Empregados do Banco Mundial pedem que nomeação de Weintraub seja suspensa

Associação diz que funcionários “estão profundamente perturbados”

Leandro Prazeres e Victor Farias
O Globo

A associação dos funcionários do Banco Mundial (Bird) enviou uma carta nesta quarta-feira, dia 23, ao comitê de ética da instituição contrária à nomeação do ex-ministro da Educação Abraham Weintraub para o cargo de diretor-executivo do banco. A entidade representativa pede que a indicação seja suspensa até que acusações contra o economista brasileiro sejam analisadas pelo comitê.

Apesar das resistências, Weintraub não deverá, porém, enfrentar grandes dificuldades para se eleger e cumprir, até o próximo mês de outubro, o restante do mandato de Fábio Kanczuk —  que deixou a função para ser diretor de Política Econômica do Banco Central.

PERTURBAÇÃO – No documento, a associação diz que “muitos funcionários estão profundamente perturbados” com algumas atitudes do ex-ministro, entre elas o tweet em que culpa a China pela pandemia do novo coronavírus. A carta também menciona o fato de Weintraub ter sugerido a prisão de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e de ter feito pronunciamentos públicos contrários aos direitos de minorias e a promoção da equidade racial.

A associação ressalta que, “apesar de essa nomeação ter sido condenada por múltiplos países clientes”, os funcionários do banco entendem que a indicação é uma prerrogativa do governo brasileiro. Mas fazem uma ressalva, afirmando que os membros da diretoria do banco precisam seguir o Código de Ética da instituição, tanto em sua vida privada, quanto em sua vida profissional.

“Nós, por isso, pedimos formalmente que o Comitê de Ética analise os fatos por trás das múltiplas alegações, com vista a (a) suspender sua nomeação até que as alegações possam ser analisadas, e (b) assegurar que o Sr. Weintraub seja informado que o tipo de comportamento que ele é acusado é completamente inaceitável nessa instituição”, afirma a associação.

CONTRA O RACISMO – Os funcionários do banco ressaltam ainda que o Banco Mundial tomou medidas recentes para eliminar o racismo na instituição. “Isso quer dizer um comprometimento de todos os funcionários e membros da diretoria a denunciar o racismo quando presenciá-lo”.  “Nós acreditamos que o Comitê de Ética compartilha essa visão e fará o possível para cumpri-la”, completa.

A pressão dos funcionários do banco se soma à carta enviada na semana passada com quase 300 assinaturas de representantes da sociedade civil no Brasil às embaixadas de países que integram o grupo, em Brasília, com um apelo para que o ex-ministro não seja eleito para o cargo. Segundo o documento, a gestão de Weintraub no MEC foi  “destrutiva e venenosa”.

6 thoughts on “Empregados do Banco Mundial pedem que nomeação de Weintraub seja suspensa

  1. Este governo não tem mais jeito, é trapalhada em cima. de trapalhada.
    Criar caso até para nomear um dirigente do Banco Mundial , utilizando-se de um temperamental destituído de qualquer senso de ridículo só mesmo Bolsonaro que também vê seu fim próximo.
    Um governante que perde Moro, não tem mais nada para perder.
    Um presidente que não respeita as leis, não respeita o próximo. Acabou.
    Se os generais não se manifestarem, as paredes se manifestarão.

  2. “A pressão dos funcionários do banco se soma à carta enviada na semana passada com quase 300 assinaturas de representantes da sociedade civil no Brasil”.
    A associação dos funcionários do banco; sociedade civil do Brasil, coisas assim só são consideradas quando as pessoas estão dominadas ou desconhecem o que sejam.
    “…300 assinaturas de representantes da sociedade civil no Brasil”. São os deputados e senadores? Ou serão deputais estaduais e vereadores? Se tem coisa que não representa mais ninguém são as “ditas ongs”. Sou presidente de 4 ongs, mas não nos consta que representamos a sociedade civil, mas somente nossos associados e dentro do trabalho de cada uma.
    O novo membro do Banco Mundial deve respeitar as normas do estabelecimento! E pronto!
    Ou as ongs daqui e dela querem trocar por que não gostam dele? Sugiro que “se cocem numa tuna”!
    Fallavena

  3. Weintraub ser nomeado para qualquer cargo que seja, em uma instituição globalista como o Banco Mundial só partindo mesmo de um governo que não consegue ver um palmo a frente.

  4. Delubio Soares para o Banco Mundial.
    Taí um indivíduo competente, se necessário for, Galvão Bueno faz a apresentação ao estilo vitória de Aírton Senna.
    Já o Millor poderia ter dito, com esse prócer a esquerda teria um orgasmo trifásico.
    Hehehe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *