Condenado no processo mensalão, Dirceu pediu permissão para ir ao enterro de Chávez

José Carlos Werneck

Os advogados de José Dirceu protocolaram, no Supremo Tribunal Federal, petição solicitando ao presidente da Corte, ministro Joaquim Barbosa, em caráter de urgência, autorização para que o ex-chefe da Casa Civil, condenado a 10 anos e 10 meses de prisão no processo do Mensalão, possa ausentar-se do País, para comparecer aos funerais do presidente da Venezuela, Hugo Chávez.

Dirceu está proibido de deixar o País, “sem prévio conhecimento e autorização do STF”, segundo ordem do próprio ministro Joaquim Barbosa.

Os defensores sustentam que Dirceu quer comparecer ao enterro “em razão da relação de amizade que mantinha com o presidente Hugo Chávez”.

Os advogados declaram no documento,que, “Caso haja autorização desta Suprema Corte o retorno ao Brasil será realizado 24 horas após a cerimônia fúnebre.”

 

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *