Bolsonaro se excede e manipula afirmação do Dr. Roberto Kalil sobre a hidroxicloroquina

Em pronunciamento na TV, Bolsonaro diz que protestos são legítimos ...

Bolsonaro usou o nome do Dr. Roberto Kalil de maneira leviana

Carlos Newton

Em mais um pronunciamento à nação, o quinto que realiza sobre a pandemia do coronavírus, na noite desta quarta-feira, dia 8, o presidente Jair Bolsonaro usou indevidamente o nome do Dr. Roberto Kalil Filho, diretor-geral do Centro de Cardiologia do Hospital Sírio-Libanês, que pela manhã tinha dado entrevista à rádio Jovem Pan, quando revelou ter tomado hidroxicloroquina para tratar da Covid-19.

Na mensagem aos brasileiros, Bolsonaro voltou a apresentar a cloroquina como solução para curar os pacientes da covid-19. Disse ter falado com o Dr. Kalil, que lhe revelara ter feito uso da medicação, comportando-se como se o médico tivesse lhe autorizado a fazer afirmações absolutamente irresponsáveis sobre o tratamento contra o coronavírus.

DISSE BOLSONARO – “Após ouvir médicos, pesquisadores e chefes de Estado de outros países, passei a divulgar, nos últimos 40 dias, a possibilidade de tratamento da doença desde sua fase inicial. Há pouco, conversei com Dr. Roberto Kalil, Cumprimentei-o pela honestidade e o compromisso com o juramento de Hipócrates, ao assumir que usou não só a hidroxicloroquina, bem como a ministrou para dezenas de pacientes. Todos estão salvos. Disse-me mais: que mesmo não tendo finalizado o protocolo de testes, ministrou o medicamento agora para não se arrepender no futuro. Essa decisão poderá entrar para a História como tendo salvo milhares de vidas no Brasil. Nossos parabéns ao Dr. Kalil”afirmou o presidente, comportando-se de forma inaceitável e inconcebível para um chefe de governo, em manifestação sobre uma calamidade pública por pandemia, sem levar em conta a  inafastável possibilidade de motivar perigosas automedicações de um remédio com comprovados efeitos colaterais que ameaçam a vida dos pacientes.

DISSE O MÉDICOEm contrapartida, o Dr. Kalil declara que só age “como profissional de Medicina” e só toca no assunto fazendo importantes ressalvas. Em nenhum momento, comporta-se como o presidente Bolsonaro, que mais parece propagandista de laboratório farmacêutico.

Pela ética médica, não quero influenciar outros tratamentos. É uma responsabilidade muito grande”, assinalou o diretor-geral do Centro de Cardiologia do Hospital Sírio-Libanês. “Meu estado geral era péssimo, foi discutido com a equipe vários tipos de tratamentos, dentre eles a hidroxicloroquina, e aceitei”, contou à Jovem Pan, ao dizer que apresentava quadro de pneumonia avançada.

Fiz o uso [da hidroxicloroquina] sim. Melhorei só por causa dela? Provavelmente não. Ajudou? Espero que sim. Tomei corticoide, anticoagulante, antibiótico”, relatou, ao reforçar que utilizou uma gama de remédios distintos.

###
P.S. 1 –
Em tradução simultânea, o presidente Jair Bolsonaro continua a se postar de maneira totalmente inadequada, equivocada e tresloucada, ao tratar assunto científico com tamanha leviandade, sem levar em conta a ascendência que tem sobre milhões de brasileiros, que o consideram um “mito” e demonstram por ele uma dedicação verdadeiramente religiosa, circunstância que pode levá-los à automedicação por um remédio de venda liberada e que já está esgotado nas farmácias, comprado por pessoas que temem contrair a covid-19 e que acreditam piamente em tudo o que o presidente diz e recomenda.

P.S. 2 – Decididamente, esse cidadão demonstra não ter condições culturais nem equilíbrio emocional para exercer a Presidência da República, comportando-se de uma forma que está enlameando o nome das Forças Armas, embora delas não seja representante. (C.N.)  

70 thoughts on “Bolsonaro se excede e manipula afirmação do Dr. Roberto Kalil sobre a hidroxicloroquina

  1. Está cada vez mais difícil ler jornal. Todos falam mal do governo. Os amestrados por razão óbvia. Aí leio a Tribuna, a mesma retórica. Quem afinal de contas os srs jornalistas preferem? os que roubam tipo quadrilha do Luladrão. Ontem uma dessas concessionárias que está fazendo a delação falou que desde o governo (?) Covas, passando pelo Geraldo e pelo Serra paga mensalão. Ninguém divulgou.

  2. Caro Carlos Newton,
    Veja o vídeo do artigo abaixo transcrito, onde o Dr. Roberto Kalil Filho afirma para a Rádio Jovem Pan que fez uso sim da CLOROQUINA, de modo que milhares de pessoas ou centenas de milhares de pessoas ouviram o prestigiado médico confirmar que fez uso da cloroquina com outros medicamentos, de modo que, ao contrário da sua afirmação, Bolsonaro não se excedeu e nem muito menos manipulou qualquer informação.

    Médico de Lula e do Sírio-Libanês confessa que usou a hidroxicloroquina e recomenda o uso (veja o vídeo)

    https://www.jornaldacidadeonline.com.br/noticias/19789/medico-de-lula-e-do-sirio-libanes-confessa-que-usou-a-hidroxicloroquina-e-recomenda-o-uso-veja-o-video

    • “Pela ética médica, não quero influenciar outros tratamentos. É uma responsabilidade muito grande”, assinalou o diretor-geral do Centro de Cardiologia do Hospital Sírio-Libanês. “Meu estado geral era péssimo, foi discutido com a equipe vários tipos de tratamentos, dentre eles a hidroxicloroquina, e aceitei”, contou à Jovem Pan, ao dizer que apresentava quadro de pneumonia avançada.

      “Fiz o uso [da hidroxicloroquina] sim. Melhorei só por causa dela? Provavelmente não. Ajudou? Espero que sim. Tomei corticoide, anticoagulante, antibiótico”, relatou, ao reforçar que utilizou uma gama de remédios distintos.”

      Está aí o que o CN quis dizer sobre a irresponsabilidade do “mito”.

      Qieria eu, ou talvez muitos, que a cloroquina sozinha fosse a solução, mas pelo jeito nem o Dr. Kalil sabe.

      Porque haveria de saber o “mito”?

    • Prezado Dr. Belem,

      Acredito que o Sr só leu o título da matéria, como fazem os adoradores do “mito”, e não se preocupou em ler o texto. Espero que encontre um tempo para lê-lo. Se o fizer, sua opinião mudará, porque sei que o Sr. é uma pessoa de bem e sabe identificar quando uma informação é manipulada, conforme constatei e provei.

      Abs.

      CN

      • Caro Carlos Newton,
        Antes de qualquer consideração, registro que só tenho um MITO – Jesus Cristo de Nazaré – filho do CRIADOR que nos foi enviado há 2020 anos para nos redimir dos nossos pecados, e até HOJE não aprendemos NADA da sua GRANDIOSA OBRA aqui deixada para todos nós.
        Li na ÍNTEGRA o que se contém em mais um artigo escrito pelo mediador da TI espinafrando o atual presidente do Brasil, e que também acho que é um homem de bem, já disse várias vezes que é um dos poucos comunistas preocupados com o bem comum que conheço.
        Respeito a sua repulsa, a sua ojeriza pelo atual primeiro mandatário da nação brasileira, no entanto, com todo o respeito, não concordo com o seu entendimento, com a sua visão.
        Não sou e também não pretendo ser o DONO da VERDADE, apenas quero deixar para a minha e para os meus futuros netos e netas um país mais DECENTE para se viver.
        O meu PARTIDO é o BRASIL.
        Eu TORÇO para que o BRASIL saia desse ATOLEIRO MORAL, SOCIAL, ECONÔMICO, FINANCEIRO em que está MERGULHADO por causa desses (des)governos civis dos últimos 33 anos que só SAQUEARAM o DINHEIRO do povo brasileiro.
        VAMOS LUTAR AQUI E EM TODOS OS FRONT´S por VOTO FACULTATIVO, REFORMA DESSE SISTEMA POLÍTICO CARCOMIDO, VOTO DISTRITAL (pois são nas urbes, nas municipalidades que TODOS nós vivemos), para extirpar os famigerados fundos PARTIDÁRIO e ELEITORAL, pois é inadmissível que os nossos tributos recolhidos ao erário público sejam carreados para os partidos políticos que são pessoas jurídicas de direito privado e não de direito público, acabar com o quinto constitucional, lutar para que no poder judiciário nele só ingresse quem lograr êxito em concurso de títulos e provas, acabar com as ACINTOSAS remunerações pagas aos apaniguados do serviço público.
        São por essas pautas que luto e continuo a lutar.
        Apesar de DISCORDAR da grande maioria dos seus artigos defenestrando o atual primeiro mandatário da nação brasileira, embora aqui nesta gloriosa tribuna o seu mediador replicar artigos todos os dias da chamada grande imprensa que está em uma campanha sórdida para derrubar o presidente do Brasil, creia que nutro simpatia pelo prezado mediador da Tribuna da Internet.
        Que Deus Pai Celestial ilumine o povo brasileiro a trilhar o melhor caminho, que, induvidosamente não é o socialismo, nem muito menos o socialismo.
        Um abraço.

    • Doutor Anthony Fauci, considerado o maior epidemiologista do mundo, esteve envolvido no combate ao N1H1 e no Ebola. Ele afirma que não está comprovado cientificamente que a CLOROQUINA é tratamento para o coronavirus.
      Segundo eles, cloroquina é imuno depressor conveniente no tratamento de inflamações. Ora, diminuir o potencial do sistema imunológico não é conveniente especialmente em pessoas idosas, por exemplo. Além disso ela pode causar problemas cardíacos em doentes com cardiopatias.
      Portanto, em vez de torcer por Bolsonaro ou quem quer que seja igonorante na matéria, deixem os experts decidirem. Bolsonaro não entende de nada. O cara é impulsivo, mau educado, e chucro.
      Se é o caso de consultar quem não sabe, que tal ouvir o Tiririca? Pelo menos este é cômico.

    • Eu ouvi a entrevista do dr. Kalil. Ele disse que tomou um coquetel de medicamentos, entre eles a hidroxicloroquina. Desta forma, não pode garantir que foi ela que o curou. Muitos jornalistas bolsonaristas fanáticos deturparam a fala do médico, e o que me espanta é até agora o dr. Kalil não ter feito uma correção a este respeito. Mais ciência e menos achismo, menos curandeirismo. Bolsonaro age de forma irresponsável, por isto vem perdendo tanta popularidade. Votei nele para o PT não retornar ao poder, sabia que ele era tosco, mas não conhecia sua falta de caráter.

  3. Nunca vi tanto ódio contra um presidente sem ele ter cometido crime algum. Apenas porque ele não tem papas na língua e por isso desagrada aqueles que não admitem serem chamados de mentirosos por ele.

    Quando Trump anunciou as qualidades da cloroquina e Bolsonaro o seguiu imediatamente, pois, como governantes recebem informações de especialistas mesmo antes da maioria da população, a esquerda logo tratou de desqualificá-la sem o menor pudor, não dando nem o benefício da dúvida quanto à eficácia do remédio, que está salvando vidas.

    Os fatos falam por si e a esquerda e os imbecis de plantão são desmascarados a toda hora por vídeos com depoimentos de especialistas que estão aí mostrando a cura de muitos com a cloroquina , inclusive de médicos, que contraíram a doença.

    • Mario Jr.,

      Quer dizer que és contra a ciência, contra os fatos? Leste algum artigo sério a respeito do poder de cura desse medicamento? Vou colocar de novo o link onde há bastante coisas sobre esse vírus, os medicamentos utilizados, outros estudos, vacinas e métodos. Inclusive sobre a hidroxicloroquina. É de uma universidade renomada dos EUA. Achei bastante interessante. Claro, se for comprovada a eficácia, serei o primeiro a vibrar com isso. O pessoal médico lá dos EUA também está utilizando a hidroxicloroquina, mas sem grande sucesso.

      https://www.hopkinsguides.com/hopkins/view/Johns_Hopkins_ABX_Guide/540747/all/Coronavirus_COVID_19__SARS_CoV_2_

      • Esse ‘sem grande sucesso’ que vc fala é um tanto generalista e não é novidade , visto que na medicina é sabido que algumas pessoas, devido a alguns fatores de seus organismos, não reagem bem a certos medicamentes.

        São exceção, Vidal. A maioria mesmo está se dando bem com a cloroquina associada a azetromicina.

    • Mario, essa é facil de responder, os celerados canhotos perderam pra ele, e qual a chance de ganhar de mais alguém? 0000000
      De agora em diante vão perder até pro tiririca, e esse é o temor deles que o povo descubra que eles são tão fracos quanto os outros detratores do povo, as mudanças vão continuar, e caso o tirem, serão aceleradas ainda mais.

    • Quanto aos comentários muito bem fundamentados de João Amaury Belem às 8:11, poderíamos acrescentar, para análise:

      O governador do Rio de Janeiro, Witzel, por decreto, resolveu que as pessoas não podem ir à praia. E quem insistir ele determina que seja preso.

      Por acaso o decreto dele alterou esses dispositivos a seguir ? Obviamente que decreto não altera lei, nem Constituição Estadual.

      Constituição do Estado do Rio de Janeiro
      Art. 32. O Estado deverá garantir o livre acesso de todos os cidadãos às praias, …

      Lei estadual nº 3430, de 28.06.2000,
      Art. 1º – Fica assegurado o livre acesso de todos os cidadãos às praias, no território do Estado do Rio de Janeiro.

      Constituição Estadual
      Art. 146. São crimes de responsabilidade os atos do Governador do Estado que atentarem contra a Constituição da República, a do Estado e, especialmente, contra:
      (…)
      III – o “exercício” dos “direitos” políticos, “individuais” e sociais;

      E também segundo a Constituição Federal, art. 20, inciso IV, as praias marítimas, como é o caso de Leme, Copacabana, Arpoador, Ipanema, Leblon, São Conrado, Barra da Tijuca, Recreio dos Bandeirantes… (mar do oceano Atlântico) são bens da União. Logo, área federal.

      Constituição Federal
      Art. 20. São bens da União:
      (…)
      IV – as ilhas fluviais e lacustres nas zonas limítrofes com outros países; as “praias marítimas”; as ilhas oceânicas e as costeiras, excluídas, destas, as que contenham a sede de Municípios, exceto aquelas áreas afetadas ao serviço público e a unidade ambiental federal, e as referidas no art. 26, II; (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 46, de 2005)

      Existe também, sobre as praias, Lei Federal:

      Lei Federal nº 7.661/88 (Plano Nacional de Gerenciamento Costeiro)
      (…)
      Art.10. As praias são bens públicos de uso comum do povo, sendo assegurado, sempre, livre e franco acesso a elas e ao mar, em qualquer direção e sentido, …

      E também a Lei Orgânica do município do Rio de Janeiro (que é a Constituição municipal)
      Lei Orgânica do município do Rio de Janeiro
      Art. 313 – O Município garantirá o livre acesso de todos às praias.

  4. ““Meu estado geral era péssimo, foi discutido com a equipe vários tipos de tratamentos, dentre eles a hidroxicloroquina, e aceitei”,… ”

    -Na hora da morte, até veneno de cobra, se este aumentar em 0,0000001% a chance de sair vivo.

  5. o X da questão é só um. Da mesma forma como Bolsonaro disse que a covid era uma gripezinha, agora com essa história da cloroquina ele quer “vender’ a falsa ideia de que existe um fármaco “mágico” que cura a doença. Então todo mundo pode voltar para as ruas, pois se alguém pegar a covid tem a cloroquina para curar !!! Acho que só imbecis não entenderam a posição do Bolsonaro e da clororquina. Tão simples como 2 + 2 = 4.

  6. Ester Eloisa Addison
    Em razão da dificuldade de algumas pessoas em interpretar textos, transcrevo abaixo a NOVENA MILAGROSA DE NOSSA SENHORA DA INTERPRETAÇÃO DE TEXTO, elaborada pelo cronista Eduardo Affonso:

    “Oh, poderosa Nossa Senhora da Interpretação de Texto, dai-me discernimento para ler o que está escrito, não o que já trago preconcebido em meu espírito. Fazei com que eu compreenda que quando alguém diz que avião tem asa e que galinha também tem asa a pessoa não quer dizer que seja possível abastecer uma galinha com querosene de aviação, lotá-la com 416 passageiros e 18 tripulantes e atravessar o oceano em altitude de cruzeiro, tampouco alimentar um avião com milho, matá-lo, depená-lo e fazer Boieng ensopadinho ou Airbus ao molho pardo. Amém.”

    (Repetir nove vezes, ou até cair a ficha.)

  7. Será que alguém daqui dessa Tribuna tem coragem de declarar para domínio público que se vier a ser contaminado com o coronavírus se recusa a usar o medicamento cloroquina por se tratar de uma sacanagem do Bolsonaro?

      • E lá vem o cara jogando barro.
        A primeira coisa que vou fazer após tomar um espirro de chines de sua autoria é tomar o coquetel recomendo.
        Xô Cara Pálida, derrube seu barro em outras paróquias.

    • Pimenta,

      Tu és uma pessoa esclarecida.
      Um dos melhores comentaristas da TI.
      Mas, ultimamente, mostras um radicalismo que não se coaduna com teus conhecimentos e cultura.

      A tua pergunta, no comentário acima, é um tanto quanto absurda.
      Quem vai decidir se o paciente deve usar a cloroquina é o medico;
      exames anteriores, indicarão se este remédio será ou não adequado ao doente;
      a cloroquina não é milagrosa como querem dar a entender!

      Por último:
      se estabelecemos um debate sobre esta droga, tanto eu quanto o Vidal estamos nos baseando em dados científicos recentes, enquanto observo a defesa intransigente desse medicamento porque tem em Bolsonaro o seu vendedor propagandista.

      Ontem Vidal postou um link a respeito de um estudo científico da cloroquina no John Hopkins, que deveria ser lido, e que demonstra claramente que a droga pode ser usada para pessoas que não tenham lesões cardíacas, diabetes e problemas pulmonares, e junto com outros medicamentos!

      Ninguém é contra a cloroquina, por favor.
      O medicamento não tem esse poder de cura conforme Bolsonaro divulga, só isso!

      • Não é radicalismo de minha parte, combato as idéias e não as pessoas.
        Tenho me dedicado a fazer o contra ponto no radicalismo da esquerda disfarçado de isentões.
        Se qualquer nação de qualquer ideologia apresentar um medicamento que salve a vida dos contaminados com o vírus, vou aplaudir e se contaminado vou tomar .Por ultimo, como cidadão e tendo direito a opinião sou anticomunista declarado.

  8. As discussões aqui travadas na TI atualmente são ideológicas entre aqueles que votaram em Bolsonaro e aqueles que não votaram.
    Dito isso, quando o Estado decide a nossa VIDA, o que acontece atualmente em algumas unidades da Federação e em algumas municipalidades, estreme de dúvida isso é a ideologia NEFASTA e MALIGNA da foice e do martelo: socialismo/comunismo.
    Como posso aceitar uma ideologia como essa, sabendo que um dos seus expoentes, Mao Tsé-Tung afirmou que “o comunismo não é AMOR, pois ele é um martelo com o qual se golpeia o inimigo”, portanto, o comunismo renega o AMOR que, induvidosamente é o estado mais SUBLIME do ser humano.
    Confesso que não estou gostando do comunismo em que nos encontramos atualmente.
    Os governadores dos Estados (SP, RJ, Goiás, Bahia, entre outros) e os Prefeitos de SP, RJ, Salvador, entre outras urbes estão mandando fechar os estabelecimentos comerciais, bares e restaurantes, shopping center, entre outros.
    A sua empresa não é exatamente sua, pois ela abre e fecha quando os governadores e prefeitos querem.
    Aonde já se viu uma coisa absurda dessas?
    Se não me falha a memória já me disseram que em alguns lugares já tem toque de recolher.
    Proibição de irmos em certos lugares como nas praias, ora elas são de domínio da União, de modo que compete ao Governo Federal e não aos prefeitos e governadores proibirem que nelas as pessoas ingressem.
    Não estou dizendo com isso que as praias devem estar LOTADAS como nos verões cariocas, de forma alguma.
    Não estou querendo dizer com isso que quero o Engenhão e o Maracanã e outros estádios de futebol do país recebendo multidões para partidas de futebol.
    Estou sentindo a minha LIBERDADE limitada.
    Não posso visitar os meus familiares, sobretudo a minha querida mãe, pois ela tem 81 anos e está no grupo de risco e, sobretudo porque a minha irmã está apavorada, em pânico, em histeria.
    Agora o PIOR de TUDO, se você tem opinião contrária a desses tiranos governadores e prefeitos, você pode ser PRESO, como aconteceu com uma cidadã em Goiás, amplamente noticiado nas redes sociais, no entanto, soltam criminosos como o apedeuta do Lula, Eduardo Cunha, Dario Messer o DOLEIRO dos doleiros, entre outros.
    Enfim, soltam CRIMINOSOS e prendem INOCENTES.
    Sinceramente, não estou gostando NADA dessa AMOSTRA GRÁTIS de comunismo.

  9. Antes de escrever o texto, CN veste os raivosos antolhos e se esforça para encadear logicamente as suas idéias raivosas. Finalizado o texto, suspira de contentamento, retira os antolhos, revisa o que escreveu e percebe o amontoado de bobagens … entra em parafuso e, nessa condição, comenta o seu próprio texto … o resultado é esse aí.

  10. O detalhe importante é que a hidroxicloroquina, não foi usada no tratamento do Dr. Kalil sozinha, foi em conjunto com outros vários medicamentos, naturalmente para evitar os fortes efeitos colaterais da hidroxicloroquina, que receitada sem os demais medicamentos tem forte possibilidade de invés de curar, matar.

    • Esse medicamento é usado para tratar de malária, lupus e artrite, e não se tem conta de quantos matou, e olha que é usado por décadas.
      Seu Jacob, o senhor não estaria enganado pensando que esse medicamento é Formicida Tatu?
      Pasmem senhores, o doutor Kalil tomou Formicida Tatu e se safou do vírus chines.

  11. A folha tentou mas o Dr. Kalil NÃO DESMENTIU o que Bolsonaro disse. Apenas falou que ficou surpreso com a citação.
    Conclui-se daí que os jornalistas são FOFOQUEIROS pois a própria pessoa não falou o que os jornalistas insistem em dizer que ela PENSOU.
    Depois reclamam quando se fala que a mídia dita oficial acabou.

  12. Comentar o próprio comentário é de uma vaidade infinita. Passei dos 65, vou às ruas, passeio, bebo uma cervejinha e continuo por aí. Quem tiver de morrer por causa do vírus, morrerá. Muita idiotice achar que quarentena, cinquentena, noventena etc vai eliminar o vírus. Trata-se de um prato feito para quebrar qualquer país.Ao final, teremos os que produziram anticorpos e permaneceram vivos e os que não e acabaram morrendo, ficando ou não em casa.

    Em tempo: pânico e pavor também matam.

  13. “DISSE O MÉDICO – Em contrapartida, o Dr. Kalil declara que só age “como profissional de Medicina” e só toca no assunto fazendo importantes ressalvas. Em nenhum momento, comporta-se como o presidente Bolsonaro, que mais parece propagandista de laboratório farmacêutico.”

    O resumo de tudo, nossa enprença é tão ruim, uma merda, um monte de estrume, a qualidade dos jornalistas é tão rasa e soberba que ainda estamos tratando do mesmo flagelo, e ainda por cima criando ou uma barreira ou mais um mito.
    Se a enpreça fosse seria já teria dito o resumo assim, mas como não o é fez tanto alarde da burrice do bozo que o remédio é ruim e , e se o remédio curar mesmo?????? cria-se o mito novamente.
    Essa enpreça é uma merda, um monte de jornalistas bundões que não consegue eleição direta e sem picaretagem dentro do próprio quintal, arrumem a cama antes de se colocarem no papel de salvadores da pátria os iluminados, mas a ânsia de dar o furo tá cegando a crasse.

    • A cloroquina não tem patente. Existe há mais de 70 anos. Todo mundo pode fabricar. É baratíssima. Vem do quinino. Laboratório nenhum vai lucrar trilhões, pois centenas ou milhares o produzem. O Sr. Uip mandou fazer em laboratório de manipulação.
      Realmente não saber isso é má fé.
      Mas como você disse, estão levantando a bola para o Bolsonaro cortar.

      • Como já falei, se o remédio curar 10% dos casos e for xixi de cavalo malhado cubano filho de eguá venezuelana e for o lula que indicou, qual o problema, 10% é melhor do que nada, mas os jornaleiros estão fazendo uma guerra porque o bozo indicou, se o remédio funcionar mesmo essa enpreça e e$$e jornalista$ vão ficar com cara de paisagem.
        Sem falar que tão batendo na tecla da quarentena, dos respiradores, da curva, mas até agora nenhuma informaçã de como, e nem precisa se de quando, só como será a abertura da quarentena? isso os iluminado jornali$ta$ não sabem não procuram saber e a quem isso intere$$a.

  14. A sanha destruidora da esquerda não cessa até em casos que envolvam a vida de milhões de pessoas.
    Alás, a história mostra o que fazem nos países onde se instalaram, embora hoje essa esquerda agora não pratique mais a violência explicita e emigrou para uma mais light conhecida com social-democracia, um nome romântico que arranjaram para substituir o socialismo-fascista.

    Enfim, as coisas mudam, menos o ódio desses fanáticos do socialismo, que ainda preferem ver milhões de mortos morrendo do que aplicar um remédio que tem salvado vidas de muitos, e isto está comprovadíssimo por depoimentos mostrados em vídeos no You Tube, inclusive por médicos que contraíram o covid19 e se curaram usando a cloroquina.

  15. Como deve ser a vida desses fanáticos de esquerda, sempre tendo que engolir a realidade dos fatos e tentar a insana tarefa de distorcê-los?

    Se eles contraírem o covid, precisarão da cloroquina que Trump , seguido de Bolsonaro foram os primeiros a falar sobre suas grandes possibilidades de cura da gripe , e isto os colocarão numa situação insuportável em virtude do ódio que carregam contra aqueles que não compartilham de suas taras e que as combatem como o faz qualquer pessoa de bom senso.

    Enfim, além de tomar a cloroquina, deverão triplicar a dose de remédios psiquiátricos que muitos aqui da esquerdinha faz uso diário.

  16. O protocolo do Mutreta é o Tamiflu (está no protocolo do Ministério) que custa quase 300,00 o comprimido, quando suspeitas de covid. Adivinhem quanto custa o comprido de cloroquina? Apenas 1 real. Precisa desenhar? Esta se chama esquerdopatia, a ideologia que usa de tudo para ganhar a chave do cofre, desde amizades com os maiores traficantes a tratos com o PCC. Isto é a esquerda.

    • Já está na hora de ir ao quintal comer aquela plantinha verde.

      “O medicamento Tamiflu, principal retroviral disponível, utilizado para enfrentar outros tipos de gripe, “não responde ao coronavírus”, declara Henrique Mandetta”. (R7 – 26/02/2020)

      Você acredita no que escreve?

      • Hidroxicloroquina: a substância foi criada em 1945 a partir da cloroquina, um derivado do quinino, a primeira substância com efeito comprovado contra a malária.
        Como explicou em sua conta no Twitter o psiquiatra e professor da Unicamp Luís Fernando Tófoli, o quinino foi isolado no século 19, mas desde o século 17 já era usado por indígenas peruanos como um fitoterápico – eles consumiam a planta cinchona, rica em quinino, a mesma substância da água tônica.
        A hidroxicloroquina, “neta” da cloroquina, é há décadas utilizada para tratar malária e também doenças oncológicas e reumatológicas. Seu efeito antiviral já havia sido confirmado no tratamento de outras SARS (síndromes respiratórias agudas) no início do século.
        Agora, estudos na China e na França publicados nos últimos dias sugerem que possa ser empregada contra a covid-19.
        Após 6 dias, a percentagem de pacientes que receberam HCQ e continuaram com covid-19 caiu para 25%.

  17. É triste assistir o que está acontecendo com o jornalista Carlos Newton, a quem admiro. Mas, comunista é desse modelo, jamais abandonará seu pensamento ideológico e sua inevitável candidatura ao paredão em que caso de mudança de regime, onde a liberdade de imprensa vai para o espaço e garantias individuais e coletivas seguem o mesmo caminho.

    Sua fixação em detonar o presidente Bolsonaro está subindo na cotação da “mídia porca” e não tardará convite para integrar o seleto grupo de “lacradores” da CNN, Rede Globo e jornais por onde, inclusive, possivelmente tenha passado.

    O presidente enfrenta graves agressões todos os dias, que ninguém mais teria condições de enfrentar.

    São ataques covardes. Agora mesmo, nada com o presidente, aqui mesmo, a notícia de que o TRF 1ª Região suspende decisão de 1ª Instância que suspendeu liminar que bloqueou Fundos Partidário e Eleitoral para combater CORONAVÍRUS, Tribuna da Internet publicou ou replicou como se fosse o fato comum, mesmo diante da flagrante Gravidade.

    É desse modo que as coisas andam. Triste. Espero que a outra parte (redes de televisão) sejam mais enfáticas ao abordarem o tema e, como fazem com o Bolsonaro, batam firme na covardia da Justiça e Congresso Nacional.

    Por óbvio isso não acontecerá, razão pela qual estarei sintonizado no Alerta Nacional, onde ganhamos todos muito mais assistindo ao Sikêra Jr., pela Rede TV.

  18. Esse teu raciocínio, Antônio, é o fanatismo!

    Trata-se da mesma ideologia da direita esquizofrênica, que vê e fala com fantasmas, e que os denomina de esquerda diuturnamente.

    E como essa esquizofrenia se espalha entre os fanáticos e radicais:

    “O Tamiflu foi aprovado pela primeira vez nos Estados Unidos em 1999. Foi o primeiro inibidor da neuraminidase disponível para via oral. Faz parte da lista de medicamentos essenciais da Organização Mundial de Saúde (OMS).

    Os efeitos colaterais associados com a terapia com Tamiflu (oseltamivir) incluem: náuseas, vômitos, diarréia, dor abdominal e cefaléia. Raramente incluem: hepatite e enzimas hepáticas elevadas, erupções cutâneas, reacções alérgicas incluindo anafilaxia e síndrome de Stevens-Johnson. Vários outros efeitos colaterais foram relatados na vigilância: necrólise epidérmica tóxica, arritmia cardíaca, convulsão, confusão, agravamento de diabetes, e colite hemorrágica.”

    Como se pode ver, se um paciente contaminado pelo COVID-19 não morrer, o seu óbito será automático pelo uso dessa droga!

    E tu ainda postas que o remédio faz parte do protocolo do Ministério da Saúde, e que Mandetta estaria de olho em propina!

    Uma pequena lembrança, Antônio:
    Mandetta é ministro de Bolsonaro!
    Logo, se corrupto, o chefe o está protegendo!

    O troço tá complicado na TI!

  19. CN, difícil entender você!!! Assim que Bolsonaro manipulando as declarações do Dr. Khalil, ou você manipulando??? Porque você faz isso??? Acha que brasileiro não tem ouvidos ou não sabe ler??? PORQUE VOCÊ FAZ ESTAS COISAS??? Burro tu não é, mau caráter difícil acreditar, parecia uma pessoa de bem. Sujeito tem médico que foram salvos do corona-vírus com a cloroquina e por “ética médica” não querem declarar como foram curados. Bolsonaro é o PRESIDENTE DO BRASIL ELEITO PELA MAIORIA DE BRASILEIROS, PORRA DEIXEM GOVERNAR ELE, VOCÊ E SEUS AMIGOS ESPEREM ATE 2022 E SE QUISEREM E PUDEREM ELIJAM OUTRO, AINDA QUE A MAIORIA TENTAREMOS REELEGER BOLSONARO!!!

  20. João Amaury Belem, tem o meu apoio.
    Tenho dito em algumas postagens que o legado, a herança deixada pelos comunistas se contabilizaram em milhões de cadáveres.
    Hoje aqueles carniceiros da humanidade já se foram mas deixaram as sequelas daquela pestilência.
    É um regime que se caracteriza por eliminar radicalmente os opositores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *