Bolsonaro se omite e Mourão terá de sair em defesa da ala militar do Planalto

Esse é o Mourão, morou?!!!

Charge do Kacio (Arquivo Google)

Merval Pereira
O Globo

O vice-presidente, general Hamilton Mourão, vai acabar assumindo o protagonismo na defesa da ala militar, que entendo está se aproximando de uma fase de reação. Não caiu bem entre eles a revelação, pela revista Veja, das intrigas e brigas palacianas da ala ideológica contra militares, principalmente contra o general Eduardo Ramos, da Secretaria de Governo.

A desculpa meia boca do ministro Ricardo Salles, do Meio Ambiente, não acertou as coisas. As brigas de bastidores continuam e nas redes sociais, os grupos ideológicos são violentos e incontroláveis.

É uma situação difícil e o presidente Bolsonaro não está disposto a intermediá-la. Um militar me disse claramente que “o Jair é fraco de liderança”. Acredito que essa história ainda vai render.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGA revelação de Merval Pereira mostra que nada mudou e o presidente Jair Bolsonaro continua dominado pela “ala ideológica”, formada pelos três filhos e o guru virginiano Olavo de Carvalho, que é uma espécie de Rasputin imberbe e de boca suja. (C.N.)

10 thoughts on “Bolsonaro se omite e Mourão terá de sair em defesa da ala militar do Planalto

  1. Bolsonaro é um Lula emburrecido ou, visto de outro lado, Lula é um Bolsonaro refinado.
    O que soma á favor de Lula é que ele não precisou diploma de milico para provar que é um jerico.

  2. Como eu já venho falando aqui no TI as alas divididas das FFAA irão se enfrentar.

    2 alas dividem as FFAA:

    a) Ala nacionalista
    b) Ala entreguista

    A ala entreguista estão compondo o governo junto com o Bozo, como por exemplo: general de pijama Heleno, Mourão, Luiz Ramos, Pazuello,…

    A besta do Bozo ainda deu para atacar militares entreguistas que o apoiam, mas que agora caíram em desgraça: como é o caso do Otávio do Rêgo Barros, e agora do Mourão e do Braga Netto, que também é alvo constante da ala olavete .

    O passado indigno do Bozo nas FFAA fez com que ele não tivesse escolha a não ser se aliar a ala entreguista das FFAA.

    Mas para burrice estratégica do Bozo, a ala entreguista das FFAA são insignificantes dentro da corporação militar, e se essa ala entreguista ficar de saco cheio do Bozo, ele não se sustentará.

    Que venha o conflito entre as alas das FFAA!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *