Com Acio, Itamar retorna em Minas

Pedro do Coutto

Durante a homenagem prestada pela ABL a Tancredo Neves pela passagem de seu centenrio de nascimento, o governador Acio Neves, neto do homenageado, segundo reportagem publicada dia 23 pela Folha de So Paulo, admitiu o retorno de Itamar Franco como seu companheiro de chapa ao Senado por Minas.

Uma chapa forte, sem dvida alguma, unindo o verdadeiro autor do Plano Real, nova gerao de polticos que ingressou no presente, atravs de duas vitrias espetaculares para o governo do Estado, o futuro que, como se diz habitualmente a Deus pertence.

Mas em termos atuais a chapa Acio-Itamar acrescenta tambm a Jos Serra como candidato a presidente da Repblica, pois MG o segundo colgio eleitoral do pas. Acio e Itamar, sem dvida, compem uma unidade entre o PSDB e o PPS com reflexo na sucesso presidencial. No creio que a ponto de derrubar Dilma Roussef fortalecida pelo rolo compressor do governo Lula. Mas capaz de reduzir substancialmente uma diferena de votos que seria grande demais.

No acredito que a candidatura Jos Alencar acrescente a Dilma mais votos do que Itamar a Serra. Alm disso, Itamar reduz bastante a influncia de Ciro Gomes, que foi seu ministro da Fazenda e j o elogiou publicamente por vrias vezes. Mas deixou de trabalhar em silencio e decidiu assumir uma ofensiva que estava faltando a Jos Serra. Estava faltando, no. Est faltando. Pode ser que agora, contudo, com Itamar, adquira maior autoconfiana e parta para uma luta que, se no foi envolvida pelo calor do embate poltico, perde seu apelo e grande parte de seu charme natural. Poltica emoo, j tenho dito.

Hoje, lembro a frase de um discurso do senador Otvio Mangabeira, em 57, quando faleceu o ex-presidente Bernardes, seu adversrio poltico: ele tombou de p, senhor presidente, ainda sentindo o cheiro da plvora dos combates polticos. Esta plvora falta a Serra, mas no a Itamar que, se companheiro de chapa de Acio, em Minas, pode terminar candidato a vice na chapa do prprio Serra. A oposio no tem homem melhor e mais afirmativo. Afinal um presidente que deixou o Planalto consagrado pela opinio pblica. Autor do Plano Real e parece incrvel- do ltimo aumento geral de salrios no pas: 27% para todos, incluindo os servidores pblicos, a partir de dezembro de 94.

Foi sucedido infelizmente por Fernando Henrique, responsvel pela pior poltica trabalhista que o pas j teve. No ficou sozinho nesta posio. Foi acompanhado por Garotinho que agora novamente tenta o Palcio Guanabara. Ambos foram um verdadeiro desastre para os assalariados e timos para os banqueiros. Negcios em cima de negcios, doaes em cima de doaes, procedncias estranhas para financiamento de campanhas eleitorais. Mas isso pertence ao passado. Agora s o presente e o futuro.

Itamar fortalece bastante a oposio. No somente para o Senado mas como candidato a vice presidente. Transfere a Serra uma combatividade que Serra no parece ter. Alm disso, retira de Serra a crise de temor que o est visivelmente envolvendo e mostra que em matria de urna no h ningum invencvel. Com Itamar torna-se possvel. No provvel, mas possvel. Com Serra sozinho, impossvel.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.