Delegados e procuradores reagem às ameaças do novo ministro

A entrevista do ministro Aragão à Folha foi um desastre

Deu em O Antagonista

A Polícia Federal e o Ministério Público reagiram à entrevista delirante de Eugênio Aragão, que certamente errou na dose de ayahuasca antes falar com a Folha de S. Paulo, ao ameaçar afastar as equipes da Lava Jato se houver vazamento de informações, mesmo que não haja provas contra os federais.

O presidente da Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal, Carlos Miguel Sobral, acusou o ministro de querer destruir a Lava Jato:

“Isso demonstra duas coisas: revela a vulnerabilidade da Polícia Federal, que não tem sua autonomia garantida na Constituição e na lei, e exibe também a pressa em acabar com a maior investigação de combate ao crime organizado da história do Brasil”.

O presidente da Associação Nacional dos Procuradores da República, José Robalinho Cavalcanti, também reagiu:

“O ministro escorregou ou está fazendo um discurso político ao falar em extorsão. Não há extorsão alguma. Não há delação premiada sem voluntariedade no Brasil e nem na Lava Jato. O ministro disse que há uma politização dos agentes de Estado. Com todo respeito, ao falar em extorsão, quem está tentando politizar a Lava Jato é o ministro da Lava Jato. Todas as delações foram tomadas com voluntariedade e analisadas por um Judiciário técnico e livre”.

UNIÃO DO VEGETAL

Como se sabe, o novo ministro Eugênio Aragão é adepto da seita do Santo Daime e declarou que não tem frequentado a União do Vegetal “por falta de tempo”.

Então, vamos lhe dar esse tempo, afastando-o imediatamente do cargo a que foi indevidamente alçado.

36 thoughts on “Delegados e procuradores reagem às ameaças do novo ministro

    • Não duvide. Na verdade, a indicação desse mais novo delinquente potencial para o cargo de Ministro, . . . escancara que, a ausência de indivíduos com as qualificações indispensáveis para ocupar funções públicas dentro dos quadros “partidários” da “prole” marxista reinante no PT e em TODA a “Base Aliada” (em debandada), chegou ao ESGOTAMENTO, . . .

      Daqui para frente, se continuarem a insistir nessa FARSA, a “falta de opções” os levará aos estertores de serem obrigados a convidar um “Marcola”, ou mesmo um “Fernandinho Beira-Mar”, para ocupar o “MISTÉRIO da Justiça” (da Era Petralha!) . . . não duvide! . . .

      • Engano, Zara, ele tem todas as “qualificações” indispensáveis para ocupar, neste momento, o cargo de ministro da justiça do governo petista.
        Que não são, evidentemente, as mesmas que qualquer de nós exigiria do candidato a ministro se fossemos oresidentes da república.
        Basta ler as declarações dele: é exatamente quem Dilma e Lula querem no cargo para melar a LavaJato.

          • Tribunários Wilson e Zaratrusta
            Permitam-me concordar com ambos.
            Minutos atrás conversando com amigo, levantei a questão de falta de nomes e de qualidade. Os anos passaram e os petistas perderam muitos companheiros. A maioria tinha valor e terminaram ficando com o resto do lixo.
            Assim, mesmo que escolham para agir em nome do partido, da política e das lideranças, os escolhidos são de qualidade pequena ou duvidosa.
            Nunca na história de nosso país, tantos incapazes, desqualificados e sem caráter assumiram cargos nos governos, nos três níveis e o PT está se esmerando nisto.
            Saúde e abraço.
            Fallavena

  1. Caro Carlos Newton, EM TEMPO: Não desmerecendo em absoluto as importantíssimas contribuições do nosso caro Tamberlini, gostaria apenas informa-lo que o texto acima publicado não é de sua autoria, mas sim do “O Antagonista”, o que entendo seria de bom alvitre que fosse corrigido o seu “protagonismo” como o responsável pelo envio do texto, mas não pela sua redação, . . .
    Abrçs

  2. No http://pensabrasil.com/portugal-manda-novo-recado-ao-brasil-se-voces-nao-prenderem-lula-nos-iremos-fazer/

    “Autoridades policiais que investigam o negócio Oi-PT suspeitam da existência de movimentos que terão facilitado as autorizações políticas. Estes poderão ter partido das construtoras brasileiras, após receberem o dinheiro devido pela PT.”

    “O Ultimo comunicado do Brasil foi enviado ontem, dia 19/03/2016, dando prazo de 72 horas para uma posição concreta no que trata “Prisão do ex-presidente LULA”
    (Via agencia) – http://www.publico.pt

    • O governo está tão perdido nas ” explicações ” que o Cardozo havia pedido para defender a Dilma na reunião da OAB que decidiu pelo pedido do impeachment. A OAB aceitou e ele não foi… A oposição deveria chamar o Mercadante para ele se explicar na questão do Delcídio, pois até agora só o Mazagão foi punido com a demissão feita pelo Renan..

    • Vi o pedido, extremamente bem feito, inclusive pegando um fato que eu não conhecia que é a sua não opção pelo regime jurídico anterior, ou seja até o fato dele ter entrado no MP em 1987 vai por água abaixo…Calcule a imagem do Brasil no exterior…

  3. Esse sujeito não engana ninguém. Inclusive, no jargão da Organização Criminosa que tomou o poder, esse sujeito, reparem bem, tem a cara de b..da. Não vai fazer nada disso, viu, cara de bu..da! Pede a “pepeta” prá mamãe Dilminha Gonorreia (apelido da desnorteada nos tempos em que viveu em Belo Horizonte), e vá naná, tomando aquele chazinho da erva verde catada na floresta, que você tanto aprecia. Depressa, porque o seu Lobo já vem, como alertou o comentarista Ednei Freitas.

  4. Mais uma idiotice que só vai piorar o que já está péssimo. Todas as entrevistas dadas pelo pessoal da Lava Jato, sempre tem dois promotores e dois delegados. Quando surge uma pergunta mais indigesta para um delegado, ele passa a resposta para o procurador. O Aragão vai fazer o que contra um procurador??? Patético…

  5. Quando um governo está nos seus extertores aí mesmo é que se verificam as maiores aberrações. E até agora não foram poucas, mas pelo jeito vem mais por aí. São essas aberrações que parecerão mais interessantes de analisar depois de passada a crise.

  6. Do G1, em São Paulo

    Facebook

    Pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (19) no jornal “Folha de S.Paulo” indica os seguintes percentuais, na opinião dos entrevistados, sobre como os deputados deveriam votar em relação ao impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT):

    – Sim: 68%
    – Não: 27%
    – Indiferente: 3%
    – Não sabe: 2%

    Na pesquisa anterior, de fevereiro, 60% se disseram a favor do impeachment, contra 33% que era desfavoráveis.

    Esta reportagem está sendo atualizada com os dados da pesquisa.

    O Datafolha realizou o levantamento nos dias 17 e 18 de março. O instituto ouviu 2.794 eleitores em 171 municípios de todo o país. As somas podem passar ou ficar abaixo dos 100% por conta de arredondamentos, informou o instituto.

    A pesquisa quis ainda saber se os entrevistados entendem que Dilma deveria renunciar. Os resultados foram:

    – Sim: 65%
    – Não: 32%
    – Não sabe: 3%

    Com relação à avaliação do governo, o resultado foi:

    – Ótimo/bom: 10%
    – Regular: 21%
    – Ruim/péssimo: 69%

    O Datafolha também questionou os ouvidos sobre se Dilma vai ou não ser afastada do governo:

    – Não vai ser afastada: 47%
    – Sim, vai ser afastada: 46%
    – Não sabe: 7%

  7. O Ministor Aragão está mais do que certo. Quando vaza uma notícia pela PF quase sempre existe dinheiro na parada ninguém faz de graça. Será que o diretor da PF não sabe de nada? É u muito dificil não saber. Anjinhos só no céu.

  8. Diz o velho ditado: Cachorro danado todos a ele. No caso o cachorro danado é o Lula. Uma pergunta ingénua: Delcídio foi preso em flagrante. Fizeram busca e aprensão em seu gabinete em sua casa em seu escrtório em sua fazenda? Não. Por quê será?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *