2 thoughts on “Charge do Duke

  1. Por falar em água, cadê ela?
    O Brasil não é o país mais privilegiado do mundo , que tem mais água no mundo, segundo o que esquerdinha nossa apregoa, exacerbando no “nacionalismo” e alertando contra o malvado Tio Sam?
    Qualquer hora, o Tio vai nos mandar navios de água, como fez com o etanol, que os bobinhos e os malandros diziam que seríamos a bomba de combustível do planeta.
    Assim foi na informática há décadas, quando de peito estufado os malandros da demagogia nacionalista alardearam que faríamos nossos próprios computadores , mas fizeram mesmo foi mais uma estatal, a COBRA, como todas as outras, para eles mamar e o povo se ferrar, como a Petrobrás que agora todos vêem no que dá.

  2. Prezado Sr. MAURO JÚLIO VIEIRA, Saudações.
    O grosso de nossa água, como a do Mundo, está no MAR. Temos +- 13.000 Km de frente para o Oceano Atlântico. Enquanto não secarem os Mares não faltará água na Terra. Há, tem que dessalinizar, custa ALGUM, sim, mas também a Água Doce tem que ser tratada e também tem CUSTO. Pelo que se observa em ISRAEL, País que já usa +- 40% de sua Água via usinas de Dessalinização para tratar Água do Mar Mediterrâneo, esse Custo é +- 2,5 Vezes o Custo da Tratamento de Água Doce e tende a baixar.
    Quanto a Lei da Informática, a Estatal COBRA, a PETROBRAS SA, etc, a ideia é DESENVOLVER TECNOLOGIA NACIONAL e nos independizar em setores estratégicos para nossa SEGURANÇA. Muita coisa deu errada, houve abusos, tem problemas, sim, mas não se pode jogar fora o BEBÊ com a água do banho e tudo. Temos que fazer CERTO na outra vez, porque a ideia de SOBERANIA NACIONAL é boa. Abrs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *