Estão chegando a Curitiba menos militantes pró-Lula do que se esperava

Todoa os ônibus estão sendo parados e revistados

Deu no Estadão

Facões e armas longas foram apreendidos com manifestantes a caminho de Curitiba para apoiar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, segundo informação da Polícia Federal. Segundo o secretário estadual de Segurança Pública do Paraná, Wagner Mesquita de Oliveira, foi apreendido “material não condizente com manifestações pacíficas, como armas longas e facas, facões e foices”.

São esperados cerca de 60 a 70 ônibus na capital paranaense para apoiar o petista que prestará depoimento ao juiz Sérgio Moro. Só nesta terça-feira já chegaram 20 ônibus com simpatizantes do ex-presidente.

O superintendente da Polícia Federal em Curitiba, Rosalvo Ferreira Franco, garantiu que a corporação tem “efetivo suficiente para que possa fazer frente a demanda da audiência amanhã”.

PM ESTÁ PRONTA – O secretário de Segurança Pública do Paraná, Wagner Mesquita, afirmou nesta terça-feira, 9, que “a polícia está pronta para dar o apoio que for necessário, para garantir uma manifestação pacífica e democrática, durante o dia em que o juiz federal Sérgio Moro, da Operação Lava Jato, ouvirá pela primeira vez o depoimento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, como réu nesta quarta-feira, 10.

“O prédio da Justiça Federal, esse deve ser guarnecido e a Polícia Militar vai fazer o perímetro externo, 150 metros, são seis pontos de bloqueio. A Polícia Federal vai fazer a segurança interna do prédio”, explicou o secretário, em entrevista à imprensa.

“Enfim, todas as medidas estão sendo tomadas para que a gente tenha uma operação, m apesar de ser uma operação complexa, pacífica e democrática e que venha propiciar o menor transtorno possível para a população de Curitiba.”

MENOS ÔNIBUS – O secretário afirmou que é uma operação complexa, por envolver várias forças de segurança. “Já recebemos as primeiras caravanas.”

São esperados cerca de 50 mil pessoas nesta quarta-feira, 10, no Paraná, para manifestações em apoio a Lula. Grupos de manifestantes já estão montando acampamentos em um ponto atrás da rodoviária de Curitiba, onde estima-se haver 3 mil pessoas.

“A informação dos grupos para nós seria na faixa de 300 ônibus. A realidade que nós temos hoje em Curitiba são 20 ônibus. E a Agência Nacional de Transportes Terrestres, a ANTT, tem registrado 36 pedidos de novos ônibus vindo para cidade. É o que temos hoje.”

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGA informação foi dada pelo secretário de Segurança por volta das 16 horas. Revela que o fluxo de militantes é menos intenso do que se esperava. Quanto menos aglomeração, melhor. (C.N.)

8 thoughts on “Estão chegando a Curitiba menos militantes pró-Lula do que se esperava

  1. URGENTE
    José Roberto Vasconcelos no Facebook

    Resumo do depoimento de Lula amanhã: a propina não é minha, é de um amigo!

  2. Da minha cunhada Regina, que mora em Curitiba, pelo facebook:
    “Aqui em Curitiba os sem noção já chegaram, invadiram um terreno e armaram barracas….estão acampados……é a imagem do terror, um monte de burros juntos empunhando bandeiras rotas e vermelhas….é de assustar…..Curitiba sempre tão bem cuidada, o povo tão ordeiro, limpo…….dá dó de ver essa “gente” sem educação, sem higiene, sem modos ocupando esse espaço.”

  3. Concordo com Calixto. Comentário parcial, preconceituoso. Vai ver “os sem noção” a que o comentário se refere, são pessoas pobres, com pouca instrução, mas merecem o respeito de todos. Reconheço que há preconceitos até contra os nordestinos!

  4. Os “sem noção”, como provam os dados estatísticos, não são apenas pessoas pobres e sim que não tiveram escolaridade em face do lulopetismo ter roubado o dinheiro da educação.

    A meu ver, não há discriminação e sim uma constatação da realidade.

  5. Um dia vou debater, com profundidade o que se convencionou chamar de “preconceito”. O momento não é agora.
    Fico olhando estes brasileiros que são usados e manobrados por uma gentalha como Lula, Stedile e demais lideranças perniciosas petista e puxadinhos.
    Não sabem o que estão fazendo e nem o que fazem com eles. De u lado para o outro, são carregados c omo bonecos.
    É contra isto que temos também de lutar.
    se preconceito existe é daqueles que se aproveitam da falta de cultura e de conhecimento.
    Tomara deus surja um governo que ofereça a estes irmãos uma chance de evoluir e não apenas sobreviverem para uso de causas criminosas.
    Fallavena

  6. “armas longas e facas, facões e foices”…..

    O que são armas longas??

    Não tenho a mínima pena de pobre, tenho pena de quem assiste TV no Brasil, aversão ao preço dos livros no Brasil.

    Nojo do que é chamado elite no Brasil, essa horda de privilegiados, na sua maioria bandidos como os parlamentares corruptos, gente que explora e pisa no próximo como se fosse casca
    de ovo…

    Gente rica e fina no Brasil é muito mais tele-guiada e bitolada que esses pobres coitados que seguem a carreata do Stedile, por um pão com mortadela….

    A fome não os faz mais ignorantes que os que tem tudo e vivem bitolados da mesma maneira…

    E, enquanto isso, os últimos indígenas vão sendo cozidos, no fogo baixo….
    Toda atenção voltada ao Lula enquanto o diabo ferve o caldeirão, estrategia de paizeco mixerrento dum povo perebento que precias agendar na rede social para sair as ruas….

    Brasil 2017,o tamanho do vexame, sinceramente…

    Fosse assim um BRASIL, não seriam policiais da PF revistando ônibus, seria o povo, a solidariedade consertando tudo, arrumando a nossa casa… Alguém ainda lembra disso? Ou solidariedade virou bandeira numa Polônia distante qualquer…?

    Virou essa merda de conversa, sobre bandido roubando no governo, advogado kakeiando papofurado, a TV pondo todo um pais a perder… Acabou o povo, pelo que parece.

    Trivial, Brasil…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *