Datena elogia a terceira via e sonha em formar chapa junto com Ciro Gomes em 2022

Apresentador José Luiz Datena ainda não se decidiu se será candidato à presidência, ao governo de São Paulo ou ao Senado

Datena em duvida sobre Senado, Governo ou Presidência

iG Último Segundo

Filiado recentemente ao PSL , o apresentador José Luiz Datena confirmou em entrevista à revista Veja que seu nome estará nas urnas nas eleições de 2022. Cotado como alternativa a Lula e Bolsonaro, ele disse, entretanto, que não sabe ainda se sua candidatura será ao Senado, ao governo de São Paulo ou à presidência. Segundo ele, está nas mãos do partido.

“Isso depende do partido. Eu continuo ancorado com a possibilidade de disputar o senado ou o governo de São Paulo”, afirmou.

SEM MEDO DAS URNAS – Por enquanto eu sou apresentado como pré-candidato único do PSL e não tenho medo nenhum de disputar a Presidência da República. Pelo contrário. Cada vez mais se concretiza a possibilidade de que exista mesmo uma terceira via para que o brasileiro tenha mais opções. O Brasil precisa pensar em si, não só em duas pessoas. Lula e Bolsonaro já fizeram o que tinham que fazer pelo Brasil”, disse.

Com 7% das intenções de voto, segundo levantamento divulgado ontem pelo Paraná Pesquisas, Datena ainda especulou uma possível aliança com outro nome da “terceira via”: o pedetista Ciro Gomes.

ABRIR MÃO – “Sem o Bolsonaro e sem o Lula eu abriria uma vantagem grande sobre o Ciro, que é um candidato muito bom. Na média das pesquisas eu e ele temos 7% cada um. Juntos, 14%. Já pensou numa aliança com o Ciro? (…) Não está afastada nenhuma possibilidade. Para você quebrar a probabilidade de ter uma disputa entre só dois, alguém deve abrir mão.”

O apresentador ainda rechaçou a ideia de que ele seria um candidato de direita. Ele afirmou que, como apresentador, aborda mais temas sociais do que policiais e que possivelmente disputaria muitos votos da esquerda com o ex-presidente Lula. “Não tenha dúvida que tem muito cara de esquerda que vota em mim”, afirmou.

19 thoughts on “Datena elogia a terceira via e sonha em formar chapa junto com Ciro Gomes em 2022

  1. LUCIDEZ (Nova Política, Sistema Novo, TVV) X LOUCURA (Velha Política, Sistema Velho, Mais dos Me$mo$). Basta de falácias. Vocês estão me entendendo, Lula, Bolso-dória-leite-mannetta$…, puxadinho$ e afin$ ? É este, povo brasileiro, o jogo político que vale a pena jogar na política do Brasil, aqui e agora, porque a republica que aí está, há 131 anos, transpirando decadência terminal por todos os seus poros, é do Brasil, mas o Brasil que é muitíssimo maior, não é propriedade da república mas é, isto sim, do povo brasileiro, e se ela, república, se perdeu na vida, se prostituiu ou foi prostituída, idem em relação à política, o Brasil não pode ser obrigado a suportá-la a vida toda, porque Ele, o Brasil, tem mais o que fazer, tem 215 milhões de bocas para sustentar, e tem que encontrar novas fórmulas capazes de alimentar satisfatoriamente todo esse enorme contingente populacional, em todos os sentidos, até porque o Brasil e o povo brasileiro não podem ficar a vida inteira à mercê de negócios e interesses pessoais de “gigolô$ da dita-cuja prostituída, e muito menos escravos dos me$mo$. O meu finado e saudoso pai me ensinou desde criancinha que nada convence mais do que a verdade, e assim eu toquei a minha vida, e assim pretendo ir com ela até o fim, sem me render à mentira e muito menos à corrupção, não obstante o alto risco de não chegar a lugar nenhum por esse caminho face à paixão nacional que acomete cerca de 50% da população por fake news, bravatas, mentiras, enganações, embustes, malandragens e afin$, que já virou doença motivada pela mania de levar o máximo de vantagem em tudo o tempo todo à moda vapt-vupt, infelizmente. Por outro lado, “Estadão”, “Folhão”. “Globão” e afin$, na política, fedem à passado funesto, são sinônimo de ardência no botão da população. Verdade seja dita, Justiça seja feita, no sistema apodrecido existem apenas duas vias, a saber: oposição e situação, e o resto são variantes, ou puxadinhos das me$ma$, como já restou claro como a luz do sol do meio dia em 2018. E, sintomaticamente, no âmbito do dito-cujo sistema apodrecido, à moda 2018, já existem umas dez terceiras vias do tipo mais dos me$mo$ prontas para se repetiram e quem sabe aplicar mais 171 eleitoral na população outra vez em 2022 tb. Portanto, quando se falar em terceira via, na política brasuca, por questão de honestidade informativa face a desinformação partidária reinante na mídia dos me$mo$, há que se especificar, como no caso abaixo, para que ninguém alegue ignorância no futuro, que trata-se da terceira via variante do continuísmo da mesmice do sistema apodrecido, ou seja, mais dos me$mo$, que nada tem a ver com a Terceira Via de Verdade, antissistema, a Nova Política de Verdade, proposta pela RPL-PNBC-DD-ME, tal seja o megaprojeto novo e alternativo de política e de nação, o novo caminho para o novo Brasil de verdade, porque evoluir é preciso, que não pode ser confundia com osso para não ir parar na boca de cachorro$, nem grandes e nem pequenos, como fizeram os penetras e charlatões conceituais em relação à Nova Política em 2018. ADEMAIS, para concluir, se a velha política tb se apaixonou pelas nomenclaturas Nova Política e Terceira Via de Verdade, típicas da RPL-PNBC-DD-ME, que de fato representa o Novo de Verdade a ser estabelecido no lugar do velho que já morreu, e até querem se passar por elas como aconteceu em 2014, 2018 e já começaram a emitir sinais de que vão tentar repetir a farsa tb em 2022, deve ser porque elas, a Terceira Via de Verdade e a Nova Política de Verdade, da RPL-PNBC-DD-ME, são realmente boas, convincentes, e não deve ser à toa que 50% da população está flertando com Elas desde Junhoi de 2013. PORTANTO, o desafio histórico está posto, com duas opções falsas e uma verdadeira, a saber: uma representando o Novo de Verdade que precisa se estabelecer para tornar possível o descortino de novos horizontes; e as outras duas opções, velhas conhecidas, que representam o Velho que já morreu e precisa ser enterrado. E é você, povo, que tem que decidir, livre e democraticamente, qual o melhor caminho a seguirmos, doravante, se pelo menos um partido da ditadura partidária deixar, é claro, posto que dona do monopólio eleitoral. Dito isto, a quem interessar possa, feita a distinção, separado o joio do trigo, segue o desafio… http://www.tribunadainternet.com.br/candidatura-da-terceira-via-precisa-unir-o-pais-exatamente-como-itamar-conseguiu-em-1992/?fbclid=IwAR1zx7zLQVYi1Zar8zGJ_fjnCxFRjEyWSEYN14IgnpucbAnU5hOm8VQISSU

  2. Pra quem acreditou em

    Boçalnazista, coiteiro de milicianos

    Moroso, ex-sinistro de Boçalnazista

    Datena, até ontem eleitor e admirador confesso de Boçalnazista, é certeza de continuísmo da supremacia criminosa miliciana.

  3. Dá até pena do Dapena….

    Dapena foi filiado a Organização Criminosa dos Petralhas de 1..992 á 2.015 quando pediu desfiliação do Partideco Corrupto.
    Quando seu Partideco Corrupto estava em envolido em crimes como Mensãlão e Petrolão, e tantos outros, Dapena ainda era filiado aos Criminosos.
    Nunca deu um pio., e nem chamou seus integrantes do Partideco de Ladrões.
    Entonces, o que dizer de um sujeito desses, que agora quer ser o Novo Salvador da Pátria.?

  4. Voto até no “tinhoso” para sumir com o ladrão cachaceiro e o Coiso do mapa…
    Que morram os dois…
    E logo…
    Antes das eleições de 22.
    Credo !

  5. Datena incorre no mesmo erro de avaliação de seus colegas conhecidos nacionalmente:
    “se o Brasil me conhece, a minha eleição será fácil.”

    Pode até ser, mas também significará que não resolveremos nossos problemas, ainda mais os graves, e que se arrastam à espera de quem saiba equacioná-los.

    A realidade dos televisivos é muito diferente daquela do povo.
    Assim como no antro de venais a vida é outra, para os famosos acontece o mesmo, pois desconhecem a brutal dificuldade para a população sobreviver neste país do faz de conta.

    De antemão já vislumbro:
    incentivo às artes;
    salamaleques exagerados;
    perdidos na política deletéria e deplorável que nos comanda;
    até ceder, estender as mãos e clamar pela ajuda do centrão que, “se gritar pega ladrão não sobra um, meu irmão”, conforme palavras do general de Exército Heleno.

    Depois, seria um entra e sai de gente ligada à televisão e que seria convidada para ser ministro, secretários, diretores … holofotes por todas as partes do Alvorada, Planalto, exatamente como um programa de TV, que o Brasil seria um reality show em seguida.

    Seríamos um BBB nacional:
    brasileiros bobos e suas bobagens.

    Datena, sossega.
    Se é assim vou chamar o Huck.
    Melhor, pensei agora:
    se as eleições tiverem “famosos” participando, então acho que um deles teria mesmo chances de vencer:
    Meu voto seria para William Bonner!!!

    Lula e Bolsonaro poderiam até mesmo compor a mesma chapa!

    Bonner para presidente seria muito melhor que o Datena, Huck, Ratinho, e outros menos votados.
    Silvio Santos pela idade avançada estaria de fora, apesar de que se sairia um bom presidente, e digo isso com convicção.
    Seria o nosso Ronald Reagan, porém com mais diplomacia e competência.

    Bonner para presidente!!

    • Ôoo, Bendl.
      Primeamente, Boa Noite!
      Ora brasileiro é um povo diferente, né?
      Vamos lembrar que por um tiquinho os paulistas não elegeram Netinho para o Senado. Já o fluminense, muito masoquista com o Estado, coloca jogador de futebol, pastor e miliciano…

  6. Agora o Ciro Gomes está eleito.
    Pode encomendar o terno de posse.
    Será o próximo presidente da República!
    Tipo de dobradinha invencível.
    DO TIPO QUE O POVÃO ADORA!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *