Conversa com leitores: as moedas podres na privatizao e os 37 ministros de Dona Dilma

Carlos Fernandes:
“Sempre ouvi falar em moedas pobres, mas como funcionava?”

Comentrio de Helio Fernandes:

Foi a mais revoltante e criminosa “soluo” encontrada pelo governo FHC-Serra para DOAR o patrimnio brasileiro. O “comprador” apresentava papis pblicos sem liquidez, como aes de empresas estatais j fechadas h anos, falidas, praticamente inexistentes, ou outros papis, como os famosos Ttulos da Dvida Agrria, que latifundirios recebiam do governo em caso de desapropriao, eram considerados “podres”, porque o valor era mnimo, ninguem queria.

A Comisso de Desestatizao, criada por FHC, atribuiu a esses ttulos valores estratosfricos (o valor de face, no de mercado, que era praticamente nenhum). Grandes empresas foram “vendidas” dessa forma criminosa.

Por isso, insisto numa CPI para a DESESTATIZAO. Basta um dia de trabalho e estaro todos na cadeia. lgico que no haver CPI alguma.

Jorge Morales:
“Por favor, Helio, quantos ministros ter a candidata de Lula assim que chegar ao que voc chama de Planalto-Alvorada? E alguns continuaro?”

Comentrio de Helio Fernandes:
Elementar, meu caro Morales, os mesmo 37 de Lula. Esse nmero no por necessidade e sim por oportunidade. Como o PMDB no se interessa pelo Poder propriamente dito, e sim por partes suculentas desse Poder, vai querer a mesma coisa ou mais.

Alguns ficaro, como Meirelles, Dona Dilma no sabe nem com quem falar no FMI para demiti-lo. E o “grupo duro” do Poder tambm continuar. Esse imprescindvel para ela.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.