Falar que se passa fome no Brasil é uma grande mentira’, diz Bolsonaro aos correspondentes

Resultado de imagem para bolsonaro com correspondentes

Bolsonaro revela a sua receita de governo: “É só não atrapalhar”

Luciana Quierati
Folha | UOL

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse nesta sexta-feira (dia 19) que não existe fome no Brasil. “Falar que se passa fome no Brasil é uma grande mentira. Passa-se mal, não come bem. Aí eu concordo. Agora, passar fome, não”, disse em café da manhã com correspondentes internacionais. “Você não vê gente mesmo pobre pelas ruas com físico esquelético como a gente vê em alguns outros países pelo mundo”, disse o presidente, sem citar nominalmente as nações que mencionou na declaração.

A fala foi uma resposta do presidente a uma representante do jornal espanhol El País, em Brasília, que disse que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, havia manifestado preocupação com a desigualdade no Brasil e quis saber que trabalho o governo tem realizado para reduzir a pobreza no país.

NÃO ATRAPALHAR – Bolsonaro disse ainda que o Brasil é um país privilegiado e que o que os poderes Executivo e Legislativo podem fazer “é facilitar a vida do empreendedor, de quem quer produzir, e não fazer esse discurso voltado para a massa da população, porque o voto tem o mesmo peso”, disse, criticando a política de bolsas de governos anteriores.

“É só as autoridades políticas não atrapalharem o nosso povo que essas franjas de miséria por si só acabam no Brasil, porque o nosso solo é muito rico para tudo o que se possa imaginar”, disse.

Disse ainda que é o conhecimento que tira o homem da miséria —o que, pare ele, não foi bem cuidada nas últimas décadas. “A educação aqui no Brasil, nos últimos 30 anos, nunca esteve tão ruim”, avaliou.

BANCO MUNDIAL – Segundo cálculo da Folha com base em documento divulgado em 4 de abril pelo Banco Mundial, a crise econômica dos últimos anos empurrou 7,4 milhões de brasileiros na pobreza entre 2014 e 2017.

Com isso, houve um salto de 20,5% —de 36,5 milhões para quase 44 milhões— no número de pessoas vivendo com menos de US$ 5,5, ou seja, R$ 21,20, por dia.

De acordo com a Fundação Abrinq, que fez cálculos a partir de dados do IBGE, 9 milhões de brasileiros entre zero e 14 anos do Brasil vivem em situação de extrema pobreza. E o Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional do Ministério da Saúde (Sisvan) identificou, no ano retrasado, 207 mil crianças menores de cinco anos com desnutrição grave no Brasil.

ZERO DOIS PROTESTA – Nas redes sociais, um dos filhos do presidente, o vereador carioca Carlos Bolsonaro (PSC), criticou o encontro do pai com os correspondentes.

“Por que o presidente insiste no tal café da manhã semanal com ‘jornalistas’? Absolutamente tudo que diz é tirado do contexto para prejudicá-lo. Sei exatamente o que acontece e por quem, mas não posso falar nada porque senão é ‘fogo amigo’. Então tá, né?! O sistema não parará!”, afirmou o filho Zero Dois.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
– Realmente, desta vez Carlos Bolsonaro está com a razão. Em toda entrevista o presidente diz alguma “bolsolidade”, como essa ilusão de que não tem pessoas passando fome. Ele quer dizer que as pessoas sempre conseguem comer alguma coisa que lhes permite sobreviver. E não foi isso que o repórter perguntou. Ele esava se referindo à pobreza em geral. Quanto a essa nova teoria conspiratória alimentada por Carlos Bolsonaro, não tem o menor fundamento. Mas o Zero Dois gosta de se alimentar com esse tipo de fofocagem política. Ele engole todas. (C.N.)

18 thoughts on “Falar que se passa fome no Brasil é uma grande mentira’, diz Bolsonaro aos correspondentes

  1. É porque ele só viaja de avião e não lê jornais e nem vê televisão. Ele nunca viu ninguém atacando uma lixeira atrás de restos de comida no Brasil. ´E um grandissíssimo FDP!

    Repito. Esse presidente é o maior 171 da história. Enriqueceu com a política e ensinou os filhos o ofício de enriquecer com a política. Agora está lançando o caçula de 20 anos na política. É o caminho mais curto para ficar rico.

  2. Bolsonaro se mostra absurdamente desinformado sobre o povo brasileiro, a ponto de se mostrar alienado e desinteressado pelos pobres e miseráveis!

    A sua afirmação, de que não se passa fome no Brasil, é o retrato fidedigno do quanto a população não lhe interessa, então não se preocupa com o desemprego, a inadimplência do cidadão, os juros extorsivos, o indigno salário mínimo, quanto mais com relação aos 30 milhões de pessoas que “ganham” até 400 reais por mês, e mais de 25 milhões que vivem abaixo da linha de pobreza, os miseráveis, que “auferem” até 140 reais por mês!!!

    O presidente acha que esses necessitados e absolutamente carentes comem o quê??!!
    As mesmas refeições de Suas Excelências, os ministros do STF?!
    Ou procuram no lixo a comida que vai mantê-los em pé até o dia seguinte??!!
    Ou, por acaso, o patético Bolsonaro acha que restos de comida, azedas e podres, “alimentam” aqueles que ainda encontram essa nojeira??

    Volto a escrever e alertar:
    Bolsonaro não tem assessores competentes.
    O presidente não poderia sair falando tamanha besteira boca afora!

    Aliás, Bolsonaro demonstra que tem incontinência verbal (forma desmedida sem ter controle total do ponto de vista da atenção em seu discurso), pois rapidamente comprova que não tem mesmo qualquer condição para nos presidir!

    Sinceramente, mas estou decepcionado com este governo.
    Lamento profundamente que não havia outra opção, pois Haddad e Ciro cometeriam crimes inaceitáveis, que seria a libertação de Lula, mas Bolsonaro está sendo uma frustração imensa para este povo e esta nação!

    • Meu amigo Bendl,

      Essa foi a porcaria mais porca que saiu da boca desse Presidente do Brasil, que na verdade tem o miolo fraco – como se diz por aqui no meu “Cearasinho” doce.

      Abração e muita saúde pra ti.

      • Meu caro amigo e irmão Nordestino, César – Fortaleza,

        Por essas e outras que sigo a minha convicção, de me manter neutro e afastado de políticos e seus partidos.

        A razão é simples:
        Não tenho compromisso com nenhum deles, logo, sinto-me à vontade para criticar, protestar, reclamar, escrever o que penso quando entendo que devo me manifestar.

        Bolsonaro está mais deslumbrado do que foi Collor, quando eleito presidente desta republiqueta!
        E com uma grande desvantagem:
        O atual presidente tem uma feroz e insana oposição do PT e demais partidos que se dizem de esquerda e extrema-esquerda, enquanto o corrupto Mello, no início do seu (des)governo, o Brasil inteiro lhe apoiava!

        Portanto, caberia a Bolsonaro ser bem mais cuidadoso com as palavras, mais discreto, mais comedido.
        Não é o que acontece, pois ele não pensa no que diz, sai vociferando e dizendo asneiras as mais absurdas possíveis, complicando ainda mais a sua pífia administração com relação ao pobre e miserável, que somam mais da metade da nossa população!!!

        Uma pena, pois o povo poderia ter outra atenção, e não mais um presidente que demonstra total desinteresse pelo bem comum, e de diminuir o desemprego, a inadimplência, os juros extorsivos, melhorar a saúde pública, a educação/ensino e, principalmente, a insegurança que vivemos.

        Bolsonaro vive em outro mundo, só dele e de seus filhos, em consequência, o futuro – a continuar dessa forma -, que lhe aguarda será consigo mesmo e seus rebentos, e a história irá esquecê-lo.

        Abração.
        Saúde.

  3. Com o regime político vigente, com o perfil da classe política no poder, com a incompetência da população em escolher o correto, o Brasil ainda irá passar por muitas provações antes de se tornar uma nação digna e desenvolvida.
    Menos mal que a tempestade uma hora passa e o atual governo em breve também terá passado. Desde que aprendamos a separar o joio do trigo bem antes do período de campanhas eleitorais. Pois, ao chegarmos nesses momentos, já nos terão impingido os candidatos de sempre não deixando chances de mudanças para melhor.

  4. Meu Deus do céu quando será que o presidente vai parar de dar tantas mancadas? Ainda não se cansou de dar tiros no pé? Mais um pouco e vai ficar como aquela infeliz que foi presidanta, nunca conseguia terminar a frase que começou. E este filho do presidente está precisando tirar umas férias, de preferência bem longas em algum spa para gente que sofre da “faculdades mentais” como diziam no tempo da minha avó.

  5. Capitão Inácio, informe-se antes de chutar. Já tivemos um ignorante bebum e uma Anta que não diziam coisa com coisa. Aproveite o conhecimento dos seus assessores e evite fazer declarações estupidas dessa natureza. Ninguém aguenta mais uma nova Dilma!

  6. Ué, não foi a ONU que afirmou em 2014 que o Brasil havia saído do “mapa da fome”? O desespero das viúvas da Dilma é patente. Para a grande mídia, bem como os artistas capitaneados por caetano, chico e gil e àqueles que lhes são subservientes, não importa o que é dito e sim quem diz.
    Petralhas Nunca Mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *