos poucos, certas pessoas vão mostrando as suas garras na TI e suas verdadeiras tarefas, designadas por quem as comanda e programa mentalmente.

    Afora as atuações de robôs, cuja função é patrulhar os comentários que desagradem os fanáticos e radicais defensores de Bolsonaro, ofendendo, agredindo, insultando familiares daquele que ousa se posicionar contrário à administração do péssimo presidente que elegemos desgraçadamente, observo que algumas agressões de alguns robôs são rasteiras, baixas, deploráveis, demonstrando que o trabalho pelo qual são pagos extrapola os mais comezinhos princípios de respeito e educação.

    Refiro-me ao comentário de Alfinete, que escolheu seus alvos no blog, e destila a sua bile e más intenções de forma repudiável e condenável, agora tripudiando sobre os nomes pessoais de quem lhe desagrada!
    Comportamento sórdido, deplorável, demonstrando que nem toda a pompa e circunstância advinda de um nome próprio extenso e diferente, significa o mesmo em se tratando de civilidade, pelo contrário!

    Independente de o Mediador não se sentir ofendido pelo texto degradante, considero-o a prova maior e incontestável do jogo que estipularam para esse blog:
    Ofender!
    E quem depois responder à altura, acusá-lo de “xingar” os outros e de querer ser o “dono da verdade”.
    Técnica surrada, repito, e de servidores de interesses e conveniências pessoais que a TI perturba, incomoda, em razão de seus posicionamentos sempre de acordo com suas convicções.

    Mesmo que covardemente me acusem de bajular o Mediador, em face de suas mentes doentias, deturpadas, esquecendo o quanto adoram e idolatram Bolsonaro, a ponto de abrirem mão de caráter e personalidade substituindo-os pela covardia do anonimato, critico veementemente as palavras empregadas pelo Alfinete – desconfio que o nome que se apresenta não seja legítimo -, alfinetando profundamente o nome de Carlos Newton Leitão de Azevedo, e associando-o ao de Miriam Leitão, sabidamente uma das jornalistas arqui-inimigas eleita por Bolsonaro.

    Chegou-se, finalmente, ao fundo do poço na TI!
    Vale qualquer forma de se atacar, humilhar, ofender, agredir, quem se coloca opositor a Bolsonaro.
    A decadência humana em certos momentos é muito triste, ainda mais quando se toma a decisão de se ser usado despudoradamente, manipulado conscientemente, ter a mente deturpada por falsos valores e princípios discutíveis, principalmente os políticos e ideológicos!

    Minha solidariedade ao editor, mesmo que ele demonstre não se importar com as alusões praticadas com o seu nome, pois não o estou defendendo tão somente, mas criticando veementemente quem se rasteja dessa maneira, em nome de um partido ou de alguém que idolatra desesperadamente!

    Para esse tipo de comportamento antissocial existem tratamentos psicológicos, que recomendo.

    • Vc profere ofensas um tds as intervenções suas. Chamando aqueles q não concordam com a editoria da T I. Usa inclusive algumas expressões chulas. E depois facha com saúde e paz. Chega de hopocrisia cara.

      • Vou inverter o meu comentário prá ti, Marcelo:
        Saúde e paz (se entenderes que estou sendo hipócrita, então considera “adoece e vive intranquilo”), que estaria de acordo com a tua mente deturpada!

        Se não te desses conta ainda -certamente pelo fato que és um robô, e este não pensa, age -, devolvo os insultos e acusações tanto a mim feitas quanto à TI.

        O blog não é meu, longe disso, muito longe.
        Mas, eu o frequento há quase uma década ininterruptamente, então deixei nesse tempo e nesse espaço muitas horas da minha vida, através de centenas de comentários e artigos, que o Mediador decidiu postá-los como tal!

        Ofender a TI, Carlos Newton, Copelli, seus excelentes articulistas, é o mesmo como se fosse comigo!

        Entendo que vocês não saibam o que é lealdade, amizade, solidariedade … pois agem somente por interesses e conveniências pessoais pagas, então desprezo atuações artificiais.

        E, no meu modo de interpretar, ataques solertes somente devo trata-los com expressões que os definam perfeitamente, chulas!

        Vou repetir:
        Saúde e paz!

    • O que é isso Marcelo, Carlos Newton e um craque, só não é adivinho. Ele analisa r tem informações.
      Você por acaso, tem condições de analisar e postar sobre vários assuntos todos os dias,?
      Não faça a crítica pela crítica, somente porque ficou contrariado com a verdade

      • Um jornalista não tem o condão de depor ninguém. Você acha que algum jornalista depôs a Dilma ou foi a Comissão Parlamentar de Inquérito dobre as pedaladas fiscais?

  6. Ouvido de um analista político muito competente na sua área, quando perguntado sobre as implicações da declaração do oficial da reserva Heleno, ele disse: Heleno não tem nenhum clout. Seu papel é cuidar do escritório do patrão.

  7. O digno editor Carlos Newton, nosso respeito.
    Ora,o texto em tela não preenche meia lauda,apenas reproduz o comentário de dois Generais e suas contradições.
    A nota do roda pé, também é um sentimento de inconformismo pelos modus operant do atual inquilino do Planalto.

    Digo,Eu,faça um contra ponto com informações dados, estatística,aponte quais literaturas,etc.

    Agora, agressões gratuitas, só reflete o
    caráter e despreparo do capitão…

  8. Ora, ora, ora, o papagaio de pooteiro – que deveria também estar na reunião privada com os ministros, dado à sua índole (e vernáculo) – resolveu voltar suas baterias contra mim.

    Quando CN não gosta de um comentário meu, ele o remove, simples assim. Não precisa de nenhum brown-noser (gostei da expressão) para defendê-lo.

    E meu nome é Abrahão Moyses, sim, acrescido de dois defensores do Vasco da Gama em determinada época. Acho que V.Sª esperava que fossem fechados o Congresso e o STF. Bolsonaro não o fez, ficou indignado. Respeite a autoridade eleita !!! Assim eu o fiz quando Lula e Dilma estavam no poder. Pelo menos, com meu povo é assim.

    E, para mostrar que realmente somos diferentes, bom domingo, Sir !

    • É o Congresso, Sr Silvio. Eles aguardam apenas o momento em que nada adiantará a figura do vice, querem novas eleições para um mandato-tampão.

  9. Interessante postar comentários desairosos e esperar que sejam deletados.
    Caso não acontecer, fica o registro.

    Certamente o que se escreve deveria ter outro objetivo, que não deveria ser como atuam jogadores de futebol, enganando o adversário através de dribles e jogadas arquitetadas em treinos com bola.

    Aliás, Renê foi durante muito tempo acusado de fazer o pênalti em Pelé, que redundou no milésimo gol do Rei do Futebol!

    Agora, já pensaste se o nome que te colocaram, teus genitores fizeram uma pegadinha por que flamenguistas ou botafoguenses?!
    Jamais aceitariam que o nome de seus filhos fossem do time que não torciam, então de uma equipe neutra, o Vasco da Gama?

    Interessante.

    Desta reunião, em tela, eu não esperava pelo fechamento do Congresso, e, do STF, nunca pedi por isso, logo, me acusas indevidamente.
    Agora, muito estranho quereres que eu respeite a autoridade eleita, se esta despreza quem efetivamente é o seu chefe, o eleitor!

    E, se exiges que eu deva respeitar o presidente, o mesmo te digo com relação às pessoas, aos cidadãos, ao povo, pois ages da mesma forma que o teu adorado Bolsonaro, com desrespeito e desdém ao trabalhador comum, à população, a quem não segue a tua política e líderes adotados.

    Aliás, o teu cinismo é evidente:
    escreves para ser deletado;
    exige respeito às autoridades, mas não o tem com as demais pessoas;
    e alegas que o teu “povo” age como tens feito, o que seria lamentável.

    O final do teu texto também é ode ao sentimento que tens de superioridade às demais pessoas:
    “E, para mostrar que realmente somos diferentes, bom domingo, Sir !”

    Não sou inglês, e não engano com cumprimentos em idioma que não seja o pátrio!

    Assim me expresso:
    Bom dia, Renée y Alfinete.

  10. Desenhando: Meu nome é Abrahão Moyses. Renée y Alfinete coloco para ficar pomposo e meus pais jamais colocariam sobrenome que não fosse o de família. Bolsonaro é ídolo de vcs, voto em Tel Aviv. Nem Renê nem Fernando encostaram em Pelé (aquele cínico que pediu pelas criancinhas quando a filha que desprezou já tinha cinco anos à época), ele se.jogou e os torcedores adoraram a fraude. Aliás, Fernando mora em Maricá e nega até hoje que tenha cometido alguma falta. Chamo-te de Cavaleiro e dizes que o faço por superioridade. Puxa, nem um palavrão, Senhor Papa !

    • Não sou cavaleiro, também não cavalheiro.

      Repito:
      Escreves de maneira oblíqua, querendo dizer uma coisa, porém dizendo outra e, invariavelmente, ofendendo.

      Claro, falta a coragem de escreveres claramente, então o uso de expressões em idiomas estrangeiros.
      Mas, uma vez que disseram que escrevo palavrões, menos que eu os registro quando ofendido, quem ganhou esta fama que deite na cama, conforme provérbio, e “marias vão com as outras” seguem a máxima popular como se fossem procissões.

      Agora, apesar do que respondes, a verdade é que adoras Bolsonaro ou não estaríamos volta e meia nos digladiando.
      Tu és o Rhodesian Ridgeback deste governo, cumprindo com o que te ensinaram e determinaram para este blog.

      Se acrescentas nomes de teus ídolos junto ao teu, eis a prova incontestável dessa tua dependência por outras pessoas, principalmente autoridades ou quem muito admiras.

      Nada contra, cada um, cada um, mas não me agrada essa adoração e culto a personalidades, ainda mais dissimuladamente ou acusando o outro de práticas que o acusador as mantém, com suas mandíbulas sempre prontas para abocanhar quem não posta o que desejaria ler.

      Táticas, surradas, obsoletas, mas táticas.

      Surpresa!
      Mais um comentário sem eu usar palavrões!

      • Que ídolos, Sr Bendl ? Eles não jogavam nada. Que D’us esteja contigo.

        E canta uma canção para te alegrares:

        Hava nagila, hava nagila, hava nagila, venishmecha
        Hava nagila, hava nagila, hava nagila, venishmecha

        Hava naranena, hava naranena, hava naranena, venishmecha
        Hava naranena, hava naranena, hava naranena, venishmecha

        Uru, uru achim,
        uru achim, belev sameach
        Uru achim belev sameach,
        uru achim, belev sameach
        Uru achim !
        uru achiiiiiim
        Belev sameeeeaaaaach.

  11. Heleno não passa de um “general de pijama”, ou de um “criado de quarto de Bolsonaro”, conforme disse de forma brilhante o excelente jornalista José Nêumanne Pinto.

    Gostei muito desse artigo do Carlos Newton. Também penso que a esmagadora maioria dos militares está absurdamente descontente com o ridículo desgoverno Bolsonaro.

    Mas há uns maus militares (talvez ao redor de uns mil ou um pouco mais) que estão se aproveitando para ocupar cargos no governo, como simples aspones apaniguados, e aumentando seus rendimentos de forma vil e descarada! E em troca precisam defender as sandices do psicopata no poder.

    De qualquer forma, Bolsonaro vai cair. É só questão de tempo.

    E esse Heleno sem vergonha vai cair junto, enlameando a sua história de vida, que aliás não é tão limpa como alguns pensam! Vejam o vídeo abaixo:

    https://www.youtube.com/watch?v=_T3wzuS28WU

    • A/C Sr. JOÃO DA BAHIA..

      Ontem
      no post publicado dia 23 as 06:15″Bipolar,Heleno..
      etc..
      Senhor me contestou as 11:45.
      Está aí,o que reafirmei V.sa.o comentário inconteste do senhor José Neumann.www.youtube.com/wv=_T3wzuS28WU

      Modéstia parte, não sei escrever mas conheço HISTÓRIA.

      Senhor sabe escrever,mas desconhece História…

      PS: é bom ler livros..

  12. Sancliche embolorado, misturado ao futum de palestina que não vê água pra banho há dois meses…
    Chorume de banca de falafel, banha de porco rançosa dos dois lados do matza tudo alfinetado no brown nose desse que bebia renet ao invés de leite.
    Leitão azedo, gutcha de miliciano, hora quase marcada pra desaparecer, uma alfinetada e essa bexiga de tripa de cabra véia some, com toda essa renca de vagabundos que ele chama de autoridade eleita.

  13. Aí Cesar Fortaleza, pergunta para os seu governador e o seu prefeito, porque estão proibido o uso da bandeira nacional nos automóveis.
    Você não passa de um capacho dos coronéis Gomes. Fica triste não. Vais aturar o Bolsonaro até 2026. Será um deleite.

    • Não apostaria sequer uma tampinha de Sukita nisso.
      Bozocraudio cai.
      Se esperarem o alfinete, na forma da lei, corretamente, que vá vender cachorro quente em Tel Aviv, convencendo os moiséses de lá que a carne é de avestruz

        • Ah tá ! Aí, você errou feio, eles (os esquerdistas) tem muito mais historia (s).
          PARTE I
          Vamos relembrar! 2001 – Assassinato de Toninho do PT 2002 – Assassinato de Celso Daniel 2002 – Assassinato de 2 envolvidos no caso Celso Daniel 2003 – Assassinato de 4 envolvidos no caso Celso Daniel 2003 – ONG Rede 13 é extinta após receber R$ 7,5 milhões 2004 – Caso GTech (Carlinhos Cachoeira) 2004 – Escândalo dos Bingos (Waldomiro Diniz) 2004 – 300 Medidas Provisórias de Lula 2004 – Morrem 3 da diretoria do Bancoop (OAS e o Triplex) 2005 – Assassinato do legista do caso Celso Daniel 2005 – Escândalo dos Correios 2005 – República de Ribeirão (Antonio Palocci) 2005 – Escândalo do Mensalão – R$ 200 milho~es em desvios 2005 – Escândalo dos Dólares na Cueca 2005 – Cassação de Zé Dirceu 2005 – Escândalo da Gamecorp-Telemar R$ 111 MI para Lulinha 2006 – Caso Francenildo dos Santos Costa (Antonio Palocci) 2006 – Escândalo da Refinaria de Pasadena (prejuízo de R$ 3 bilhões) 2006 – Escândalo dos Sanguessugas 2006 – Escândalo dos Aloprados 2006 – Escândalo do Corinthians – MSI 2006 – Mesadas de Antônio Palocci 2007 – Operação Navalha 2007 – BNDES e o etanol em Moçambique 2007 – R$ 111,4 bilhões da CPMF desviados da saúde 2008 – Dossiê contra FHC e Ruth Cardoso (Dilma e Erenice Guerra) 2008 – Caso Cartôes Corporativos 2008 – Usina Hidrelétrica Jirau – Fraude no Leilão 2008 – Usina Hidrelétrica de Santo Antônio – Caixa dois 2009 – Caso Lina Vieira (Dilma e Gabrielli) 2009 – Refinaria Abreu e Lima – R$ 90 milhões em propinas 2009 – Propina na compra de submarinos e helicópteros franceses 2009 – Escândalo das montadoras – Medida Provisória 471 2010 – Caso Bancoop 2010 – Escândalo Novos Aloprados 2010 – R$ 1 MI de Alberto Youssef na campanha de Gleisi Hoffmann 2010 – BTG Pactual e as sondas do pré-sal 2010 – Erenice Guerra – Tráfico de influência 2010 – Governo Lula gasta R$ 88,2 milhões nos cartões corporativos 2011 – Caso Palocci Consultor 2011 – Escândalo nos Ministérios da Agricultura, Transportes e Cidades 2011 – Escândalo nos Ministérios do Turismo, Esporte e do Trabalho 2011 – Faxina Ética no Governo Dilma 2012 – Caso Cachoeira 2012 – Escândalo no Ministério da Pesca (Ideli Salvatti) 2012 – Rosemary Noronha e Lula e os 25 € milhões em Portugal 2012 – BNDES – Usina Metalúrgica na Venezuela 2012 –

  14. O que disse o general:

    “- O MD [Ministério da Defesa] teve conhecimento que o Gen. Heleno iria soltar a nota e concordou com a emissão, tendo em vista que o celular do PR [presidente da República] é um assunto de segurança institucional. A simples ilação da apreensão do celular do Presidente da República é absurda. Afronta a segurança institucional. MD está extremamente preocupado com a tensão entre os poderes.”

  15. Newton e Marcelo, endosso advertências, lamentos e decepções do Bendl. O precioso espaço do blog está sendo desfigurado por hienas e desesperados serviçais do ódio. É preciso que vocês determinem um severo basta nessa escalada sórdida, irresponsável e grosseira de”apoiadores” do maluco alojado no Palácio do Planalto. Para começar, sugiro que sejam deletados todos os textos “escritos” com pseudônimos. Pinóias covardes sem coragem de assinar o próprio nome.

    • Só não vou dizer que você é o que mais fala palavrão, porque o seu parceiro é fera. Quanto ao anonimato, muitos aqui trabalham junto a esquerdistas da teta publica, e seriam perseguidos no trabalho, como são perseguidos aqui. (Vocês iriam tomar o vinho, se soubessem que sou eu que o empacoto ?)

      PS: Só acho meio estranho você e o” outro” que já tentaram em outro blog, ficarem aqui xingando e/ou exigindo censura; ou seja, exatamente o que fez vocês não terem sucesso na empreitada (blog) pessoal anterior.

      • O robô piadinha confessa a sua covardia, cinismo e hipocrisia, de forma surpreendente!

        Aceita trabalhar com esquerdistas; ganhar o seu dinheiro através de esquerdistas;
        mas não tem o menor pudor de criticar o esquerdista pelas … costas!

        Será esta a forma que a direita atua?
        O capitalismo é assim?
        Não importa de onde sai o dinheiro, o negócio e locupletar-se?

        Piadinha, que falta de caráter, robô, que apresentas neste blog!

        Claro, claro, ages dessa maneira porque escudado pelo anonimato, a defesa do covarde, e também do traidor, daquele que cospe no prato que come!

        • Agora você conseguiu baixar ainda mais o seu nivel. Eu disse que presto um serviço honesto, e como são só os esquerdistas que estão recebendo o salario integralmente para “ficar em casa bebendo vinho”, não existe erro nenhum em eu servi-los. Já pensou se quando os “seus” me ligassem, e eu visse que o cheque era da secretaria da educação, eu (ou o dono da farmacia, padaria, supermercado, etc.) me nega-se a prestar o serviço.

          PS: Apesar que se você soubesse não se serviria mais; garanto que você pode beber e comer a vontade, pois eu (como não sou esquerdista) cuido da qualidade da sua alimentação como SE FOSSEM de amigos.

  16. Mas, no dia em que o Collor pediu desculpas, com “ele” estava com a moral alta, e por isso ele não precisava do apoio do parceiro, então ele esqueceu a parceria e criticou o chefe do “as vezes parceiro”.

    PS: Xingamentos vindo em 5, 4, 3 ,2 ….
    PS: Comentários sumindo em 5, 4, 3 ….

  17. Prezado Limongi,

    Se houve neste espaço democrático duas pessoas que se digladiaram, se ofenderam, se atacaram, fomos nós dois.

    Ambos lutamos pelo que acreditamos, e ultrapassamos os limites do aceitável e até do recriminável, em nome de nossas convicções.

    Mas, existe algo que nos identifica:
    Se fomos inimigos no passado, trazemos conosco a coerência.
    Mais:
    Somos leais às nossas amizades, e por ela lutamos e as defendemos mesmo que não nos peçam, pois entendemos ser a nossa obrigação.

    Dito isso, eu e tu temos nossos amigos neste blog incomparável.
    Alguns são meus e teus ao mesmo tempo mas, é a TI, que, sem que tenhamos entrado em acordo antecipado, nos coloca lado a lado, nos transforma em aliados, haja vista reconhecermos o valor do trabalho de Newton, que nos coloca à disposição na WEB um blog insuperável pela variedades de temas postados, e liberdade absoluta para que opinemos, interpretemos, postemos o que entendemos ser verdade!

    Pois este espaço vem sendo maltratado de uns tempos para cá.
    Ataques pessoais, dissimulados em palavras elegantes, mas contendo sordidez, calúnias e difamações;
    conceitos que se percebem são publicados para depreciar os comentários que não se enquadram no pensamento dos fanáticos e radicais;
    a insistência, provocações, alvos fixos que devem ser expulsos do blog, mesmo que seja à base da exaustão e insultos contidos em expressões escolhidas a dedo.

    Cansa, incomoda, perturba, e nos faz perder a vontade de antes, que nos caracterizava pelo ânimo em participar e compartilhar textos bem feitos ou, mediante esforços de certos autores, como é o meu caso, com preocupação imensa para que seus escritos fossem inteligíveis, e cujo objetivo sempre foi o debate, a discussão salutar e saudável a respeito do momento nacional, principalmente.

    No entanto, os bolsonaristas se mostram muito mais danados que os petistas, mais agressivos, certamente porque estão ao lado das FFAA ou pensam que sendo francamente favoráveis ao comportamento desalmado de Bolsonaro, as FFAA estão lhes apoiando!

    Ledo engano.
    O militar de estirpe, de qualidade, de tradição legítima dos velhos heróis de nossa História, observam como algumas pessoas mudam de acordo para onde aponta a biruta:
    se hoje se dizem amigas, amanhã se mostram inimigas.

    essas pessoas deletam o respeito; ignoram a educação; desconsideram os mais comezinhos princípios de civilidade!
    E quando usamos de palavras mais fortes porque há limites desobedecidos, então te rotulam, e insistem permanentemente que és isso ou aquilo, até decidires sair da TI, como aconteceu com vários comentaristas excelentes, que antes enalteciam o blog com suas presenças.

    Reclamei, sim, para o Mediador duas ou três vezes, a respeito dessa infestação de robôs, de gente que se sente muito à vontade para depreciar os demais porque escondidas atrás do biombo da covardia, do anonimato estúpido, idiota e imbecil!

    Reconheço a existências de anônimos que são inatacáveis, pelo fato de se mostrarem educados, respeitadores, sérios, um monte de gente honesta, decente, que deseja participar com seus pensamentos, ideias, conceitos, opiniões, sugestões …
    Gente de muito valor, e consciente do uso do anonimato por questões de foro íntimo.

    Mas, temos os anônimos também conscientes que se utilizam desse expediente para exercitar as suas vilanias, a falta de caráter, pois a intenção é uma só:
    destruir quem pensa diferente do que querem, do que exigem, do que tentam através de vários tipos de persuasão, que façamos parte do grupo “da verdade”.

    Não vou te agradecer pelo teu gesto.
    Se assim eu agisse, muitos compreenderiam que fizesses um esforço em defesa da TI e crítica aos robôs utilizando meus comentários recentes, e ataques permanentes contra a minha pessoa.

    Tu estás te posicionando como fiz algumas vezes, e fizeste o mesmo em outras ocasiões porque essa é a nossa identificação, a nossa coerência, de defender o correto, a seriedade, a justiça, o bom relacionamento, a identidade de quem se mostra, de quem se identifica, de quem escreve e assina o que pensa e registra!

    A TI sabe que pode contar conosco, solicitando ou não que a auxiliemos; os articulistas têm plena consciência que os admiramos, e fazemos o mesmo quando atacados e ofendidos gratuitamente.

    A tua participação nesse momento deve ser reconhecida por mim, e é o que faço publicamente.

    Conta comigo sempre, quando a nossa coerência e identidade nos impulsionarem para nos solidarizar um com o outro na luta que travamos em prol do bem comum, para uma TI de qualidade, para um espaço que dele nos orgulhemos e nos sentimos bem em frequentá-lo.

    Um forte abraço.
    Saúde e paz!
    Te cuida!

  18. Alfinete, que homenageia o perna de pau, adicionando-o ao seu nome, inacreditavelmente desce do seu púlpito onde se julga poderoso, para se aliar ao robô piadinha!

    Esse foi o acontecimento do ano:
    o sofisticado comentarista, que posta textos em outros idiomas, que se atrela à simplicidade de uma mente programada para uma tarefa tão somente:
    depreciar quem lhe mandaram porque o alvo pensa diferente do que devia!

    Surpreende-me o desconhecimento da própria espécie que pertencem, a humana.
    Até mesmo os maiores inimigos que a História registra, havia o respeito pela capacidade de luta empregada um contra o outro.
    Não importava a forma e a arma, mas a reverência pelo poder de luta que estava em jogo.

    Mas, a vida não é somente de embates, lutas, antagonismos.
    O mundo dá voltas e, numa dessas, antigos inimigos se veem aliados, irmanados na defesa de suas crenças e, o mais importante, um ao lado do outro defendendo seus … amigos em comum!

    Tal comportamento causa mesmo estranheza para quem se vende para apoiar, para supostamente defender, para enaltecer qualidades inexistentes.
    Um dia a vida lhes ensinará que o dinheiro jamais pode ser a razão de se viver, de se ser amigo, de se dar valor às pessoas ou que delas surgem como ideias.

    A falta de legitimidade nos gestos; a ausência de fundamentos nas argumentações; o desprezo pelo pensamento alheio e desdém pela dificuldade do mais frágil, um dia revelará a verdadeira faceta de muitos que hoje exercem a função de acusadores, de andar com dedo em riste, de apontar os defeitos alheios com o dedo sujo!

    Limongi e eu podemos sequer ver a cara um do outro, mas nos identificamos e respeitamos através da coerência, da sensatez, de nossas convicções, que, por serem diferentes, mais nos empurram para o combate, paradoxalmente quando nos vemos unidos em defesa do que acreditamos, repito.
    Então a garra, a raça, o denodo, a vontade, a decisão, e pouco estamos nos lixando para comentários advindos de pessoas com uma só função, depreciar.

    Lamento essa tua posição, Alfinete.
    Jogar futebol não é mesmo a tua especialidade ou, sendo eu direto, deverias tomar mais cuidados onde estás e para quem envias as tuas indiretas e dissimuladas ofensas.
    Elas podem estar ocasionando consequências onde mais tarde irás percebê-las, porém, sabe-se lá, se não tardias?!

    Eu me encontro no fim da vida, confesso.
    Mas, até dos coveiros irei reclamar, caso o carrinho que me levarem no cemitério, eu ande aos solavancos ou batendo pelas paredes, que serão minhas companhias eternamente.

    Não haveria necessidade alguma de perdermos tempo nos alfinetando, pois a vida é curta, e poderíamos valorizá-la bem mais.
    Mas não fujo da raia, e sempre que eu entender que devo defender as minhas convicções, com ou sem palavrão, lá estarei PRESENTE!

    • Agora que você com essas falácias, e dizer que não é esquerdista, e bla blá bla blá. Me deu uma ideia que quero ver se você apoia, em defesa dos pobres brasileiros.

    • Sr Francisco, parabenizei-te pelo palavrão zero, recomendei-te até a se alegrar, coloquei uma canção antiga mais bonita e o senhor resolve reverter tudo ? Em que te ofendi ? Com que palavras ? Vamos nos alegrar, estamos vivos, caramba !

      E canta uma canção para te alegrares:

      Hava nagila, hava nagila, hava nagila, venishmecha
      Hava nagila, hava nagila, hava nagila, venishmecha

      Hava naranena, hava naranena, hava naranena, venishmecha
      Hava naranena, hava naranena, hava naranena, venishmecha

      Uru, uru achim,
      uru achim, belev sameach
      Uru achim belev sameach,
      uru achim, belev sameach
      Uru achim !
      uru achiiiiiim
      Belev sameeeeaaaaach.

      Tradução:
      Alegrêmo-nos,alegrêmo-nos,alegrêmo-nos,alegrêmo-nos e sejamos felizes
      Alegrêmo-nos,alegrêmo-nos,alegrêmo-nos,alegrêmo-nos e sejamos felizes

      Cantemos,cantemos,cantemos, e sejamos felizes
      Cantemos,cantemos,cantemos, e sejamos felizes

      Despertai,despertai irmãos,
      Despertai irmãos com um coração contente
      Despertai irmãos com um coração contente,
      Despertai irmãos com um coração contente
      Despertai irmãos!
      Despertai irmãos
      Com um coração contente

  19. Pão de mia
    Aqui me tens de regresso
    E suplicante te peço a minha nova inscrição
    Voltei pra rever os amigos que um dia
    Eu deixei a chorar de alegria, me acompanha o meu violão

    Pão de Mia, sabendo que andei distante
    Sei que essa gente falante vai agora ironizar
    “Ele voltou! O pandêmio voltou novamente
    Partiu daqui tão contente Por que razão quer voltar?”

    Acontece que o amazonense que floriu meu caminho
    De ternura, meiguice e carinho, sendo a vida do meu coração
    Compreendeu e abraçou-me dizendo a sorrir
    “Meu amor, tu pode partir, não esqueça o teu violão
    Vais rever os teus rios, teus montes, cascatas
    Vai sonhar em novas serenatas e abraçar teus amigos leais
    Vai embora, pois me resta o consolo e alegria
    De saber que depois da pão de mia
    É do editor que tu gostas mais”

  20. Nenhum blog liberal , conservardor ou qualquer direitista fez sua obrigação. E foi apenas no blog Tribuna da Internet de um Comunista autentico, e sobre a influencia de um de seus leitores (Francisco Bendl), que surgiu a ideia de que todos os funcionarios publicos dessem a sua contribuição a 40tena.
    Ou seja, foi iniciado nesse blog a sugestão para que todos os funcionarios publicos (retirando apenas os medicos, enfermeiros, segurança publica, que estão trabalhando normalmente), recebam apenas R$ 600,00 por mês, igual aos demais trabalhadores, por todo o tempo determinado de 40tena.

  21. Bendl, não perderei mais meu tempo com desvairados e pilantras. Sugiro que faças o mesmo. Tens razão, discordamos no varejo, mais concordamos no atacado das idéias e firmeza de argumentos. A corja de alfinetes e demais protozoários, desconhece o bom senso. São especialistas em provocações torpes e covardes.
    abraços e saúde. Cuidemos dos netos , da família e dos amigos de fé. Estes sim, merecedores do nosso carinho, respeito e atenção. Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *