Bolsonaro diz que é responsabilidade de Dória responder por mortos por coronavírus em São Paulo

Bolsonaro se acha isento de qualquer responsabilidade sobre a crise

Dida Sampaio
Estadão

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quarta-feira, dia 29, que o governador João Doria deve ser cobrado pelas mortes por coronavírus em São Paulo. Segundo dados do Ministério da Saúde, das 5.466 pessoas que perderam a vida por causa da doença, 2.247 (41%) ocorreram no Estado governado pelo tucano.

“O Doria tem que responder por São Paulo, é o Estado que mais tem gente, que mais gente perdeu a vida. Ele que tem que responder. Nós demos recursos para quem foi possível, tá certo?”, afirmou o presidente a apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada, no fim da tarde.

LAVOU AS MÃOS – Mais cedo, Bolsonaro já havia se referido ao governador paulista, seu adversário político, ao dizer que não aceitaria ser responsabilizado pelas mais de 5 mil mortes pela doença no País. “Não vão botar no meu colo uma conta que não é minha”, afirmou ao presidente ao deixar a residência oficial.

Na ocasião, o presidente disse que governadores e prefeitos que adotaram medidas de isolamento social é quem deveriam ser cobrados e reclamou do destaque a uma fala dele na véspera quando respondeu com um “e daí?” ao ser questionado sobre o número de mortes pela covid-19 no País.

MILAGRE – “E daí? Lamento. Quer que eu faça o quê? Eu sou Messias, mas não faço milagre”, respondeu o presidente ao ser questionado na noite de terça-feira, dia 28, sobre os números. Nesta quarta-feia, ele afirmou que a frase foi tirada do contexto. “Lamento as mortes profundamente. Sabia que iam acontecer. Mas eu desde o começo me preocupei com vida e emprego, porque desemprego também mata. Então, essa conta, tem que ser perguntada para os governadores”, afirmou Bolsonaro.

Em entrevista no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, na tarde desta terça-feira, Doria criticou duramente a postura do presidente e pediu que ele saísse “da bolha”.

ATITUDES  – “Meus sentimentos aos familiares de 5.017 brasileiros que perderam a vida pelo coronavírus em todo o País. Quero dizer ao presidente, o mesmo presidente que ontem (terça-feira) respondeu: ‘Quer que faça o que?’. Eu posso enumerar atitudes que o senhor deveria ter tomado e não adotou. É fazer aquilo que o senhor não fez”, disse o governador de São Paulo.

E continuou: “Primeiro, respeitar os brasileiros que o elegeram e os que não o elegeram. Respeitando pessoas, parentes, amigos de pessoas que perderam parentes para o coronavírus, que o senhor classificou como uma gripezinha, que não era grave. Que o senhor respeite o luto de pessoas que perderam entes queridos.”

MÁSCARAS – Ao falar com apoiadores no fim da tarde desta quarta, Bolsonaro ainda os orientou a utilizarem máscaras. Um decreto do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, torna o item obrigatório para quem sair de casa a partir desta quinta-feira, 30. “A partir de amanhã tem que usar máscara todo mundo, hein? Aqui na saída (do Palácio da Alvorada) inclusive”, disse o presidente.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Bolsonaro & Filhos se acham acima do bem e do mal. Ignoram os seus atos insanos, suas irresponsabilidades e a falta de competência no cumprimento das suas responsabilidades. Em meio a uma pandemia que já segue para os dois meses no país, Bolsonaro não sinalizou qual o seu papel. Nesse tempo, interrompeu planejamentos, brigou com meio mundo, mandou que tudo voltasse ao normal, prescreveu cloroquina e escondeu o resultado do seu exame para coronavírus. Mas não parou por aí. Disse que não é coveiro para contabilizar mortos, nem faz milagres, apesar de “ser Messias”. O atleta de carpete, imune à pandemia, não age, e ainda lava as mãos ao dizer que na sua conta não cairá nada. Se não arca com nenhuma demanda, não atua como governante que pretensamente é, para que serve? Ignora vítimas fatais, perde a chance de se calar e ainda enche a boca para dizer que quem manda é ele. Ignavo ! (Marcelo Copelli)

26 thoughts on “Bolsonaro diz que é responsabilidade de Dória responder por mortos por coronavírus em São Paulo

  1. Ele sempre foi assim desde o tempo como tenente no exército ele já era insubmisso. Portanto, a maioria votou nele. Se alguém se arrependeu, agora é tarde. Aguarde 2022 e escolha melhor.

  2. 1) A elite brasileira só quer o Bônus e, sempre que possível, evita a Ônus.

    2) Pensamento do dia:

    3) “As civilizações morrem porque as elites não cumprem seus deveres” = Alceu Amororo Lima, entrevista à revista Diálogo, editora Brasiliense, 1983.

  3. “Ainnnnnnnnnnnnnnnn, esse Copelli é muito chato!!!!!!!!!!!!!!! O Copelli fica criticando meu Capitãozinho Imbroxável!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Assim eu fico bravinha!!!!!!!!!!!!!!!!”

    (Escrito em MODO BORXONETE HISTÉRICA GADINHO DO MITO)

  4. Mudem a Constituição! De volta a um só termo para o presidente. Por que não? Era assim antes.
    FHC cometeu a atrocidade de aceitar reeleição com mudança de constituição. O resultado foi: 2 Lulas e 1 Dilma e meia.
    Não podemos ter 2 Bolsonaros – seria o fim da picada.

  5. Esses tais atos insanos supostamente praticados por Bolsonaro & Filhos ainda estão longe, muito longe de se equiparar aos praticados por Lula/Dilma.
    No dia que o governo Bolsonaro & Filhos praticar e ultrapassar em números, os atos criminosos praticados no governo Lula/Dilma, avisem-me para que eu vá para a Rua pedir o Impeachment de Bolsonaro.

  6. Mais de 5000 mortos. E daí? Quer que eu faça o que? Não sou coveiro. Sou Messias mas não faço milagres.

    Do jeito que vai é capaz de algum tecnocrata soprar no ouvido dele e ele se sair com a seguinte pérola: – Temos que ver o lado bom da pandemia. Milhares de aposentados mortos, isso vai ajudar na diminuição do rombo previdenciário, pois com a última reforma, as(os) pensionistas vão receber muito menos do que receberiam se seus maridos e/ou esposas receberiam se morressem um ano antes. E se as(os) pensionistas morrerem também? MELHOR AINDA, ajuda a diminuir ainda mais o déficit! Essa é a lógica do sistema, do Estado, não importa muito os governos de plantão, a unica diferença é que esse boçal não sabe ser hipócrita, fala tudo que vem a cabeça e sai dos seus intestinos. Não se esqueçam dos milhares de desempregados que estão sem receber seus seguro desemprego, das grávidas sem seus auxilios maternidade e vários outros beneficiários que estão sem receber seus direitos, tudo por culpa do sistema do DATAPREV, da falta de funcionários, e dezenas de outras desculpas idiotas. Isso tudo antes da tragédia da pandemia. Agora sejam segurados ou não, todos caem na vala comum batalhando para receber R$ 600. E para se falar em vala comum, literalmente essa já é uma triste realidade para milhares de cidadãos, é bem capaz que o mito diga também que os familiares tem mais é que agradecer dos mortos estarem sendo enterrados, mesmo que seja em vala comum. DEFINITIVAMENTE O ESTADO É INIMIGO DO CIDADÃO, não importa se quem está no governo sejam petralhas ou bolçominions bossalizados!

  7. A nota da redação de Marcelo Copelli , me fez lembrar um acontecimento em sala de aula, quando eu estudava no antigo 1º ano científico, no Colégio Estadual Professor José Accioli, em Marechal Hermes, no Rio de Janeiro , e pela primeira vez em minha vida, noto que Marcelo Copelli inverteu a lógica de meu professor de português naquela escola e naquele ano. Era uma redação de perguntas para o aluno responder.

    O professor de português deu um exercício de redação para toda a minha turma, Na aula seguinte, fez correção coletiva dando as respostas certas para cada questão. E perguntou aos alunos : “Quem não errou em nenhuma questão ? – quem não errou nada, que levante o dedo”

    Um aluno levantou o dedo. Surpreso, o professor perguntou a este aluno : mas você respondeu a todas as questões, fez o dever de casa ? – O aluno, então disse que não. Ele não tinha respondido a qualquer das questões.

    Então, o professor de português, sem repreender o aluno, lançou a sua máxima, que eu guardava até hoje, antes de ler a nota da redação de Marcelo Copelli. Disse o professor ao aluno : “Entendo ! Quem não faz, não erra !”

    Marcelo Copelli, em sua nota da redação, hoje, subverteu a sentença, para mim até então divina, de meu professor de português, quando relata sobre Jeir Bolsonaro que : ” O atleta de carpete, imune à pandemia, não age, e ainda lava as mãos ao dizer que na sua conta não cairá nada. Se não arca com nenhuma demanda, não atua como governante que pretensamente é, para que serve?”

    Subvertendo a máxima que para mim até hoje era sagrada, Marcelo Copelli diz, em clara alusão quanto a que Bolsonaro não faz o seu dever de casa, e portanto, pelo menos em alguns casos, mostra Marcelo, que “Quem não faz, erra !”

  8. Prezado Marcelo Copelli,

    Esta sua propositura, que me fez enxergar para mais além do axioma de meu professor de português, tem me feito pensar mais no assunto, o de que, em certas situações, “Quem não faz, erra !”. Passa-me pelo meu pensamento que pai separado com filhos menores que moram com a divorciada ex-mulher e que não paga pensão alimentícia, é outro exemplo de que “Quem não faz, erra ! “. Você me fez repensar o ensinamento que me foi dado e até então sagrado, pelo meu professor de português. Os exemlplos são muitos, e não cabem num comentário na TI. Todavia, vou citar mais um : Um parlamentar eleito para legislar, fazer proposituras, manifestar opiniões em nome de pelo menos seus eleitores, mas principalmente para o bem do país e fica 27 anos na Câmara dos Deputados e em todo este tempo e sequer apresenta um projeto, é um parlamentar que não faz. Também neste caso, “Quem não faz, erra ! ”

    Retribuo os abraços e o parabenizo pela lição que você hoje me deu, e que mudou meu universo do pensar.

    Ednei José Dutra de Freitas

  9. Certamente São Paulo, unidade da federação atingida primeiro e com maior número de casos, está na frente, portando no de mortos, não tão colapsado o seu sistema como dó Amazonas, mas em grande parte por conta da ausência do Governo Federal, como ocorre aqui no Rio de Janeiro, que conta com três hospitais federais, mantidos a anos sucateados, e sem que houvessem recursos disponibilizados pela União, e mesmo decisão política para que seus leitos fossem reativados.
    Certamente em SP, tal como RJ, o Governo Federal ignorou o coronavírus deixando aos estados toda e qualquer ação

  10. Tudo é culpa do Bolsonaro !!
    Os governos anteriores roubaram os brasileiros a olhos pelados …
    Os governadores simplesmente ignoraram o aviso dele em fevereiro , quando o vírus atravessava fronteiras ; e o que fizeram os governadores ?

    Investiram no carnaval e o resultado está ai ..

    Bolsonaro pode falar besteira que quiser , alias foi eleito falando verdades e besteiras também ..

  11. Que eu saiba, (se estiver enganado, digam para que eu possa pensar diferente) entre todas as Doutrinas, a Política, Econômica, Religiosa, ou Filosófica, nenhuma delas se atreve mais que o Socialismo, e através da imposição, a se definir como a única que pratica o bem.
    Ninguém se acha mais acima do bem e do mal que a Esquerda.
    A Esquerda é tão bem convencida de si, que até se acha no direito de praticar o mal em nome de uma causa.
    Nunca fizeram uma mea culpa pelo assassinato de 100 milhões de seres humanos.
    Destruíram economias de vários países, escravizaram pessoas, suprimiram todas as formas de Liberdades de populações inteiras que foram comandadas pelos tiranos comunistas.
    Mesmo praticando o mal às nações e suas populações (em nome de uma causa utópica) os esquerdistas continuam como os maiores monopolizadores de todas as virtudes.
    Só eles que são a favor da Igualdade, MAS, quando chegam ao poder, através da Nomenklatura elegem meia dúzia de felizardos (a casta dirigente) para governar milhões, afinal uns são mais iguais que outros.
    Só eles se acham a favor da Justiça social, MAS, quando chegam ao poder, eliminam a classe Média e transforma todos (claro, menos a casta dirigente) em pobres e miseráveis.
    São só eles que são a favor dos Direitos humanos, MAS, quando chegam ao poder, aplicam os mais terríveis castigos em quem ousar contestar o regime imposto ou se criticar publicamente ou não o ditador que o governa.
    Já notaram como eles tentam serem os maiores amantes da Democracia? MAS, quando chegam ao poder, suprime todas as formas de liberdade. Tiram o direito de ir e vir dos cidadãos, censura a Imprensa escrita e falada, tornando-a estatal e sem direito algum de fazer críticas ao governo e aos seus dirigentes. E lembrando que não existem Eleições livres para eleger os mandatários. Eles se eternizam no poder.

    MAS, o assunto aqui é a nível tupiniquim.
    Lula nunca fez uma mea culpa por ter feito um governo que mais prejudicou do que ajudou o Brasil a desenvolver-se. Entre centenas de descalabros do governo petista, cito os 12 milhões de desempregados deixados pela dupla Lula/Dilma.
    Lula se achava acima do bem e do mal. De cabeça, sem precisar pesquisar, eu cito uns 15 tipos de desmandos do “messias” de muitos intelectuais, jornalistas, artistas e dos pobres como esse que vos escreve.

  12. O boçal tem certeza absoluta que o céu é o limite e, assim sendo pode continuar dizendo besteiras até se cansar. O cara não sacou que só os seus adoradores, aduladores e puxa sacos estão do lado dele. A saída tumultuada do Moro já lhe tirou todos os lavajistas que, são milhões de eleitores. Agora tenta manter a qualquer custo, nem que seja na base do cancelamento de dívidas que os donos de igreja tem com a Receita Federal, o apoio dos evangélicos. Mas a conta vai chegar, em outubro muitos ex-aliados vão se eleger e começar a mostrar os dentes, daí para 2022 é só um pulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *