Eike denunciou Lava Jato que BNDES fazia operaes sem garantias reais

Resultado de imagem para bndes charges

Charge do Sponholz (sponholz.arq.br)

Jos Casado
O Globo

O Arquivo X de Eike Batista um curioso ba de histrias que oscilam entre o fulgor e a indolncia do capitalismo de laos consolidado na era Lula-Dilma. Quando entrou no gabinete do ministro da Fazenda, Guido Mantega, na quinta-feira 1 de novembro de 2012, Eike era um homem de negcios com ativos de US$ 12,7 bilhes, na avaliao da poca feita pela agncia Bloomberg. s vsperas de completar 56 anos, perdera a liderana nas listagens sobre os mais ricos do Brasil, e suas empresas submergiam em perdas, mas insistia em manter estrutura de servios de mordomias ao custo de US$ 7 milhes ao ms debitados no caixa da holding.

O ministro pediu-lhe o equivalente a US$ 2,5 milhes para cobrir despesas de campanha do Partido dos Trabalhadores, contou ao Ministrio Pblico Federal, em maio passado, num depoimento que seguiu o roteiro de uma colaborao espontnea ele foi aos procuradores e pediu para falar: O ministro de Estado me pediu, que que voc faz? Eu tenho 40 bilhes investidos no pas, como que voc faz?. Aceitou.

Seu advogado tentou socorrer-lhe, esclarecendo que no mundo X aquele dinheiro no era um valor significativo. Foi uma fugaz lembrana da poca em que Eike Batista mantinha 100 garrafas de champanhe no escritrio. O empresrio interrompeu: Hoje, para mim, muito dinheiro.

RETRIBUIES – Ele se esmerava em gestos de retribuio ao governo. Dois anos antes, na tera-feira 17 de agosto de 2010, foi a So Paulo participar de um leilo beneficente promovido pelo cabeleireiro da ento primeira-dama, Marisa Letcia. Arrematou a cena noturna ao pagar US$ 250 mil (R$ 500 mil, na poca) por um terno usado de Lula. E se comprometeu a dobrar o valor da coleta filantrpica.

Quarenta e oito horas depois, estava no Palcio do Planalto, conversando com Lula sobre uma reserva maranhense de 10 a 15 trilhes de ps cbicos de gs natural, equivalentes a quase a metade das reservas confirmadas de gs da Bolvia. Eufricos, assessores do governo e tericos do PT exaltavam Eike como figura emblemtica de uma camada de empresrios dispostos a seguir as orientaes do governo.

Dilma Rousseff, quela altura, contava 11 pontos de vantagem sobre adversrios nas pesquisas, e porta-vozes de Lula escreviam: talhada, por sua biografia, para levar adiante um projeto nacional pluriclassista.

DOBRANDO A META – Em 2012, no gabinete do ministro da Fazenda, o dono do mundo X tentava dissimular o bvio: o abalo sistmico em seu universo de negcios. Planejara perfurar trs de dezenas de poos de petrleo, decidira aumentar em 67% e ainda queria dobrar a atividade de perfurao.

Os resultados eram modestos e o investimento elevado (US$ 700 milhes). Eike precisava do governo Dilma tanto quanto o PT precisava dele para pagar contas atrasadas com o publicitrio Joo Santana, que trabalhara nas campanhas de Dilma em 2010 e do prefeito de So Paulo, Fernando Haddad, eleito na semana anterior reunio com Mantega.

O problema do empresrio eram as porteiras fechadas da Petrobras, que lhe recusava novos negcios, e do BNDES, que julgava ter ultrapassado o limite prudencial de emprstimos ao grupo X. Havia um agravante: o governo tambm j havia atravessado a fronteira da prudncia, com repasses do Tesouro ao banco pblico, correspondentes a mais da metade do crdito dado pelo BNDES ao grupo de empresas eleitas como campes nacionais. Esses socorros do governo ao banco estatal inflaram o endividamento pblico. Eram as pedaladas.

SEM GARANTIAS – Para Eike Batista faltaram tempo, meios e aliados, apesar das mltiplas doaes de dinheiro (houve ano em que chegou a distribuir US$ 7 milhes em benemerncias polticas). Punido pelo mercado, como costuma repetir, nunca deixa de lembrar suas diferenas com os competidores que julga terem sido mais privilegiados pelo poder.

Na mesa do Ministrio Pblico Federal, em Curitiba, Eike deixou algo alm do seu testemunho espontneo sobre um ministro da Fazenda coletando dinheiro para o partido do governo. Sugeriu que fosse feita uma extenso das investigaes sobre os negcios do BNDES na era Lula-Dilma: Eu entreguei todo o meu patrimnio como garantia, disse, olhem para os outros que no deram seus avais pessoais, que a est a grande sacanagem.

Como se abrisse uma fresta no seu Arquivo X, arrematou em tom de apelo aos procuradores: Vocs que esto passando o Brasil a limpo, por favor, essa uma rea crtica. Porque fcil n. Voc bota o que quiser (como garantia ao crdito do BNDES). Uma fazenda que no vale nada, o cara avalia por um trilho de dlares. fcil, n.

###
NOTA DA REDAO DO BLOGAs denncias de Eike tm procedncia. Num pas minimamente srio, o ex-presidente do BNDES Luciano Coutinho j teria sido algemado por mentir repetidas vezes em depoimentos no Congresso. Disse, por exemplo, que o financiamento ao Porto de Mariel, em Cuba, tinha garantia da Odebrecht. Era conversa fiada. A garantia do governo cubano, que est tecnicamente falido. (C.N.)

9 thoughts on “Eike denunciou Lava Jato que BNDES fazia operaes sem garantias reais

  1. O RETRATO ACABADO DA REPBLICA 171 DO BRASIL, QUE J DURA 126 ANOS, NO OBSTANTE NO RESISTIR SEQUER A UM APERTO DE LIQUIDEZ MORAL. VIDE LAVA JATO. Os papagaios verde e amarelo comeram o milho na Petrobras e os periquitos vermelhos levaram a fama e esto pagando o pato. O PRPRIO FILHO DE MARTA, SUPLA, DIZ QUE ME GOLPISTA. A ESTUDANTE DO CARTAZ ABAIXO APENAS ACRESCENTA QUE ELA TB TRAIDORA DA ESQUERDA. ACORDA SO PAULO. RUSSUMANO (PRB), DRIA (PSDB), MARTA (PMDB), NA DIANTEIRA, SEGUNDO PE$QUISA DATABOLHA, SO PAULO PIROU, O MALUFI$MO QUE DILAPIDOU A PETROBRAS CONTINUA FIRME, FORTE, OPERANTE E DOMINANTE EM SAMPA. EU TENHO VERGONHA DE SER PAULISTANO. E DA A COMPANHEIRA ERUNDINA TB D AQUELA FORA PARA OS ME$MO$. E AJUDA A EXCLUIR A ESQUERDA DO SEGUNDO TURNO, FAZENDO O JOGO DA DIREITA RUMO A 2018. T TUDO DOMINADO PELA DIREITALHA. Partidarismo-eleitoral velhaco no tem mais jeito mesmo, bichou geral, inclusive na politicalha da capital. Urge apostarmos na DEMOCRACIA DIRETA J, at porque no h outra sada para a Poltica com P maisculo. http://www1.folha.uol.com.br/poder/eleicoes-2016/2016/09/1816037-em-agenda-marta-e-chamada-de-golpista-por-manifestante.shtml?cmpid=compfb

    • Eu ouvi, nada de novo, o Ildo Sauer vai mais a fundo. Certa vez apareceu uma nica garantia do Grupo X, que era do Banco Votorantim , ou seja Banco do Brasil.
      Quando a j processada presidente do BMDES vai tornar pblicos os contratos inclusive os da Friboi, que tinha como Presidente do Conselho o Meirelles ???
      Tem muito mais do que se pensa escondido.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.