Esquerda democrática no Brasil? Será que existe?

Resultado de imagem para esquerda democratica CHARGES

Charge sem assinatura (Arquivo Google)

Marcelo Câmara

Encerramos, com este artigo, a série que questiona a existência, no País, de partidos Socialistas Democráticos. O balanço, ao final de cinco artigos, não é animador. Entre nós, a denominação “Socialismo Democrático” transformou-se muito mais em uma legenda de propaganda para atrair curiosos, ingênuos, desinformados e incultos, do que uma ideologia e regime de política. Esta, vivida por diversos períodos, em vários países da Europa, especialmente nos países escandinavos, provou ser capaz de transformar o Capitalismo, anulando ou, ao menos, mitigando os seus intrínsecos pecados e males que o transformam em um sistema que, historicamente, enseja a prosperidade de poucos, em detrimento da maioria, agrava a desigualdade e, em consequência, multiplica a injustiça e a infelicidade sociais.

PCB – O Diário Oficial da União, na edição de 4.4.1922, publica o registro do “Partido Comunista – Seção Brasileira da Internacional Comunista (PC-SBIC)”. Durante o século passado, e até 1962, o PC foi identificado como “Partido Comunista Brasileiro”, “PC”, “PC do Brasil” e “Partidão”. De ideologia marxista-leninista, hoje não stalinista, o PCB, partido revolucionário, objetiva implantar o Socialismo no lugar do Capitalismo, considerando e agudizando a inexorável “luta de classes”.

A meta é a implantação de uma ditadura do proletariado, economia totalmente estatizada, no ambiente de pensamento e partido único. Em sua longa história, viveu metade da sua vida na clandestinidade, perdeu, assassinados, a maioria de seus dirigentes, e alternou, em sua trajetória, dezenas de acertos e erros. Do seu útero saíram o PSB, o PCdoB, o PPS, várias partidos e correntes que praticaram a luta armada de 1964 a 1985.

CAPITAL E TRABALHO – Atualmente, o PCB rechaça, veementemente, as políticas de conciliação entre capital e trabalho, “de compensação” para combater a fome e miséria dos trabalhadores dentro do capitalismo, repele as políticas “de submissão consentida à hegemonia burguesa”. Ao ratificar suas teses históricas de partido revolucionário, reciclar estratégias de luta, o PCB, sem parlamentares no Congresso Nacional, profetiza: “o Poder Popular assumirá (…) um Estado Proletário – a Ditadura do Proletariado – que conduzirá a transição socialista visando a erradicar a propriedade privada, as classes e, portanto, o próprio Estado através da livre associação dos produtores”.

Diante dessa síntese, considerando o seu fim político, o PCB atualiza e consagra o que Marx chamou de “Socialismo Científico”, ou o caminho para o Comunismo, em oposição a outros “socialismos”, modelos tidos como “românticos, utópicos ou burgueses”. E não há, definitivamente, como legendar o PCB como um partido Socialista Democrático, entendida a “Democracia” como regime de liberdade, pluralismo e representação. A candidatura de Marcelo Freixo, do PSOL, no segundo turno das eleições municipais no Rio é do PSOL e do PCB.

PSTU – Idem. Persegue a “ditadura do proletariado”, mas na linha trotskista. Considera o Impeachment de Dilma um golpe, se opõe a Temer. Defende o aborto e a legalização da maconha. Apóia Freixo.

PCO – Idem. Porém considera Freixo “de direita”.

REDE – Um PV com aparência de Esquerda, mas que é aliado do PT, seu berço e escola política. No processo de Impeachment, foi contra a saída de Dilma, que define como “um golpe”, apoiando, inclusive, no julgamento final, a emenda para preservar os direitos políticos de ex-presidente, contrariando a Constituição. Faz oposição a Temer e acompanha o PT nas votações no Congresso. Apóia Freixo.

PSOL – Quando surgiu, em 2004, no ventre do PT, registrado no ano seguinte, no auge do Mensalão, em decorrência de divergências de alguns parlamentares petistas com os rumos e o comportamento do partido, a “falta de democracia interna”, sob a liderança da Senadora Heloisa Helena – pensou-se até, e seriamente, que teríamos realmente um partido Socialista Democrático, de oposição. Mas, com o passar das eleições, dos mandatos, das legislaturas, em todos os níveis, ficou claro que se tratava apenas de uma dissidência contrariada e ruidosa, e, de fato, uma força auxiliar do PT.

Abrigando diversas correntes de Esquerda, oriundos de outros partidos e correntes, reformistas e revolucionários, o PSOL se apresenta programaticamente como um partido Socialista Democrático, porém, na prática, já consolidou a sua identidade – pelo seu comportamento, pelas suas atitudes “esquerdistas”, no pior sentido – como uma filial, fiel e dogmática, do PT.

SEM “FORA LULA” – As campanhas de “Fora Fulano” e “Fora Beltrano” são rotineiras, risíveis e desarrazoadas. No entanto, falta o “Fora PT”, “Fora Lula”, que não acontece, e que foi a razão do seu nascimento. Trabalhou intensamente contra o Impeachment, que vê como “golpe”, e faz oposição cega e cerrada a Temer. Admite o aborto em alguns casos e luta pela legalização da maconha. Marcelo Freixo, como candidato do PSOL à Prefeitura do Rio, tem desempenho de um empedernido ginasiano oposicionista. Promete políticas estatizantes e grandes investimentos de dinheiro público, nessa época de crise generalizada, decorrente dos governos petistas.

Não inclui, oficialmente, nas suas propostas, mas, em entrevistas, sempre defende a “desmilitarização, desarmamento das polícias”, (imaginem o paraíso que isto seria para o crime organizado, o tráfico de drogas e de armas); e a inviável democracia direta com administração partilhada com os “conselhos de bairro e de comunidades” (favelas).

PV – Criado em 1986, o Partido Verde, no Brasil ou em todo o mundo, não tem como caminho, caráter ou objetivo, uma forma de governo, um regime político ou um sistema econômico. A ecologia, a sustentabilidade, um item no programa de qualquer partido, torna-se a sua razão de ser e denominação. A ideologia política, os objetivos e funções do Estado, além da ecologia – são secundários ou devem estar a serviço da conservação do Planeta. Uma inversão na vida da Nação organizada em País. Seria como ter um Partido da Bigamia Brasileira – PBB para quem é bígamo.

Por isso, a história do PV mostra comportamentos insólitos, alianças bizarras, à esquerda e à direita, incoerências, contradições. Prega o aborto e a legalização da maconha. Se é um partido Socialista Democrático? Pode ou não ser. Um mistério, uma expectativa. Deve haver quem assim pensa em seus quadros. O importante é a sustentabilidade, O resto é detalhe, não é fundamental. Vale tudo. Ou, depois das eleições, não valeu nada. O PV pode estar em qualquer latitude política: à direita, à esquerda, no centro; pode votar contra, a favor, muito pelo contrário e “vice-versa”, como pontificou Jardel, jogador do Grêmio. Tudo vai depender de onde o partido planta e cultiva a sua horta. Vota em Freixo.

45 thoughts on “Esquerda democrática no Brasil? Será que existe?

  1. Bom seria cada um cuidando da sua vida com uma minoria por conta do estado.
    Enquanto isso na República Democrática dos Estados Unidos do Brasil os trabalhadores na formalidade do estado máximo recebem o mínimo e o pior das assistências sociais e trabalhadores dedicados e eficientes no estado mínimo ganham o suficiente para pagar escolas, planos de saúde, laser, poupar e pagar muito mais tributos indiretos.

  2. Carlos Frederico Alverga outubro 15, 2016 at 7:54 pm

    É muito fácil e covarde fazer acusações infundadas contra alguém que não mais está entre nós para se defender. É uma covardia imensa, mas eu vou defendê-lo. O senhor se vale de acusações inverídicas veiculadas por um colunista que o senhor mesmo já desqualificou para macular a honra de um político contra o qual essas acusações falsas nunca foram comprovadas, A ditadura militar vasculhou a vida política, administrativa, econômica e empresarial de Brizola e nunca conseguiu provar nada contra ele, tendo arquivado todas as investigações e os IPMs realizados depois de 64. É muita hipocrisia acusar Brizola sem provas e defender a reserva moral de araque do PPS, uma sigla de aluguel que se vendeu à máquina de corrupção que é a privataria tucana e à mais entreguista das direitas antinacionais, tendo seus parlamentares inclusive votado a favor da PEC da morte, que vai comprometer a saúde e a educação dos pobres para assegurar mais recursos do orçamento para o pagamento do serviço da dívida pública aos rentistas. Peço também ao Aquino que reaja contra essas infâmias aqui registradas.

    • O editor Carlos Newton retirou os meus comentários sobre Leonel Brizola , que dediquei a este blog pela graça da verdade. Deixo aqui o meu veemente protesto.

      Também retirou do ar o comentário de Marcelo Câmara , corrigindo-me , quando afirmei que Brizola foi adversário , e não aliado de Moreira Franco , meu único erro no depoimento histórico que fiz, e me preparei para pedir desculpas aos leitores da TI pelo meu engano , mas isso não muda nada na biografia de Brizola que escrevi , corrigindo apenas esta ressalva feita por Marcelo Câmara.

      Foi Brizola quem trouxe o alcoolista Marcelo Alencar , pelo PDT para governar o Rio de Janeiro , foi quem trouxe Anthony Garotinho , pelo PDT para governar o Rio de Janeiro , e todos sabem das consequências nefastas que Garotinho deixou. Fez aliança com o PT e , na chapa de Garotinho , quando este renunciou , colocou a oportunista Benedita da silva para governar o Rio de Janeiro ; foi Brizola quem trouxe Rosinha Garotinho para governar o Rio de Janeiro , e todo mundo sabe do estrago que Rosinha, quanto seu marido , hoje completamente desmoralizados, já não conseguem vencer nem mesmo uma eleição em Campos dos Goytacases para a prefeitura da cidade. Brizola, sim , loteou e foi quem fez parceria com o tráfico de drogas, de onde recebia propinas , e loteou as áreas para que os traficantes se distribuíssem geograficamente no Rio , e inibiu o policiamento de combater o tráfico de drogas , cobrava propina de 10% para as licitações de empresas privadas em obras de seu governo , enfim, foi um mau brasileiro.

      Achei a atitude de Carlos Newton , para falar o mínimo, deselegante para comigo ao retirar minhas postagens , onde só falei a verdade. E ao fim de minha postagem sobre minha aventura em Vila Aliança até chegar aos dias atuais, na qual eu não poderia omitir que foi Brizola quem mandou o tráfico se instalar em Vila Aliança para tomar conta da Associação de moradores onde eu trabalhava como voluntário , contra a vontade do Partidão , e conseguimos melhoramentos , linha de ônibus ligando Vila Aliança ao Castelo , que nunca houve antes , asfaltamento de ruas e serviço médico para os moradores que eram atendidos gratuitamente , Brizola, que não gostava de comunistas, nem queria perder terreno eleitoral , teve a ideia de mandar seus sócios traficantes tomarem de assalto Vila Aliança, que em 1986 era um bairro pacífico , onde se podia andar com segurança , e hoje é um reduto do tráfico tão perigoso como o morro do Alemão – o que os jornais cariocas frequentemente noticiam.

      Os leitores que tiveram tempo de ler a minha postagem sobre minha aventura em Vila Aliança e meu desânimo atual , inclusive porque o partido de minha preferência nunca conseguiu se fazer ouvir nas convicções e no coração do povo brasileiro, não conseguindo sequer eleger um vereador para a Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro – os que conseguiram ler, neste breve tempo , antes de Carlos Newton deletar a minha postagem , os que têm sensibilidade , terão notado que ao fim do que escrevi eu coloquei a palavra:

      F I M

      Significando que já desanimado após tanta luta, foi aquele meu último depoimento sobre minhas atividades políticas desde a juventude até hoje , e que, aos 69 anos de idade , já não tenho mais esperanças quanto à melhora do discernimento político do povo brasileiro. Pelo menos, eu e o PPS definitivamente não encontramos o caminho, e a partir daquele último depoimento , reservo-me o direito de me calar e não mais opinar sobre política.

      Pretendia eu , já que tem sido uma ocupação que eu gostava de ter , escrever alguns comentários mais amenos nesta tribuna , mas sem defender mais qualquer partido político. Era para mim uma distração.

      Mas com o gesto deselegante que Carlos Newton me tratou hoje , apagando não só meus dois comentários , verídicos, e a correção que me fez Marcelo Câmara, sinto-me no dever de dizer aos leitores que Marcelo Câmara estava com a razão ao me corrigir sobre Moreira Franco. Moreira Franco foi adversário de Brizola, adveio do PDS , partido da ditadura militar, concorreu ao governo do Rio de Janeiro contra o candidato do PDT Darcy Ribeiro e venceu a eleição , e ficou conhecido por sua aliança com os bicheiros do Estado do Rio de Janeiro , como extraí da Wikipédia hoje, após ler o que Marcelo Câmara escreveu.

      Apenas vou corrigir meu erro, mas depois desta afronta a mim , nunca mais escreverei neste blog.

      Eis aqui a verdade sobre a governança de Moreira Franco e sua oposição a Leonel Brizola :

      Governador do Rio de Janeiro (1987 – 1991)[editar | editar código-fonte]

      Em 1986, em convenção estadual do PMDB, Moreira disputa e vence o Senador Nelson Carneiro e é indicado para concorrer ao governo do Estado nas eleições estaduais em 15 de novembro daquele ano. Articula uma coligação ampla – do PCdoB ao PFL – composta de doze partidos e vence Darcy Ribeiro, do PDT, por 49,4% contra 35,9% dos votos.

      Toma posse a 15 de março de 1987. A séria crise econômica que o país atravessava, marcada por inflação elevada e desvalorização cambial, afetou a arrecadação de impostos do estado, além de gerar adiamento de investimentos de empresas. O ambiente econômico e financeiro adverso, com o fracasso do Plano Cruzado, causou um aumento da dívida pública estadual.

      A área de saneamento, em particular as obras na Baixada Fluminense, tem uma lenta retomada na gestão de Moreira Franco. É elaborado um plano estratégico para a recuperação financeira da CEDAE, bem como ampliação e extensão das redes de água e esgoto. Porém, ao final da década de 1980, continuava precária a situação do saneamento na Baixada Fluminense, situação que se agravou com o período de chuvas em 1988. Depois da calamidade e com a atuação de movimentos populares, o governo do estado buscou ajuda do Banco Mundial para o financiamento de um plano emergencial de combate a enchentes, plano este chamado de “Projeto Reconstrução Rio”. O atraso na liberação do financiamento fez com que as obras deste projeto iniciassem só dois anos depois, quase no final do mandato de Moreira Franco.[24][25]pg.9

      Para ajudar na recuperação econômica do estado, Moreira propôs a criação do Polo Petroquímico de Itaguaí, com um potencial para gerar trinta mil empregos. Desse projeto surgiu a criação da Companhia do Polo Petroquímico do Rio de Janeiro. No entanto o Polo Petroquímico de Itaguaí nunca foi construído, tendo como principal motivo a saída da Petroquisa, unidade petroquímica da Petrobras, depois da crise financeira de 1990, com o Plano Collor.[26]

      Na educação, promoveu a municipalização do ensino, através da Resolução 1.411/87, o Programa de Municipalização no Estado do Rio de Janeiro (PROMURJ). Esta descentralização, no entanto, foi apontada como uma forma encontrada de desobrigar o Estado a manter o alto custo dos CIEPs, criados na primeira gestão de Leonel Brizola.[27][28]

      Para valorizar a escola pública, Moreira reformou 17 colégios e inaugurou o CIEP Álvaro Lontra, homenagem ao conhecido educador de Miracema, já falecido. O atendimento aos menores carentes foi assegurado com a construção de duas creches, para 100 crianças, e com a instalação de um núcleo da Fundação Estadual de Educação do Menor (FEEM), que coordenava todas as ações assistenciais, em convênio com a Prefeitura.

      Promoveu a criação e implantação do Instituto Politécnico e do Centro de Ciências e Tecnologia, destinados a pesquisa e treinamento de professores da rede estadual e ensino profissional.[29] A iniciativa marcou a recuperação do antigo Colégio Nova Friburgo, da Fundação Getúlio Vargas, abandonado havia mais de 15 anos.[30]

      A expansão do metrô carioca para os bairros de Pavuna e Copacabana foi a principal promessa de Moreira Franco para o setor de transportes. Em sua gestão, foram inauguradas duas estações do metrô: Triagem, em 30 de junho de 1988, e Engenho da Rainha, em 13 de março de 1991. O projeto acabou adiado por razões econômicas e somente em julho de 1988 foram iniciadas as obras na Zona Sul da capital[31].

      Ao completar dois anos de governo Moreira anunciou a recuperação de seiscentas vagas em presídios, bem como a informatização e o reaparelhamento das polícias civil e militar.[32] Construiu Bangu I, primeiro presídio de segurança máxima do Brasil, que recebeu os principais chefes do tráfico de drogas do Estado.

      No início de abril de 1989, contudo, a criminalidade registrou um crescimento com um total de 125 assassinatos em seis dias, alguns dos quais com marcas do “esquadrão da morte”. No ano seguinte, ocorreu um sensível aumento dos casos de sequestro e o governo do estado decidiu instituir uma recompensa para quem fornecesse pistas sobre os criminosos. Ao justificar o não-cumprimento de sua principal promessa de campanha, Moreira afirmou “que a cumplicidade com o crime organizado no Rio era muito mais profunda do que se supunha”, atribuindo a explosão de violência ao recrudescimento da crise social.[carece de fontes]

      Nas eleições para a sucessão, em 1990, não conseguiu eleger seu candidato, Nelson Carneiro. Leonel Brizola, do PDT voltou ao governo do Rio, vencendo a disputa já no primeiro turno, com 61% dos votos.

      Nos últimos dias de seu governo, já no início de 1991, foi duramente criticado por receber bicheiros em uma recepção oficial do Palácio Guanabara.

      • Prezado Dr. Ednei,

        Seus dois longos arrazoados fora deletados porque já haviam sido publicados ontem. E agora o Sr. os envia pela terceira vez. Quanto ao fato de não mais pretender participar do blog, lamento e apenas informo que este espaço não pertence a ninguém. Está sempre aberto a qualquer participação, desde que tenha sentido positivo, não contenha ofensas etc. e tal, nem tenha sentido de usar o blog para objetivos partidários.
        Abs.
        CN

        • Carlos Newton,

          Como eu disse no fim do meu último comentário histórico sobre política , através da palavra FIM , e o título do artigo já prenunciava este fim cuja epígrafe foi “O desânimo bate à minha porta” , já foi porque concluí que toda minha vida dedicada à política e ao PPS foi absolutamente inútil , perdi parte de minha mocidade e mesmo de minha idade adulta preocupando-me à toa e sem sucesso com a tomada de consciência política dos brasileiros em meus locais de influência , como Vila Aliança, e a palavra FIM tem um significado para mim da minha própria tomada de consciência de que minha vida política foi inútil , que os meus confrades que militam no PPS militam inutilmente e jamais alcançarão os corações e mentes do povo brasileiro. A palavra FIM denota que desisto da guerra , pela absoluta inoperância e ineficácia do que eu tenho para falar.

          • Caro Dr. Ednei … sds!

            Também já desisti em várias vezes … acontece que comento postando os links que petrificam minhas teses … e ninguém acredita!!! que fazer, né???

            Também já comentei que a questão é que fazemos errado; pois o Senhor quando foi falar com Moisés, não falou com todo o povo israelita – FALOU SÓ COM MOISÉS.

            E o Senhor ordenou:
            1 – “Veio Moisés e, convocando os anciãos do povo, comunicou-lhes as palavras que o Senhor lhe ordenara repetir”. (Ex 19,7)
            2 – “O Senhor respondeu a Moisés: “Junta-me setenta homens entre os anciãos de Israel, que sabes serem os anciãos do povo e tenham autoridade sobre ele. Conduze-os à tenda de reunião, onde estarão contigo”. (Nm 11,16)
            … … …
            Não adianta o ilustre Dr. nem eu insistirmos em ir direto ao povo … temos que ir aos anciãos do povo – os que “tenham autoridade sobre o povo” … … … é por isto que perdemos tempo!!! abrs.

          • Caríssimo dr. Dutra … sds!

            No caso do Catolicismo … a coisa para mim é de doer … o senhor desistindo de doutrinar e eu, como sou de formação salesiana em que a vontade do Papa é ordem tenho que respeitar: http://recadosdoaarao.com.br/?cat=32&id=6503 – “Papa diz que evangelização é “o maior veneno contra o caminho ecumênico”
            Francisco quer que católicos e evangélicos deixem doutrina de lado e trabalhem juntos”

            http://catecismo-az.tripod.com/conteudo/a-z/e/ecumenismo.html tem o que o Catecismo da Igreja Católica entende por Ecumenismo.
            … … …
            FIM dos FINS!!! !!! !!!

  3. Mais uma propaganda dos sem votos do Roberto Freire …. Digo sem votos pois essa estranha figura que foi nomeado procurador do Incra pelo Médici só está deputado, pois nem votos para se eleger teve, é suplente.
    O recanto dos honestos, que tem figuras como o processado desde 2007 ministro da Defesa, o já condenado em primeira instância Comte e as Celinas Leão da vida.
    Estão querendo boquinhas numa possível prefeitura do Crivella, pois o candidato por eles apoiado , Osório foi um fiasco eleitoral.
    Essa história de ‘ só eu presto ‘ é tipica do autoritarismo do pensamento único.

  4. A tradição brasileira e a característica do parlamentar nacional sempre se uniram para atingir seus objetivos primordiais:
    Enriquecimento e Poder.
    A história demonstra o nosso atraso científico e tecnológico em face das disputas políticas, manipuladas pelas elites que jamais permitiram que o povo fosse atendido plenamente quanto aos seus clamores, resultando que em pleno século XXI o Brasil ainda seja uma nação “emergente”, na verdade do terceiro mundo, conforme nossos índices de analfabetismo.
    Esperar que existam agremiações “sociais democratas” somente para desinformados, pois as tradições e o caráter do parlamentar brasileiro demonstram que seus objetivos – independente se de direita, centro ou de esquerda – sempre serão o enriquecimento e o poder!
    Os discursos apenas mencionam o povo, e que irão melhorar e avançar nos “projetos sociais”, uma maneira sagaz que os partidos que se intitulam de esquerda encontraram para enganar e iludir o brasileiro que não sabe ler ou interpretar um texto, entretanto gosta de ouvir que será atendido pelo governo querendo, na verdade, aspirar por um assistencialismo que o classificará como pária de uma sociedade pobre, sem recursos, porém sobrecarregada de impostos para que o governo mantenha seus currais eleitorais, que se denominam de várias formas, menos de inclusão social.
    O Brasil não tem esta tendência à esquerda, que Lula e o PT tentaram lhe dar para comandar a nação através de meios ilícitos e criminosos, inclusive diminuindo da classe média o seu poder aquisitivo para aproximá-la das mais pobres porque Lula representa uma ideologia arcaica, retrógrada, pois as elites que comandam a nação não permitem que tenhamos os avanços sociais calcados na melhoria do povo através de ofertas que o valorizam, Ensino e Educação, fundamentalmente, mas não a Universidade, mas os cursos Fundamental e Médio, “casualmente” a clientela que não vota, que não pode ser cooptada como eleitora.
    Enquanto o Ensino básico não for atendido com a devida qualidade e atenção governamentais, continuaremos apenas a discutir a palavra esquerda, menos o seu significado político, e a possibilidade de agregar-se um socialismo com vistas ao desenvolvimento e progresso do cidadão brasileiro, e não somente daqueles que detém as rédeas do poder há décadas, e que não têm a menor intenção em conceder qualquer avanço neste particular.

  5. Ednei, lembro-lhe de que Brizola nunca foi amigo ou correligionário de Moreira, que concorreu com Darcy, e venceu com Sarney e o Plano Cruzado, que bancaram a sua eleição. Existem centenas de fotos e vídeos de Moreira recebendo e se banqueteando em palácio com os banqueiros de bicho, chefes do tráfico. Quem prendeu os bicheiros, donos do tráfico, foi a polícia de Leonel Brizola, e quem condenou foi Denize Frossart, com o suporte de Brizola.

    • Prezado Marcelo Câmara ,

      Você me corrige com razão. Moreira Franco proveio do PDS , sucessor da ARENA , partido da Ditadura Militar, e depois filiou-se ao PFL , sucessor do PDS e com os mesmos ícones da Ditadura Militar.

      De fato , embora isto não mude a minha conclusão que depois da redemocratização do país , o Rio de Janeiro foi governado exclusivamente com bandidos, ora associados ao tráfico de drogas e cobradores de propina de 10% das empresas que precisavam licitar obras para o Estado do Rio , ora governado por Moreira Franco , que era ligado e recebia dinheiro para proteger os bicheiros. No fim de sue governo, no Palácio Guanabara , ele mostrou definitivamente sua cara ao receber em seu gabinete todos os bicheiros mais importantes do Rio de Janeiro.

      Sim. Moreira Franco venceu o candidato de Brizola, Darcy Ribeiro, na eleição para governador , sendo a única exceção enquanto Brizola estava vivo , de governador não indicado pelo grande cacique do PDT , Leonel Brizola.

      Foi bom você me corrigir , porque o que nos interessa é a verdade histórica , mas o ponto fora da curva que foi Moreira Franco , único governador não indicado por Brizola, enquanto Brizola esteve vivo , não muda em nada a biografia e os malefícios que Leonel Brizola trouxe ao Estado do Rio de Janeiro , tanto com seus governadores por ele escolhidos : Marcelo Alencar , Nilo Batista , Anthony Garotinho , Rosinha Garotinho , todos colocados por ele no PDT , e mesmo a história dos governos dele próprio, Leonel Brizola, todos esses rodeados de corrupção , conivência e liderança quanto à colocação do tráfico de drogas nas áreas consideradas estratégicas do Rio de Janeiro , inclusive Vila Aliança , onde eu , depois de anos trabalhando voluntariamente e contra a vontade do Partidão como médico da Associação Pró Melhoramentos de Vila Aliança , junto com colegas empresários , que licitavam obras no governo Leonel Brizola e me contaram que sempre precisavam pagar 10% de propina para Leonel Brizola para vencer a licitação , cumpro minha obrigação de trazer a verdade histórica para o Povo do Rio de Janeiro e explicar como o PDT , desde Leonel Brizola , era , na verdade , e sempre foi – até hoje – um antro de marginais.

  6. O candidato do Comte…

    (…)…“Querido diretor, cada vez mais animado por Niterói”, diz Rodrigo Neves.
    “Se Deus quiser. Estou sabendo do seu prestígio aí na cidade, cada vez maior”, responde Ricardo Pessoa.
    Na ligação, o prefeito de Niterói parece animado com a eleição da presidente Dilma Rousseff e do governador do Rio, Luiz Fernando Pezão (PMDB). Rodrigo Neves conta ainda para Ricardo Pessoa que “elegemos três deputados o Sérgio Zveiter (PSD), Chico D’Angelo (PT) e Waldeck (Carneiro, PT)”.
    Na interceptação da Polícia Federal, Neves fala com Pessoa também sobre o financiamento aprovado da Transoceânica:
    “O financiamento da complementação da Transoceânica. Estou muito animado. Foi aprovado na Cofiex, Comissão de Financiamentos Externos. É o último passo antes da assinatura do contrato. Agora, meu amigo, eu precisava falar com você pessoalmente.”
    Neste momento, Ricardo Pessoa responde:
    “Meus Parabéns”.

    (…)…Pelas mãos de Rodrigo Neves, Ricardo Pessoa recebeu o título de cidadão do Estado do Rio de Janeiro, concedido pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), em novembro de 2010. Na justificativa da condecoração, o currículo do empresário é ressaltado.
    “A retomada de negócios, a modernização e expansão da atividade naval e offshore fazem com que a ALERJ preste justa homenagem à Personagens históricos que elevam a dignidade, seriedade e o compromisso com a qualidade de trabalho”, diz o texto que homenageia Ricardo Pessoa.

    http://oglobo.globo.com/brasil/pf-intercepta-conversa-telefonica-entre-empreiteiro-preso-na-lava-jato-prefeito-de-niteroi-15437825

  7. A circense ‘ideologia’ do PPS. De PC do B a Bolsonaro…

    Prefeito : RODRIGO NEVES BARRETO. ( PV )
    COMTE 43
    Vice-prefeito
    Partido Popular Socialista – PPS
    PRA SEGUIR EM FRENTE
    PV / PDT / PC do B / PTN / PRB / PT / PSL / SD / PTB / PMDB / PPS / PP / PRP / PEN / PMB / PRTB / REDE / DEM / PR

  8. Caro Dr. Ednei … sds!

    Permita-me algumas observações?

    1 – Meu contato com Brizola foi rápido: http://www.tribunadainternet.com.br/a-persistencia-do-bullying-sobre-o-partido-dos-trabalhadores-e-dilma/#comment-382443

    2 – Sobre a Política fluminense-carioca, ainda falta-me narrar algo que facilitou eu ser um derrotado nas eleições kkk

    3 – Em 1974, TV e rádio propiciavam um comício direto aos ouvidos e olhos dos eleitores – falávamos ao vivo o que vinha na telha (ou preparávamos antes, né?); se não me engano, foram 2 meses; em que fui subindo na preferência … e até órgão da mídia escrita me ofereceu apoio (contanto que assinasse Termo de Compromisso) kkk KKK kkk Lembrando que trabalhei na obra da Ponte Rio-Niterói, inaugurada em 4 de março de 1974.

    4 – Em 1978 trabalhava nas obras do Metrô carioca … e fui procurado por engenheiro oferecendo apoio de empreiteiras kkk KKK kkk

    5 – Nem fui ler o tal Termo e fingi não entender a conversa … kkk KKK kkk … e continuo um simplérrimo eleitor até os dias de hoje KKK kkk KKK

    Abrs. no tb idealista Dr. Dutra – meus respeitos sinceros!!!

  9. Quaisquer que sejam as pessoas que imputem a Brizola atos de corrupção, ou são levadas pelo fanatismo político-ideológico ou são desinformadas, quiçá uns analfabetos políticos, como dizia Brecht. A força de Brizola vinha principalmente de sua honestidade. Com Brizola no exílio os militares passaram 15 anos vasculhando sua vida desde quando era deputado estadual no Rio Grande do Sul e nada encontraram que desabonasse sua conduta moral. Mesmo assim o condenaram a 40 anos de prisão e pediram mais 200 anos processando-o em quase todas as Circunscrições Militares. Próximo da abertura política em 1979, foi a Lisboa uma comissão de juristas pedir a Brizola que assinasse um documento autorizando-os a dar baixa em seus processos. Brizola agradeceu dizendo que não assinaria e explicou: Eu não cometi nenhum crime, eles (os militares) é que golpearam um governo legitimamente eleito. Vou voltar se ele tiverem coragem que confirmem a prisão e os processos. Brizola voltou e ninguém tossiu e nem mugiu. Brizola está muito além dessa infelicidade que acometeu o Brasil. Perde tempo quem procura desmerecê-lo depois de morto. Brizola só não era uma vestal. Pode ter errado em alguma coisa, era humano e o tempo urgia. Precisava de pressa. Não podia deter-se em pedir atestado ideológico e de honestidade para os que entraram no partido. Muitos se beneficiaram de sua imagem. Quanto mais se escreve sobre Brizola, mais temos para dizer colocando a história no lugar.

  10. Com uma esquerda dessas não há nenhuma possibilidade do Brasil dar certo. Mistura em partes iguais de incompetência, despreparo e alienação. Sequer conseguem propor algo original, se contentando a reproduzir aqui idéias retrógradas que comprovadamente não deram bons resultados em lugar algum do planeta.Colocam a ideologia acima da ação e seguem pelo rumo fácil da demagogia, com o objetivo de enganar o povão e obter ascenção social. O que almejam é fazer parte das zelites.

  11. Prezado Marcelo Câmara … sds!

    Muito boa esta série sobre a Política na Esquerda!!! Tenho comentado que acabou a Revolução, iniciada nas Baronias – em que de súditos se procurava ir à CIDADANIA!!!

    1 – https://constituicaoedemocracia.com/2014/08/01/uma-fraude-constituinte-o-caso-da-constituicao-de-1967/ tem: “O Presidente da República resolve editar o seguinte Ato Institucional nº 4:
    Art. 1º – É convocado o Congresso Nacional para se reunir extraordinariamente, de 12 de dezembro de 1966 a 24 de janeiro de 1967.
    1º – O objeto da convocação extraordinária é a discussão, votação e promulgação do projeto de Constituição apresentado pelo Presidente da República.”

    2 – Art. 8º – No dia 24 de janeiro de 1967 as Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal promulgarão a Constituição, segundo a redação final da Comissão, seja a do projeto com as emendas aprovadas, ou seja o que tenha sido aprovado de acordo com o art. 4º, se nenhuma emenda tiver merecido aprovação, ou se a votação não tiver sido encerrada até o dia 21 de janeiro.
    … … …
    A seguir, constatemos a NOVIDADE constitucional … abrs.

  12. 3 – Em 1946 … http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao46.htm: “SEÇÃO IV … Das Atribuições do Poder Legislativo
    Art 65 – Compete ao Congresso Nacional, com a sanção do Presidente da República:”

    4 – Em 1967 … http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao67.htm: “SEÇÃO IV
    Das Atribuições do Poder Legislativo
    Art 46 – Ao Congresso Nacional, com a sanção do Presidente da República, cabe dispor, mediante lei, sobre todas as matérias de competência da União, especialmente:” … a Constituição de 1967 imita a Russa dos Sovietes, dando a Deputados e Senadores o Poder!!! !!! !!!

    5 – A Emenda de 1969 mantem!!!

    Continuemos, né???

  13. Uma vez pelego, sempre pelego …

    1924 será o ano em que os comícios de 1º de Maio no Rio de Janeiro passarão a dividir-se entre dois logradouros públicos. O Partido Comunista do Brasil, a central sindical comandada pelo líder pelego Sarandy Raposo e a União dos Operários em Fábricas de Tecidos conclamam seus filiados a comparecerem a comício na Praça Mauá. A Federação Operária do Rio de Janeiro, sob orientação anarquista, convida os trabalhadores em geral a comício na Praça 11 às 14 horas, após sessão na sede da FORJ ao meio dia. Os participantes do comício da Praça 11, após seu término, dirigem-se em passeata para o da Praça Mauá.[61] No entanto, os dois comícios foram fracos, já demonstrando o quanto as divisões internas nos movimentos sindical e operário, causadas pelos pelegos e pelo PCB, já haviam começado a miná-los no que possuíam em termos de capacidade luta para transformações.
    Em São Paulo, os anarquistas denunciaram no texto do manifesto relativo ao 1º de Maio as violências praticadas pelos bolchevistas na Rússia. No entanto, os comunistas fizeram com que estas passagens fossem cortadas da redação final do documento. Os anarquistas demonstraram a seguir como o PCB exercia controle sobre o comitê das associações operárias, por tal motivo tendo censurado o texto original do manifesto. Sucedendo ao orador João da Costa Pimenta (que tinha abandonado o anarquismo pelo PCB) durante os discursos no Salão Celso Garcia, em São Paulo, o militante anarquista Florentino de Carvalho (1878-1947) voltou às acusações contra o PCB, cujos integrantes presentes tiveram que se retirar da reunião sob vaias da platéia.[62] Edgard Leuenroth, por sua vez, respondendo a artigos aparecidos na imprensa do PCB destaca, em A Plebe, a obra de dezenas de anos de luta incessante dos anarquistas.[63]
    http://passapalavra.info/2009/09/11707

  14. 6 – Agora … hummm!!! … entremos na SINCERIDADE, fugindo do FARISAÍSMO … como foi convocada a Constituinte que nos deu a CIDADÃ??? constatem se não foi seguindo o modelo dado pelo AI-4!!!

    7 – http://memoria.ebc.com.br/agenciabrasil/noticia/2013-10-04/marco-entre-ditadura-e-democracia-constituicao-de-1988-completa-25-anos: “Em 28 de junho de 1985, Sarney cumpriu a promessa de campanha de Tancredo e encaminhou ao Congresso Nacional a Mensagem 330, propondo a convocação da Constituinte, que resultou na Emenda Constitucional 26, de 27 de novembro de 1985.” … em 1967 é o Presidente que edita o AI-4 … em 1985 é o Presidente que encaminha a Mensagem 330.

    8 – É por isto que tenho comentado que a CIDADÃ é a perenização da Revolução das Mulheres com Rosário nas Mãos de 1964.
    Sds. do Lionço Ramos Ferreira

  15. Caro CN … saudações!!!

    E agora quem vem em defesa de Temer???

    https://br.sputniknews.com/brasil/201610166564411-putin-temer-eua/ … Putin também sabe das coisas!!!

    Se em 1964 o Brasil ficava entre EUA e URSS … agora a Rússia e que se interessa pela Política do Brasil … http://oglobo.globo.com/economia/putin-questiona-temer-sobre-pec-dos-gastos-controle-da-inflacao-20298072

    Com o fim da revolução … que virá???

  16. Com o interesse de Putin na redução dos gastos públicos, temos a demonstração da preocupação com o chamado capitalismo financeiro … em que cidadãos e países vão se endividando … se endividando … se endividando!!!

    Já na CIDADÃ foi promulgada a necessidade de se pagar a dívida pública – no sentido de não deixar ela ir aumentando … há os que entendem que foi estabelecimento de prioridade de pagar juros e principal em detrimento dos cidadãos – o que não tem sentido!!!

    Segurando os gastos públicos … não haverá necessidade de novos empréstimos – o levará os rentistas ao Investimentos, que levará ao Emprego, que levará ao aumento da Arrecadação. que levará ao pagamento da Dívida … … … encerrando o período do Capitalismo Financeiro!!!

  17. Taciso, a esquerda no Brasil não enche um ônibus. Primeiro que a maioria dos que entram nesses partidos ditos de esquerda, entram no ôba-ôba. Não entendem nada. Não conhecem os políticos. Não conhecem a história. O pior deles é o PS0L. Ali não existe critério. Só para exemplificar: Lá figura um personágem que serviu por 20 anos a ditadura de 1964. Ficavam aquartelados e só saiam para bater em estudantes e operários e fazer tropelias. Eram chamados de “treme terras”. Tem um outro que quando chegou na Marinha eu lá já estava. Teve um irmão no CFN muito boa praça. Mas ele acho que tomou bolinha para “mentir”. É um verdadeiro mitomaniáco. Fala que na hora da revolução estava ao lado do Ministro da Marinha. Tudo mentira. Ele pensavas que todos daquela época tinham morrido e ia a um programa de rádio dizer lorotas. Tem posição de destaque no partido. E o pelotão de polícias que estão no partido? Já foram mais de 60. O que tem de filhos e netos da raivosa e golpista UDN é de admirar num partido que se diz de esquerda: Para mim não é de esquerda: “Pode ser de canhota?????). Na verdade não tem partido de esquerda no Brasil. Tem pessoas de esquerda que frequentam alguns partidos o resto é o resto. Um exemplo é o PDT. Não é da esquerda “clássica”. Orbita no campo reformador. É um partido socializante. Já em 1947 Getúlio falava em socialismo.

  18. 9 – A Revolução pretendeu corrigir: “E Jesus disse-lhes: Os reis dos pagãos dominam como senhores, e os que exercem sobre eles autoridade chamam-se benfeitores”. (Lc 22,25)

    10 – A Revolução lutou para acabar com o domínio dos reis; porém, de maneira inadequada: “Jesus, no entanto, lhe disse: Embainha tua espada, porque todos aqueles que usarem da espada, pela espada morrerão”. (Mt 26,52)

    11 – Só em 1964 é que não foi a Espada e sim o Rosário … não foram homens e sim, mulheres … e foi o (P)MDB que perenizou!!!

    12 – Finalmente o PMDB assume; sendo que Sarney foi aceito … Itamar, idem … com Temer há os que não se conformam … e chamam até de momento triste, como em http://br.radiovaticana.va/news/2016/10/12/diplomatas_brasileiros_prestam_homenagem_a_nossa_senhora_no_/1264560 com: “Rádio Vaticano (RV) – A convite do Diretor Geral da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), José Graziano da Silva, os embaixadores do Brasil junto à FAO, Maria Laura da Rocha, junto à Itália, Ricardo Neiva Tavares e junto à Santa Sé, Denis de Souza Pinto, prestaram homenagem a Nossa Senhora diante do memorial à Padroeira do Brasil nos Jardins Vaticanos, na manhã desta quarta-feira, (12/10).
    “Juntos rezamos por nosso país que, como comentou Papa Francisco na inauguração da escultura há algumas semanas, passa por um momento triste”, disse Graziano à Rádio Vaticano, assim como em sua conta no Twitter.”

  19. 13 – https://twitter.com/grazianodasilva/status/786151493434871808: “Que Nossa Sra Aparecida, mãe dos mais pobres e oprimidos, proteja os brasileiros que mais necessitam de investimentos em saúde e educação” … ora, Graziano é Diretor Geral da FAO, sediada em Roma … … … e sua preocupação agora é com saúde e educação kkk KKK kkk

    Abrs. pois se o Brasil saiu do Mapa da Fome … agora é lutar por melhor saúde e educação … e o PMDB levará a isto … pena que o PT não está retribuindo o apoio que o PMDB lhe deu!!! !!! !!!

    • Amigo, sou quase agnóstico, porém respeito o Deus de todos e devido a esse respeito, acho um desrespeito a Deus misturara-lo com politica, pois essa está mais para o Diabo do que para Deus .
      Abraço.

    • Estimado virgilio … há os que confundem o dai a César – o dai a Deus!
      Cristo se referia à Ocupação Romana e a aceita … pois explica que os judeus deviam pagar o imposto do Templo, sem deixar de pagar o imposto do Imperador!!!

      Profeticamente, havia necessidade de Jesus concordar com a Ocupação; pois se fosse contra ela, ficaria sem validade sua Condenação por Pilatos!!!

      Jesus deu a Deus – aceitando a Condenação por Caifás!!!

      Jesus deu a César – aceitando a Condenação por Pilatos … tanto que o alertou “Respondeu Jesus: Não terias poder algum sobre mim, se de cima não te fora dado. Por isso, quem me entregou a ti tem pecado maior”. (Jo 19,11)

      Não confundir o Real com o Virtual, né??? abrs. do Lionço Ramos Ferreira

  20. Prezado Wagner
    Psicopata é um estado de falta de saúde. Permita-me dizer que Lulla é um safado, pilantra, vigarista, mau caráter, antes de doente. Utilizou-se de todos os meios lícitos e não lícitos para chegar ao poder. Zé Dirceu, o guru, e Lulla montaram o maior saque já visto.
    Comunista Lulla. É um idiota, nem sabe do que se trata.
    Vai para a cadeia. E o dia em que tiver 1% de consciência, meterá uma bala na cara, para a satisfação da maioria da nação.
    Fraterno abraço.
    Fallavena

  21. Tempão para ler todos os comentários.
    Alguns prolixos, mas todos usando, DEMOCRATICAMENTE sua opinião.
    De fato, dá para perceber que, a esquerda, no conceito do eleitor é mentirada dos políticos, e vez mais se distanciam do que representa a verdadeira política.
    Para o eleitorado, seja rico seja pobre, eleição passou a ser enganação, e ganhou um nome mais adequado ; populismo.
    Até as milícias, o crime organizado, se deu conta de ter enc0ntrado um novo filão; o poder.
    Na minha modesta opinião, culpa do malfadado COMUNISMO que persiste numa causa rejeitada pelo mundo todo, mas só pode chegar ao poder através do democrático VOTO, propiciado pela democracia.
    Se não é a maravilha que todos gostariam que fosse, felizmente ainda é o melhor sistema.

  22. Faltou o Dr. Ednei escrever que o referido governante abandonou os Cieps, prometeu acabar com a violência no Rio em 6 meses e publicou milhares de exemplares do livro propagandístico “Ele Governou para Todos”, e foi processado por meio de uma ação popular movida pelo deputado Luiz Henrique Lima por violação do art. 37, pgf. 1º da Constituição Federal. Condenado pelo Judiciário a ressarcir o erário estadual, o ex governador teve que vender um imóvel de sua propriedade na Lagoa para efetuar o ressarcimento aos cofres públicos.

    Art. 37, pgf. 1ºda Constituição Federal – “A publicidade dos atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos deverá ter caráter educativo, informativo ou de orientação social, dela não podendo constar nomes, símbolos ou imagens que caracterizem promoção pessoal de autoridades ou servidores públicos”.

    http://www.fgv.br/cpdoc/acervo/dicionarios/verbete-biografico/wellington-moreira-franco-1

  23. O Brasil passa por momentos de muitas incertezas, não obstante termos um presidente em exercício e o Congresso esteja funcionando.

    Não estamos sozinhos na enrascada política. Os americanos também enfrentam maus momentos, talvez o mundo de modo geral, com raras exceções.

    Boechat vai cobrir o evento de quarta-feira, nos EUA, vamos ver o que ele nos dirá.

    Cada vez menos acredito na ‘salvação da lavoura’ e mais no salve-se quem puder.

    É só opinião de quem não conhece política a fundo, mas observa com muito interesse o que vem acontecendo mundialmente.

    Ontem pensei na possibilidade de se organizar uma passeata mundial, sem bandeiras, sem partidos, legendas, apenas uma massa de seres humanos inconformados, lutando pelo bem maior que é a vida no planeta e pedindo a uma só voz a união e a PAZ.

    Cheguei a sonhar com a hipótese. E me perguntei, como na música do Caetano, “por que não?, por que não?”.

    Porque seria preciso caminhar muito contra um vento de cauda forte que ninguém sabe de onde vem e pra onde vai, capaz de desestabilizar de uma vez por todas a piorra velha deste planeta, como dizia Rubem Braga.

    A vida miúda de cada dia toma conta de nossas vidas e apaga preocupações maiores com o mundo como um todo. Mas é esse mundo que nos governa e é dele que dependemos como Humanidade.

    A conferir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *