Era só o que faltava: Toffoli se oferece para julgar o Petrolão

Renan Ramalho e Nathalia Passarinho
Do G1, em Brasília

O ministro José Dias Toffoli enviou ofício ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, pedindo para migrar da Primeira Turma para a Segunda Turma da Corte, que julgará as futuras ações penais decorrentes da Operação Lava Jato contra deputados e senadores.Lewandowski agora decidirá se autoriza a transferência do magistrado de um colegiado para o outro.

A Segunda Turma atualmente tem quatro ministros, já que a presidente Dilma Rousseff ainda não indicou um nome para a vaga deixada pelo ex-presidente do STF Joaquim Barbosa, que se aposentou no ano passado.

A ausência de um magistrado pode gerar empates nos julgamentos e, nessa hipótese, a decisão em processos penais deve sempre favorecer os réus.

Em sessão na tarde desta terça, os ministros Gilmar Mendes e Teori Zavascki, relator no Supremo dos inquéritos sobre corrupção na Petrobras, sugeriram que um dos ministros da Primeira Turma migrasse para a Segunda Turma.

Se Lewandowski autorizar a transferência de Toffoli, o ministro que será indicado por Dilma para a vaga de Barbosa não julgará os processos contra políticos relativos à Operação Lava Jato.

FORMALIDADE

A autorização é somente uma formalidade, já que, pelas regras do Supremo, qualquer ministro tem o direito de pedir a transferência. Se mais de um se interessar, a preferência é do mais antigo.

Na Primeira Turma, o ministro que há mais tempo integra a Corte é Marco Aurélio Mello. Ele afirmou, porém que vai se aposentar em meados do ano que vem e não tem interesse em mudar de turma.

“Eu, Marco Aurélio Mello, terminarei meus dias aqui em 2 de julho de 2016 na Primeira Turma. Eu não saio da Primeira Turma, estou muito satisfeito principalmente pelos colegas da bancada”, afirmou à TV Globo.

###
NOTA DA REDAÇÃOA que ponto chegamos… Antigamente, magistrados se declaravam suspeitos quando tinham de julgar uma pessoa com a qual se relacionavam. Agora é o contrário. Os magistrados se oferecem para julgar os amigos. A Justiça está podre e fede a quilômetros. (C.N.)

25 thoughts on “Era só o que faltava: Toffoli se oferece para julgar o Petrolão

  1. Estão urdindo um GOLPE de proporções inimagináveis e de total desmoralização da JUSTIÇA BRASILEIRA. O STF está armando para que os réus do PETROLÃO sejam julgados na SEGUNDA TURMA com a participação do DIAS TOFELLI , conhecido como ex-advogado do PT. Desde o MENSALÃO que foi denunciado que os políticos seriam doravante julgados não mais no PLENO do STF e sim nas TURMAS, onde com apenas três juízes , NO ESCURINHO DO CINEMA, eles podem ser ABSORVIDOS dos seus delitos. Simplesmente os brasileiros honestos não podem deixar que isso aconteça. Essa mensagem de alerta tem que ser divulgada nas redes sociais, para que esse GOLPE CONTRA A DEMOCRACIA NÃO SEJA PERPETRADO.

  2. Aparelhamento é isso. Advogado de toguinha vermelha para ajudar a quadrilha.
    Culpa do Senado que aprovou o notável saber jurídico do ministreco, duas vezes reprovado em concurso de juiz de primeira..instância.
    Olhos nesses caras!!!

  3. ORA TOFFOLI…..Vc não merece ser Ministro do Supremo. Quem foi advogado do PT só pode estar no STF para defender os petralhas e o partido. FORA TOFFOLI. O teu dia também vai chegar…..Ministro colocado no STF para defender o PT e os petralhas……Os Senadores que colocaram vc lá, no STF, após sabatina, são os culpados……….Eu me lembro que um dos que foram contra a sua escolha para o STF foi o Exmo. Senador Alvaro Dias. Ele não aprovou a sua nomeação para o STF. Mas outros senadores aprovaram..Eles que aprovaram são os culpados de vc, senhor Toffoli estar no STF. FORA TOFFOLI.

  4. Tenho muita pena dos brasileiros.
    A maioria AINDA não sabe com o que está lidando.
    Pelas tais regras democráticas, carreatas, panelaços, buzinaços _e até por IMPEACHMENT _NÃO vão mudar NADA! É tudo glacê de um bolo colorido…
    A notícia em tela é prova disso.
    Se a política está podre, e o ” judiciário está podre”, como afirma corretamente Carlos Newton, SÓ UMA FORÇA CONTRÁRIA E MAIS FORTE PODERÁ DETER ESSA CANALHOCRACIA.
    Não se trata de gostar ou não: o antídoto tem que superar o veneno, doa o que doer.
    INTERVENÇÃO MILITAR TOTAL, COMPLETA E ABSOLUTA.

    Saudações,

    Carlos Cazé.

    PS: ou, então, passem ainda_ por muitos e muitos anos_ digitando lamúrias e choramingos pelos blogs da vida. Os mais inocentes continuarão não gostando do que falo, mas os canalhocratas, ah, esses sabem quão verdadeiro é o que digo. É a única coisa que temem: o fechamento hermético das torneiras generosas da Pátria.

    • A pergunta é: será que as FFAA estão unidas e coesas? será que as FFAA darão conta? será que as FFAA não batem continência para o bandido Jaques Wagner?

      Complicado…

      Intervenção Militar, penso eu, só obteria êxito se feita com uma estratégia ímpar e com respaldo de forças militares internacionais como a OTAN, pois ainda que atinja-se a quadrilha vermelha no Brasil, a UNASUL – Foro de São Paulo – “PÁRIA” GRANDE virá a reboque.

      • E não nos esqueçamos, JAMAIS, que TODO o narcotráfico brasileiro (e suas diversas facções – O PRINCIPAL BRAÇO ARMADO DO PLANALTO) fecha com essa corja política que comanda o Brasil há 20 anos, pois quem começou com a marxização no país foi FHC ao firma o PACTO DE PRINCETON, em 1993, e fazer juramento para entregar o país ao X-9 de Garanhuns. Pela mesma razão o defensor de maconheiro FHC (ou seria THC?) se prontificou em salvar o delator do ABC no auge do mensalão e agora novamente se opõe à qualquer tentativa de impeachment dessa terrorista ordinária.

        Novamente pergunto: ONDE ESTAVAM AS FFAA QUE NÃO IMPEDIRAM NADA DISSO?

        O último que tentou fazer algum barulho – o General Augusto Heleno – foi colocado pra escanteio.

        Derrubaram o Collor – COM TRÊS ANOS DE “DEMOCRACIA” – e não houve nenhuma “ruptura da Democracia”, agora, com esta enxurrada de denúncias e provas, preserva-se os piores espécimes de brasileiros que já pisaram nesta terra.

        Chega de hipocrisia!

  5. O pedido de Tóffoli para ser transferido para a Segunda Turma do STF é um escárnio à população brasileira!
    Logo Tóffoli, que atuou servindo advogado de defesa dos mensaleiros, e não como julgador!
    Inegavelmente, é a comprovação do que venho escrevendo há tempos, que a nossa mais alta corte é um apêndice do Executivo.
    Caso o nome desse ministro for confirmado pelo presidente do STF, os problemas começam a surgir com relação à dificuldade de condenação dos parlamentares envolvidos no petrolão.
    Restarão condenados os diretores das empresas que eram contratadas pela Petrobrás, e os funcionários da estatal identificados e responsabilizados pela corrupção. Desta forma, os político ficarão imunes mais uma vez, demonstrando que no STF não se tem a isenção e imparcialidade necessárias nesses casos, comprometendo seriamente a sua imagem já desgastada perante o povo brasileiro.

  6. Pergunto aos senhores comentaristas que sabem das coisas jurídicas,se não há alguma forma da oposição, pedir o impedimento do Toffoli no processo, alegando justamente a condição de antigo advogado de possíveis réus e atuado como defensor do PT em ocasiões passadas.
    Deve haver algum meio para pedir o impedimento.
    Abraços

  7. Pros que AINDA não entenderam o problema EM TODA SUA EXTENSÃO, é de bom senso PRESTAR ATENÇÃO nas palavras de JOAQUIM BARBOSA, pronunciadas ontem:

    “Como milhões de brasileiros, vi a programação da TV Câmara ontem”, anotou Barbosa em sua conta no Twitter. “Chocante”, ele definiu. Numa alusão indireta ao embate que PT e PSDB travaram durante a sessão, o ex-ministro criticou:

    “Muitos vêem o que se passou ontem na Câmara dos Deputados sob ótica puramente partidária. É um tremendo erro. Por quê? Partidos são meros instrumentos. Nossa nação não se construiu e tampouco se define à luz de momentâneos interesses partidários.”

    Barbosa empilhou três mensagens historiográficas. Quem lê fica com a impressão de que o autor não exclui a possibilidade de o mandato de Dilma Rousseff terminar mal. Eis o que escreveu o ex-presidente do STF:

    “1) quem diria em maio de 1789 que aquele convescote estranho realizado em Versalhes iria desembocar na terrível revolucão francesa?; 2) em 15/11/1889, nem mesmo o general Deodoro da Fonseca tinha em mente derrubar o regime imperial sob o qual o Brasil vivia. Aconteceu; 3) nem o mais radical bolchevique imaginaria lá pelos idos de 1914 que a 1ª guerra mundial facilitaria a queda do regime czarista da Rússia”.

    Barbosa arrematou: “Por que fiz esses três últimos posts sobre História? Porque no Brasil pouca gente pensa nas ‘voltas’ e nas ‘peças’ que a história dá e aplica.”

    Saudações,

    Carlos Cazé.

    • Vejamos… A Revolução Francesa só trouxe retrocesso. A Proclamação da República interrompeu os processos de modernização democráticos que estavam sendo lentamente efetuados pelo melhor governante que este país já teve – Dom Pedro II. Revolução Russa?? Qual vai ser o n. 4? Citar o III Reich? Ou a Revolução de Mao Dze Dong?

      Se este país tivesse de fato um povo de coragem, fé e brios, o certo seria mencionar a Revolução Americana, pois aquela sim fundamentou uma nação que até hoje, mesmo com Carters, Obamas, Clintons e filhotes de Herbert Marcuse, ainda se mantém de pé. Acontece que aqui as pessoas pregam desarmamento e vestem antolhos para a existência do gigantesco contingente de marginais armados até os dentes (PCC, CV, e por aí vai). Como se tudo fosse ser resolvido num acordo, herança maldita do Rito Francês.

      Tá aí o “desarmamento”: http://odia.ig.com.br/noticia/rio-de-janeiro/2015-03-08/derrama-de-fuzis-fortalece-trafico-e-desafia-a-seguranca.html
      Essas são as armas que nos matarão amanhã.

  8. Sr. Paulo Barão, essa sua pergunta sobre o sem caráter “Toffoli”, como defenestrar esse canalha, tem sido minha pergunta, e creio de muitos Cidadãos(ãs). Aproveito, para pedir ao nosso “GURU” Dr. BÉJA, na área JUDICIAL, algum esclarecimento jurídico sobre esse Toffoli, e outros, que estupram e vilipendiam a Srª Justiça.
    Como Presidente do TSE, ele elegeu Dª Dilma, cerceando, inclusive seus pares do TSE e a probição de Fiscais dos Partidos, que engoliram o “sapo” da reeleição fajuta, na apuração dos votos, esse cara é um energúmeno, verdadeiro filho das trevas, um AMORAL, transvestido de “ser humano”.
    A Suprema, está com ” este tumor canceroso nos miolos”, necessitando de uma cirurgia imediata.
    POR UM BRASIL DECENTE E JUSTO.

  9. É o fim, não bastasse o trabalho totalmente suspeito feito na presidência do TSE? O próprio STF não se dá mais ao respeito. Justamente quando na tribuna se cobrava a omissão de Dilma na indicação do membro da corte. Não há mais esperança. Viramos uma Venezuela disfarçada de democracia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *