Bolsonaro, o idiota completo, conseguiu levantar o mundo inteiro contra o Brasil

Timberland

Marcas famosas, como a Timberland, j suspenderam as compras

Deu em O Tempo
(FolhaPress)

Marcas internacionais, como Timberland, Vans e Kipling, suspenderam a compra de couro brasileiro devido s notcias relacionando as queimadas na regio amaznica com o agronegcio no pas, segundo informaes do Centro das Indstrias de Curtumes do Brasil (CICB) enviadas ao ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, nesta tera-feira (dia 27).

“Recentemente, recebemos com muita preocupao o comunicado de suspenso de compras de couros a partir do Brasil de alguns dos principais importadores mundiais. Este cancelamento foi justificado em funo de notcias relacionando queimadas na regio amaznica ao agronegcio do pas”, disse o presidente da CICB, Jos Fernando Bello, no documento.

MUITAS FBRICAS – Entre as marcas que j solicitaram a suspenso de compra de couro do Brasil esto Timberland, Dickies, Kipling, Vans, Kodiak, Terra, Walls, Workrite, Eagle Creek, Eastpack, JanSport, The North Face, Napapijri, Bulwark, Altra, Icebreaker, Smartwoll e Horace Small.

“Entendemos com muita clareza o panorama que se dispe nesta situao, com uma interpretao errnea do comrcio e da poltica internacionais acerca do que realmente ocorre no Brasil e o trabalho do governo e da iniciativa privada com as melhores prticas em manejo, gesto e sustentabilidade”, afirmou Bello.

No documento, ele tambm pede ao ministrio uma ateno especial situao a qual o setor enfrenta, afirmando que “inegvel a demanda de conteno de danos imagem do pas no mercado externo sobre as questes amaznicas”.

###
NOTA DA REDAO DO BLOG
Bolsonaro, o idiota completo, julgou que poderia afrontar o mundo inteiro sem provocar retaliaes. O pior que experientes chefes militares, como o general Augusto Heleno, esto dando fora aos arroubos supostamente nacionalistas de Bolsonaro, ao invs de tentar impedir esses faniquitos do presidente da Repblica. O resultado o prejuzo da agroindstria, que lutou durante dcadas para firmar no exterior o prestigio dos fabricantes brasileiros de couro. E tudo isso de repente acaba, devido ao ataques temperamentais do presidente Bolsonaro e seus filhos, j apelidados de Os Trs Patticos. Desse jeito, melhor Bolsonaro pedir as contas e deixar o vice Mouro fazer o trabalho duro que o atual presidente despreza, pois ele s pensa em se exibir. (C.N.)

101 thoughts on “Bolsonaro, o idiota completo, conseguiu levantar o mundo inteiro contra o Brasil

  1. Folha? O problema destas e outras que apenas atacam, acabam por passar uma certa ausncia de iseno ao dar este tipo de noticia ou comentrio. Isso fatal para se pesar a seriedade da empresa. Imprensa que escolhe o que vai publicar para atacar desafetos, no respeita seu leitor, nem se respeita como imprensa livre. Certos pases passaram muito tempo fechados ao mundo, na tentativa de se livrarem de uma influncia que muitas vezes serve apenas aos interesses de um apenas. Fazer chantagem econmica para forar a um pas a se submeter aos interesses de outros mais ricos, coisa muito pouco louvvel, muito comum infelizmente. Coloquem a roupagem que bem intenderem. Como ensinamento, cabe ressaltar que o mercado interno sempre a opo para estes e todos os outros problemas econmicos do pas. Lembrando que compraramos de volta o mesmo couro valendo tantas vezes mais.

    • Mas no exatamente o relatado que se v diariamente nos telejornais?
      Ou ser que aquele presidente que aparece saindo do palcio da Alvorada diariamente e indo para os flashes um ssia do muito alm do jardim?

    • Concordo e, creio que esto se aproveitando das queimadas no amazonas, que sempre houve para prejudicar o comrcio externo do Brasil.
      O Brasil um dos poucos pases que pode fechar suas portas para o mundo e sobreviver tranquilamente. A Rssia fez isso, se fechou para o mundo, s depois de se fortalecer na rea militar que se abriu para o mundo. Os EUA fechou as portas de Cuba para o mundo, que um pas pequeno e pobre, mesmo assim vem sobrevivendo e, com um IDH bom.
      Entendo que h um entendimento de algumas potncias contra o Brasil, com a finalidade de internacionalizar o amazonas.

      • Seu Nelio, por favor, esquea esse verde-amarelo por um instante e pense. As drogas que tomamos para as nossas doenas vm de fora; elementos importantes dos nossos fertilizantes vm de fora; as mquinas que diagnosticam cncer nas mamas, os MRIs, os equipamentos mdicos em geral, vm de fora. O trigo argentino muito mais barato que o nosso. E assim vai, seu Nlio. At esse tecnologia que estamos usando para nossa comunicao vem de fora. Todas as bugingangas que o camel da esquina da padaria do seu bairro vende vm de fora!
        No cite Russia para nada – ela ocupa o lugar numero 11 na economia mundial – o Brasil tem o numero 9! (mas continua descendo).
        Cuba est numa misria de dar pena, seu Nlio. Sabe onde mora grande parte dos cubanos? Miami!
        Por favor, seu Nelio, informe-se. Deixe o nacionalismo de lado, ele cega. Seja patriota mas procure enxergar os nossos erros.
        Se est nervoso com a atual situao, tome um calmante – mas fique certo de que ele importado!

        • Jaburu,

          Por favor no leva a minha pergunta a mal, mas ela lgica, aps a tua resposta ao meu amigo Jacob:
          Tu, por acaso, no serias de fora do Brasil, de outro pas?!

          Conforme a tua postagem, fazemos nesta terra o qu?!
          Apenas somos populao?
          Se nada temos que nosso, pois tudo importado, na tua tica, ento at a nossa terra deveremos entreg-la, para que se torne “internacional”, pois melhor que ser brasileira?

          Pelo menos vamos defender o nosso territrio, ora bolas, haja vista que se at essa nossa obrigao for desconsiderada, ento dou o brao a torcer, que voltemos a ser colnia e, desta vez, de vrias naes ao mesmo tempo.

          Agradeo, antecipadamente, se quiseres me responder.

          • minha a culpa por no ter sido claro. Sempre tive muita dificuldade de expressar o que penso, especialmente em Portugus.
            Seu Bendl, o meu arrazoado teve um s foco: ns no somos independentes do mundo como afirmou o seu amigo Jacob, que agora tambm o fao meu. Ns e os pases do mundo temos mtuas dependncias. Os experts aconselham que devemos desenvolver atividades que nos d o maior retorno.E isso o que penso devemos fazer em vez de nos fecharmos ao mundo, como afirmou o nosso Jacob.
            Um filho de um amigo meu teve oportunidade de estudar no exterior com tudo pago por uma instituio internacional. Ele poderia escolher qualquer pas: Frana, Inglaterra, etc. Ele escolheu a Esccia e se formou em Filosofia! Recentemente se convenceu de que a filosofia era boa pra Scrates e Plato e, para ganhar o po, tinha que mudar de carreira – agora est fazendo Computao.
            Isolarmo-nos, como sugeriu o nosso amigo Jacob, com um tom nacionalista nocivo e perigosssimo. Os Nazistas e os americanos brancos da KKK so exemplos de nacionalistas a no serem admirados. E tudo comeou por amor ptria e o conceito de que o que eles desejavam era melhor para o pas.
            At a religio leva a tais exageros…
            Sei que no conveno com os meus argumentos, mas o que fazer? Je suis ce que je suis. Vive Macron!

        • Realmente, O Jaburu tem razo.
          O Brasil pobre em tecnologia avanada. Importamos quase tudo, . Ento, no podemos ter nossos governantes ter faniquites tipo criana que quer alguma coisa. Dependemos de exportao de produtos primrios, infelizmente, pois desde longo tempo, desistimos de desenvolver nossa prpria tecnologia. ,

          • Caro conterrneo, Vidal,

            Tudo bem?

            A tua frase em apoio ao Jaburu:
            “O Jaburu tem razo.
            O Brasil pobre em tecnologia avanada. Importamos quase tudo, ….”

            Pergunto, em decorrncia;
            Somos pobres em tecnologia por qu??!!

            No adianta criticarmos as consequncias, pois discusso incua, sem sentido.
            A questo bsica e fundamental seria debatermos as razes pelas quais passam dcadas e dcadas, e continuamos do mesmo jeito, importando enormes e variadas mercadorias.

            Ora, o cerne, o mago do nosso impasse neste particular, reside na falta de uma Educao/Ensino adequada, producente, de qualidade.

            Esse episdio com a Frana, e o desejo de os gauleses em internacionalizar a Amaznia, seria exatamente a oportunidade de ouro que estamos tendo para implantar no Brasil os CIEPS, melhorar sobremaneira a escola pblica, principalmente nos Ensinos Fundamental e Mdio.

            Alemanha e Japo, os pases que foram destroados na Segunda Guerra Mundial, e hoje so potncias econmicas e oferecem aos seus povos excelente qualidade de vida, alm de possuidores de avanada cincia e tecnologia, os seus objetivos inegociveis, primordiais, tiveram como meta a educao.

            Depois, com o povo em quinze anos apto para qualificar a indstria, ento os avanos neste sentido.

            Ora, o Brasil quer inverter essa ordem, que impossvel de ser alterada:
            Como que poderemos ter tecnologia e cincia, se temos a metade do povo analfabeto absoluto e funcional, e a outra parte considervel de pobres e miserveis??!!

            Che, mas o mesmo que debater o leite derramado culpando a leiteira ou o frasco onde estava sendo transportado, menos o mau jeito do desastrado!!!

            Culpar governos, polticos, parlamentares, com relao Amaznia vlido, claro.
            Porm, o correto nos questionarmos at quando seguiremos dependentes de remdios, automveis, aparelhos hospitalares …

            Abrao, gacho.
            Sade.

          • Caro Bendl,
            essa questo de educao um pouco exagerada. Uma melhor educao no far o pas se desenvolver tecnologicamente automaticamente. preciso muito mais. Vontade poltica. Esses pases que citaste, por exemplo, se desenvolveram a partir de polticas protecionistas para desenvolver-se tecnologicamente e industrialmente. Alis, todos os pases hoje desenvolvidos fizeram isso. E ainda alguns fazem, mesmo que preguem o livre o comrcio externamente.. Os EUA taxando importaes, a Frana, citada por ti outra que quer proteger seus produtos agrcolas e usa todas as formas possveis de obter isso (at o pretexto de queimadas na Amaznia). O que eu discordo da poltica atual e das passadas que desde a dcada de 80, onde ramos muito fortes industrialmente, fomos perdendo terreno. Comeamos a errar quando nos fechamos completamente s inovaes tecnolgicas mundiais, em vez de nos adaptarmos e usufruir dos avanos mundiais. Alis, no exclusividade do Brasil, todos os pases da AL cometeram esse tipo de erro..
            Vejo tambm que a reverso dessa poltica est cada vez mais distante, pois estamos vendendo nossas indstrias restantes e tambm nossa infraestrutura a outros pases. Portanto, no chorar sobre o leite que derramou e sim, chorar pelo leite derramando. .

          • Sem a inteno de debater contigo esse tema, das queimadas, apenas para concluir o meu raciocnio, assim escreveste:

            “essa questo de educao um pouco exagerada. Uma melhor educao no far o pas se desenvolver tecnologicamente automaticamente. preciso muito mais. Vontade poltica.”

            T, concordo, agora me diz o seguinte:
            Sem educao, sem o povo ter condies de progredir, de o Brasil se desenvolver por falta de mo de obra qualificada e especialistas, tcnicos, professores, pesquisas …
            adiantaria um governo com “boa vontade poltica”?

            O desejo, a vontade, a inteno, bastariam para melhorarmos a nossa economia, lavoura, criao de gado, sunos, frangos, de modernizarmos nosso parque industrial?

            Lembra quando tivemos no incio do governo Lula aquela onde de otimismo, de crescimento, e as empresas buscavam profissionais de fora para compensar a nossa gritante falha neste particular?!

            Conterrneo, bato p que a educao/ensino o cerne dos nossos males, o resto consequncia.

            Outro abrao.

  2. srio essa reportagem? Que lixo de matria. Mas quando a gente l que da folha, j no podemos esperar nada diferente. Quer dizer que Bolsonaro culpado pelo desmatamento? Olha, os interesses internacionais na nossa Amaznia so claros. Aqui tem muita riqueza e o mundo tem interesse. Bolsonaro est acabando com o loteamento da Amaznia e isso incomoda muita gente.

  3. Tudo isso cheira uma hipocrisia enorme. O problema das queimadas s surgiu agora? No evidente que vem se agravando h anos? O Lula tambm no contestava dados do Inpe e desafiava Ongs ambientalistas a plantarem revores em seus pases de origem? No entanto todos esses estrangeiros acham Lula do bem e ;Bolsonaro do mal. Vamos botar o Lula de novo na presidncia para ficar bem com esses que falam em nome da comunidade internacional? Lembrem-se que para eles Lula a encarnao da virtude. Quantas vezes o Alex Cardoso disse isso?
    No fundo tudo hipocrisia, pode-se fazer o que quiser, desde que se lembre de fazer frases edificantes sobre preocupar-se com o ambiente e os pobres. Ou quando se de um bom partido certo, de nobres ideais socialistas. No preciso botar as idias em prtica. Como Obama, que manteve o gulag de Guantnamo e continuou semeando destruio no Oriente Mdio, e no entanto era superior a George W. Bush, o caubi irresponsvel.

    • os gigantescos incndios florestais na Bolvia nunca foram noticiados pela mdia comunista e colocam culpas em Bolsonaro.
      incndios na Sibria, no Congo, na Nigria, Espanha, ningum fala.

      Assim no d mesmo. S mentirosos e hipcritas que perderam a eleio.

      • Ningum est culpando Bolsonaro pelo estado de penria da Amazonia. A revolta com Bolsonaro pela sua posio: ele a favor do agronegcio e se faz de cego para o desmatamento. Mais uma s: ele no sabe negociar, ele deselegante, ele grosseiro, ele puxa-saco do Trump (e como!) – ele , como diz o ttulo, um idiota!

    • Sr. Pedro Meira,

      Vossa Senhoria, em seu comentrio acima, est enganado, ao chamar de hipcritas aqueles, como eu, que acusam Bolsonaro por no se interessar pela preservao do meio ambiente e, consequentemente apoiar, desde suas promessas de campanha eleitoral, o desmatamento em prol de ruralistas, da busca de minrios predatria e invaso das terras indgenas.

      certo que os desmatamentos e a extrao ilegal de rvores amaznicas, os incndios, no comearam no governo Bolsonaro. Isto j vem acontecendo h muito tempo, com vrios presidentes que precederam o atual – embora no na proporo gigantesca de hoje, conforme os dados de satlites comprovam.

      Vossa Senhoria pretende justificar seu insulto aos que criticam Bolsonaro quanto ao desmatamento e ocupao desordenada e ilegal de terras com o argumento de que esta crtica provm dos partidrios do ex-presidente Lula. Pois bem. Lula tambm se omitiu, embora no tenha jamais declarado apoio (era mais esperto do que Bolsonaro), embora fosse conivente com a grilagem de terras e as invases ilegais da mata atlntica, a derrubada de rvores e das terras indgenas, e no foi s Lula, mas outros presidentes que o precederam tambm fizeram isso, porque os criminosos devastadores, especialmente do agronegcio financiavam campanhas polticas.

      Todavia, por exemplo, eu, e mais outras pessoas que conheo, fomos desde o incio do governo Lula oposio esta canalha sigla chamada PT e em especial a este ladro, Luiz Incio Lula da Silva, Dilma Roussef e esta corja de bandidos. Jamais fui petista, e se Vossa Senhoria quiser tomar conhecimento de minhas posies contra o PT, s ler meus comentrios que venho fazendo aqui mesmo nesta TI.

      Mas quanto ao desmatamento de florestas, especialmente na Amaznia, nem mesmo Lula prometeu em campanha que iria desmatar as florestas para explorao mineral e iria ocupar terras indgenas para explorao de minrios e outras barbaridades. S Bolsonaro , moda de Trump, fez isso, j como promessa de campanha, dizendo que o desmatamento era necessrio para explorao de riquezas (?!) que esto no solo das florestas e das terras indgenas. E j em 2018, as revistas srias como a ” National Geographic” j manifestavam a preocupao com esta promessa de Bolsonaro, como Vossa Senhoria poder ler abaixo:

      “Bolsonaro prometeu explorar os recursos da Amaznia mas ele pode fazer isso?”

      O presidente eleito quer extrair as riquezas da floresta equatorial, despertando receio entre ambientalistas e comunidades indgenas. O medo justificado?

      quarta-feira, 31 de outubro de 2018
      Por Scott Wallace

      A vitria do candidato de extrema direita Jair Bolsonaro na eleio presidencial do Brasil no domingo deixou em alerta comunidades indgenas e ambientalistas sobre o destino da floresta equatorial da Amaznia.

      Ativistas e lderes indgenas esto particularmente preocupados com as promessas de campanha de Bolsonaro de reduzir as protees da floresta equatorial e os direitos dos ndios. Ainda assim, algumas especialistas argumentam que h limites para a extenso em que Bolsonaro poder cumprir suas promessas, sugerindo talvez um futuro mais moderado.

      Estamos muito preocupados com as declaraes do presidente eleito, afirma Beto Marubo, lder indgena da Terra Indgena do Vale do Javari, no extremo oeste do Amazonas. Se as promessas dele se concretizarem, haver caos e uma reviravolta na Amaznia.

      Esto circulando rumores de que a vitria de Bolsonaro j insuflou um sentimento de impunidade em grupos criminosos que praticam o trfico de madeira, espcies exticas e outras riquezas roubadas de terras indgenas. Muitos irmos nos contam que h invases, pessoas que entram nos territrios sem respeitar as regras e sem medo das autoridades, contou Beto Marubo National Geographic em uma mensagem de WhatsApp de Braslia.

      Os dois rgos federais na linha de frente da proteo da Amaznia so a Funai, rgo indigenista oficial, e o IBAMA, o brao do executivo do Ministrio do Meio Ambiente. O destino de ambas as organizaes permanece incerto. O que parece certo que seus oramentos, j severamente cortados no governo que est saindo, sofrero ainda mais redues talvez debilitantes sob o governo de Bolsonaro.

      Bolsonaro tem um discurso antiecolgico muito forte e no tenho dvida de que esse discurso ditar sua poltica, afirma Scott Mainwaring, especialista em estudos do Brasil da Escola Kennedy da Universidade de Harvard. No vejo esse governo dizendo a proprietrios de terras para no desmatar uma parte da floresta por estar localizada em terra indgena. Ao que parece, no haver nenhum grande empenho em favor da proteo da Amaznia.

      Governo de coaliso

      Nem todos os especialistas ambientais encaram a vitria de Bolsonaro como uma catstrofe total. importante distinguir a retrica de campanha dirigida por Bolsonaro a sua base eleitoral e os acordos que ele deve fazer com sua coalizo no congresso, explica Eduardo Viola, professor de relaes internacionais da Universidade de Braslia e coautor do artigo O regime internacional de mudana climtica e o Brasil. Viola afirma que seria praticamente impossvel para o novo presidente cumprir sua promessa de campanha de tirar o Brasil do Acordo de Paris sobre as alteraes climticas. Ao contrrio dos Estados Unidos, o Acordo de Paris foi ratificado quase unanimemente pelo congresso brasileiro.

      Agora, se o governo de Bolsonaro cumprir os compromissos de Paris de reduzir o desmatamento e limitar as emisses de gases causadores do efeito estufa uma questo totalmente diferente.
      As taxas de desmatamento no Brasil aumentaram nos ltimos cinco anos. O Brasil precisaria cortar dois teros de sua atual taxa de desmatamento anual de 7 mil km2 para cumprir suas obrigaes de Paris.

      claro que isso no vai acontecer, lamenta Viola. Contudo ele acredita que a presso internacional contribuir para evitar um crescimento ainda maior da taxa de perda de floresta. Produtores rurais brasileiros, como pecuaristas e produtores de soja, entendem que uma imagem negativa do Brasil em relao Amaznia e s mudanas climticas prejudicaria as exportaes brasileiras.

      Preocupaes dos ndios

      Esse um leve consolo para os ativistas dos direitos dos ndios. Eles temem que os planos declarados de Bolsonaro de extrair as riquezas da Amaznia seja com a expanso da agricultura sobre terras indgenas, a construo de estradas e outros projetos de infraestrutura ou ainda com a autorizao da minerao em terras pblicas desencadear uma onda de violncia e devastao ambiental.

      Todas as comunidades indgenas esto receosas no momento, conta Felipe Milanez, professor de Humanidades da Universidade Federal da Bahia. H um risco de ataque violento brutal. Milanez teme que sejam banidos e perseguidos os esforos indgenas para patrulhar e proteger suas prprias terras contra invasores, como os guardies da Amaznia recentemente abordados pela revista National Geographic Brasil”.

      O projeto econmico dele destruir a Amaznia para transform-la em commodities para exportao, conta Milanez.

      “ uma perspectiva que se traduz em um mau pressgio para as populaes indgenas do Brasil. ‘Cientistas demonstraram que as terras onde vivem os ndios possuem as florestas mais intactas e protegidas’, afirma o lder indgena Marubo. porque, para ns, terra vida. Nossa terra no est venda. No pode ser alugada. Sem terra, no existe vida.

      Scott Wallace sobre os povos indgenas isolados da Amaznia na edio de outubro da revista National Geographic Brasil.

      • Minha crtica era dirigida a lderes estrangeiros que nunca condenaram Lula por pronunciamentos similares, e nada disseram da crescente devastao ambiental dos anos de glria do lulismo. Isso para no falar da hipocrisia escancarada dos bares do agronegcio, como Blairo Maggi, que agora posam de crticos de Bolsonaro e de preocupados com o ambiente, “para ficar bem na foto”, em total contraste com suas falas pblicas nos anos dourados do lulismo.

    • Fato concretssimo.
      Essa gente da esquerda s enana retardados, que acabam fazendo o papel de inocentes teis para os fins esprios do esquerdismo.

      No que o outro lado seja grandes coisas , mas nele ainda existem pessoas com alguma coisa conhecida como bom senso.Com honra e honestidade.

  4. Ao Ponto: O avano da pecuria na terra de Chico Mendes

    O Globo
    29/08/2019 – 06:00 / Atualizado em 29/08/2019 – 07:48
    Foto: Arte

    O extrativismo perde fora em Xapuri, cidade do Acre onde Chico Mendes inaugurou um novo modelo de explorao sustentvel da floresta. L, os projetos com o ltex e o caju perdem fora, dando espao explorao desordenada da terra. No Ao Ponto de hoje, o reprter Leandro Prazeres conta, do Acre, os desafios para preservar o legado do lder seringueiro, assassinado em 1988

    O engenheiro ambiental Tasso Azevedo aponta o caminho das queimadas na Amaznia e analisa os prejuzos nos ltimos 30 anos. No quadro Boa Viagem, vamos at Los Angeles conhecer as novas atraes na icnica cidade da Califrnia.

    O episdio tambm pode ser ouvido na pgina de Podcast do GLOBO . Voc tambm pode seguir a gente no Spotify , iTunes , Deeze r.

    Publicado de segunda a sexta-feira, s 6h, nas principais plataformas de podcast e no site do GLOBO, o Ao Ponto apresentado pelos jornalistas Carolina Morand e Roberto Maltchik, sempre abordando os acontecimentos mais relevantes do dia.

        • Os grandes manipuladores ganham duas vezes, saem de bons moos e ganham dinheiro, inmeras empresas de renome se portam assim, e pobre catador da floresta fica com a merreca que no da pro ms.
          Nenhum desse heris da natureza repartiram com os extrativistas o capital gerado.

  5. A manuteno de Guantnamo uma chaga que enlameia os Estados Unidos perante o mundo, do mesmo modo que as queimadas na Amaznia.
    Bush e Boalnato so dois idiotas que esto fazendo sofrer muito seus povos. Deviam ser eliminados do planeta.

    • Quem libertou Cuba foi os EUA na guerra contra a Espanha.
      Os EUA deveria t-la transformado num estado americano, mas para o azar dos cubanos a ilha se transformou naquele inferno conhecido daqueles conhecem a verdade.

      Pegar Guantnamo no pagou um milsimo do que gastou os EUA na libertao de Cuba. Nem estou falando da vida dos soldados americanos que morreram e que no tem preo.

    • Pergunta besta alex, no a funo deles prender os bandidos? fizeram o trabalho deles, existe alguma prova que eles forjaram? Qual prova que foi inventada?
      Qual informao vazada que era ilegal?
      S tem na verdade trabalho de desinformao para que o criminoso se desoriente e se entregue, tal qual feito em interrogatrios policiais, no li nem vi nada fora da lei, mas te dando o beneficio de minha ignorncia, se vc puder me mostrar o crime que eles cometeram, ancorado na lei, ficarei imensamente grato por vc ter me aberto a mente para o golpe satnico do MPF.
      Mas como sempre mais do mesmo s mais uma dbil tentativa de livrar a cara do luladro, promovida por celerados canhotos, se capaz for me corrija.

    • Greenwald no tem moral nenhuma para acusar ningum, porque ele tem liberdade para divulgar informaes ilegais e outros no? No venha com conversa fiada de liberdade de imprensa, porque neste pas isso s vale dependendo de qual interesse se est servindo.
      E o curioso que aqui no Brasil Greenwald tratado como deus, mas nos Estados Unidos muitos o vem como colaborador de Trump. Como ento se justifica seu empenho em destruir Moro e Bolsonaro, supostos capachos dos ianques, e salvar Lula, o terror dos imperalistas gringos?
      https://www.dailykos.com/stories/2019/5/5/1855283/-Glenn-Greenwald-Joins-the-Trump-2020-Reelection-Campaign

    • A propsito, o to decantado zelo de Greenwald com fontes bem seletivo, depende do tipo de autoridades que o peitam. Pesquise na internet sobre Reality Winner, a ex-funcionria da NSA que passou informaes ao intercept e acabou em cana, porque os servios secretos americanos no so a Polcia Federal do Brasil e a SCOTUS. a Suprema Corte americana no tem em seus quadros nenhum Gilmar, Toffoli ou Levandowski. L quem se mete com esses servios secretos tem tudo para se dar mal, e no pode contar com os favores de nenhum juiz “garantista”.
      https://www.moonofalabama.org/2017/06/do-not-trust-the-intercept-or-how-to-burn-a-source.html

  6. TRUMP / BOLSONARO : Confirma o dito popular Tal pai, tal filho , o que pode significar, tambm, Tal dolo, tal admirador.

    Cabe aqui a admirao irrestrita de Bolsonaro para com Trump.

    Para o dito popular Tal pai, tal filho , cabe aqui a repetio do comportamento de Jair Bolsonaro pelos trs filhos 01 , 02 , 03.

    Agora est explicado porque Trump no compareceu reunio da Cpula do G7 , que era para discutir como frear o desmatamento e o incndio na Amaznia : TRUMP pressiona para desmatar em seu prprio pas a floresta temperada mais intacta do mundo. Ora, se Trump quer desmatar l, porque iria apoiar, no G7, resoluo contra o desmatamento na Amaznia ?

    Tal pai, tal filho

    Provrbio que tende a demonstrar que os filhos em geral reproduzem as qualidades e os defeitos paternos. to antigo que j aparece na estncia XXVIII do terceiro canto de Os Lusadas, em que Cames procura demonstrar que D. Afonso Henriques herdara as qualidades de bravura de seu pai, o conde D. Henrique, participante da Cruzada de Godofredo de Bulho: Ficava o filho em tenra mocidade, em quem o pai deixava seu traslado, que do mundo os mais fortes igualava, que de tal pai tal filho se esperava. H o mesmo provrbio em francs: Tel pre, tel fils repetido em vrios outros provrbios. Por exemplo: Quem sai aos seus, no degenera; Filho de peixe, peixinho ; Filho de peixe sabe nadar; Filho de gata, ratos mata, etc. Simes Lopes Neto cita nos Contos Gauchescos esta forma: Filho de tigre pintado.

  7. Bolsonaro realmente est errando muito, muito mesmo. O que seus eleitores querem que ele cumpra aquilo para aquilo que foi eleito: combate ao crime organizado, combate a corrupo e reformas completas nesse Estado destrudo por uma organizao criminosa comandada pelo pior canalha que esse pas j teve, o Luladro. Precisamos fazer o impeachment dos corruptos da SUPREMA VERGONHA, precisamos de uma reforma politica que acabe com o Senado, casa revisora em pleno sculo XXI, hoje quem deve revisar so os eleitores em participao on line. Precisamos diminuir a Cmara de Deputados pela metade, e cobrar que eles trabalhem como qualquer outro trabalhador cinco dias por semana. Tem muito o que fazer , agora com uma imprensa como a do Brasil que defende bandidos, haja vista receber verbas de governos bandidos realmente muito difcil. S o povo nas ruas faro as mudanas que comearam a partir de 2013 com as manifestaes populares.

  8. No concordo com o ttulo.
    No , em absoluto, idiota, e est muito bem orientado pelo Heleno, pelo Vilas Boas e pelo Fernando Azevedo e Silva.
    H erros, verdade, mas da a fazer tal classificao a prpria idiotice da esquerda.
    Mentalidade estreita e curta da esquerda.
    No sabem analisar e distinguir estratgia, de ttica e o que se chama conduta do combate, flexibilidade que o governo adota.
    Estas classificaes so prpria da esquerda que no tem viso, atrasada, obscurantista, e quer que o Brasil volte ao descalabro que era antes.
    E no voltar.
    O editor, CN, sabe o que digo, e muito bem.

  9. Bolsonaro, o idiota completo,

    E conseguiu ferrar com todos os candidatos abaixo dele.
    Esse idiota completo, foi o que de melhor saiu da peneirada, ai eu imagino se fosse outro, estaria de cala arriada pro maricom e Europa, e sem previso de acordo . ento que vo se catar, da prxima se puder coloquem candidatos melhores para concorrer.
    Perderam pro bozo vo ganhar de quem, continuem calados tal qual fizeram pelos ltimos anos, ou vo reclamar ao papa

  10. Escrevi hoje no Correio Braziliense sobre o tema. Alis, reiterei o que tenho dito e escrito, infelizmente, sobre o desastrado e destrambelhado Bolsonaro. Contra fatos no h argumentos.

      • Quanto o Collor ganhou para demarcar uma area enorme para meia dzia de gatos (indios) pingados? Um traidor! Devemos a ele muito dos problemas internacionais que temos na questao ambiental e indigena.

          • Algum saberia nos informar sobre o paradeiro deste senador, Collor de Mello?

            O indivduo desapareceu do Congresso.
            No d mais as caras no senado!

            Se informarem que est de frias, a pergunta inevitvel:
            E sob os auspcios do povo??!!

            O senador corrupto teve recessos, frias, frias, recessos, feriados, dias que ele mesmo tirou de folga, e … mais frias??!!

            E recebe os proventos milionrios integrais ou no?

            Uma vez que somos ns a pagar-lhe nababescos proventos, temos o direito de saber onde o senador se encontra, o que est fazendo e se recebendo seus vencimentos normalmente.

  11. Coisa chata,ler texto, desses camaradas fanticos….

    Afinal,quem saiu perdendo nesse entrevero…

    Hum..???

    Sejamos realistas,por favor,o sub tenente pisou no tomate….

    Os fanticos vive saudando,(festejando),
    Viva o Capito Amrica….

    Nicols Maduro da Venezuela, maldosamente,chama di Capito Laranja…

    Maduro, no deixa ter razo,o camarada no cursou a escola de oficiais..

    Sinceramente,espero,que homem tenha equilbrio em todos os sentidos.

    Desa do palanque,e v,”trabalhar”para os interesses do povo Brasileiros.

  12. Repudio o ttulo da matria, pois ofensivo e agressivo ao presidente da Repblica.

    Justamente havendo a inteno de somente degradar Bolsonaro, foi desconsiderado o aspecto principal desse problema ocasionado pela Frana:
    Tem gente muito interessada na nossa Amaznia, e no para apagar as queimadas!

    Macron sabe que, se conseguir internacionalizar a Amaznia, uma parte substancial do nosso territrio poder ser invadida por pases que se interessarem em explor-la a seus modos, do jeito que quiserem, estilo Antrtida.

    Perderemos mais de 3 milhes de km2 de terras brasileiras, nossas, conservadas desde que os portugueses iniciaram a nos colonizar h mais de 500 anos.

    Deploro, lgico, essa iniciativa francesa.
    Lembrando que a Inglaterra percorreu milhares de km para defender duas ilhas no Atlntico Sul, declarando guerra Argentina porque esta havia invadido territrio que no lhe pertencia, desnecessrio eu dizer que deveremos fazer o mesmo com relao Amaznia!

    Logo, a matria postada cometeu um erro crasso, a meu ver:
    Bolsonaro no um completo idiota;
    no colocou o mundo “inteiro” contra ele;
    deixou de comentar ou por desconhecimento ou m f, os objetivos da Frana sobre a Amaznia.

    Registros dessa ordem significam ausncia total de sentimentos para com o Brasil, cuja ideologia seguida demonstra categoricamente que no interessa quem somos, mas naquilo que poderemos nos tornar, mediante avanos de uma conspirao contra ns que, nesse momento, explcita!

    Portanto, reportagens como essa deveriam ser desconsideradas, rechaadas – que estou fazendo -, e consideradas como de alta traio, de subservincia, de humilhao.
    Que houvesse a preocupao contra os focos de incndio este ano, admito. Todavia, fazer desses incidentes cavalo de batalha para tomarem o que nosso e, mais uma vez, na mo grande, que a Frana tente nos invadir.

    Da mesma forma que j os expulsamos no passado, DERROTADOS QUE FORAM quando invadiram esta terra no Sc. XVI, poderemos de novo mand-los embora, e com o rabo entre as pernas!

  13. Brasileiros contra brasileiros ! ! !

    Lista de assinaturas no documento encaminhado ao G7 por Macron para medidas de internacionalizao (invaso) da Amaznia e contra o acordo Mercosul/UE.

    Pasmem, vejam quem assinou o pedido para que o G7 tomasse a Amaznia do Brsil.

    Pela ordem Guilherme Boulos (MTST), Glauber Braga (PSOL), Humberto Costa (PT), Vagner Freitas (CUT), Gleisi Hoffmann (PT), David Miranda (PSOL), Taliria Petrone (PSOL), Paulo Pimenta (PT), Joo Pedro Stedlle (MST).

    A reportagem foi publicada pelo jornal francs Liberation em 27 de julho de 2019 as 10:00h

    Detalhes no site: http://luizberto.com/valeria-bossi-belo-horizonte-mg-8/

    • Mas Sr. Guilherme Almeida , estes gatos pingados, que assinaram o documento encaminhado ao G7 por Macron , no sei se falaram em nome de seus partidos ou movimentos, ou em nome pessoal, mas so a escria dos polticos e agitadores inconsequentes no Brasil. Pessoalmente, j que exerci a Psiquiatria no Recife, sinto vergonha por ter tido como colega Psiquiatra o Sr. Humberto Costa, pessoa nojenta, mas os outros nomes so de agremiaes ou partidos mais do que suspeitos, como MTST, PSOL CUT e PT.

      Corrigindo, estes malfeitores no esto, na carta pedindo invaso ou internacionalizao da Amaznia, mas foi antipatritico eles pedirem a anulao do acordo entre Mercosul e UE.

      Mas estes imundos so uma fatia muito pequena, e a maioria das assinaturas so de deputados franceses, e no de brasileiros, Relembrando, os traidores da Ptria, no caso, esto restritos aos meliantes Guilherme Boulos (MTST), Glauber Braga (PSOL), Humberto Costa (PT), Vagner Freitas (CUT), Gleisi Hoffmann (PT), David Miranda (PSOL), Taliria Petrone (PSOL), Paulo Pimenta (PT), Joo Pedro Stedlle (MST). To somente ! Pau neles !!!

    • E no entanto todos esses acusavam os manifestantes pelo impeachment de Dilma de estarem a servio da CIA.
      Esses so os salvadores do Brasil. Para voltarem a poder topam tudo, at se tornarem agentes de interesses estrangeiros.
      Depois dessa, esses lderes se nivelaram a Ahmed Chalabi, o vigarista iraquiano que, por sede de poder, articulou com a CIA a invaso americana de 2003 e semeou a desgraa e dio em sua terra. Ao menos os iraquianos deram-lhe o troco, e nunca concederam a Ahmed Chalabi o que ele tanto queria, a cadeira de primeiro ministro do Iraque, e antes de morrer, ele acabou renegado por seus prprios patronos americanos, que o expuseram como agente do Ir.

      • S para acrescentar, digno de nota que a Glesi Hoffmann no assinou o manifesto incluindo “Lula” no meio de seu nome, como costuma fazer por aqui. Pelo visto essa bobagem s para consumo interno deste “pas de otrios”, como gosta de dizer o comentarista Roberto Marques.

  14. O esquerdismo uma religio e pior, poltica, que promete o paraso aqui mesmo na Terra. Como tal contamina fcil os frgeis emocionais e culturais, para alegria de seus sacerdotes e lderes.

    Quando no se lder dessa patologia o inocente -til, que at sem saber, trabalha para ele, sem nada receber, o que o caracteriza escravizao..

    Um dos sintomas clarssimos dessa patologia o transtorno que acomete essa gente, principalmente aos inocentes teis, quando seus lderes so contrariados.

    Da detestarem a democracia com a sua alternncia de poder, como se manifesta doentiamente aqui neste blog alguns deles.

    Ps. Como ctico no acredito em ningum, por isso espero fatos suficientes para julgar este governo, como o fiz para os governos anteriores. Dois anos no mnimo.
    Noto que existe uma perspectiva de melhora com a reforma da previdncia e a liberdade econmica, mas vou esperar os resultados palpveis.

  15. Perfeito Mario Jr.

    Como muita gente, fui na minha juventude at inicio da maturidade, militante esquerdista.

    Sindicalista, militante politico que converteu muitos do meu entorno causa, usando minhas capacidades de argumentao e liderana.

    mas graas a Deus, emergi .

    Nao me tornei direitista fantico(ainda) mas a tentao de ser quando se percebe a radicalidade fantica e sem subsdios da esquerda, muito grande.

    Mais triste e ate constrangedor perceber que a esquerda, no mundo todo, mas principalmente no Brasil, baseados em sua inabalvel crena em seus dogmas e seus deuses lderes, se presta ao servio sujo de defender um sistema que aprofunda a miseria, a corrupo e consolida o status quos desde sempre dos mais privilegiados.

    O PT e seus bobalhes ( as massa claro, porque os dirigentes sabem muito bem o que fazem) como alguns muito conhecidos de ns, nao percebem que em nome de “libertar” seus idolo, fazem de forma organizada, gratuita e fantica, a defesa de quem sempre nos manteve quase como escravos?

    No percebem que so os inocentes uteis, mas idiotas inteis perfeitos?

    Onde encontrar quem defenda ate o ultimo recursos, com todas e quaisquer armas, em qualquer situao um sistema apodrecido, sem cobrar quase nada para isso??

    Mas eles tem a convico de que errados so todos os outros.

    Como gostaria de ter este exercito envolvido em causas nobres..

  16. Relatos indicam que incndios so criminosos
    Moradores de algumas regies contaram que os prprios fazendeiros esto colocando fogo nas terras

    Reuters

    Notcias ao Minuto Brasil
    29/08/19 12:00 ? H 5 MINS POR ESTADAO CONTEUDO

    BRASIL CRIME

    O fogo que se alastra pela regio sul do Amazonas, uma das reas com mais focos de incndio hoje em toda a Amaznia, pode ter sido motivado por fazendeiros locais, segundo moradores relataram ao jornal O Estado de S. Paulo. Em Santo Antnio do Matupi, na altura do km 200 da Transamaznica, a reportagem flagrou um incndio de grandes propores na tera-feira, 27, que avanava pela floresta.

    A rea pertence ao municpio de Manicor, que registrava 355 focos de queimadas, o maior nmero no Estado, segundo os dados mais atualizados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

    Ao se aproximar da queimada por uma pequena estrada de terra, a reportagem conseguiu conversar com dois donos de stios. Ambos, inconformados com a queimada, afirmaram que, ao meio-dia, foram avisados por donos de outras propriedades locais de que eles deviam se preparar, porque iriam tocar fogo em toda a rea. E assim teriam feito. Quando a reportagem chegou ao local, por volta das 14 horas, as chamas j tinham queimado todas as reas abertas dos stios e avanavam de forma descontrolada para a floresta.

    O produtor rural Jos Silva de Souza diz que teve de retirar seus cavalos s pressas. “O que est acontecendo aqui que os caras passaram em casa meio-dia, dizendo que iam atear fogo. Quando eu cheguei aqui, j estava esse fogaru todo”, disse Souza. “Consegui retirar meus cavalos. No pude fazer mais nada.”

    Questionado sobre a autoria do fogo, Souza apontou proprietrios de terras vizinhas como responsveis. “Foram eles (fazendeiros vizinhos) que mandaram avisar que iam tocar fogo. No tem como dizer que foi outro. Mandaram ir l em casa avisar que iam atear, ao meio-dia”, afirmou o produtor rural.

    O anncio do incndio pelos produtores locais tambm foi confirmado reportagem pelo dono de outro stio vizinho, conhecido como Cabral, que preferiu no gravar entrevista. Ele tambm disse que foi avisado pelos vizinhos da propriedade sobre o fogo, que quela altura j havia avanado sobre suas terras e sobre parte da floresta. “No podem fazer isso aqui, desse jeito. ilegal”, declarou.

    Sobre os motivos de alguns fazendeiros incendiarem as reas, Cabral disse que o objetivo desses proprietrios “limpar” a vegetao para a pastagem. “A ideia retirar toda a vegetao que esteja sobre a mata e, em seu lugar, manter apenas a grama para o gado”, afirmou. A prtica comum e ocorre todos os anos, segundo ele.

    Neste ano, porm, conforme relatos recolhidos pela reportagem com diversos moradores da regio, houve um aumento descontrolado dessa prtica motivada pela percepo de que a fiscalizao estaria mais branda.

    Revolta

    Moradores e pequenos empresrios locais de Santo Antnio do Matupi e regio afirmam ainda que h vrios produtores locais indignados com a criao, nos anos mais recentes, de unidades de conservao ambiental pelo governo federal. So muitas as situaes de fazendas e stios que no tm regularizao fundiria.

    Com a criao de unidades de conservao, parte dessas propriedades foi includa nos territrios das florestas protegidas, ficando em situao irregular. Vrios chegaram a negociar indenizaes com o governo, mas ainda no receberam o dinheiro. As informaes so do jornal O Estado de S. Paulo.

  17. O articulista chama gratuitamente o Presidente do Brasil de idiota, com todas as letras, desrespeitando-o.
    Ser que o Dr. Bja vai escrever tambm cartinha de perdo, em nome dos 57 milhes de eleitores de Bolsonaro?

    • Tudoculpa … ah, Tudoculpa …

      Quantas vezes, na tua famlia, a palavra idiota foi empregada?

      Agora, sinceramente, ningum chama de idiota uma pessoa que desconhece, sob pena de levar uma porrada bem dada!

      O autor dessa matria tem pleno direito de chamar Bolsonaro do que quiser.
      Resta-nos concordar ou discordar de seus termos.
      Eu discordei, t l, escrito.

      Agora, a situao interna, entre ns, entre cidados brasileiros, que vivem sob a gide desse governo eleito pela maioria dos eleitores que compareceu s urnas.

      Portanto, nada de cartas pedindo desculpas a Bolsonaro, nada.
      E, o nosso excelso dr.Bja, sabe muito bem desse detalhe.

      Quanto carta aberta que postou, e que tantas ofensas e agresses recebeu, a missiva abordava Educao, Respeito, condies que faltaram a Bolsobaro relativas ao tratamento que deveria conceder mulher, esposa de um Chefe de Estado.

      E me deste uma ideia:
      Bem que os detratores do nosso eminente jurista, poderiam escrever uma carta aberta ao Bja pedindo-lhe perdo pelos insultos postados.

      Que tal?
      Assinarias esta carta junto comigo?

      Abrao.
      Sade.

  18. FAKE NEWS!

    E ainda d tempo de postar outra matria pedindo perdo ao Bolsonaro… Fica a dica. A redao da cartinha de perdo j sabem de quem pode ser, n?

  19. At parece que a galerinha com esprito ecolgico vai deixar de comprar matria-prima do Brasil por causa de plantinhas da Amaznia!! O preo daqui timo!! kkkkkkk S quem sai perdendo so eles!!! kkkkkkkk Fake News vergonhosa. D tempo ainda de apagar!! Fica a dica!!

  20. SUSTENTABILIDADE

    Entidade volta atrs e nega suspenso de compras de couro brasileiro

    Presidente do Centro das Indstrias de Curtumes do Brasil explicou que foi um ‘erro de pr-avaliao’ e que corrigiu informao
    Isadora Duarte
    28 AGO2019
    10h20 atualizado s 12h44

    SO PAULO – O presidente-executivo do Centro das Indstrias de Curtumes do Brasil (CICB), Jos Fernando Bello, negou que importadores de couro brasileiro vo suspender compras do produto, diferentemente de carta assinada pelo prprio dirigente que circulou na manh desta quarta-feira, 28. A suspenso teria sido aventada por causa da repercusso internacional das queimadas na Amaznia e da possvel associao dos incndios com a atividade pecuria na regio.

    Na carta direcionada ao ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, na noite desta tera-feira, 27, o CICB menciona “suspenso de compras de couros a partir do Brasil de alguns dos principais importadores mundiais”.

    Bello, contudo, disse ao Broadcast Agro que se trata de um “erro de pr-avaliao” da entidade.

    “A carta foi divulgada (pelo prprio CICB) antes da checagem com a empresa importadora”, disse Bello. “Esse importador estaria supostamente suspendendo as compras. Foi um equvoco nosso. Vamos corrigir a informao junto ao governo federal.”

    (…)

    https://www.terra.com.br/noticias/ciencia/sustentabilidade/entidade-volta-atras-e-nega-suspensao-de-compras-de-couro-brasileiro,6b2de9f05077c2586692ab6447ef25480dhpv6hi.html

    https://www.diariodepernambuco.com.br/noticia/economia/2019/08/entidade-nega-suspensao-de-compra-de-couro-brasileiro.html

    https://sustentabilidade.estadao.com.br/noticias/geral,pelo-menos-18-marcas-como-timberland-e-kipling-suspendem-compra-de-couro-do-brasil,70002985937

    Claro que a imprensa no deu a mesma repercusso ao desmentido como deu a mentira n?

    Gente, vamos confirmar as coisas antes de sair publicando n? E sempre ter dois ps atras antes de publicar qualquer coisa da Foia de Sumpaulo…

  21. A situao na Guiana Francesa deixa claro que o telhado do presidente Macron de vidro.
    Renova Midia

    O presidente da Frana, Emmanuel Macron, tenta se capitalizar politicamente com as queimadas na Amaznia ao construir a imagem de lder sensvel causa ambiental.

    No entanto, a situao na pequena parte da Floresta Amaznica sob controle da Frana to complexa quanto na gigantesca poro do Brasil.

    Um dos projetos de extrativismo mais contestados atualmente o da Montanha de Ouro, que ocuparia 800 hectares (8 km) no noroeste da Guiana Francesa, departamento francs de 296 mil habitantes, que faz fronteira com o Amap.

    A operao prev o uso de 46,5 mil toneladas de cianureto (substncia altamente txica) e de 57 mil toneladas de explosivos para arrancar 85 toneladas de ouro em 12 anos.

    O garimpo ilegal na regio tambm exibe nmeros robustos, com produo anual de ouro estimada em at nove toneladas e receita na casa dos R$ 922 milhes.

    Segundo lideranas indgenas da Guiana, alm da minerao, a agricultura ameaa a Amaznia francesa.

    H iniciativas, afirmam esses representantes, que recebem subvenes da Unio Europeia para o setor, mas deixam apenas um rastro de imensides descampadas sem qualquer atividade produtiva, informa o jornal Folha

  22. Jornal POLTICA AO MINUTO – 29/08/2018

    ALEXANDRE FROTA AFIRMA QUE JAIR BOLSONARO TEM PROBLEMAS PSICOLGICOS

    E FAZ CAMPANHA NO TWITER PARA A RETIRADA DE BOLSONARO DO CARGO DE PRESIDENTE

    (Nota, por no ter sido bem informado, embora quase acerte, necessita uma correo. Alexandre Frota diz, no texto, que Jair Bolsonaro sofre de Transtorno de Sndrome Paranoide (na verdade isto se chama Transtorno de Personalidade Paranoide, nos Compndios) – o que uma forma de Psicopatia, mas enganou-se por pouco. Como eu j expliquei aqui nesta TI , a forma de Psicopatia que sofre o Presidente Bolsonaro , to grave quanto a citada por Alexandre Frota, mas com caractersticas diferentes, para descrio correta Transtorno da Personalidade Narcisista)

    https://www.noticiasaominuto.com.br/politica/1032936/alexandre-frota-afirma-que-jair-bolsonaro-tem-problemas-psicologicos?utm_source=notification&utm_medium=push&utm_campaign=1032936

  23. Agora lascou! A Timberland, Vans e Kipling, vo parar de comprar couro do Brasil. Meu Deus , o impacto nas contas de exportao sero tremendas. Bilhes de dlares deixaro de entrar. Que catstrofe. Por favor minha gente. essa turma no tem peso nenhum na venda de couro. Isso no dura 2 meses. J j voltam a comprar. Vo comprar couro mais barato aonde. Lenga lenga publicitria. Estou escrevendo de Nice na frana. Praticamente acabou aqui o assunto queimada na Amaznia. O Macron ganhou o flego que precisava, mas vai perder as prximas eleies.

    • Se bobear foi a primeira vez na vida que milhes de franceses ouviram falar dessa tal de “Amaznia”!!!! Depois dessa lenga-lenga, vo esquecer completamente e nunca mais lembrar.

  24. Luiz, Luiz,

    Ento ests em Nice, na Frana?!
    Na Cote D’Azur, uma das reas mais sofisticadas e caras da Riviera Francesa, bah!

    No te mates muito, vai com calma.
    J providenciaste a tua mudana do Brasil?
    T de protegendo que os gauleses vo nos invadir?
    Por acaso – agora falando srio -, alguma notcia quanto internacionalizao da Amaznia?
    O que o povo francs diz dessa inteno de Macron?

    Abrao.
    Aproveita, pois vamos internacionalizar a Costa Azul francesa, pois muito usada por turistas que poluem as guas e as praias desta orla s margens do Mediterrneo.

    hehehehehehehehehehehehehehehehehehehe

    • Prezados Francisco e Luiz

      Nao sei hoje, pois voltei no domingo, mas semana passada estava na Italia e ao visitar amigos italianos, proximo a Npoles, na sexta, o panorama era assutador.

      Todas as tvs (as que vi pelo menos) davam amplo e catastrfico destaque as queimadas da amaznia.

      O titulo invarivel era:

      L’Amazzonia sta bruciando

      Imagens e mais iamgens de queimadas e destaque para Macron, G7 e qualquer ambientalista.

      Meus amigos, pessoas normais do povo, estavam verdadeira e genuinamente preocupados com as queimadas que Bolsonaro estava permitindo ou estimulando e que seria uma catstrofe para o mundo todo.

      “Alguma coisa deveria ser feita :no era possvel deixar isto nas mos de um alucinado do terceiro mundo.”

      tentei argumentar e minha defesa enftica de nossa soberania, talvez tenha constrangido meus amigos e o assunto foi um pouco esquecido.

      Mas acho sinceramente que se cravou uma certeza em todos europeus.

      ” Se no fizermos algo, aquele maluco do Brasil vai destruir nosso futuro”.

      Infelizmente esta foi minha impresso

      • Duarte,

        A semente foi plantada para o mundo pedir pela internacionalizao da Amaznia!

        O preconceito europeu conosco, que somos inferiores, ignorantes, que o povo atrasado, analfabeto, miservel, tomou outro vulto, agora tambm somos acusados de destruidores da natureza!

        Algum comentarista disse que a sorte estava lanada, e em latim, surpreendentemente.
        Vou um pouco mais longe:
        O NOSSO DESTINO EST SELADO!

        Ou passemos a nos preparar para o pior ou inevitvel ou, ento, que tenhamos conscincia que amanh ou depois a Regio Norte no mais ser nossa!

        Sabe a frase da petista sexloga?
        “Relaxa e goza”?

        Ento, temos opes, pelo menos:
        Ou deixamos assim para ver como fica ou no deixamos assim, e vamos ficar como queremos, como pretendemos.

        Outro abrao.

  25. As hienas, abutres, vestais grvidas, ordinrios em geral, serviais de Bolsonaro, ticos de barro, ou seja, pinias fantasiados de isentos e patriotas, saram sarjeta do dio e do recalque para saciar a vadiagem de suas vidinhas. pobres diabos.

  26. As hienas, abutres, vestais grvidas, ordinrios em geral, serviais de Bolsonaro, ticos de barro, ou seja, pinias fantasiados de isentos e patriotas, saram da sarjeta do dio e do recalque para saciar a vadiagem de suas vidinhas. pobres diabos.

  27. O desejo do Boloro de explorar a Amaznia no faz sentido nenhum. Para que o Brasil possa desfrutar das riquezas minerais da Amaznia, o pas precisa de uma indstria que ele no tem. A Embraer, vendida. As Telecoms estatais, vendidas. A Embratel, vendida. A Engesa, fechada. A Avibrs perdeu a Base de Alcntara. A ABICOMP e as outras empresas brasileiras de desenvolvimento de hardware, desaparecidas. O Brasil simplesmente devastou a prpria indstria de tecnologias sensveis e de alto valor agregado. Por qual razo O Brasil precisaria dos minrios amazonicos, se ele costuma vender o seu parque tecnolgico? No faz sentido nenhum.

    A China precisa desses minrios. Os Estados Unidos precisam. A Unio Europia precisa. O Japo precisa. A Coreia do Sul precisa. Israel precisa. Eles no so como o Brasil que tem uma vocao irrefrevel para o suicdio econmico. Eles supostamente precisam desses recursos brutos amaznicos; e, no entanto, tm sobrevivido muito bem sem eles. Est claro que o Coiso est com segundas intenes.

    Lamentavelmente, a elite parasitria brasileira transformou o pas num grande fazendo. A elite no precisa de uma indstria nacional. Ela vive dos juros da dvida pblica. Ento, que se ferre o Brasil. Que se explodam as possibilidades do pas em aprender as tecnologias caras. A elite estuda no exterior! Levando esse fato em considerao, as queimadas que esto acontecendo na Amaznia do bastante sentido para as supostas intenes do Coiso. Ele quer queimar a Amaznia, no porque realmente acredita que a regio tenha condies de virar um Japo em vinte anos. Isso papo para enganar bolsominions lambedores de coturno. O que Boloro quer transformar a Amaznia num grande pasto. Numa grande fazenda de soja. No sequer para plantar a comida que ns humanos comemos. Mas meramente para produzir as raes para a pecuria. Ele quer agradar os seus eleitores fanticos do agronegcio.

    • A situao do Brasil to louca, que o pas, sendo um suposto campeo do agronegcio, importa o trigo para fazer o amado po francs brasileiro! O Brasil no fabrica nem mesmo os remdios que vm das plantas da Amaznia. Ele importa quase todos! Excetuando-se a Petrobras, que a Lava-Jato tentou desesperadamente destruir, o Brasil no tem nada de industrialmente relevante. Nada. Mesmo com a Petrobras, o pas importa gasolina!

      Os produtos que o pas chama de nacionais so apenas uma fico fiscal da Receita Federal. O Brasil no projeta nada e no produz nada. Ele s monta e encaixa as peas dos produtos importados e coloca-os em embalagens de papelo. S. isso que a Receita Federal chama de produtos nacionais. O Brasil um fazendo que no serve aos interesses do povo brasileiro e que condena o prprio povo a ser um pas agrcola terceiro-mundista para sempre. Se o pas no tem indstrias sensveis, por que ele precisa desses minrios amaznicos?

      O fato que existe um motivo mais sinistro por trs. Competem s FFAA a realizao de servios tcnicos nas reservas. Naturalmente, como tudo no Brasil as coisas acontecem ao contrrio, esses servios tcnicos eventualmente podem incluir o apoio armado ao garimpo ilegal, entre outras coisas. Vender matrias-primas da Amaznia, para as empresas estrangeiras, uma oportunidade no s para vender os minerais a troco de balas e espelhinhos. Mas em toda operao de exportao h a oportunidade de uma comisso em caixa dois, uma propinazinha por baixo. Os aspirantes a exploradores da Amaznia acusam as ONGs de fazerem justamente isso. A verdade que eles imputam-nas crimes que eles mesmos querem praticar. Puro cime, mesmo se eles estiverem certos quanto as ONGs. E no esto, embora as excees. A oposio das FFAA contra as reservas indgenas no tem nada a ver com a soberania, que elas no tem condies de defenderem; mas, sim, com a pura e simples explorao econmica mesmo. Demarcar as reservas frustra os intentos dos exploradores ou diminui severamente as possibilidades de explorao.

      • ilegal que o Brasil renuncie a parte do seu territrio soberano. Nada no direito internacional manda que o Brasil renuncie sua soberania sobre a Amaznia. A questo, a partir daqui, se o Coiso vai criar uma situao na qual a autonomia ser concedida pelo Congresso Nacional ou imposta pelo Conselho de Segurana da ONU.

        Bolsonaro realmente no parece estar ciente da gravidade de suas palavras. Em sua histria, o Brasil, como qualquer outro Estado, foi parte de conflitos diplomticos e geopolticos. O Brasil esteve, inclusive, sob ameaas de guerra, dcadas atrs. Mas a primeira vez na histria do pas, que o Brasil se tornou um assunto das principais potncias econmicas e militares do mundo, como um srio incmodo. Quem acompanha o desenvolvimento do direito internacional sabe que o direito internacional se realiza a partir de uma sequncia de cpulas similares ao G7. Esta reunio do G7, em particular, no teve nenhuma consequncia relevante para o Brasil. Mas foi a primeira vez que as grandes potncias discutiram a possibilidade de relativizar a soberania de um Estado por questes ambientais. At ento, essa relativizao da soberania foi sugerida individualmente por vrios lderes polticos. Mas nunca por uma cpula de Estados to poderosos. Em outras palavras, o G7 lanou uma semente, que provavelmente vai florescer no futuro como uma conveno da ONU, que especificar os limites da soberania de todos os pases em questes ambientais, e as possveis sanes econmicas, alm das medidas militares, em razo da inconformidade legal.

        • A vergonha do Brasil ser o piv dessa discusso. Apesar dos vrios perodos controversos e tristes de sua histria, o Brasil sempre foi, de modo geral, respeitado como uma influncia de diplomtica muito positiva para o mundo. Agora, porm, o Brasil foi tratado como um problema para o mundo. A arrogncia do Boloro tende a tornar essa situao extremamente grave e ruim, em algo explosivo.

          A nica salvao do Bolsonaro Trump. O jornal The Intercept tem denunciado que o Brasil tem entregado a soberania da Amaznia para os EUA. por isso que Trump tem apoiado Bolsonaro. A venda da Embraer para a Boeing um motivo para Trump apoiar Bolsonaro. A oposio visceral de Bolsonaro esquerda latino-americana um motivo para Trump apoi-lo. Mas Trump no durar para sempre. Se ele cair ou for embora, Bolsonaro provavelmente cai. Bolsonaro tambm teve sorte, sem que sequer percebesse, porque a Alemanha quer mesmo o Mercosul com a Unio Europia. Merkel no estava disposta a tornar o conflito maior do que j . Mas isso pode mudar se o humor dos EUA mudarem. A sorte do Brasil definitivamente est lanada.

          • A maior hipocrisia do Coiso vir agora com esse papinho de que a soberania nacional no uma questo da direita, nem da esquerda. Quer dizer que os esquerdistas agora so teis? Quer dizer que os esquerdistas no devem mais ser metralhados? Quer dizer que agora ele precisa de ajuda dos comunistas?

          • Renato,

            O teu ltimo comentrio, onde te referes a Bolsonaro no querendo mais “metralhar” o pessoal da esquerda ou com a tua indagao se, agora, aps essa crise com a Frana, a ajuda dos comunistas seria bem-vinda, fizeste ode a falcias, devaneios, deste asas tua imaginao voar sobre aquilo que inexistente, se isso fosse possvel!

            Tenho sido um crtico de Bolsonaro, e meus comentrios atestam o que escrevo.

            Mas no posso concordar que menciones a inteno do presidente em metralhar a esquerda ou que quisesse menosprezar uma substancial parcela do povo brasileiro.

            Admito as diferenas polticas, pois eu as tenho em larga escala com o PT, alm das questes ideolgicas, mas tais incongruncias no podem afetar o nosso raciocnio, a verdade dos fatos, os acontecimentos que tem vigorado nos ltimos anos no Brasil.

            Exageraste, e digo como um velho experiente, de algum que, mesmo sendo contrrio aos partidos de esquerda, consigo diferenciar as teorias das pessoas, seres humanos, a ponto que tenho dois ou trs amigos confessadamente comunistas, e tenho por eles respeito e admirao.

            Os que pertencem ao PT, perdi a conta da quantidade de amigos que possuo, e fanticos por Lula!

            V l, tenho postado que eu gostaria de metralhar o congresso, que eu gostaria de ter um tanque de guerra e botar abaixo o antro de venais.
            Entretanto, meus motivos so contrrios atuao do legislativo, colocando-nos como inimigos do sistema, enquanto o parlamento hoje uma das castas brasileiras.
            Diga-se de passagem, a mais dispendiosa, intil e corrupta que temos.

            Ento, Renato, registrar palavras que acendem mais ainda as diferenas que separam o povo e pas, que, ainda por cima, deixam de refletir a realidade nacional, ests deixando de contribuir para que nos unamos em prol do mesmo objetivo:
            um pas muito melhor que este que estamos recebendo ao longo de dcadas!

            Abrao.
            Sade.

  28. Palmas, Renato . Parabns pela lucidez e iseno.
    Bela lio aos histricos , analistas de meia pataca. Graduados em bajulao e recalque. Botam uma banca dos diabos. Alguns arrotam grandeza e erudio, mas tropeam na prpria mediocridade. Assinam o pseudnimo montados em ferraduras.

  29. Perfeito Francisco
    Meu reparo tambm ao ultimo post do Renato.

    se o Brasil o pais de todos, se o governo deve ser de todos, a defesa da soberania nacional tambm deve ser de todos.

    Ou os esquerdistas, por noa estarem no governo ou por serem superiores a Bolsonaro, podem se omitir de buscar ( com todas as ressalvas de prudencia e no alinhamento) a manuteno de nossa soberania (neste caso a posse da terra da Amazonia) ?

    Aos demais posts infelizmente muito ali verdadeiro, mas nao foi Bolsonaro que causou

    • Duarte,

      Quando cabe esquerda sair da conversa, das teorias, promessas, para agir, fazer algo de concreto, de deixar de trair, no mesmo.

      Renato no de esquerda, sei disso, portanto no o estou criticando ou que tome posies, nada disso.
      que o seu ltimo pargrafo deslustrou os anteriores, que esto recebendo elogios s suas postagens.

      Mas estabelecer como pressuposto inabilidade de Bolsonaro com a esquerda e comunistas, alegando manifestaes do presidente em metralhar este pessoal, Renato excedeu-se, exagerou, derrapou na curva molhada de concluses feitas ao sabor da emoo.

      Na condio de colegas que somos, comentaristas deste blog incomparvel, reservo-me o direito de alert-lo, de deixar claro que no podemos alimentar as diferenas dando mais comida, mais gua, porm o contrrio, retirando a alimentao e deixando com sede a ideologia nefasta, que nos distancia e acende o dio injustificvel.

  30. Tambm eu desejo parabeniz-lo , Sr. Renato, pelas lcidas e bem explicadas postagens nesta TI. Seus textos so de uma profundidade e de uma clareza invejveis. Vossa Senhoria demonstra no somente erudio como tambm clareza de contedo e a difcil qualidade de saber pensar,

    Atenciosamente,

    Ednei Jos Dutra de Freitas

  31. Tanta tinta gasta para dizer quase nada sobre nossos problemas.Falaram no comeo do governo de Lula que deu a impresso de que manteria o otimismo e o crescimento como j escreveram a em cima. verdade Lula teve um comeo espetacular. Mas independente da corrupo que se alastrou em toda a poltica. As comdites despencaram nos governos Dilma. A concluso que o imprio EUA no deixa o Brasil e outros paises emergentes proguedire. de um prcer importante dos EEUU a frase: Os EEUU no tm amigos tem interesses. EEUU e Arbia Saudita que controlam o preo do petroleo. No vo deixar Brasil, Venezuela, Ir e Russia se favorecerem com o preo do petrteo a 110 dlares. Deram uma rasteira e o puseram a 30 dlares. Foi Brasil, Venezuela, Ir e Russia para o espao. O Brasil afundou tanto pela corrupo como pela queda das comdites. So os nossos dois inimigos: EEUU e a falta de responsabilidare com a educao. Sem educao nunca chegaremos onde o Brasil merece. S o Trabalhismo de Getlio, Jango, Brizola e Darcy Ribeiro levaram a educao a srio.

  32. Em apoio tua concluso, Aquino, que a Educao a mola mestre para nos erguer cientfica e tecnologicamente, transcrevo parte de um comentrio meu postado acima, onde menciono a obra de Brizola sobre a educao/ensino:

    “…. A questo bsica e fundamental seria debatermos as razes pelas quais passam dcadas e dcadas, e continuamos do mesmo jeito, importando enormes e variadas mercadorias.

    Ora, o cerne, o mago do nosso impasse neste particular, reside na falta de uma Educao/Ensino adequada, producente, de qualidade.

    Esse episdio com a Frana, e o desejo de os gauleses em internacionalizar a Amaznia, seria exatamente a oportunidade de ouro que estamos tendo para implantar no Brasil os CIEPS, melhorar sobremaneira a escola pblica, principalmente nos Ensinos Fundamental e Mdio.

    Alemanha e Japo, os pases que foram destroados na Segunda Guerra Mundial, e hoje so potncias econmicas e oferecem aos seus povos excelente qualidade de vida, alm de possuidores de avanada cincia e tecnologia, os seus objetivos inegociveis, primordiais, tiveram como meta a educao.

    Depois, com o povo em quinze anos apto para qualificar a indstria, ento os avanos neste sentido.”

  33. Resolveram misturar tudo mauricinhos? OK! Abriu-se uma janelona oportunidade de manufatura para o verdadeiro empreendedor.
    Se eles no querem comprar o couro, sem problemas faremos calados e bolsas a exemplo dos chineses, e exportem para o mundo.
    Os mauricinhos de fricotes, que arrumem outros fornecedores de couro sabe-se l a que preo .
    Ser interessante ver essa turma sem comprar couro do maior produtor com o maior rebanho do mundo.

  34. Confesso que no sou f do Super Micron mas ele tem razo quando diz que o Brasil no tem o presidente sua altura. Hoje o trabalho de muita gente e durante dcadas vai por gua abaixo por causa de declaraes totalmente irracionais. E a ganncia de muito fazendeiro no ps s o fogo no mato mas nos negcios tambm. E agora como ficam os curtumes, e os seus empregados vo para a fila da Agncia do Trabalhador? Governar no se apossar do pode e fazer dele o que se bem quer. Governar no tentar livrar a cara dos filhos ou da famlia. Governar no subir na tribuna da Cmara e falar um monte de asneiras que sempre ficam por isto mesmo. Governar bem mais que isto e s boa vontade no faz de ningum um bom governante.

  35. Olha ai a relao do PT com os franceses, banqueiros, propina correndo solto, tudo contado pelo senhor Palloci.

    Lula a Palocci: O cara confirmou os 30 milhes de euros, p, voc tem que me ajudar
    Por Claudio Dantas

    Antonio Palocci entregou Lula em mais uma negociada, desta vez envolvendo a disputa pelo controle do Grupo Po de Acar. Em seu acordo do colaborao, o ex-ministro disse que o grupo Casino pagou 30 milhes de euros ao ex-presidente para impedir uma manobra de Ablio Diniz que diluiria a participao dos franceses na rede de supermercados.

    Palocci revelou ainda que a propina foi repassada por meio do banco Safra. Ele mesmo foi ao banco retirar recursos em cash para Lula. O dinheiro tambm abasteceu a campanha de Fernando Haddad para a Prefeitura de So Paulo, em 2012, e a de reeleio de Dilma Roussef, em 2014.

    O ex-ministro contou que, inicialmente, tentou ajudar Ablio, de quem era amigo e com quem mantinha contrato de consultoria via Projeto. O empresrio queria evitar que o grupo Casino assumisse o controle do Po de Acar e pediu ajuda para obter emprstimo do BNDES para comprar o Carrefour e, assim, diluir a participao dos franceses.

    Inicialmente, Lula se disps a ajudar na operao, convencendo Dilma Rousseff e Luciano Coutinho. Mas mudou de ideia depois que o grupo Casino lhe ofereceu a quantia de 30 milhes de euros para inviabilizar a estratgia de Ablio.

    Segundo Palocci, pelo lado do Casino atuaram Jos Dirceu, o advogado Marcelo Trindade e o prprio presidente do grupo, Jean Charles Noury. Tambm entrou na jogada o banqueiro Joseph Safra, que se disps a operacionalizar as questes financeiras.

    O colaborador narrou que, numa das conversas com Lula, este lhe pediu que segurasse Ablio Diniz, pois j estava fechado com os franceses. O cara confirmou os trinta milhes de euros, p, voc tem que me ajudar, teria dito o ex-presidente, ao comentar o acerto com Jean Charles.

    Lula fez a parte dele, fazendo com que o BNDES no liberasse o emprstimo pr-aprovado e inviabilizando qualquer apoio governamental ao GPA, contou Palocci. Com o sucesso da operao, o Casino assumiu o controle do Po de Acar.

    Do saldo de 30 milhes de euros equivalente a R$ 138 milhes -, Safra teria repassado R$ 2 milhes para a campanha de Haddad e outros R$ 10 milhes para a de Dilma. Ele teria feito doaes oficiais e no oficiais ao Instituto Lula, tendo Palocci realizado frequentes retiradas diretamente no banco.

    Safra teria convidado o italiano para ser conselheiro do banco na Sua, o que o delator entendeu como uma forma de manter Lula informado sobre o dinheiro alocado. Os depoimentos de Palocci referentes ao caso foram encaminhados ao MPF de So Paulo.

  36. O ALTISSIMO SEJA LOUVADO …SEMPRE .

    Prezados: Fazendo um adendo aos comentaristas que defendem nosso amado Brasil e seu mercado interno segue uma sugesto para quem puder leiam o discurso de posse do Presidente eleito dos EUA ..ULISSES GRANT…vejam ali o que que um presidente tem de fazer em favor de seu PAS .

    E para terminar segue: No Brasil s existe dois partidos Politicos o de Joaquim silvrio dos reis e o de Joaquim Jos da Silva Xavier…
    Atualmente qual o partido que governa nosso amado Brasil ..mesmo ?
    Sem comentrios .
    PS.. Sr. Renato parabns pelo seu belissimo comentrio.

    YA SEJA LOUVADO sempre …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.