Em 2 anos e meio de Dona Dilma, 1 TRILHÃO e 200 BILHÕES de sonegação. Ela não sabia de nada, e a Receita muito menos. Manifestação, hoje, em frente ao Guanabara. O xerife do combate ao tráfico em São Paulo era cúmplice e informante dos criminosos. Temer garante a vice, nada a temer do ostracismo.

Helio Fernandes

Sempre presidente (licenciado) do PMDB, deputado sem votos e na última vez como suplente, deu um salto eleitoral, se projetando bem longe do ponto além da curva. Espertíssimo, malandríssimo, interessadíssimo, quer mais 4 anos como segunda figura da República. (Temer não sabe muita coisa, mas sabe que na República quase tantos vices foram presidentes, iguais aos eleitos).

Agora, dominando os bastidores, Temer tem conhecimento de muitas coisas que não saberia se tivesse ficado apenas com presidente do PMDB (licenciado). Sabe, principalmente por ouvir de dentro e de fora do Planalto, o cada vez mais retumbado “volta, Lula”.

Como a acústica do Planalto é péssima, se refugia no Jaburu, em almoços e jantares (tudo pago pelo cidadão) com dezenas de íntimos. E ouve “fica,Temer”. Como não tem preferência ou discordância, tanto faz: vice de Dona Dilma ou de Lula, garante o cargo e a solidariedade dos amigos. Com a recíproca verdadeira.

A CORRUPÇÃO DOMINA TUDO

Não existe apenas no Brasil, mas em nenhum lugar é tão abrangente quanto aqui. Pedem a renúncia do primeiro-ministro da Espanha, acusado de receber propina. O Papa Francisco (a grande surpresa positiva da Igreja Católica) determinou a condenação a 12 anos de prisão, aos envolvidos nos escândalos do Banco do Vaticano.

Isso se propaga por quase todos os países. Mas nada parecido com o que acontece aqui. O desmantelamento de uma quadrilha de traficantes, em São Paulo, mostrou o envolvimento de importantes autoridades, que comandavam precisamente o setor que deveria combater esse crime.

Amparados por delegados que ocupavam posições-“chaves” no setor de repressão às drogas, esses traficantes “protegidos” praticavam torturas, chantagens, sequestros, formação de quadrilha, roubo, extorsão, intimidação.

As penas contra esses bandidos são conhecidas. E a esses cúmplices que extorquiam os traficantes, o que acontecerá? Pelo que se presume, nada.

GRANDE MANIFESTAÇÃO HOJE,
NA FRENTE DO GUANABARA

Pela internet está sendo convocado para hoje um grande protesto diante do Guanabara e no fim do Leblon, em frente ao apartamento do governador enriquecido sem nunca ter trabalhado. E fugindo das ruas, cruzando os céus de helicóptero. (Localizados 9 até agora, a maior movimentação e nos finais de semana, para a mansão de Mangaratiba).

A convocação para a manifestação de hoje tem um tom irritado, veemente e insatisfeito. Motivo: domingo passado, a manifestação em frente ao palácio e ao apartamento do governador, fracasso total. Menos de 200 pessoas, conversando alegremente, a convocação deixava bem claro, “a reunião é para ser radical”.

ONDE ESTÃO A RECEITA E OS
JORNAIS, REVISTAS, TELEVISÃO,
DIANTE DA SONEGAÇÃO DE 1 TRILHÃO?

O maior de todos os crimes financeiros é a SONEGAÇÃO. Por muitos e variados motivos. 1 – Só quem sonega é rico. Pobre ou remediado, vá lá, não têm nem como comprar comida, como SONEGAR? 2 – Esses triliardários sabem que não serão punidos, logo surgirá um REFIS, se livrarão da SONEGAÇÃO, das multas, dos juros, do principal e da consequência.

3 – Como a Receita não é CÚMPLICE por vontade e sim por ignorância, e os órgãos “denunciadores  habituais”, nesse caso da SONEGAÇÃO, deixam de denunciar por falta de dados, vou ajudá-los a cumprir o dever , o que fazem desveladamente.

4 – Em 2011, já no primeiro ano de Dona Dilma (a gerentona-faxineira), a SONEGAÇÃO atingiu 415 BILHÕES. Pode ser mais. Menos,  de modo algum. 5 – Em 2012, empolgada com a demissão de sete ministros, “substituídos” por outros dos mesmos grupos “faxinados”, a SONEGAÇÃO atingiu 425 BILHÕES, quase a mesma coisa do ano anterior.

6 – O que fez Dona Dilma? Nada? Seria injustiça dizer isso. Dona Dilma, antes do povo nas ruas aparecer, criou um novo REFIS. Quem estava parcelando os 415 BILHÔES de 2011, sem multa e sem juros, ganhou mais tempo para compor 2012 também sem juros, sem multa, sem preocupação.

7 – Nos primeiros meses deste tumultuado 2013, a sonegação já está em 210 BILHÕES. O que deixa bem claro que a SONEGAÇÃO deste ano chegará exatamente aos limites de 2011 e 2012. Num total acima (bem acima) de 1 TRILHÃO.

Agora, jornais, revistas, televisões e a própria Receita não poderão dizer que “não sabiam de nada”.  Tenho certeza que surgirão revelações com dados relevantes, revoltantes, mas não revitalizantes. E por que fariam revelações que poderiam atingi-los num ponto da curva?

CONFIDÊNCIAS DO
GOVERNADOR DE PERNAMBUCO

O PSB mergulhou em plena inquietação. Não era segredo que o PSB estava dividido. Abertamente um grupo queria o lançamento de sua campanha presidenciável. Ostensivamente, outra metade não queria que ele fosse presidenciavelmente agora, preferia 2018. Ele não se definia.

Mas agora, indiretamente, Eduardo Campos se revela e se define ao conversar quase diariamente com Lula e nem sequer telefonar para Dilma. Sem ser candidata, Campos não quer perder tempo com ela.

Com Lula candidato se aproximando da condição de candidatíssimo, o governador já deixou bem claro: “Em hipótese alguma enfrentarei o ex-presidente”. Um fato que pouca gente sabe, mas que é rigorosamente verdadeiro: o governador, satisfeito, consideraria um convite para ser vice de Lula.

GREVE GERAL OFICIAL

Paulinho da Força participou sem o menor entusiasmo da passeata fracassada da quinta-feira passada. E agora, quando o grupo palaciano articula greve geral para agosto, está novamente do lado contrário. Motivo: com seu partido quase com o número de assinaturas exigido, considera que esses movimentos oficiais podem atingi-lo e ao partido.

FONTELLES FAZ FALTA

Quando Claudio Fontelles pediu demissão, escrevi aqui: “Isso é um absurdo, ele é das melhores e mais atuante figuras da Comissão da Verdade. Foi um excelente Procurador-Geral da República, não servindo à União, recusando recursos da União. Escreveu várias vezes: “Isso é recurso p-r-o-t-e-l-a-t-ó-r-i-o”. (Foi ele quem colocou a palavra assim, sincopada, com maior ênfase). Tem que voltar à Comissão.

DIÁLOGO DE SURDOS

Os políticos estão festejando o fim do movimento do povo nas ruas. Fizeram levantamento, concluíram: “Não perdemos coisa alguma”. E contabilizam: “Perdemos a PEC 37, mas isso só interessava ao PT”. Era pura retaliação, por causa da atuação do Procurador-Geral, no caso do mensalão.

E “acabaram” com o segundo suplente, que só assumiu duas vezes nos últimos 60 anos. (E caem nas gargalhadas). Agora, esperam o que vai acontecer nas ruas, para retomarem as conversas eleitorais para 2014. Com as mesmas regras de antes, deputados e senadores fortalecidos, apesar da “traição” de Dona Dilma.

A dúvida dos mais diversos parlamentares: conversam com Dilma ou com Lula? Os mais lúcidos não têm dúvida alguma.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

29 thoughts on “Em 2 anos e meio de Dona Dilma, 1 TRILHÃO e 200 BILHÕES de sonegação. Ela não sabia de nada, e a Receita muito menos. Manifestação, hoje, em frente ao Guanabara. O xerife do combate ao tráfico em São Paulo era cúmplice e informante dos criminosos. Temer garante a vice, nada a temer do ostracismo.

  1. Não existe mais oposição,apenas um grupo de larápios se apoderando de tudo com o beneplácito dos governantes,enquanto isso o povo sofre efeitos de uma crise sem precedentes na trajetória do nosso país.

  2. Ismos.
    .
    Preocupa-me muito o cultural egoísmo, modismo, passionalismo e comodismo da sociedade brasileira.
    “À força de preguiça e de dinheiro, eles dispõem, enfim, de soldados para servir à pátria e de representantes para vendê-la – Rousseau”

    De início uma explosão de indignação represada. Em seguida aqui e ali traques que tão-somente serviram para tirar do baú instrumentos de minorias profissionais ativistas; e, revigorar o descarado e insolente cinismo do grupo político no poder.

    Massa não tem vontade; tem capacidade desorganizada que conclui pela violência. Surgiu o que já vai para o ostracismo de chavões políticos de que se tem vivido ao longo dos tempos: NÃO ME REPRESENTA!
    “Recuo de época em época, até a Antiguidade mais remota, mas não encontro paralelo para o que está ocorrendo diante de meus olhos; quando o passado deixa de projetar sua luz sobre o futuro, a mente do homem vagueia na escuridão – Tocqueville”

    Lula é passado e terrível passado mitológico agravado pelo despreparo de sua sucessora não fosse um sistema eleitoral venal apropriado para produzir e manter uma dinastia de profissionais da política no poer.

  3. Srs, para mim o Lula sempre foi uma mentira. Como trabalhador nunca deu uma penada a favor dos aposentados. Está ao longo desses tempos,o aposentado sendo jogado ao ridiculo, com seus vencimentos caindo vertiginosamente para a pobreza, da pobreza.Com essa lei da previdencia, estamos praticamente mortos. Isso devemos ao vagabundo,Fernando Henrique, aos dez anos deste idiota do Lula, e agora dois anos e meio, da guerrilheira de araque, Dilma. Só o Paim é que tem a primazia de querer fazer alguma coisa pelos aposentados. O resto do Congresso fica numa boa, viajando de avião as nossas custas. Vamos Brasil! Virar esse jogo.Com toda essa pressão não ví uma plaquinha se quer pedindo o fora da Dilma. Será que ela é inocente? Acho que não.

  4. Etapas de uma revolução

    Não esmoreçam ó nobres combatentes!

    O rumo da mudança é mais complexo do que se pensava.

    Quem por principio e até mesmo exemplo de vida, deveria estar apoiando a mudança, auxiliando este tão belo momento, acaba por se acovardar, simplesmente por desconhecer a natureza do impulso que rege o momento.

    Apesar disto, este espaço ainda pode ser usado como fonte de inspiração, mas deve-se separar o joio do trigo.

    A mídia comprada foi forçada a mostrar os dois lados da moeda, devido à animosidade pela qual foi tratada.

    Os políticos ensaiaram uma reforma, e ainda estão atentos aos próximos movimentos do que eles chamam de “voz das ruas”. Tentarão ao máximo adiar quaisquer mudanças e esperam piamente que o rugido das massas seja abafado pela vida cotidiana.

    Mas nós que julgamos ter consciência do que está acontecendo, devemos nos questionar:

    – O que fez com que parte da população nos acompanhasse nas ruas?

    A mídia também continua seu papel de desmoralizar os combatentes que ainda sustentam o espírito da indignação com a velha tática de denegrir os manifestantes. Frases como: “Nas ruas só sobraram alguns poucos baderneiros” ou “Maconheiros sem causa” são proferidas sem a menor reflexão.

    É assim que no seio da mudança, nós, humanos, acabamos por sabotarmos a nós mesmos.

    Porque?

    Porque em geral, não estamos preparados para ir verdadeiramente ao fundo. Levar o clamor por mudança até as últimas consequências. Somos covardes! Sim, covardes!

    Queremos uma mudança, mas não tão “radical” pois temos medo do desconhecido.

    Os ideais da verdeira revolução ainda retumbam nos cantos do país. Unidade, Verdade e Amor.

    A classe política e a dominante continua, descaradamente, a usurpar o povo nas mais cotidianas ações.

    Não se preocupam em alicerçar e usufruir seus prazeres em cima do sangue e das lágrimas dos milhões que são explorados.

    Onde se escondeu nossa indignação? Ela se acovardou ao ver o perigo do caos na sociedade?

    Até onde estamos realmente dispostos a ir?

  5. Vamos ser mais práticos Anonymous. Deixemos de subjetividades.
    Queremos ir em direção a Cuba ou ao Canadá, Japão, Alemanha, Coreia do Sul?

    Quanto aos sonegadores, quem são?
    O povão não escapa dos impostos. Compra alimentos e remédios por quase o dobro do preço, pelos impostos.

  6. Caro Hélio, mais uma vez, tens razão. A corrupção no Brasil virou instituição; aliás, a mais forte do país. Repare a substituição dos ministros que a presidente realizou: foi a troca de seis por meia dúzia.
    No que diz respeito ao barão Eduardo Campos, não podemos esquecer que ele deve ao Lula a nomeação de sua mãe viscondessa para importante cargo federal. Assim, por dever de lealdade, deve ser mais fiel ao Lula do que mulher de malandro.
    E segue a vida em Pindorama…

  7. Há poucos dias li texto de Helio Fernandes dando conta de que só no ano de 2012 foram torrados R$ 150 bilhões com o pagamento de serviços da dívida pública. Agora leio no site http://www.auditoriacidada.org.br/ que o endividamento interno brasileiro soma 2 TRILHÕES, 823 BILHÕES, 336 MILHÕES, 278 MIL, 341 REAIS E 86 CENTAVOS. E que em 2013, somente até 1º de junho, a dívida consumiu R$ 406 bilhões = 51% do gasto federal. Será mesmo verdade?

  8. Prezado,
    Lula não tem mais saúde para enfrentar campanha política para nada.Portanto, esse mau caráter, já era!
    Dona Dilma, como V. Sia. a chama,está com a popularidade a cada dia que passa a despencar.A rejeição está beirando a 50%.
    Parece que vamos nos livra dessa corja , cujo objetivo é levar o país para a falência e a um estado totalitário.

  9. “Para a Bolívia, o Brasil é um grandalhão medroso que reage a afrontas com outro gesto de carinho e o sorriso dos palermas”

    AUGUSTO NUNES (VEJA)

    Disfarçado de Assessoria de Comunicação Social do Ministério da Defesa, o polivalente Celso Amorim divulgou nesta tarde os seguintes ─ aspas obrigatórias ─ “esclarecimentos”.

    A propósito de informações veiculadas na edição de hoje (16/07) do jornal Valor Econômico, na matéria intitulada “Bolívia revistou avião de Amorim em busca de opositor”, o Ministério da Defesa esclarece o seguinte:

    1 ─ Não procede a informação de que o avião da FAB utilizado nesta viagem oficial, no dia 3 de outubro de 2012, foi vistoriado por autoridades bolivianas no aeroporto de Santa Cruz de La Sierra;

    2 ─ Houve, no segundo semestre de 2011, ações por parte de autoridades bolivianas que configuraram violações de imunidade de aeronaves da FAB, uma delas envolvendo o avião que levou o ministro da Defesa em viagem oficial a La Paz no final de outubro de 2011;

    3 ─ O ministro da Defesa brasileiro nunca autorizou tal vistoria;

    4 ─ Os episódios ocorridos em 2011 foram objeto de nota de reclamação encaminhada pela embaixada do Brasil em La Paz à chancelaria boliviana;

    5 ─ No documento, a embaixada informou que a repetição de tais procedimentos abusivos levaria à aplicação, pelo Brasil, do princípio da reciprocidade;

    6 ─ Desde o envio da nota, a FAB não registrou novos episódios de vistorias em suas aeronaves por autoridades bolivianas.

    Tradução: Amorim jura que não foi agora que o governo de Evo Morales ordenou à polícia que desse uma geral no avião que o transportava. A humilhação ocorreu em 2011, garante. Num rasgo de bravura, o Pintassilgo do Planalto deixou claro que não foi ele quem determinou a revista (nem a entrada de cães farejadores estrangeiros no jato da FAB). De volta ao lar, o ministro que comanda as Forças Armadas pediu que o embaixador em La Paz comunicasse ao presidente Morales que ficara muito triste com a vistoria.

    (Lula vivia dizendo que seus ministros jamais tirariam os sapatos na alfândega americana. Esqueceu de recomendar-lhes que não ficassem de quatro em aeroportos de países vizinhos).

    A notícia confirmada pelo jornal Valor (e detalhada pelo próprio Amorim) acrescentou mais um andor vergonhoso à procissão de afrontas iniciada em maio de 2006, quando os bolivarianos do leste expropriaram os ativos da Petrobras e sugeriram ao Planalto que se queixasse ao bispo.

    De lá para cá, entre outros abusos, o companheiro Morales elevou unilateralmente o preço do gás fixado no contrato com o Brasil, trancafiou numa cela 12 torcedores corintianos, soltou sete depois de 100 dias, mantém cinco presos sem acusação formal, ignora sistematicamente as cláusulas dos acordos para a proteção das fronteiras, vive amedrontando investidores brasileiros e se recusa a permitir que o senador oposicionista Roger Pinto Molina, asilado há mais de um ano na embaixada em La Paz, embarque rumo a Brasília.

    Desde a chegada de Evo Morales ao poder, o Brasil é tratado como um grandalhão medroso que se ajoelha ao som do primeiro grito. “Devemos ser generosos com a Bolívia, é um país muito sofrido”, recitava Lula a cada insulto. Dilma prefere ser humilhada em silêncio. Com Antonio Patriota no comando do Itamaraty, o Planalto decidiu que é melhor apanhar sem contar a ninguém. A cada pancada desferida pelo Lhama-de-Franja, o governo lulopetista revida com mais um gesto de carinho e o sorriso inconfundível dos palermas.

  10. CARLOS BRICKMANN

    O grande mudo…
    O ex-presidente Lula continua em silêncio, quase 240 dias depois da operação Porto Seguro, que envolveu a funcionária federal Rosemary Noronha. Não falou sobre o caso, não falou sobre as manifestações de rua, não fala sobre as articulações de setores do PT que pretendem lançá-lo candidato à sucessão de Dilma.

    …continua mudo
    Não são só assuntos públicos que emudecem o ex-presidente. Neste domingo, o sexto neto de Lula foi batizado em Santo André, SP. A história é muito bem narrada pela repórter Bruna Gonçalves, do Diário do Grande ABC: Lula não quis falar com jornalistas. Sentou-se longe dos parentes, conversou apenas com um amigo.

    Em silêncio entrou, em silêncio saiu, pela porta dos fundos da paróquia.

    Onde está o dinheiro?
    A Assembleia Legislativa de São Paulo pagava auxílio-moradia para todos os 94 nobres parlamentares ─ inclusive os que moram na Capital. O Tribunal de Justiça extinguiu o auxílio-moradia, em 9 de maio; oito dias depois, a Assembleia criou o auxílio-hospedagem, que é a mesma coisa, só que pago apenas a quem não mora na Capital, no valor de até R$ 2.850 mensais. E, como ninguém é de ferro, aproveitou para aumentar, discretamente, o valor da Gratificação Especial de Desempenho, que Suas Excelências podem distribuir entre os servidores de seu gabinete.

    Claro, é mais do que se gastava com auxílio-moradia; e amplia as despesas em R$ 4,3 milhões por ano. Não é uma quantia que desequilibre o orçamento do Estado, nem que, se economizada, resolveria outros problemas; mas é um problema de falta total de sensibilidade. É o levar vantagem em tudo.

    Notícia boa ─ 1
    Dentro de poucos dias, o papa Francisco deve chegar ao Brasil, para a Jornada Mundial da Juventude. Este colunista não é católico, nem religioso praticante; é totalmente favorável ao Estado laico; e apoia sem restrições qualquer esforço para garantir ao papa as melhores condições possíveis para pregar, orientar e conduzir seus fiéis. Não é na estrutura do grande evento que se deve fazer economia. A jornada do papa é um fato internacional, positivo, uma vitrine do Brasil no mundo.

    Se é para economizar, há muitos lugares em que isso deve ser feito.

    Notícia boa ─ 2
    Um dos melhores amigos do papa Francisco é um judeu, o rabino Abraham Skorka; ambos dedicaram muito tempo de seus encontros a conversas sobre religião, a partir da origem comum de Judaísmo e Catolicismo, e escreveram juntos um livro notável, Sobre o céu e a terra, em que o tema é abordado com rara profundidade e texto de primeira linha, que prende o leitor e o leva a pensar.

    O livro do cardeal Jorge Mario Bergoglio, papa Francisco, e do rabino Abraham Skorka deve ser lançado amanhã, no Salão Nobre da ARI, Associação Religiosa Israelita do Rio de Janeiro, a partir das 19h (Rua General Severiano, 170). A partir das 20h, sob o título Concordo contigo, ainda que discorde ─ razões para o diálogo inter-religioso, o rabino Skorka conversa com o padre jesuíta Jesus Hortal, com mediação da jornalista Leila Sterenberg. Oportunidade única.

    Chega de boas notícias
    O Governo nega, o ministro Mantega explica, o ministro Gilberto Carvalho diz que não é bem assim, a ministra do Planejamento está mais quieta do que Lula desde o caso Rose, mas desde a manifestação das centrais sindicais não dá para negar o fenômeno. Não faz muito tempo, conforme o local, colocava-se um manifestante nas ruas por R$ 30,00, lanche incluído.

    Agora, os manifestantes cobraram R$ 70,00, fora a condução. Quem pode dizer que não há inflação?

  11. Poderoso sistema de complicado controle

    A economia mundial prossegue mergulhada numa gigantesca crise econômica desde 2008. A mais devastadora desde a grande depressão de 1930. Estratosféricos recursos públicos, de totalização mundial estimada em mais de US$ 18 trilhões já foram injetados na iniciativa privada, bancos, montadoras e inúmeras outras mais. Ainda assim, o sistema continua abalado, carente da esperada reação. Sem esses preciosos recursos públicos, o sistema capitalista teria quebrado em definitivo. Não vive sem a grana do povo.

    Dado a natureza do sistema capitalista bem parecida com a dos seres vivos, selvagem, egoísta, imediatista, fantasiosa, inconsequente e desonesta – condizente com a natureza do homem – desperta grande fascínio e admiração. Infelizmente, são poucos os homens que não se enquadram nessa “selvagem exuberante natureza”, responsável por 4 bilhões de excluídos no Planeta.

    Apesar da grande força do sistema capitalista, carrega mortais vírus em suas entranhas por conta de inúmeras contradições, sendo o desemprego tecnológico um dos mais devastadores. Cedo ou tarde, o trabalhador braçal ou intelectual, acaba demitido, substituído pela tecnologia com grandes vantagens para o patrão. O gigantesco desemprego tecnológico tem grande responsabilidade nessa imensa continuada crise do capitalismo.

    Faz parte da fantástica ineficiência capitalista, grande espaço para roubalheiras, em geral, inclusive, para gigantescas sonegações de impostos, via mil artifícios. Além desse grande crime, tem muito espaço para traidores da pátria priorizar interesses próprios, interesses de grupos, de empresas, bancos, máfias, etc. Inclusive, para atuar a serviços de interesses externos contra a própria nação.

    Aqui no Brasil não é diferente. É a mesma coisa. Quem sabe até pior. Isso, para não falar das absurdas privatizações de riquíssimas e estratégicas empresas estatais leiloadas a preços de bananas no governo FHC/PSDB, exaurindo em poucos minutos, siderais fortunas dos cofres públicos, acumuladas em décadas de muito trabalho e de sacrifícios do povo. Também, altos juros decorrentes de indevido modelo econômico que só nas últimas décadas, foram responsáveis por uma média de R$ 150 bilhões anuais de juros pagos aos gringos e banqueiros.

    Por essas irresponsabilidades e traições, o Brasil continua não dispondo dos devidos recursos para importantes obras, como boa saúde pública, boa educação pública, grandes investimentos em ciência e tecnologia, moradias, defesa, eficientes meios de transportes de massa sobre trilhos, construção de malhas de metrôs, tratamento dos esgotos sanitários e industriais impedindo a contaminação e poluição de nossas belas praias que poderiam atrair milhares de turistas o ano inteiro, aquecendo a economia do Brasil com bilhões de euros e dólares, tivessem nossas praias, rios e lagoas, águas limpas e cristalinas dos anos 50. Por certo que na grande China, não existe espaço algum para tamanhas traições e roubalheiras, por isso mesmo, a cada dia vai se tornando mais poderosa e forte. Claro.

  12. Banco Julius Baer: Senador brasileiro Roseana Sarney estimativa de US $ 150 milhões em Cayman, 1999 http://www.wikileaks.org/wiki/Bank_Julius_Baer:_Brazilian_Senator_Roseana_Sarney_estimated_USD_150M_in_Caymans,_1999

    São 300 milhões em 1999, já deve está pra lá de 600 Milhões hoje, tem a movimentação, documentos do banco relacionado ao nome dela e endereço, cadê Policia Federal, cadê MP com o poder de investigação que não foi tirado, para investigar, cadê a Receita federal, e está assim para geral , um bando de políticos que enriqueceram na cara de pau através da corrupção, do desvio de verba pública que é usado para fraudar as eleições.

    Banco Julius Baer: Brazilian senador Tasso Ribeiro Jereissati ANCANAJO TRUST, 1999

    http://www.wikileaks.org/wiki/Bank_Julius_Baer:_Brazilian_Senator_Tasso_Ribeiro_Jereissati_ANCANAJO_TRUST,_1999

    Isso é só uma ponta de dinheiro não contabilizado oriundo de corrupção de políticos e empresários que fraudam as eleições com caixa dois de campanha.

  13. Dois antros de fanáticos chapas-brancas, quem sabe até financiados pelo governo que apoiam, carta maior e carta capital, estão mais perdidos do que cego em tiroteio diante da realidade do povo nas ruas que os desmascararam.
    É entrar nesses sites e vomitar com a cara de pau com o que escreve ou declara essa gente totalitária como tarso genro, Mauricio D, Emir S., Mino C., Boff, santayana, Coimbra e outros fascistas do tipo.

  14. Eita que no governo petista só tem “especialista” com falsos diplomas.
    Primeiro, a atual presidenta. Depois, o “irrevogável” Mercadante. Agora, Padilha.

    FALSO TÍTULO DE ESPECIALISTA DO MINISTRO PADILHA

    TÍTULO DE “ESPECIALISTA” DO MINISTRO DA SAÚDE – Cortesia do Amigo Adilson Minosso de Oliveira – de Santa Catarina

    REPAREM OS DETALHES:
    1) Em 1998, Residência em Infectologia era realizada em apenas 2 anos. Só veio a mudar para 3 anos em 2004.
    2) Em 1998 começava em janeiro não em fevereiro, isso também mudou em 2004.
    3) Os que assinam este diploma são os atuais coordenadores, não o eram em 2001. ( José Otávio, diretor atual em exercício da FMUSP, que não o era na referida data)
    Sabidamente temos que o ministro não tem registro desse diploma nem na CNRM ( Comissão Nacional de Residência Médica ) nem na AMB ( Associação Médica Brasileira) nem no CRM -PA( Conselho Regional de Medicina – PA).
    Após declarar em público que era “MÉDICO INFECTOLOGISTA” e este título não constar nos registros das entidades responsáveis, o CRM – PA convocou o ministro para responder processo ético, por este afirmar título que legalmente não está registrado em canto algum.
    E agora, misteriosamente, “surge” um diploma que nunca foi apresentado antes.
    O DIPLOMA É SUSPEITO E A USP DEVE EXPLICAÇÕES.

    http://ataqueaberto.blogspot.com.br/

  15. Curioso esses desinformados que querem o socialismo para o Brasil. Não desconfiaram ainda que aqui já se paga imposto de países socialistas há tempos como os da escandinávia, mas, ao contrário de lá, o povo não pega nada. Fica à mìngua. Ou seja , o Brasil é socialista mas só para os ocupantes da máquina estatal. Essa gente com poucos anos nela fica milionário. Taí o Lula que não nos deixa mentir.
    Não se sabe porque se combate o capitalismo aqui, quando o Brasil nunca o foi. Se fosse , talvez seríamos como um Japão, Coreia do Sul, Canadá e outros semelhantes, pois o país é rico.

  16. CARO JORNALISTA,

    Ora, é para isso mesmo que servem os milhões de CARGOS DE CONFIANÇA, espalhados pelo Estado Brasileiro: para serem preenchidos por GATOS DE CONFIANÇA dos ratos que comandam os governos federal, estaduais e municipais!

    Abraços.
    PS: porque será que os DEPUTADOS DO PT votaram em massa contra a lei que aumentava a punição para os TRAFICANTES de drogas?

  17. Comunicar erro Imprimir

    As investigações de atuação de um cartel para fraudar licitações do Metrô e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) apontam para a existência do esquema ilegal desde 1998.

    A primeira parte da linha 5-lilás, entre as estações Capão Redondo e Largo 13, inaugurada em 2002, está na lista de contratos investigados. A extensão da linha 2-verde de Ana Rosa até Alto do Ipiranga, terminada em 2010, também. As 13 empresas suspeitas ainda têm contratos em execução com o Estado de São Paulo.

    Leia mais
    Empresa alemã Siemens delata cartel em licitações do metrô de SP
    Siemens negocia delação também com Ministério Público em SP

    O acordo de delação que livrou a empresa multinacional Siemens de eventuais punições pela participação no cartel foi assinado tanto pela filial brasileira da empresa, a Siemens Ltda, como pela sede do grupo, a Siemens AG, da Alemanha.

    Seis pessoas, entre elas três executivos alemães, participaram da delação. Em 2008, a empresa foi investigada pela Justiça de Munique, na Alemanha, por pagamento de propina a brasileiros e, segundo nota da empresa, desde aquela época “tem feito grandes esforços para desenvolver um novo e eficaz sistema de ‘compliance’, cujo foco visa, em particular, a sensibilizar os funcionários no que diz respeito a questões antitruste”.

    Ampliar

    UOL acompanha manutenção da CPTM por duas noites29 fotos
    1 / 29

    17.abr.2013 – O técnico em manutenção Francisco de Assis inspeciona o sistema de monitoramento de geometria dos trilhos, que checa ângulos de inclinação, de curva, paralelismo, entre outros fatores. O equipamento equipa o carro-controle, veículo que começou a operar em 2013 e que custou cerca de R$ 20 milhões Leia mais André Lessa/UOL

    O Código de Conduta da Siemens “enfatiza a importância de uma concorrência leal e obriga todos os funcionários a cumprir com os regulamentos antitruste”, ainda segundo a nota.

    Como prova de suas alegações, os executivos apresentaram e-mails trocados entre eles e representantes de outras empresas combinando os preços vencedores e os perdedores das licitações.

    Esses valores eram decididos em reuniões entre os executivos. Uma delas, ocorrida em maio de 2001 na sede da Alston, no bairro da Lapa, na zona oeste de São Paulo, combinou como seria feita a licitação para a compra e reforma de trens pela CPTM.

    Havia, segundo o relato, presença de dois executivos da Alstom, dois da Temoinsa, dois da Bombardier, um da CAF e um da Mitsui no encontro, além do pessoal da Siemens.

    O cartel, segundo apontam as investigações, surgiu na etapa de pré-qualificação de empresas habilitadas para participar da licitação do primeiro trecho da linha 5-lilás e há indícios de que o esquema foi sendo repetido até 2007.

    Prescrição

    A punição dos envolvidos por improbidade administrativa pode ser comprometida pelo fato de que o delito prescreve em cinco anos –venceu no ano passado.

    Mas as autoridades devem buscar ressarcimento dos valores superfaturados apresentados pelo cartel. Ao fazer a delação, a Siemens se livrou de punições pela participação no cartel e de pagamento de multa.

    Uma série de mandados de busca e apreensão foi cumprida pela Polícia Federal, em cooperação com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), há duas semanas. O material colhido nas diligências ainda está sendo analisado.

    Tanto o Ministério Público Estadual quanto a Corregedoria-Geral da Administração do governo de São Paulo devem ter acesso à documentação. Técnicos dos órgãos também esperam obter provas da atuação do cartel em contratos mais recentes.

    As empresas envolvidas no esquema foram procuradas ontem, mas nenhuma respondeu os recados. O governador Geraldo Alckmin (PSDB) disse ontem que vai exigir “ressarcimento” dos eventuais valores superfaturados. As informações são do jornal “O Estado de S. Paulo”.

    Ampliar

  18. Não sejamos hipócritas, nem idiotas, ao condenarmos um só partido (PT), absorvemos os demais. No fundo todos são iguais, o

    F.H.C. tem aptº em Paris. SXergio Cabral, etc, etc

  19. O desmantelamento de uma quadrilha de traficantes, em São Paulo, mostrou o envolvimento de importantes autoridades, que comandavam precisamente o setor que deveria combater esse crime.”

    Enquanto diversos países promovem a revisão da política das drogas com uma abordagem centrada na saúde pública e de diminuição de danos, continuamos enxugando gêlo. Como idiotas que socam facas encarnamos essa filosofia norteamericana de guerra às drogas, dissiminando os frutos desse retumbante fracasso como o insucesso na diminuição do consumo e a proliferação da corrupção azeitado pelos ganhos do mercado negro garantido ao traficante.
    O caso relatado acima não é o primeiro nem será o último. Até quando?

  20. Fico imensamente feliz por você ter aceito encampar esse combate contra mãe de de todas as corrupções, a mega sonegação fiscal que a elite brasileira sonega todos os dias, dentre eles os médicos vampiros brasileiros, que sem qualquer razão querem impedir a vinda de médicos estrangeiros, pois avaliam que isso pode estragar o grande negócio deles: o mercantilismo da saúde pública.
    PS: Faltou comentar acerca dos ícones dessa deslavada corrupção chamada sonegação fiscal: Globo e Vale, como comentei em sua coluna do dia 13/07/2013, a seguir reproduzido:

    Pedro Salles
    julho 13, 2013 até 11:40 am · Reply
    OU BRASIL ACABA COM A SONEGAÇÃO FISCAL OU A SONEGAÇÃO FISCAL ACABA COM O BRASIL.

    Tudo bem Hélio, estou de acordo com a necessidade de se combater todos os tipos de corrupção. Porém, é intrigante o eloquente silêncio da TI acerca da mãe de todas as corrupções, a sonegação fiscal, cujos ícones são a Vale e a Globo. Vamos aos números:
    Sonegação fiscal em 2011 – 415 bilhões;
    Sonegação fiscal em 2012 – 425 bilhões;
    Sonegação até a presente data em 2013 – 220 bilhões.
    Fonte: Sindicato do Procuradores da Fazenda Pública (vide http://www.sonegometro.com).

    Ou seja em apenas 2,5 anos a sonegação ultrapassa mais 1 trilhão.

    Então não dá ficar falando abobrinhas e fingir que não existe a mega sonegação das elites brasileiras.
    Abaixo o jornalismo abobrinha.

  21. cOMISSÃO DA VERDADE!

    O povo lá quer saber disso, Fontelli foi na hora certa, antes que fosse mandado
    embora.
    O QUE O POVO QUER SABER é prá onde tá indo o seu dinheiro suado, pois os serviços prestados pelo governo, foi pro brejo há muito tempo. E O POVO CONTINUA ABANDONADO. AS
    MARCHAS vão continuar. O QUE TÁ FALTANDO é o endereço certo. AÍ sim.

    Essa cOMISSÃO DA VERDADE de uma só banda é como uma embarcação rachada ao meio,
    vai a pique.

    ESSA COISA DE cOMISSÃO DA VERDADE serve apenas para tirar o foco das questões na-
    cionais e principalmente saber para onde esse governo, juntamente, com os seus peduri-
    calhos, estão levando o sofrido POVO BRASILEIRO.

    PROMETERAM mundos e fundos, mas, na realidade só se preocuparam em se manter no
    PODER a qualquer custo, através de programas de compra de votos.

    A VERDADE É DURA, mas, é o único caminho onde se pode pisar com segurança. o
    resto é conversa fiada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *