Dilma veta financiamento de empresas a campanhas

Deu no iG

A presidente Dilma Rousseff deixou assinado, antes de viajar para os Estados Unidos, o decreto presidencial que veta o financiamento empresarial de campanhas eleitorais. O veto deverá ser publicado na próxima quarta-feira, prazo final para a publicação da reforma política aprovada pelo Congresso Nacional no começo deste mês.

Com o veto, a presidente acompanhou a decisão do Supremo Tribunal Federal que, na semana passada, considerou, por oito votos a três, que as doações de pessoas jurídicas para campanhas são inconstitucionais.

O veto de Dilma barra a proposta aprovada pelo Congresso que permite as doações de empresas até o limite de R$ 20 milhões.

Dilma está em Nova Iorque. Assistiu nesta sexta-feira o discurso do Papa Francisco na Organização das Nações Unidas, e onde vai discursar na segunda-feira (28) na abertura da sessão de debates da 70 reunião da Assembleia Geral da ONU.

3 thoughts on “Dilma veta financiamento de empresas a campanhas

  1. Tem que vetar mesmo (desde que não inventem o tal de financiamento público). Pq político tem que fazer campanha com marquetagem? Que mostre serviço a favor do povo e então o eleitor vai saber em quem votar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *