Doleiro da Lava Jato pagou obra do prédio do triplex de Lula

Vaccari se complica e vai levando o PT de roldão

Cleide Carvalho e Germano Oliveira
O Globo

Um grupo empresarial que recebeu R$ 3,7 milhões da GFD, empresa usada para lavar dinheiro do doleiro Alberto Youssef, repassou quase a mesma quantia para a construtora OAS durante a finalização das obras de um prédio no Guarujá onde o ex-presidente Lula tem apartamento. Entre 2009 e 2013, a empresa de Youssef fez vários pagamentos para a Planner, uma corretora de valores mobiliários. Em 2010, a Planner pagou à OAS R$ 3,2 milhões.

A suspeita do Ministério Público Federal é que parte do dinheiro de Youssef repassado à Planner possa ter sido usada para concluir a obra iniciada pela Cooperativa Habitacional dos Bancários (Bancoop), que foi presidida pelo ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto. Vaccari e Youssef estão presos na Operação Lava-Jato.

O repasse da GFD para a Planner aparece entre os primeiros documentos analisados pela Polícia Federal depois da quebra de sigilo fiscal das empresas de Youssef. Já a negociação financeira entre a OAS e a Planner consta do processo que investiga irregularidades na Bancoop que tramita na 5ª Vara Criminal de São Paulo, segundo documentos obtidos pelo GLOBO em cartório de registro de imóveis do Guarujá.

EMISSÃO DE DEBÊNTURES

A OAS afirmou na terça-feira que a Planner foi usada apenas para a emissão de debêntures (títulos da empresa). Carlos Arnaldo Borges de Souza, sócio da Planner, afirmou que o dinheiro da GFD refere-se à “compra e venda de ações”. Disse ainda que o repasse de R$ 3,2 milhões para a OAS foi resultado da compra de debêntures emitidas pela construtora, que deu o imóvel em hipoteca. Luiz Flávio Borges D’Urso, advogado de Vaccari, não quis se manifestar por desconhecer a operação.

O Edifício Solaris é emblemático. Lula é dono de um tríplex avaliado entre R$ 1,5 milhão e R$ 1,8 milhão. Vaccari é dono de um apartamento avaliado em R$ 750 mil no mesmo prédio. Além dos dois, também é dona de imóvel no edifício Simone Godoy, mulher de Freud Godoy, que foi segurança do ex-presidente Lula.

O Instituto Lula voltou a negar nesta terça-feira que o ex-presidente possua apartamento no Edifício Solaris. Afirmou que a família de Lula é dona de uma cota no empreendimento, adquirida em nome de dona Marisa Letícia Lula da Silva em 2005 e quitada em 2010. A família não teria escolhido ainda se receberá de volta o dinheiro investido ou um dos apartamentos.

GARANTIA DA CONSTRUTORA

A Planner usou duas empresas do grupo. Enquanto a corretora recebeu de Youssef, a Planner Trustee repassou recursos para a OAS. A construtora havia assumido as obras do Edifício Solaris em 2010, depois que a Bancoop se tornou insolvente. Logo em seguida, a Planner repassou os R$ 3,2 milhões à OAS e recebeu o empreendimento como garantia da construtora.

O Ministério Público de São Paulo, que denunciou Vaccari em 2013, vai reabrir as investigações sobre o relacionamento da OAS com a Bancoop, e as provas serão compartilhadas com os procuradores da Operação Lava Jato. Os promotores querem saber o que levou a OAS a assumir obras de uma cooperativa habitacional insolvente.

O promotor José Carlos Blat, do MP de São Paulo, já havia descoberto que o dinheiro da Bancoop irrigou campanhas do PT. Para isso, o partido usou empresas de fachada, que prestaram falsos serviços à cooperativa. Vaccari é réu por estelionato, formação de quadrilha, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro. Em abril passado, ele foi preso na 12ª etapa da Lava Jato, e responde na Justiça Federal sob acusação de receber propina do esquema de corrupção na Petrobras.

A Lava Jato ainda investiga porque a OAS teve prejuízo na compra de um apartamento, no mesmo prédio, da cunhada de Vaccari, Marice Correia de Lima. Ela tinha um apartamento declarado por R$ 200 mil e o vendeu à construtora por R$ 432 mil. A OAS, no entanto, revendeu o imóvel por menos: R$ 337 mil. Marice teria recebido, a mando do doleiro Youssef, R$ 244 mil provenientes da OAS.

9 thoughts on “Doleiro da Lava Jato pagou obra do prédio do triplex de Lula

  1. Pega Ladrão!!!

    Gabriel o Pensador

    “- Vossa Excelência, agora explique, mas não complique!
    – Vossa Excelência, eu já expliquei! Eu não vi essa lista.
    Eu afirmo com a mais absoluta certeza e sinceridade
    Que eu nunca vi essa lista!
    Não sei dessa lista, não quero saber e tenho raiva de quem sabe!
    Quem disser que eu vi essa lista é um mentiroso,
    E vai ter que provar! E se provar, vai se ver comigo!”

    Pega ladrão! No Governo!
    Pega ladrão! No Congresso!
    Pega ladrão! No Senado!
    Pega lá na Câmara dos Deputados!
    Pega ladrão! No Palanque!
    Pega ladrão! No Tribunal!
    É por causa desses caras
    Que tem gente com fome
    Que tem gente matando
    Etc e tal…

    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega
    Pega, pega ladrão!
    A miséria só existe porque tem corrupção!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega
    Pega, pega ladrão!
    Tira do Poder, Bota na prisão!

    E você que é um simples mortal
    Levando uma vidinha legal
    Alguém já te pediu 1 real?
    Alguém já te assaltou no sinal?
    Você acha que as coisas vão mal?
    Ou você tá satisfeito?
    Você acha que isso é tudo normal?
    Você acha que o país não tem jeito?
    Aqui não tem terremoto
    Aqui não tem vulcão
    Aqui tem tempo bom
    Aqui tem muito chão
    Aqui tem gente boa
    Aqui tem gente honesta
    Mas no poder é que tem gente que não presta

    “Eu fui eleito e represento o povo brasileiro.
    Confie em mim que eu tomo conta do dinheiro.”

    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega
    Pega, pega ladrão!
    A miséria só existe porque tem corrupção!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega
    Pega, pega ladrão!
    Tira do Poder, Bota na prisão!

    Tira esse malando do poder executivo!
    Tira esse malandro do poder judiciário!
    Tira esse malandro do poder legislativo!
    Tira do poder que eu já cansei de ser otário!
    Tira esse malandro do poder municipal!
    Tira esse malandro do governo estadual!
    Tira esse malandro do governo federal!
    Tira a grana deles e aumenta o meu salário!

    “- Tá vendo essa mansão sensacional?
    Comprei com o dinheiro desviado do hospital.
    – Ah! E o meu cofre cheio de dólar?
    É o dinheiro que seria pra fazer mais uma escola.
    – Precisa ver minha fazenda! Comprei só com o dinheiro da merenda!
    – E o meu filhão? Um milhão só de mesada!
    E tudo com o dinheiro das crianças abandonadas.
    – E a minha esposa não me leva à falência
    Porque eu tapo esse buraco com o rombo da Previdência.
    – Vossa excelência, cê não viu meu avião?
    Comprei com uma verba que era pra construir prisão!
    – E a superlotação?
    – Problema do povão! Não temos imunidade? Pra nós não pega não.”

    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega
    Pega, pega ladrão!
    A miséria só existe porque tem corrupção!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega
    Pega, pega ladrão!
    Tira do Poder, Bota na prisão!

    A miséria só existe porque tem corrupção
    Desemprego só aumenta porque tem corrupção
    Violência só explode porque tem tanta miséria e desemprego
    Porque tem tanta corrupção!

    “Todos que me conhecem sabem muito bem que eu não admito
    O enriquecimento do pobre e o empobrecimento do rico.”

    E você, que nasceu nesse país
    E que sonha e que sua pra ser feliz
    Você presta atenção no que o candidato diz?
    Ou cê vota em qualquer um, seu babaca?
    E depois da eleição você cobra resultado?
    Ou fica ai parado de braço cruzado?
    Cê lembra em quem votou pra deputado?
    E quem você botou lá no Senado?

    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega
    Pega, pega ladrão!
    A miséria só existe porque tem corrupção!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega!
    Pega, pega ladrão!
    Pega, pega
    Pega, pega ladrão!
    Tira do Poder, Bota na prisão!

    “- Como vocês suspeitavam, eu realmente vi essa lista.
    Eu vi, mas não li. E digo mais, eu engoli.
    Pra que ninguém lesse também. E foi com a melhor das intenções.
    Burlei a Lei, mas com toda honestidade!
    – Vossa Excelência engoliu a lista?
    – Bem, eu a coloquei para dentro do meu organismo,
    Num lugar seguro e escuro. De modo que pra todos os efeitos,
    Sendo assim desta maneira, eu me reservo ao direito
    De não dizer nada mais. Tá tudo publicado nos anais.
    – Mas ontem o senhor falou que não viu a lista.
    Hoje o senhor fala que viu a lista. E amanhã o senhor…
    – Ah! Amanhã ninguém lembra mais!
    E o caso da lista vai entrar prá lista dos casos,
    Os casos que ficaram pra trás…”

  2. É, Gabriel, há vinte e três anos e essa corja não está morta, está muito bem, zoando com a nossa cara de “eleitores” obrigados. Doce ilusão. Era tudo farinha do mesmo saco podre…

    Tô Feliz (Matei o Presidente) foi só um sonho bom. Ele se saiu bem e só o PC pagou a conta como queima de arquivo…

    Atirei o pau no rato
    Mas o rato não morreu
    Dona Rosane, admirou-se do ferrão
    Três-oitão que apareceu
    Todo mundo bateu palma quando o corpo caiu
    Eu acabava de matar o Presidente do Brasil
    Fácil um tiro só
    Bem no olho do safado
    Que morreu ali mesmo
    Todo ensanguentado
    Quê? Saí voado com a polícia atrás de mim
    E enquanto eu fugia eu pensava bem assim:
    “Tinha que ter tirado uma foto na hora em que o sangue espirrou
    Pra mostrar pros meus filhos
    Que lindo, pô”
    Eu tava emocionado mas corri pra valer
    E consegui escapar
    Ah tá pensando o quê?
    E quando eu chego em casa
    O que eu vejo na TV?
    Primeira dama chorando perguntando (Por quê?)
    Ah! Dona Rosane dá um tempo num enche num fode
    Não é de hoje que seu choro não convence
    Mas se você quer saber porque eu matei o Fernandinho
    Presta atenção sua puta escuta direitinho
    Ele ganhou a eleição e se esqueceu do povão
    E uma coisa que eu não admito é traição
    Prometeu, prometeu, prometeu e não cumpriu
    Então eu fuzilei, vá pra puta que o pariu
    É “podre sobre podre” essa novela
    É Magri, é Zélia
    É Alceni com bicicleta e guarda-chuva
    LBA Previdência chega dessa indecência
    Eu apertei o gatilho e agora você é viúva
    E não me arrependo nem um pouco do que fiz
    Tomei uma providência que me fez muito feliz

    Hoje eu tô feliz! (Minha gente!)
    Hoje eu tô feliz matei o presidente

    Eu tô feliz demais então fui comemorar
    A multidão me viu e começou a festejar
    (É Pensador, é Pensador, é Gabriel O Pensador)
    Me carregaram nas costas
    A gritaria não parou
    Eu disse “Eu sou fugitivo gente não grita o meu nome por favor!”
    Ninguém me escutou e a polícia me encontrou
    Tentaram me prender
    Mas o povo não deixou
    (O povo unido jamais será vencido)
    Uma festa desse tipo nunca tinha acontecido
    Tava bonito demais
    Alegria e tudo em paz
    E ninguém vai bloquear nosso dinheiro nunca mais
    Corinthiano e Palmeirense
    Flamenguista e Vascaíno
    Todos juntos com a bandeira na mão cantando o hino
    (“Ouviram do Ipiranga às margens plácidas
    De um povo heróico o brado retumbante”)
    E começou o funeral e o povo todo na moral
    Invadiu o cemitério numa festa emocionante
    Entramos no cemitério cantando e dançando
    E o presidente estava lá já deitado nos esperando
    Todos viram no seu olho a bala do meu três-oitão
    E em coro elogiamos nosso atleta no caixão:
    (Bonita camisa Fernadinho
    Bonita camisa Fernadinho
    Bonita camisa Fernadinho
    Você nessa roupa de madeira tá bonitinho!)
    E como sempre lá também tinha um grupo mais exaltado
    Então depois de pouco tempo o caixão foi violado
    O defunto foi degolado, e o corpo foi queimado
    Mas depois não vi mais nada porque eu já tava cercado de mulheres e aquilo me ocupou
    (Ai deixa eu ver seu revólver Pensador!)
    Então eu vi um pessoal numa pelada diferente
    Jogando futebol com a cabeça do Presidente
    E a festa continuou nesse clima sensacional
    Foi no Brasil inteiro um verdadeiro carnaval
    Teve um turista que estranhou tanta alegria e emoção
    Chegando no Brasil me pediu informação:
    (O Brasil foi campeão? Tá todo mundo contente!)
    Não amigão
    É que eu matei o presidente!

    (Refrão)

    E o velório vai ser chique
    Sem falta eu tô lá
    É ouvi dizer que é o PC que vai pagar

    (Refrão)

  3. Pelo que tudo indica, qualquer dia seremos presenteados com a prisão do canalha. E aí o canalha vai bramar ridiculamente que é perseguido político. Se deixarem fácil, construirá um cruz e fará auto-crucificação.

  4. Lula pode ter obtido vantagem pessoal com corrupção, diz líder do PPS

    Por: Assessoria do PPS

    Assim como o ex-ministro José Dirceu, condenado no mensalão e preso na operação Lava Jato, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pode ter obtido vantagens pessoais com o esquema de corrupção na Petrobras e em obras do governo federal. Novos indícios disso foram revelados nesta quarta-feira por reportagem divulgada pelo jornal O Globo. Investigação do Ministério Público Federal mostram que dinheiro de uma empresa do doleiro Alberto Youssef, operador do petrolão, foi utilizado, por meio de uma triangulação, na conclusão de um prédio no Guarujá onde o ex-presidente tem um tríplex.

    “Trata-se de mais uma suspeita que aponta para Lula e que precisa ser investigada com profundidade. Afinal, ele e Dilma foram os principais beneficiários políticos desse esquema e o ex-presidente pode ter obtido também vantagens pessoais”, alertou o líder do PPS, deputado federal Rubens Bueno (PR).

    A matéria revela que um grupo empresarial que recebeu R$ 3,7 milhões da GFD, empresa usada para lavar dinheiro do doleiro, repassou quase a mesma quantia para a construtora OAS durante a finalização das obras do prédio onde o ex-presidente tem apartamento. O jornal aponta que “entre 2009 e 2013, a empresa de Youssef fez vários pagamentos para a Planner, uma corretora de valores mobiliários. Em 2010, a Planner pagou à OAS R$ 3,2 milhões”. A obra do prédio foi iniciada pela Cooperativa Habitacional dos Bancários (Bancoop), que foi presidida pelo ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto. Ele e Youssef estão presos na Operação Lava-Jato.

    O líder do PPS lembrou que essa não é a primeira suspeita de que Lula recebeu dinheiro de empreiteiras investigadas na operação Lava Jato. “É de conhecimento público que Lula ajudava empreiteiras a conseguir obras no exterior, financiadas com dinheiro do BNDES. Para isso, utilizava até jatinhos das empresas em viagens internacionais. E essas mesmas empreiteiras fizeram doações milionárias para o instituto do ex-presidente. Sem contar as reformas que a OAS bancou no sítio do petista, em Atibaia, e no apartamento do Guarujá. O cerco vai se fechando e Lula precisa ser investigado a fundo”, defendeu Rubens Bueno, lembrando que a CPI do BNDES pode ajudar muito nessa apuração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *