Cachoeira fez ‘mutreta’ até para Beija Flor ser campeã em 2011

Paulo Peres

No país do futebol e do carnaval tudo pode acontecer, conforme matéria publicada  no Jornal do Brasil online, inclusive com a participação de Carlinhos Cahoeira, o qual teve uma de suas diversas conversas gravada pela Polícia Federal durante a Operação Monte Carlo, onde se revela que o título de 2011 da Beija Flor foi uma “mutreta”, proveniente de um “tipo de negócio” entre o bicheiro goiano e a agremiação de samba do Rio de Janeiro.

As informações constam em inquérito enviado ao Supremo Tribunal Federal, pela Procuradoria Geral da República. A transcrição de escuta de ligação telefônica feita pela Polícia Federal entre Carlos Augusto de Almeida Ramos, o bicheiro Carlinhos Cachoeira, e um homem identificado apenas como Santana, mostra que ele tem um “tipo de negócio” com a escola.

É o que diz o documento que registra a ligação telefônica realizada dia 09/03/2011, às 18h29. Era quarta-feira de Cinzas do carnaval de 2011. As informações e o documento foram divulgados pelo Blog 247.

“Falam sobre a vitória da Beija-Flor, a escola de samba na qual Carlinhos tem um tipo de ‘negócio’. Carlinhos confirma que teve mutreta para obterem a vitória. Combinam de tomar café amanhã e chamar Elias, que é jornalista”, conforme mostra a íntegra da descrição.

O resumo da gravação consta à página 15, no Volume 1 do Inquérito da Procuradoria Geral da República, nº 3.430, que investiga as ligações de Cachoeira, e que foi entregue à CPI do Cachoeira e à Comissão de Ética do Senado, e publicado pelo site 247.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *