Filho de Figueiredo conta por que o pai se recusou a fazer Copa do Mundo no Brasil

Mário Assis

Circula na internet uma mensagem de Paulo Figueiredo, filho do general João Batista Figueiredo, o último militar a ocupar a Presidência da República durante o regime militar. Ele relata por que seu pai não aceitou que o Brasil sediasse a Copa na década de 80.

###

A PONTA DO ICEBERG

Paulo Figueiredo

De repente eu comecei a receber uma enxurrada de mensagens mencionando esta estória,que segue abaixo.  Sou, evidentemente, talvez o cara mais suspeito para tecer considerações sobre qualquer matéria que faça juízo de valor a respeito de meu pai, especialmente em atos do seu governo.

Mas sobre este episódio, especificamente, não posso me furtar a dizer, e com certeza absoluta, que o que está relatado é totalmente verdadeiro.

Até porque, calhou de eu estar presente no mencionado encontro. Tinha acabado de vir do Rio, e fui direto ao Torto ver os meus pais, como eu sempre fazia assim que chegava em Brasília. Soube que o “Velho” estava reunido com o Havelange, no gabinete da residência. Como sempre tivemos com ele uma relação muito cordial, me permiti entrar para cumprimentá-lo e dar-lhe um abraço.

“- João e João? Esta reunião eu tenho que respeitar !”, brinquei irreverente, dele recebendo um carinhoso beijo. (Havelange sempre teve o hábito de beijar os amigos). Ia, logicamente, me retirar, mas Papai me deixou à vontade:

“- Senta aí, estamos falando de futebol, que é coisa que você adora”.

Fui logo sacaneando : “- E ele já descobriu um jeito de salvar o Fluminense ?” (risos – os dois, tricolores roxos).

“- Ainda não, mas vamos chegar lá. Estamos conversando sobre Copa do Mundo  …”

E deu-se então o diálogo, do qual o trecho que está contido no texto fez parte, realmente. O Velho não concordava que o país dispendesse quase 1 bilhão de dólares (valor abissal para os números daquela época) para tentar satisfazer o caderno de encargos da Fifa, principalmente diante do quadro de enorme dificuldade financeira que o Brasil atravessava. Uma situação cambial dramática, resultante de um aperto histórico na liquidez internacional – taxa de juros internacionais de 22% a.a, barril de petróleo a 50 dólares no mercado spot –  agravada pela necessidade de se dar continuidade a um importantíssimo conjunto de obras de infraestrutura. Muitas delas iniciadas, diga-se de passagem, em governos anteriores, mas que não poderiam ser paralisadas por serem realmente de vital importância para a continuidade do nosso desenvolvimento.

Para se ter uma idéia: produzíamos apenas, em 1979 (quando houve o segundo “oil shock”) 164.000 barris de petróleo por dia, contra uma demanda de 1,2 milhões. Um forte investimento nos programas de prospecção e mudança no perfil do refino, associado à criação e implementação do Proácool, permitiu que em 1985 se atingisse uma produção de 640 mil barris/dia , fora a triplicação das reservas cubadas de gás, e ainda tivéssemos grande parte da bacia de Campos instalada (o que, sem medo de falar bobagem, até hoje garante o abastecimento do nosso carro ou o óleo diesel do nosso busão.)

Realmente, era contrastante com o que se fez (ou melhor, o que NÃO se fez) nos governos seguintes : várias hidrelétricas, começando por Itaipu – até hoje é a segunda maior do mundo, além de Tucuruí, Balbina, Sobradinho, etc, todas com as suas gigantescas linhas de transmissão; conclusão da expansão de todas as grandes siderúrgicas (CSN, Usiminas, Cosipa e outras – que fizeram o Brasil passar de crônico importador para exportador de aço); conclusão das usinas de Angra 1 e 2; um programa agrícola que permitiu que ainda hoje estejamos colhendo os frutos da disparada de produção de grãos – graças à Embrapa, ao programa dos cerrados e ao programa “Plante que o João garante”; um salto formidável nas telecomunicações, até então ridículas; multiplicação da malha rodoviária – a mesma, praticamente, na qual hoje ainda rodamos, só que agora sucateada e abandonada; inauguração de dois metrôs : Rio e São Paulo; instalação de vários açudes no sertão nordestino ; e, o que não vejo ninguém da mídia mencionar (até porque não lhes interessa) : a construção de 2,4 milhões de casas populares, mais do que toda a história do BNH até então, e muito mais do que a soma de todos os outros governos (?!) que sucederam.

Isto é apenas o que eu me lembro agora, ao aqui escrever rapidamente. Em resumo : naquela época, o dinheiro dos impostos dos brasileiros, simplesmente, destinava-se ao desenvolvimento do país.

Daí não ter havido condições de se fazer a Copa de 1986. O mais engraçado foi no dia seguinte : Delfim era muito ligado ao então presidente da CBF (ou ainda era CBD ?), Giulite Coutinho, que, lógico, tinha todo o interesse em trazer aquela Copa para o Brasil. No despacho, Delfim foi logo colocando: – “Presidente, trago aqui os números globais de custo para fazermos a Copa, blá, blá, vai dar entre uns 300 a 500 milhões de dólares, blá, blá …”

O Velho, que já havia pedido ao SNI para preparar um estudo acurado, cortou sumariamente : -“Não é isso não, Delfim, você está enganado, iria custar isto, mais isto, mais aquilo … e pode esquecer porque nós não vamos entrar nesta fria !”

Mas, para concluir, já falando do presente : o que se está fazendo com o povo brasileiro é simplesmente criminoso. Só que a roubalheira na construção dos estádios é apenas a cabeça do iceberg…

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

172 thoughts on “Filho de Figueiredo conta por que o pai se recusou a fazer Copa do Mundo no Brasil

    • Lamento não ter vivido este contexto que o então falecido presidente João Figueiredo governou o pais. Eu era muito novinha e não tinha conhecimento de politica. Encontrei um dia com ele no Santo Cristo no RJ, qdo ele não era mais presidente. Estava com o meu chefe e ele disse, olha o presidente, o então Sr. João Figueiredo apertou a minha mão, deu um beijo nela e disse, ex-presidente.
      Hoje mais esclarecida, vejo que tivemos um grande homem governando este pais. Não tinha os roubos e a violência que enfrentamos hoje. Nunca ouvi dizer nada que desabonasse sua honestidade.
      Parabéns Presidente João Figueiredo!!!

  1. Hipocrisia a esta altura do campeonato, era só o que faltava. Foi o que os 21 anos de ditadura militar nos legou ao seu final,com o Figueiredo:”quadro de enorme dificuldade financeira que o Brasil atravessava…” Fala sério,né. Já não basta as comparações entre FHC e Lula, agora me aparece mais esse comparar com a ditadura. A diferença é que hoje o Brasil tem reservas de mais de 350 bilhões de dólares, não obstante tudo. A lembrança boa que tenho de Figueiredo é a seguinte: “Hei de fazer deste país uma Democracia de verdade”. Não conseguiu, mas me ensinou a viver e trabalhar nesse sentido. E nesse sentido, visando esse objetivo é que elaboramos a Meritocracia Eleitoral, que é a quebra da ditadura partidária e seu monopólio sobre as eleições, visando democratizá-las, com abertura total, à participação de todos os brasileiros, em condições de igualdade, sem a influência de dinheiro e esquemas, independentes de filiação partidária. Golpe de ditadura nunca mais, pelo amor de Deus.

    • Pensamentos como esse que desnorteiam o senso comum dos brasileiros. Vivemos um periodo na qual a etica, vergonha, a disciplina e tantos outros principios democraticos fazem falta em nossos governantes. Somos muito mais violados nos nossos direito hoje do que no tempo da ditadura. E quer saber mais. Os militares so assumiram em funcao do clamor da sociedade num momento de imobilidade do sistema politico daquele momento brasileiro. E se achas que neste periodo de ditadura os militares foram duros com os insurgente idealitarios. Tente hoje se insurgir contra o modelo atual de governanca.

      • Gerson Silva, concordo com o que disse e digo mais, melhor exemplo do que acontece com quem se insurge contra o atual governo, foi o destino dado a um famoso Prefeito no Estado de São Paulo, você se lembram do “Celso”?

    • luiz felipe, copiar textos e repetir o q os “professores” de hj falam nas salas de aula, caso nao tenha vivido nessa época, da dita “ditadura militar” vc nao tem experiencia, autoridade e muito menos competencia p/ abordar o assunto em questão, portanto, recolha- se á sua parca e mísera insignificância, fique no seu cantinho e deixe p/ quem entende do assunto debater, trocar idéias e chegar em um consenso de comum acordo p/ o melhor do Brasil. Não vejo, não encaro e não sinto q tenha sido uma “ditadura militar” e sim um governo militar, onde tinha ordem, trabalho, riqueza, só quem teme o governo militar são os bandidos, corruPTos, ladrões, e vc por estar atacando o governo do Gal. João Baptista Figueiredo, deve fazer parte dessa corja q se aboletou no planalto, contaminando toda Brasília, só bandido nao gosta de militar….

      • Concordo com Netto Botasso. Pra mim, pelo menos, foi uma época muito boa, na qual eu tinha até grana sobrando nos fins de semana, levava meus filhos pra almoçar fora, comer camarão…Ele está certo ao citar que ‘só bandido não gosta de militar’. Militar é “gente como a gente”! É uma profissão digna, e se entre eles tem maus militares, lembremos que tbm existem maus advogados, maus médicos, maus engenheiros, maus professores, etc, etc.

      • Neto, sua postura condiz mesmo com uma ditadura, onde VOCÊ expõe sua opinião e quem não concorda com ela não pode opinar. Mas acontece que não importa que você viveu nessa época, pois isso só prova que além de BURRO você é velho, nada mais que isso.
        Você era um idiota naquela época e continua sendo agora.

      • A “ditadura”era tão rígida que a dita presidente pintou o diabo no Brasil e hoje esta ai gastando o resto da tinta.

        Nascido 1957 Prof eletricista.
        Estudei em colégio publico cantavámos o hino Nacional a merenda não faltava e era feita na cozinha da escola.

    • Podemos saber a sua idade? Ela irá nos dizer se vc viveu ou apenas “aprendeu”. E se sua formação é de Filosofia ou sociologia já o torna extremamente suspeito para falar qualquer coisa sobre aquela época.
      Houve corrupção ? Sim houve afinal os grandes são crias dessa época. Sarney, Collor que gerou Renan.
      Mas eramos um povo feliz, as instituições eram respeitadas, policia era policia e bandido era bandido. Me importa sim ter na época formação m[edia e construir minha casa própria, ter meu carrinho e conseguir ir e vir todo dia com ele da Penha ao Flamengo( Trabalhava na Bloch Editores)Poder portar minha arma sem medo de ser preso, ter coragem de enfrentar um ladrão sem sem preso por isso ( e o fiz )andar na madrugada sem medo

    • Eu não defendo nenhuma ditadura, nem a militar no Brasil e nem a que os Petista pretendiam fazer aqui no Brasil, e muito menos a do idolo do PT Fidel Castro fez em cuba. Só digo que com toda a arbitrariedade dos militares nos anos que comandaram o pais, todos os generais presidentes sairam só com o soldo. Agora o Brasil é o pais mais rico do mundo é, desde que foi descoberto foi roubado por português, holandez, americano agora por Petistas e as riquezas não acabam.

    • Antes de mais nada, sou digamos, muito ignorante nesse tipo de assunto. Mas o grande principio de tudo, democracia se resume a nos podermos participar e opinar sobre nosso atual ou seja lá qual for o governo em questão, de poder expressar nossas opiniões, poder dizer através do povo quais as nossas reais necessidade como nação do que precisamos e então o governo sabendo da existência delas nos ajudar. Entendo que se somos um povo democrático, por que somos obrigados a votar, por que nossas opiniões não são aceitas pelos governantes?????
      Moro a muitos anos fora do Brasil, mais especificamente no Japão, aqui fiquei sabendo recentemente, que um policial não pode nem ao menos expressar seu direito ao voto por ele ter a necessidade de ser totalmente imparcial devido a sua profissão, aqui não existe a obrigatoriedade ao voto, vota quem quer. Isso pra mim seria o principio da democracia, ou seja, ninguém é obrigado a nada, a não ser acatar a lei vigente no pais, coisa que não vejo acontecer.
      No Brasil, só vejo as leis sendo jogadas ao lixo, ninguém respeita ninguém. Tanto nossos políticos quanto muitos do nosso próprio povo fazendo pouco caso ao próximo.
      Imagino eu que o principio de tudo, sendo ela dentro de ditadura, democracia, socialismo, ou seja lá qual for o regimento em questão, nao podemos ter a memória curta, hoje lembramos de lutar pelos nosso direitos, mas devido a repressão que mesmo de leve possamos sentir, somos muito acomodados, egoístas e o pior de tudo FRACOS, pois logo se deixa as coisas de lado. Um exemplo recente sao as manifestações que surgiram a pouco, cade a força dela, já esta enfraquecendo…
      Somos tratados pelos políticos como animais famintos, quando com fome, somos perigosos, mas basta jogarem qualquer lavagem que possa saciar nossa fome, mesmo que temporariamente, que logo esquecemos.

      Penso que nao devemos ficar esperando as coisas sentados enquanto apenas meia dúzia correm atras dos ideais de uma nação inteira. Penso que enquanto existir esse comodismo, falta de amor para com o próximo e TODOS juntos corramos atras de nossos direitos, nada mudara…

  2. Finalmente um relato de sensatez de uma atitude de um governante, estes ao menos não ficaram comprovadamente bilionários com jogadas desse tipo.

    Já no paí maravilhoso das “Bolsas Qualquer Coisa”, o que mais se vê são aqueles que ganham muito com esse tipo de aventura com o dinheiro dos contribuintes.

  3. Eu quero perguntar ao Luiz Felipe se ele viveu a época do regime militar ou se ele escutou de algum idiota da imprensa ou de professores marxistas? A época dos militares foi a melhor época para o brasileiro de bem e trabalhador. Só não foi para baderneiros, ladrões do erário. Ou seja para essa corja de políticos que estão ai no poder, sendo corrompidos e criando leis para beneficiá-los. Nem Sarney, Collor, FHC, Lula ou Dilma juntos fizeram o que os militares fizeram. Nenhum presidente pós militar tem moral para criticar os militares e vou mais longe. Até hoje ninguém conseguiu provar que os militares ficaram ricos. Já os pós militares basta ver a conta bancária…

  4. Nunca antes, na história desse país, se viu cabeça maior de Iceberg.
    A verdade (sobre o governo de ontem) é relativa, mas a mentira (sobre o governo de hoje) é absoluta.

  5. Figueiredo foi um homem honesto e franco. Admiro-o. Admiro-o mais ainda por de tanto conviver com os políticos disse a frase lapidar “prefiro o cheiro dos cavalos”.

  6. Luiz Felipe, essa eh a “igualdade” que esta sendo praticada, abra o olho: https://www.facebook.com/photo.php?v=143786388975397
    Sem falar da falta de seguranca publica, dos antigos revolucionarios que hoje nao passam de hipocritas vivendo do dinheiro do povo e ocupando altos cargos em nossa administracao publica. Voce precisa tomar conhecimento do livro do diabo, tambem chamado de “Os Protocolos de Zion”. Alias, o comunismo eh uma criacao deles mesmo, verdadeiros psicopatas do seculo 18.

  7. Tudo bem, nao deem os louros que a ditadura não merece. Mas responde so uma coisa: essas reservas de 350 milhoes pagam a divida trilhonaria que os 10 anos do governo PT produziram? Sei a historia. Se a Ditadura foi ruim pra muita gente, a Petralhada esta sendo ruim pra muito mais gente qe carrega esse pais com seus imposto, mas muito mais mesmo!!!! O Figeuiredo acertou em negar a Copa!!

  8. Quero lançar um desafio:

    Se pudéssemos atender as seguintes necessidades do brasileiro:

    1- Saúde;
    2- Moradia digna, não estes lixos que a democracia apresentou no Brasil;
    3- Educação, legitima também, a do tempo da minha mãe, com 15 materias sendo 4 de idiomas, de altíssima qualidade, não este lixo que a democracia nos deu;
    4- Segurança; ou seja bandido bom é bandido morto, bem mortinho, e não os direitos humanos que defendem os bandidos e abandonam as familias dos órfãos, como a democracia nos deu;

    Friamos a seguinte pergunta:

    Você abriria mão do congresso nacional e das câmaras de vereadores, se uma ditadura lhe proporcionasse todos estas possibilidades acima???

    Corto meus dois pulsos….se 90% não disserem SIM!!!!!!!!

    Portanto se você for hipócrita vai dizer não, e vai continuar igual um otário a bancar estes milhares de pilantras que dizem estar lá para fazer democracia!!!!!

  9. sr. Luiz Felipe, não sei qual é a sua idade, mas pelo jeito você nunca leu a história do Brasil, tem todo direito de concordar ou não, agora postar uma tamanha besteira, passa ser ridículo, talvez o seu petismo te deixe cego, a democracia iniciou com o ex-presidente João Batista Figueiredo sim, e tem mais foi ele que deu anistia pra esses terroristas que hoje você tanto defende, faça um favor pra você mesmo vá estudar um pouco, principalmente a história de nosso país quem sabe aprenda alguma coisa.

  10. confesso que espero que não demore muito para retornarmos a caserna.
    aos bons tempos do verde oliva. e acabar com essa pouca vergonha.
    aí quero ver bandido pedir direitos humanos e favelados fazerem baderna em prol de traficantes. Brasil acima de tudo.

  11. Militares no poder, nunca mais!
    Net 7 Mares

    (texto atribuído erradamente a Millor Fernandes, atribuição equivocada, vez que Millor, que combatia o regime militar no seu semanário “O Pasquim”, jamais poderia tê-lo escrito ainda que em termos irônicos).

    Militar no poder, nunca mais. Só fizeram lambanças.

    Tiraram o cenário bucólico que havia na Via Dutra de uma só pista, que foi duplicada e recebeu melhorias; acabaram aí com as emoções das curvas mal construídas e os solavancos estimulantes provocados pelos buracos na pista. Não satisfeitos, fizeram o mesmo com a rodovia Rio-Juiz de Fora, sem contar a mania de abrir novas estradas de norte a sul e de leste a oeste, o que deixou os motoristas atarantados e perdidos, sem saber qual caminho tomar para chegar ao destino.

    Com a construção da ponte Rio-Niterói, acabaram com o sonho de crescimento da pequena Magé, cidade nos fundos da Baía de Guanabara, que era caminho obrigatório dos que vinham do sul, passando pelo Rio, em direção às cidades litorâneas do sudeste acima do Rio e nordeste, contornando a baía num percurso de mais de 100 km. Encurtaram o tempo de viagem entre Rio e Niterói, é verdade, mas acabaram com aquela gostosa espera pela barcaça que levava meia dúzia de carros de um lado a outro da baía.

    Criaram esse maldito Proálcool, com o medo infundado de que o petróleo vai acabar um dia. E, para apressar logo o fim do chamado “ouro negro”, deram um impulso gigantesco à Petrobras, que passou a extrair petróleo 10 vezes mais (de 75 mil barris diários, passou a produzir 750 mil); mas nem isso adiantou nada, porque, com o álcool mais barato que a gasolina, permaneceu o fedor de bêbado que os carros passaram a ter com o uso do inventado combustível.

    Enfiaram o Brasil numa disputa estressante, levando-o da posição de 45ª economia do mundo para a posição de 8ª, trazendo com isso uma nociva onda de inveja mundial.

    Tiraram o sossego da vida ociosa de 13 milhões de brasileiros, que, com a gigantesca oferta de emprego em milhares de obras, ficaram sem a desculpa do “estou desempregado”.

    Em 1971, no governo militar, o Brasil alcançou a posição de segundo maior construtor de navios no mundo, o que veio a ser outra desgraça, porque, além de atrair mais inveja, infernizou a vida dos que moravam perto dos estaleiros, com aquela barulheira da construção desenfreada.

    Com gigantesca oferta de empregos, baixaram consideravelmente os índices de roubos e assaltos. Ora! Sem aquela emoção de estar na iminência de sofrer um assalto, os nossos passeios perderem completamente a graça.

    Alteraram profundamente a topografia do território brasileiro com a construção de hidrelétricas gigantescas (Tucuruí, Ilha Solteira, Jupiá e Itaipu), o que obrigou as nossas crianças a aprenderem sobre essas bobagens de nomes esquisitos. Por causa disoo, o Brasil, que antes vivia o romantismo do jantar à luz de velas ou de lamparinas, teve que tolerar a instalação de milhares de torres de alta tensão espalhadas pelo seu território, para levar energia elétrica a quem nunca precisou disso.

    Implementaram os metrôs de São Paulo, Rio, Belo Horizonte, Recife e Fortaleza, deixando tudo pronto para o início das obras e, com elas, atazanar a vida dos cidadãos e o trânsito nestas cidades.

    Inconseqüentes, injustos e perversos, esses militares baniram do Brasil pessoas bem intencionadas, que queriam implantar aqui um regime político que fazia a felicidade dos russos, cubanos e chineses, em cujos países as pessoas se reuniam em fila nas ruas apenas para bater-papo, e ninguém pensava em sair a passeio para nenhum outro país.

    Foram demasiadamente rigorosos com os simpatizantes daqueles regimes, só porque esses, que os milicos, em flagrante exagero, chamavam de terroristas, soltaram uma “bombinha de São João” no aeroporto de Guararapes, onde alguns inocentes morreram de susto apenas.

    Os militares são muito estressados. Fizeram tempestade em copo d’água só por causa de alguns assaltos a bancos, seqüestros de diplomatas… ninharias que qualquer delegado de polícia resolve.

    Tiraram-nos o interesse pela Política, vez que os deputados e senadores daquela época não nos brindavam com esses deliciosos escândalos que fazem a alegria da gente hoje.

    Para piorar a coisa, se tudo isso ainda é pouco, ainda criaram o MOBRAL, que ensinou milhões a ler e escrever, aumentando mais ainda o poder dos empregados contra os seus patrões.

    Nem o homem do campo escapou, porque criaram para ele o FUNRURAL, tirando do pobre coitado a doce preocupação que ele tinha com o seu futuro. Era tão bom imaginar-se velhinho, pedindo esmolas para sobreviver.

    Outras desgraças criadas pelos militares:

    Trouxeram a TV a cores para as nossas casas, pelas mãos de um Oficial do Exército, formado pelo Instituto Militar de Engenharia, que, por falta do que fazer, inventou o sistema PAL-M.

    Criaram ainda a EMBRATEL; TELEBRÁS; ANGRA I e II; INPS, IAPAS, DATAPREV, LBA, FUNABEM e mais um penca de instituições, cujo amontoado de siglas nos levou a confundir nomes.

    Todo esse estrago e muito mais, os militares fizeram em 22 anos de governo. Com isso, ganharam o quê? Inexplicavelmente nada. Todos os Generais-Presidentes foram para casa, levando apenas o soldo do posto. Se tivessem ficado ricos, um pouquinho que fosse, ainda dava para entender essa quantidade absurda de obras. O último deles, um tal Figueiredo, que sofria de um mal na coluna, teve que se valer de amigos para pagar tratamento com especialista. Ora! Então essa zoeira toda de obras foi só para complicar a vida simples das pessoas.

    Depois que entregaram o governo aos civis, estes, nos vinte anos seguintes, não fizeram nem 10% dos estragos que os militares fizeram.
    Graças a Deus! Ainda bem que os militares não continuaram no poder!!

    Tem muito mais coisas horrorosas que eles, os militares, criaram, mas o que está escrito acima é o bastante para dizermos:

    “Militar no poder, nunca mais!!!”.

    Anselmo Cordeiro (Net 7 Mares)

    • Realmente, se for p/ fazerem essas mesmas “lambanças”; q os militares fiquem onde estão, pq assim os PeTralhas do corruPTo poderão roubar mais e mais do povo brasileiro, rsrsrss……….esse texto do Millôr é impagável, muito bom mesmo, retrata a verdadeira história dos governos militares em comparaçao aos governos civis…….

  12. Muitos falam dos militares sem menos saberem o que dizem! O regime de ditadura que tanto falam só pegou safadões que hoje estão provando que só queriam acabar com o pais. Só lamento não terem mandado Dirceu, Genuino, Delubio e outros criminosos para pleitear uma vaga no inferno! Hoje a moda é falar em ditadura, homofobia, e relações homo-afetivas, como se isso resolvesse os problemas do pais> O que mais nos mata não é o preconceito, mas sim a corrupção, os desmandos, a falta de investimentos em educação, saúde, olhar para a Amazônia que esta entregue a estrangeiros e se não abrirmos os olhos ficaremos sem ela pela inércia de governos corruptos e incompetentes. Então devemos reconhecer os serviços do Exercito brasileiro que defendeu a nação de uma ideologia socialista que insistem em implantar no Brasil! Essa retorica de ditadura já esta ultrapassada, só quem ainda tem em mente essa pequenez são aqueles que passaram a vida gritando fora FMI e tudo se redundava nisso. Que pobreza!!Me digam um presidente militar rico e eu passarei a concordar com vcs socialistas de merda! Vcs escutam o galo cantar e não sabem onde !! Estudem e verifiquem sem paixões!!!

  13. “conclusão da expansão de todas as grandes siderúrgicas (CSN, Usiminas, Cosipa e outras – que fizeram o Brasil passar de crônico importador para exportador de aço)”

    Será que os neoliberais, como o PSDB/DEM, que dizem que a privatização é a melhor coisa para o Brasil, leram esse trecho?? Os neoliberais privatizaram a Embratel, e agora, toda a comunicação das 3 armas passa por Washington. Figueiredo deve estar se revirando no túmulo…rs

  14. O Costa e Silva era um jogador inveterado que só ganhava do Ademar de Barros no poker porque o “rouba mas faz” não queria ser cassado; o inventário do servidor público Ernesto Geisel, que viveu após deixar o poder com 6 APOSENTADORIAS (recorde mundial de pouca vergonha) e ganhou uma casa de campo de uma empreiteira, foi amplamente noticiado pelos jornais DA ÉPOCA como avaliado em 5 milhões de dólares, e o Figueiredo ganhou do Roberto Andrade (Andrade Gutierrez) o Sitio do Dragão, afora a confissão publica dentro do Jockey Club de Sao Paulo do Mathias Machline (Sharp e Sid Informática) que enriqueceu os filhos dele, certamente englobando o articulista.

  15. O Governo Figueiredo (1979-1985) teve seus escândalos financeiros, como os casos Capemi, Coroa-Brastel e Delfin, que representaram grandes prejuízos aos cofres públicos, devido aos financiamentos sem garantias e a omissões de fiscalização!

    No fim desse governo de triste memória, o Banco Central fez intervenção no Banco Sulbrasileiro S.A. por problemas de liquidez. Nem precisa dizer quem bancou o prejuízo desse banco…

  16. Iaco Silva, isto prova que todo o político deveria ser morto após eleito. Não existe um que continue honesto após mamar nas tetas da viúva. Só, que existem uns que são piores que os outros. Lulla, fortuna, atualmente, avaliada em 50 bi (mas não de reais).E, se o Poste conquistar o segundo mandato, chega aos 100.

  17. acreditém…..,mas,até agora:Brasileiros,acreditam que DITADURA foi coisa somente de Militar!!
    hoje no Brasil,vivemos uma DITADURA Civl, desde a entrada do governo Petista na má administração do País.
    o problema é que muitos Brasileiros,desconhem histórias politicas do Brasil e como as Marias:vão ,atrás das outras!!
    15 anos para cá:BRASIL È DITADURA,MAS,CIVIL.

  18. SÓ QUEM VIVEU HONESTAMENTE OS DEZ ANOS DA DITADURA MILITAR PODE DIZER COM A CONSCIENCIA TRANQUILA, QUE FOI UM ÓTIMO PERÍODO PARA O POVO TRABALHADOR. TENHO SAUDADES,POIS ANDAVA NAS RUA SEM MEDO DE SER ASSALTADO, TINHA EMPREGO, NÃO VIVIA EM CASA GRADEADA, COMO SE FOSSE LADRÃO. TODA A TARDE PODIA SEM MEDO COLOCAR UMAS CADEIRAS NA CALÇADA E BATER PAPO COM OS AMIGOS E VIZINHOS, SEM MEDO DE SER ASSALTADO, MORTO, ETC. NÃO HAVIA DROGAS, BANDIDAGEM, TANTA PEDOFILIA, ASSASSINATOS DE MULHERES PELOS PRÓPRIOS MARIDOS E MUITAS OUTRAS COISAS MAIS. VOU PARA POR AQUI, POIS SE TENTAR DESCREVER E COMPARAR OS TEMPOS, POSSO AFIRMAR QUE HOJE VIVEMOS NO “INFERNO” COM O DIREITO AO !FIM DO MUNDO”. QUERO PARABENIZAR A SRA (OU SRTA) DIONE CASTRO DA SILVA, PELO SEU ARTIGO PUBLICADO, PARABENS DE CORAÇÃO. VAMOS CONTINUAR PROTESTANDO PARA QUE POSSAMOS VIVER NESTE MARAVILHOSO PAIS, COM MAIS DIGNIDADE.

  19. AS VEZES TENHO VERGONHA DE SER BRASILEIRO!!!
    Li alguns comentários que distoam do que foi a gestão militar no Brasil, entendo que a ditadura não é um sistema politico bom para a população de um país, mas a nossa teve seus prós e contras.
    Vejo que existem muitos filhos da ditadura por ai, recebendo verba do governo atual para sanar sua falta de desrespeito para com o sistema na época. O Gosado de tudo isso, é que para alguns CUBA é um Exemplo!!!
    Brasil do Povo Burro que se acha esperto gerido por ignorantes…
    Estamos BEM!!!!!!!

  20. O Presidente Figueiredo merece respeito por ter ajudado o Silvio Santos e seu SBT e, como mostrado em vídeos, contrariado e atacado a toda poderosa GLOBO.
    No entanto, o maior legado da Ditadura Militar é o homem gabiru. COISA DE PATRIOTA É ASSIM: “A ECONOMIA DO PAIS VAI BEM, MAS O POVO VAI MAL” (http://veja.abril.com.br/230998/p_104.html)

    Já quem tem tanta gente aqui neste sitio que entende de ditadura militar, me explica uma coisa: cadê o ouro para o bem do Brasil!!

  21. Meus amigos, não da para fazer comparações dos últimos 12 anos a mudança feita vindo da coragem, disposição e luta contra tudo e todos para tirar o Brasil da Subserviência aos Americanos quando éramos o quintal de Tráz deles e passamos a ser protagonistas no cenário mundial, saímos de PIBINHO DE 500 BILHÕES DE DÓLARES EM 2002 PARA UM PIB DE 2,6 TRILHÕES DE DÓLARES, COM 370 BILHÕES DE DÓLARES EM RESERVAS CAMBIAIS, INCLUSÃO SOCIAL E ASSENÇÃO SOCIAL DE 70 MILHÕES DE BRASILEIROS, ACESSO AS FACULDADES EM GERAL, INFORMAÇÕES DIVERSIFICADAS VIA INTERNET ONDE EXISTE DEMOCRACIA DIFERENTEMENTE DO MONOPÓLIO MIDIÁTICO EXISTENTE, NÃO TEM NADA DE ABSURDO NO QUE ESTÁ SENDO FEITO A COPA E AS OLIMPÍADAS, ESTÃO COM ESTA MATÉRIA É POR LENHA EM FOGUEIRA. Hipocrisia a esta altura do campeonato, era só o que faltava. Foi o que os 21 anos de ditadura militar nos legou ao seu final,com o Figueiredo:”quadro de enorme dificuldade financeira que o Brasil atravessava…” Fala sério,né. Já não basta as comparações entre FHC e Lula, agora me aparece mais esse comparar com a ditadura. A diferença é que hoje o Brasil tem reservas de mais de 350 bilhões de dólares, não obstante tudo. A lembrança boa que tenho de Figueiredo é a seguinte: “Hei de fazer deste país uma Democracia de verdade”. Não conseguiu, mas me ensinou a viver e trabalhar nesse sentido. E nesse sentido, visando esse objetivo é que elaboramos a Meritocracia Eleitoral, que é a quebra da ditadura partidária e seu monopólio sobre as eleições, visando democratizá-las, com abertura total, à participação de todos os brasileiros, em condições de igualdade, sem a influência de dinheiro e esquemas, independentes de filiação partidária. Golpe de ditadura nunca mais, pelo amor de Deus.

    • Fala sério, Pedro, você realmente acredita no que escreveu em CAIXA ALTA? Que inclusão social é esta? Você mora em que País? Desde quando você dar dinheiro a alguém sem dar condições desta pessoa trabalhar e receber seu próprio dinheiro é inclusão social? Penso que seus conceitos estão errados e, por isto, sua afirmação lhe parece acertada.

    • Isso mesmo Pedro, o país tá uma maravilha! Tem saúde pra todos, hospitais de última geração, educação de primeiro mundo, segurança total, nem existem mais assaltos! Podemos sair tranquilos na rua sem sermos incomodados, isso é que é país! ACORDA CARA!!!

  22. Sr Sérgio, concordo com o sr, em parte.

    Corrupto teve vez, e como teve.

    Lembra-se do japones(Ueike), do Delfim Neto, que até hoje transita numa boa pelo meio político, etc…

    Qto aos “baderneiros”, nem todos eram baderneiros.

    Toda ditadura é cruel, não importa a ideologia. Se vc pensasse ou respirasse diferente deles, tornava-se imediatamente um terrorista perigosissimo e por ai vai.

  23. Me digam uma apenas uma grande obra começada e terminada depois do regime militar que fez valer os dizeres Ordem e Progresso, haver só uma ponte entre Rio e Niteroi até hoje é simplesmente humilhante para quem fica retido horas nos engarrafamentos, naquele tempo não se dava esmolas e sim trabalho, trabalhei na montagem da Bacia de Campos e trabalho até hoje, e até com a Petrobrás conseguiram incutir sua inépcia, a Petrobrás é hoje uma caricatura bisonha do que foi tomada por funcionários sem o mínimo interesse na empresa bem ao estilo sindicalista, participei da passeata de 68 do lado da esquerda pois não tinha informação suficiente como alias ninguém tinha no povo, já os militares tinham e sabiam direitinho o que poderia acontecer naquele momento crucial para o desenvolvimento da nação e agiram a pedido do povo em 64 e não cederam em 68.
    Neste 20/06/2013 fui sim na passeata com minha filha de 15 anos que estava sendo influenciada por grupos de esquerda no grêmio e consegui mostrar a ela e explicar o que acontecia, a internet também me ajudou muito, ela hoje tem dados para comparar e é inteligente.
    Em tempo, fui criado em Ipanema na maior liberdade durante todo o regime militar não me envolvi em tramas da esquerda talvez por estar muito ocupado estudando em um dos melhores colégios do Brasil NA ÉPOCA chamado Pedro II PÚBLICO ou mesmo por estar trabalhando como já disse na montagem da Bacia de Campos e ganhando muitíssimo bem ao contrário de hoje em função até superior a anterior.
    VERDADE É VERDADE NÃO TEM JEITO.

    • Parabéns Sr Carlos. Concordo plenamente. Vivi minha infância e adolescência no Regime Militar, mas estive muito ocupada pois ralei de tanto estudar em escola pública, para entrar na USP. A falta de liberdade política para esquerdistas era gritante e hj, mudou??

  24. Nao querem militares no poder mas adoram Fidel. Tenho 48 anos, e vivi muito o período da ditadura. Comecei a trabalhar com 14 anos e nunguem falava em trabalho infantil. Aliás, sem carteira assinada trabalhei desde os 12, e nem por isso me senti escravizado. Saia a noite e muitas vezes fui pra parede pela PM. Me prejudicou? Não e meus pais sempre procuravam saber o que eu fazia na escola. Havia Respeito em sala de aula com os professores, que eram uma classe valorizada até onde me lembro, pois era criança e não posso afirmar com toda certeza, mas meus pais diziam assim: “estuda que um dia voce pde ser professor”. Meus pais nunca falavam mal do governo. Comecei a ouvir flar mal dos governos militares quando o PT apareceu. Assim como muitos jovens, entrei na onda. Hoje eu vejo o quanto fui idota de me deixar levar por aquele papo de revolução do povo. Que idiotice. Se pudesse voltava atras e faria tudo diferente. jamais votaria nesse ditadores de vermelho.

  25. Qual a diferença das estradas federais construídas antes de 64, para as construídas depois de 64? Como eram o ensino e a educação estudantil, NAS SALAS DE AULA, antes e depois de 64? Será, que se os militares estivessem no poder, as estradas do BRASIL eram do jeito que estão? E os protestos, será, que existiam pelos motivos que estão acontecendo ATUALMENTE? O período foi duro, mas pelo menos, existia a moral.

  26. Quem viveu como eu as duas época sabe bem que não dá para comparar governo dos militares com desgoverno petralha.
    Quem não gosta de militar é gente bandida, mal intencionada, com intenções nefastas e aquelas que adoram comer, beber, dormir e não pagar.
    Quem vive na linha de frente para proteger o povo e a nação é o militar!
    Respeitem os, é simplesmente uma questão de bom senso!

  27. É DE SE FICAR ESTARRECIDO SABER QUE TIVEMOS UM PERÍODO PRÓSPERO, E LOGO ADIANTE SE SOFRER COM AS INJUSTIÇAS, DESLEIXOS E ROUBALHEIRAS PERPETRADAS POR UM PARTIDO FORMADO POR QUADRILHEIROS E MARGINAIS POLITIQUEIROS. O POVO NÃO MERECIA ISSO. MAS, QUIZ. FELIZMENTE ESTAMOS ASSISTINDO MANIFESTAÇÕES PÚBLICAS DE REPÚDIO AOS NOSSOS GOVERNANTES. MAS, NÃO SE ILUDAM. OS SRS. DEPUTADOS E SENADORES ESTÃO APENAS VOTANDO O QUE NÃO OS ATINGE DIRETAMENTE. É MAIS UMA MANOBRA DOS PETISTAS E ASSECLAS. ESTÃO QUERENDO SE PASSAR POR BONZINHOS, VISANDO TÃO SOMENTE AS ELEIÇÕES DO PRÓXIMO ANO. ESPERAM PARA VER. PASSADAS AS ELEIÇÕES, TUDO VOLTARÁ COMO ERA ANTES. MINHAS PROJEÇÕES POLÍTICAS NUNCA FALHARAM. JÁ VIVI VÁRIAS MUDANÇAS NA POLÍTICA. SEI QUE ASSIM.

  28. A SAÍDA POLÍTICA do POSTE. digo, da DILMA, seria FAZER UM PRONUNCIAMENTO exigindo do STF que os políticos safados como Fernando Henrique Cardoso, José Sarney, Paulo Maluf, Luís Inafio LULA da Filva, Renan Calheiros e os outros fossem PROSSESSADOS CRIMINALMENTE ” O-N-T-E-M.

  29. Esse Luiz Felipe não passa de um militante petralha tirando proveito da situação caótica que vivemos hoje. Está mamando nas tetas da nação e não quer perder seus privilégios espúrios, como aliás, toda essa corja de bandidos que se adonou dos cofres públicos para seus vis interesses!

  30. ENGRAÇADO, APARECE AGORA TANTOS QUE SÃO CONTRA A DITADURA MILITAR, DITADURA PARA BANDIDOS, PORQUE NAQUELE TEMPO ANDÁVAMOS PELAS RUAS A QUALQUER HORA, DURANTE O DIA OU DURANTE A NOITE, E NÃO CORRIAMOS O RISCO DE SER ASSALTADOS. AS CASAS MUITAS VEZES FICAVAM DE PORTAS ABERTAS, E NADA ACONTECIA. ACABOU-SE O PERÍODO MILITAR E O BRASIL SE TORNOU ESTE TORMENTO QUE É HOJE, AI DAQUELE QUE OUSAR SAIR À NOITE, CORRE-SE O RISCO DE TERMINAR NO IML. E AINDA TEM ESTE BANDO DE BANDIDOS DEFENDENDO ESTES LADRÕES QUE ESTÃO NO PODER, SE O BRASIL TEM ESTA RIQUEZA TODA QUE ALGUNS PUXA-SACOS DIZEM QUE TEM, ONDE ESTA QUE NINGUEM VÊ, PARTE FOI PARAR NO BOLSO DOS CORRU-PT-OS DO MENSALÃO. O LULA FOI PROCESSADO E CONDENADO PELO TRF1, E A IMPRENSA FOI AMORDAÇADA…AQUELES QUE NÃO GOSTA DOS MILITARES SÃO BANDIDOS, E É CLARO, BANDIDOS PROTEGEM BANDIDOS.

  31. O governo militar foi o melhor tempo que o Brazil já viveu. Tinhamos emprego, segurança públuca de primeira, O país era um canteiro de obras, o Povo não precisava de esmolas, nem mesmo creches públicas. Cidadãos de bem eram protegidos de bandidos e guerrilheiros assassinos. A saúde pública era federal e funcionava.A abertura política nos trouxe esta pseudo-democracia onde políticos corruptos praticam todo tipo de aberrações contra o povo. Alguns idiotas ainda acreditam que os militares arruinaram o país.Vão pensando assim e seus filhos verão o desastre que está por vir.

  32. Hoje sou um homem de 60 anos. Por isso eu digo assim. Na época eu fiquei chateado, porque pensei: estão perdendo uma oportunidade de ouro para projetar o Brasil. Mas por quê eu pensei assim? Porquê tomava conhecimento destas coisas somente pelos jornais. Hoje, ou melhor, quando iniciaram as manifestações populares, e depois de conferir para entender o que estava acontecendo, depois de me certificar de que quem estava nas ruas era o Brasil com cara de Brasil, e não um bando de amantes de Cuba e da Venezuela. Então, depois dessas coisas, eu me lembrei do Presidente Figueiredo. Cheguei a comentar com amigos na hora do almoço. Assim, é com satisfação que li e comento este assunto. Desde que o Pres Sarney assumiu, eles pensam que governar é agir em proveito de minorias (não reconheço nenhum direito para à minoria que não possa ser concedido à todos). Fernando Henrique só acordou quando a luz começou a apagar, embora tenha o mérito de conduzir o Brasil para os eixos. De lá para cá o PT assumiu, deitou “em berço esplêndido” e dormiu. Quem sabe agora acorde.

  33. O Presidente Figueredo estava coberto
    de razões,e com os pés no chão.
    E agora,na minha opinião,o Brasil ainda
    não tem condições de sediar a copa de
    2014.
    estão remendando pano velho com pano novo.
    Será um fisco.

  34. Quanta hipocrisia, quantas mentiras, outras verdades, nenhum militar entra numa caserna para ser politico, mas não foge a luta quando é chamado, como em 64, os hipócritas que se dizem terem lutado pela democracia, lutaram sim para que ela fosse implementada, por eles se deu aquele periodo,queriam sim implementar aqui a ditadura comunista, cultuada em CUBA/China/URSS hoje contam mentiras atraz de gordas indenizações,e possuem centenas de simpatizantes, para se ter uma idéia já se indenizam netos destes, hoje com 10 12 anos, pois nas comissões dizem terem sofrido antes mesmo de terem sido projetados, e conseguem, é ordem da esquerda, somente os anarquistas, os terroristas tem direito a indenizações, o ex soldado kosel,assassinado na guarita de um quartel onde estava de sentinela, que o carro onde dilma estava e jogou uma bomba explodindo seu corpo recebe 330 reais por mes(sua familia), enquanto os assassinos, que foram perdoados pela anistia, recebem 23 mil/mes, portanto estes defensores desta quadrilha algum motivo tem para defenestrar os disciplinados, ordeiros miltares, que sempre acudem o país nas piores horas, um abarço aos simpatizantes e aos militares que nas horas de baderna/crises de epidemias/inundações/catastrofes,são chamados por vcs a defenderem o nosso território de todos os tipos de coisas ruíns, até o comunismo.

  35. PREZADOS AMIGOS, atá hj nunca ouví falar q um presidente militar esteja milionário, naquela havia ordem porq os governantes tinham pulso, os q governam hj são os mesmo q se insurgiram contra o regime militar pregando abertura ampla ou seja um governo democrático. O q estamos vendo é a baderna instalada em nossa pátria tão bela, são os salafraios q pregavam justiça, não a corrução, querendo fazer do povo um bando de debilmentais, acolaiados com as emissoras poderosas de tv em nosso país principalmente a rêde GLOGO, é preciso mesmo dar um basta nesta bandidagem sanguessuga q assola nosso país. estamos vivendo um momento delicado, o povo está acordando, eles estão colhendo os frutos hj de tds os descasos q estão fazendo, na educação, saúde, na segurança etc precisamos viver dignamente, não comesmoças de bolça disso ou daquilo, Somos brasileiros, portanto precisamos ser respeitados. obg

  36. Muitas pessoas com muita cultura já governaram esse pais, e ai esta agora a vergonha de verdade. Por outro lado alguns tiriricas colocados pelos culturados para fazer o povo de idiota e porque não dizer os tiriricas tbm, apenas fantoches dos culturados e espertos, profissionais da corrupção.

  37. Sou advogada. Por isso, sei, por vivência profissional que, “uma história tem tantas versões quantas forem as partes envolvidas.” Com a História ou os fatos, ocorre o mesmo.Com os textos, idem. Cada um intepreta do jeito que quizer. Eu, que nasci no mesmo ano da Redentora e nela vivi até aos 21 anos de idade, achei esse texto na Internet – alguém postou no meu facebook – não é de minha autoria, estão aí os créditos a quem pertence! Postei-o, porque considero-o hilário, uma pérola de puro sarcasmo, ironia ampla, geral e irrestrita, tal como a ‘anistia’ militar! E é só sob esse aspecto que o considero. Nada mais. Como o filho do ultimo (eu espero) general-presidente publicou a sua piada, foi com esse mesmo espírito que publiquei o texto acima, dando os créditos ao autor. Apenas uma grande piada! Agora, cada um tem liberdade para lê-lo como quiser: levar a sério, rir, ver nele (como eu) um grande deboche. Fica ao gosto do ‘freguêz!’
    Uma das características que eu mais admiro nos habitantes da ‘ilha nevoenta'(Grã-Bretanha) é a capacidade de rirem de suas próprias excentricidades, digamos assim. Um humor às vezes ferino mas verdadeiramente britânico. Infelizmente, nós brasileiros não temos essa capacidade. As tentativas por aqui soam pífias e às vezes até, ofensivas. Mas esse texto não: embora carregado de fina ironia, é tão bom que tem pessoas até que o levam à sério! Como dizemos nós, cariocas: “Fala sério!”

  38. Gostei deste Blog.
    Quanto ao garoto luiz filipe, nunca se esqueça que vivemos uma democracia militar. Cresça e leia mais. Depois, pense!
    Hoje vivemos sim, uma ditadura do Foro de São Paulo através do PT.

  39. Eu só faço uma pergunta: Qual foi o militar que governou e quando sai do mandato estava com o seu patrimônio entre quatro ou cinco vezes maior de quando assumiu o governo.

    Pois vamos lá, agora me digam dos governos civis qual não saiu do governo trilhadario!!! É só isso, por favor me respondam!!!

    Depois vamos debater tá!!!

  40. Na época dos militares, o país não estava nessa baderna de hoje, as pessoas se respeitavam mais e bandido não tinha vez… Agora, acabou tudo… estamos todos perdidos com essa “DEMOCRACIA” furada… Democracia de ricos e ladrões do poder.

  41. É vergonhoso o que o Governo está fazendo em termos de desvio de verbas, construção de Estádios Elefante-Branco, em cidades com pouquíssimo interesse por futebol (onde após a Copa, os Estádios ficarão às moscas), e gastando muito mais que os outros países sede de Copa do Mundo gastaram para fazer o evento em seus países. Que o povo não se engane, e continue cobrando honestidade e punição para os abusos que estão sendo cometidos por esse governo.

  42. RESUMINDO:
    No tempo dos generais, para as pessoas decentes, era bem melhor para se viver, com segurança, progresso e paz social. O PT acabou com tudo isso. O populismo do PT, do Chavez e do idiota do presidente da Bolívia destroem as esperanças das pessoas de bem. A carga tributaria é enorme para enriquecer os políticos SAFADOS.
    Os presidentes da “ditadura” não enriqueceram.

  43. hoje o crime estainstitucinalizado.
    vela há cherifes de quarterões , que são comerciantes , ladrões e criminosos, no entanto se você revela um delito cometido por estes e por seu corregionarios, a policia faz vista grossa, tanto a militar como a civil.
    as forças armadas atrvé do supremo tribunal. podem por ordem no brasil, o povo controlado esta a passar foome e sofrer muito.
    imagunem se estes comunistas consequem de vez destruir as forças armadas e o poder judiciário.
    sofreremos muito.
    socorro forças armadas brasileira, o tempo urge e eé agora.
    esta para acontecer em itaipu uma grande catastrofe, no lado argentino, devido as cheias dos rios e por apresentar a barragem fisssiras e rachaduras enormes, por falta de cuidado e manutenção e desvio das verbas, ficara o sudeste e o sul do brasil sem energia eletrica.
    e morrerá muita gente com o rompimento da barragem .
    ,moita

  44. Infelizmente os Militares não querem mesmo assumir o país. Eles querem que o povo se ferre, para que aprenda que os antigos revolucionários eram criminosos que só queriam dinheiro. E os antigos revolucionários socialistas de antigamente são os milionários de hoje, sendo que algums viraram bilionários. Hoje ninguém tem segurança e se esconde dentro de condomínios fechados, casas com cerca elétrica, guarita, e, quem não tem dinheiro, se ferra mais ainda, porque é vítima em potencial dos criminosos. Até os policiais são vítimas dos criminosos diariamente, basta ler o jornal em São Paulo. Antigamente bandido tinha medo da polícia e de cometer assaltos. Hoje, cometer assalto é chique e vira filme nacional famoso. Queria ver se existiria direitos humanos no Brasil com militares no poder. Aí sim seria igual aos EStados Unidos, onde quando a Policia mata um terrorista a população aplaude os seus herois.

  45. PIOR QUE E TUDO VERDADE , INFELIZMENTE, ELE ERA UM HOMEM DURO SEM MEIAS PALAVRAS E DAVA NOTÓRIOS ESPORROS E DESCOMPOSTURAS PÚBLICAS. jORNALISTAS PENSAVAM 2 VZS ANTES DE FALAR BOBAGENS COM ELE.

  46. Sou a favor da Dilma sair do poder e acabar com a polícia militar. Deixando para esses montes de viciados metidos à revolucionário administrarem o governo ou melhor ainda voto pela volta de Fernando Henrique Cardoso, Paulo maluf , Collor e assim vai. Gostaria de saber se há alguma proposta para mudar o código penal e a lei de drogas deste país, pois o usuário de drogas são tão bandido quanto o traficante de drogas. Cambada de hipócritas, ridículos ! Sociedade de merda que temos !

  47. Tinha esquecido, ele implementou ações na agricultura brasileira que hoje colhemos os frutos, antes não havia pesquisa e desenvolvimento e ele fomentou, pois estudava numa escola tecnica federal e via isso, agora quanto aos cavalos ele gostava mais do que gente, de bobo ele não tinha nada. kkkkkk tem gente que e melhor nem se aproximar , e diga-se de passagem ele tinha bom gosto , torcia para o nosso grande Fluminense.

  48. Fernando Henrique comecou a desgracar o Brasil e o PT continua,,,,ja’ passou da hora de pressionarmos as Forcas Armadas para que cumpra sua obrigacao. Nosso pai’s esta sendo desmanchado aos pedacos e o Exercito finge que nao sabe,,,Que saudades dos generais de verdade.

  49. Sou filho de militar, e me lembro muito bem do governo militar, e de conhecer e conviver por um bom tempo com o General João Batista Figueredo, homem integro no qual meu pai que era enfermeiro da Marinha e trabalha diretamente com o presidente na época ,muita gente reclama do governo dos militares, bons tempos no qual podiamos andar nas ruas,se respeitavam a policia, não tinha esse banda de ladrões roubando dinheiro publico…bons tempos!!!!!

  50. Não querendo exacerbar mais a questão, mas constatar fatos; o período do regime militar no Brasil foi uma bênção para o desenvolvimento econômico do país, como também, para vida dos homens pacatos e de bem. Foi uma época em que o país gozou da segurança pública, do respeito à propriedade, da valorização da família, de mais honestidade, de patriotismo, melhor saúde, melhor educação e de muito rigor contra os fora da lei. Evidentemente por desconhecimento ou não; foram cometidos alguns abusos de autoridade, mas em seu todo contexto: Se alguém sofreu, foi morto, perseguido e teve que fugir para o exílio; não foi por ser bonzinho ou santo não! Mas por querer implantar no país um regime que, se estivesse tido êxito, teria resultado em muitas dores, talvez terrivelmente maiores as que de fato aconteceram. E não só para os militares, mas para o restante dos brasileiros.

  51. trocamos a ditadura do fuzil pela ditadura da corrupção. Lula traiu o povo brasileiro, dando o golpe da corrupção; com mensalões e muito mais. O povo humilde da rua, mais uma vez, tem que mudar o rumo do Brasil, levando borrachada da polícia. PT,que não é dos trabalhadores humildes do Brasil, ajude o Brasil. Devolva-o ao povo brasileiro; vcs não o merecem. É preciso uma nova legislação eleitoral onde exista efetivamente igualdade entre os candidatos e gastos limitados, mediante valores fornecidos pelo próprio governo. Chega de campanha política financiada pela corrupção, crime e narcotráfico; para que não tenhamos um país governado por estes execráveis investidores. Tolerância zero à corrupção, mãe de todos os males. Isto é impossível com o PT no governo e partidos similares. Dilma, domingo, aproveita a carona e vai junto com a FIFA; você é totalmente dispensável. Leva também o seu vice e demais comensais; inclusive seu guru! Provisoriamente, deixe a responsabilidade com o Presidente do STF!Pior que tá, não fica!!!

  52. Me perdoem os “gumercindinhos” simpátizantes ao socialismo mas, prefiro ditadura militar do que esse “sistema” sujo, corrupto e incompetente que está aí !
    Na época dos generais, tínhamos mais segurança, eles realizaram muito mais do que todos os que vieram depois, tudo sem fazer demagogia.
    Hoje o Brasil está em frangalios, legado às “ongs” (ou quadrilhas), as maracutáias, aos não patriotas, aos safados corruptos que todos os dias aparecem nos jornais.
    As quadrilhas (as formais) só aumentaram, ganharam mais poder, e isso porque temos leis proibitivas relativas ao armamento civil. Quando da época dos militares podíamos comprar armas e munições com quase nenhuma restrição, podíamos nos defender em caso de urgência.
    Me perdoem jovens “socialistas”, vocês não viveram naquela época, não podem julgar pelas narrativas de “cumpanheiros” que só queriam desde lá implantar sistema de governo que não serviu pra nada no planeta, só para preencher os egos de seus ditadores de esquerda, tipo Fidel … O país dele está parado há mais de 50 anos, pra serviu a sua revolução ?
    Perdoem meus jovens, tenho plena conciência que ditadura não é bom mas o nosso país precisa de uma limpeza política e administrativa. Aqui até religiosos já são quadrilheiros infiltrados nos governos, tendo imunidades, não pagando impostos dos dinheiros que tiram de pobres e desesperados fiéis iludidos com seus dircursos.

  53. Militares não devem assumir o executivo, mas indiscutivelmente fizeram um governo mais lícito, investiram em infraestrutura e desenvolveram o país. Hoje temos a “liberdade de expressão” mas perdemos a liberdade de ir e vir sem ser assaltado, pelos bandidos na rua ou pelo estado com seus pardais, pedágios, multas e muito mais, somos representados por um congresso que só legisla em favor deles mesmos, perdemos o direito a educação pois o que tem hoje é venda de diplomas, saúde só tem quem paga plano, e tantas outras perdas. Aproveite sua liberdade!

  54. Todo governo tras os prós e os contras , hj em dia mais os contras..kkkk… enfim ,vivenciei a época militar ,era uma mera jovenzinha .Mas uma coisa posso afirmar ,andava tranquila pelas ruas ,nao tinha tanta violencia e baderneira como hoje. Esses vandalismos q hj acontecem e protestos nem pensar……..aiii eu pensooo,,ahhh..cade os militares pra colocar essas individuos sem educação em seu devido lugar ,aprenderem a ter respeito. Me desculpem ,sou apartidaria ,mas qdo vejo esse vandalismo,e os sem terras depredarem nosso patrimonio publico como se fosse papel ,era o que eu mais queria era ver esse bando sendo colocado em seu lugar . Tem q levar pancada sim ,o respeito deixou de ser uma virtude e passa a ser uma doença que acometeu os brasileiros. Quanto ao SNI ,adoro e me deixa com saudades pq meu pai trabalhava la, e apesar de termos q pisar em ovos. Nos sentiamos todos seguros!! Nao estou dizendo q deve voltar o golpe militar ,mas que da pra sentir saudades de muitas coisas ,ahhh isso dá!! Pronto ,minha opniao !!

  55. Que venha o regime Militar novamente, pautado em valores morais verdadeiros, onde a família e a disciplina caminham lado a lado…onde não há espaço pra anarquistas e nem comunistas…

  56. MILITARES NO PODER JÁ,CHEGA DE PSDB,PMDB E PT NO PODER,OU NINGUEM LEMBRA QUANDO O PT SE ALIAVA AO PSDB CONTRA O MALUF,E QUE O PSDB NASCEU DO PMDB E MUITOS ETC E TAL.
    ENTÃO O POVO NÃO SE IMPORTA COM UMA TAXA TRANSPARENTE DE 1000% AO ANO DESDE QUE O SALARIO MINIMO ACOMPANHE,EPOCA BOA QUANDO SÃO PAULO,INCLUSIVE A AVENIDA DAS NAÇÕES UNIDAS ERA REPLETA DE METALURGICAS,OU ALGUEM SE ESQUECEU QUE O SR MARIO COVAS DO PSDB MANDOU TODAS EMPRESAS EMBORA DO ESTADO DE SÃO PAULO,NO MEU PONTO DE VISTA,PESSOAS QUE HOJE AMA O TAL PARTIDO DO POVO “PT”,SÃO AQUELES QUE DEPENDEM DA TAL BOLSA MISERIA,QUE INVADEM AS PROPRIEDADES ALHEIAS,QUE FAEM QUEBRA-QUEBRA NUMA SEGUNDA-FEIRA EM PLENO MEIO-DIA,AI QUE SAUDADE QUANDO PRA FIKAR PERAMBULANDO PELAS RUAS SEM MOTIVO ERA OBRIGADO ANDAR COM CARTEIRA ASSINADA NO BOLSO……VOLTA URGEMTE REGIME MILITAR!!!!

    • SÓ MAIS UM DETALHESINHO,A BANDALHEIRA QUE PRATICAVA ROUBOS A BANCOS NA DECADA DE 60 AINDA QUEREM PRENDER SEUS ACUSADORES,QUE ABSURDO!!!!
      PRIMEIRO ACABARAM COM AS FORÇAS ARMADAS,AGORA QUEREM PRENDE-LOS!!!!!

  57. Hj tenho 42 anos vivi as duas épocas, meu pai de frentista de posto teve a oportunidade e a vontade de estudar e passou no concurso do Banco do Brasil que , na época era uma instituição muito respeitada. Lendo as postagens anteriores consegui sentir até o cheiro daquela época áurea do Brasil.. Onde todos os 7 de setembro eram comemorados por todos os cidadãos de bem, e todos nós estudantes( de escola pública) marchávamos em desfiles cívicos. Lembro também que todo início de aula cantávamos o Hino Nacional, diga -se de passagem em uma escola PÚBLICA de muita qualidade onde os professores eram realmente MESTRES, muito respeitados pelos alunos, pais e principalmente pelo GOVERNO. Lembro com muita saudade que podíamos brincar na rua a tarde toda sem a preocupação de nossos pais. NOSSA QUE SAUDADE.
    Lembro dos pronunciamentos do então Presidente da República Sr João Batista de Oliveira Figueiredo com a Bandeira ao seu lado exposta e bem visível( nada comparável ao ultimo pronunciamento de nossa Exma. Presidenta onde a bandeira estava toda enrolada e mal aparecia de uma informalidade impar.) Que saudade daquela época, gostaria de poder ter criado meus filhos com aquele regime onde se dava e se tinha o respeito pelas pessoas.

  58. Peraí… estão interpretando de forma errada.

    No momento que passamos, onde a massa que vai as ruas protestar, manifestar e reclamar do atual governo é aquela que paga os impostos para manter toda essa estrutura.

    Não quero o militarismo de volta, quero democracia, quero PAZ. Mas há de se ressaltar que o Gal. Figueiredo foi extremamente inteligente em não aceitar o que a FIFA quis.

    Sou contra a Copa e contra as Olímpiadas… salto de qualidade de vida, melhores condições devem ser prestadas e aplicadas sem estes eventos… não precisamos disso para mudar o Brasil. Mas o Lula e Dilma insistiram nisso, mesmo contra o povo… uma hora a coisa iria explodir e explodiu bem agora.

    Mostramos ao mundo o quão aqui estamos aborrecidos, insatisfeitos com essa “goela abaixo” que tentam enfiar. Se Copa e Olimpíadas fossem tão bons quanto Ronaldos e Pelés dizem… o mundo não apoiaria as manifestações e sim a FIFA.

    Chega de alienação, chega de destreza… vamos as ruas nem que para isso tem que ter sangue. Por um futuro melhor aos meus filhos eu dou a minha vida.

  59. Eu nao seria contra nada disso se o pais fosse estruturado.Mas um pais que nao tem segurança,não tem um sistema de saúde bom nem pagando escolas públicas em pessimas condições,rodovias intransitavéis,.Porque tem dinheiro pra fazer copa e ñao tem pra resolver todos os problemas que tem o pais?E que são mts!Eu era ainda mt jovem no tempo do militarismo,mas por tudo que vejo no Brasil de hoje,sou sim a favor da volta do militarismo,!Ta na hora de acabar com essa safadesa,esses ladrões de colarinho branco?Quem mereçe salário bom ,são os médicos,policiaes professores ,,domesticos garis enfermeiros etc!! Abaixo a corrupção!!!!!

  60. O ex-presidente João Batista de Figueiredo era um homem honesto , que no final da vida teve que vender os seus pertences para sobreviver , enquanto que alguns metalúrgicos do sindicato do PT e ex-terroristas ficaram ricos de hora para outra ?

  61. Prezado Paulo Figueiredo,
    Tive o prazer em conhecer seu pai, que veio a ser instrutor do meu pai na AMAN, também já falecido.
    Só tenho a me solidarizar e corroborar com o seu relato a respeito do evento que foi muito comentado na minha casa.
    Quanto ao resto concordo que está em falta, junto aos atuais políticos, o verdadeiro amor a Pátria. Pensam muito mais nos seus bolsos e elencam justificativas e mais justificativas em defesa dos seus quinhões.

  62. EU TAMBÉM ACHO QUE OS MILITARES DEVERIAM ASSUMIR E DISSOLVER ESSE CONGRESSO, ALIÁS, FOI MAIS OU MENOS COM ESSE CENÁRIO POLÍTICO QUE AÍ ESTÁ QUE O POVO CLAMOU E O EXÉRCITO FOI AS RUAS EM 1964, TENHO 52 ANOS VIVI AQUELA ÉPOCA E POSSO GARANTIR QUE ERA MUITO MELHOR TUDO, SAÚDE, EDUCAÇÃO, TRANSPORTES ETC… CARROS SE COMPRAVA E NO FINAL DO ANO ELE ENTRAVA DE ENTRADA NA COMPRA DE OUTRO ZERO KM POR CERCA DE 80% DO VALOR OU SEJA NA TROCA DE UM OPALA 73 POR UM 74 VC PAGAVA MAIS UNS 20% QUE ERA PAGO NOS 12 MESES SEGUINTES, ROUPAS, SAPATOS, MÓVEIS TUDO ERA DE QUALIDADE, VC PODIA ASSISTIR TELEVISÃO COM SUA NETA SEM O RISCO DE DE REPENTE SER SURPREENDIDO COM UMA CENA ERÓTICA FORTÍSSIMA COMO TEM HOJE EM DIA, HAAAA TINHA CENSURA NO GOVERNO MILITAR, NÃO EU CHAMO ISSO DE BOM SENSO, CONFUNDEM LIBERDADE COM LIBERTINAGEM, ESSES PROFISSIONAIS DA MÍDIA QUE HOJE TAMBÉM ESTÃO ENVOLVIDOS ATÉ O PESCOSO COM ESSES POLÍTICOS BANDIDOS, PLEBISCITO, REFERENDO PRA QUE ?? O POVO JÁ DEIXOU CLARO O QUE QUER, E, NÃO É MAIS UM DIA PRA VOTAR PORRA NENHUMA,SEJA PLEBISCITO OU REFERENDO, CUMPRA-SE A CONSTITUIÇÃO, CUMPRA-SE O STF JÁ DETERMINOU, CUMPRA-SE A LEI, NEM QUE TENHAMOS QUE RECORRER DE NOVO AOS MILITARES, FORA BANDIDAGEM, COMO TODOS SABEM ” QUEM TEM MEDO DE MILITAR É BANDIDO ” QUE VENHAM OS MILITARES

  63. Honra, respeito, honestidade; são algumas qualidades extintas na cabeça de muitos jovens hoje em dia. Tenho 53 anos, e assim como muitos contemporâneos, me deixei levar pela inocência e inexperiência da juventude e falácia daqueles que pregavam apaixonadamente sobre a revolução (digo assassinato) cubana, sobre o (hoje sei) maldito chê guevara (escrevo seu nome em minúsculas pois nem direito a ter nome esse pústula teria). Assim como eu, muitos jovens foram enganados e vestiram camisetas e saíram ás ruas, côncios de estarem agindo em prol de um “bem maior” (hoje sei que o “bem maior” é bem maior no bolso daqueles que se encastelaram no poder). Em 92, eu já com 32 anos e não mais levado pelas paixões da juventude, pude analisar friamente os acontecimentos e vaticinar com total acerto, o que se passava na conjuntura política da época: povo na rua, ainda no embalo das “diretas já”, jovens de cara pintada pedindo a cassação de um presidente liderados e vendidos por um jovem que veio se tornar lacaio da atual gestão, seu nome lindbergh farias(também não tem direito a nome esse pústula, pois vendeu-se pelo poder). Hoje tenho dois filhos e nunca escondi deles a vergonha de ter, de alguma forma (mesmo que inconscientemente), contribuído para a instalação dessa maldita esquerda que tomou a nação desde a eleição de Tancredo Neves. Mas o pretenso mal que causei com minha juventude, inocência e inexperiência, acertei com meus filhos ensinando-os pela atitude a serem cidadãos honrados, respeitadores e honestos e mais importante: livres pensadores, que não se deixam levar por formadores de opinião, mas antes procuram a verdade pelo experimento da verdade; e sei que se todos os pais agissem desta forma e ensinassem seus filhos, pela atitude, teríamos um país verdadeiramente igualitário, verdadeiramente digno, verdadeiramente honrado, verdadeiramente honesto onde, verdadeiramente, seriam respeitados os direitos de todos. O grande trunfo da esquerda sempre foi a desconstrução da verdade, a inversão da realidade e isso se observa hoje em todos os campos de atuação, seja ele acadêmico, profissional ou intelectual. Não é de se admirar que as taxas de criminalidade tenham crescido de forma tão estarrecedoras, haja visto que quem hoje detém o poder antes foi criminoso. Crime é crime em qualquer tipo de governo; ladrão é ladrão em qualquer tipo de governo; assassino é assassino em qualquer tipo de governo, etc. E hoje não será pelo voto que iremos alterar a situação em que vivemos, pois as urnas eletrônicas são tão viciadas quanto aquelas maquininhas de jogos de azar porque seja qual for o resultado você nunca vai ganhar delas. A situação irá se alterar quando nos conscientizarmos a nós mesmos e a nossos filhos da responsabilidade que temos ante toda essa espúria situação que hoje vivemos. E que o Senhor Jesus nos ajude a colocarmos em prática essa decisão. Salve 31/03/64!!!!

  64. Nossa, que lindo este mar de desenvolvimento não se seguiu porquê?
    Os ventos da liberdade atrasaram o Brasil?
    Eu estou tentando , mas não consigo acreditar nessa bonança dita por um personagem que usufruiu da máquina ditatorial
    Ditadura corrupta, não permitem que ninguém diga nada aí é fácil, não ter oposição!

  65. ótimo artigo Dione Castro da Silva,
    vi tantos relatos, porém, não sabemos se quem os escreveu realmente viveram naquela época, pois, nas escolas tínhamos professores e não tias ( como hoje ) e alunos respeitavam professores como educadores e isso não existe mais, sem dizer na segurança que tínhamos hoje inexistente, e digo mais qual foi o militar que saiu rico do poder?? e qual o civil saiu pobre do poder?? independente de partido político, todos utilizam do poder para enriquecer as custas do dinheiro do povo. As manifestações demonstram a insatisfação da sociedade isso é só o começo.

  66. uma breve historia
    em 1971 três empregadas domesticas, sem registro em carteira sem holerite sem residencia fixa e sem conta bancaria muito menos fiador,decidiram comprar uma casinha,elas eram MA^
    mãe e duas filhas,uma menor ainda,e compraram compraram uma casinha popular no bairro de santo amaro pra pagar em dez anos,elas pagaram e tiraram escrituras e são donas ate hoje.resumindo,TENTE COMPRAR UM IMOVEL HOJE?COM TODOS ESTES REQUISITOS?

  67. AI GALERA, TA NA HORA DE FAZER A COISA CERTA, JA PERCEBEMOS QUE QUANDO OS MILITARES ESTAVAM NO PODER O BRASIL SO TEVE MELHORAS, MEU PAI DIZ ATE HOJE, QUE NAQUELA EPOCA ELE TINHA MEDO DE POLICIA E TEM ATE HOJE, POR QUE NA EPOCA O BANDIDO NAO TINHA VEZ! E HOJE? ATE PARA COMPRAR PÃO TA DIFICIL, VAMOS PARA RUAS, VAMOS POR A BOCA NO TRAMBONE! MILITARISMO JÁ!

  68. Todos falaram bem ou não de períodos distintos em que vivemos, o primeiro não foi bom e o segundo não é bom – no fundo cabe aos cidadãos continuar exigindo – com ou sem manifestações mais respeito e cidadania – não podemos parar de exigir que se coloque o BRASIL no rumo certo – no mais cada qual deve continuar a se manifestar como se por lá estivesse passado – será?

  69. Todos nós sabemos, especialmente aqueles que viveram durante o regime militar, que a época da ditadura foi muito ruim para os brasileiros, principalmente, pela perda de vidas de centenas de jovens, alguns até hoje desaparecidos. De fato, foi um tempo que não traz absolutamente, nenhuma saudade.Entretanto, a situação política do Brasil atualmente, inspira cuidados e com essa onda de corrupção e desmandos que assolam o País, especialmente o Congresso Nacional em Brasília, vamos rezar para que os militares adormecidos não acordem para mais um ato, que chamaríamos de : Ditadura Militar II. Então, o povo tem que protestar para acabar de vez com esses pilantras corruptos que enlameiam o nome do Brasil, sob pena de sermos mais uma vez dominados por mais uma experiência militarista.

  70. me perdoe os erros,,, creio todos tem medo de um pai serio que coloque ordem,,,onde ninguem pode sair urinando nas ruas,,, gritando palavroes e um monte de coisas que ofende qualquer cidadao de bem,,, era menino na dita militar,,, Gostava do Figueredo Era um mano firmeza,,, entre nosso regime militar,,,e trazer rejime cuba para nossa terra vai ser muito pior,,, o nosso governo civil é uma grande Merda,,, me perdoe mais nao sou a nalfa como todos ja tevem ter notado,,, mais mesmo o sendo,, gostaria de verte BRASIL no primeiro mundo,,, Gente e outra coisa nos nao temo que brigar entre nos,, yemos que juntos procurar a cura para esta sarna,,,estou no fecebook sou Joarez sou um Brasileiros,,, que gostaria de ver todo nosso povo vivendo bem democraticamente abços

  71. Eu cresci na ditadura militar e era muito feliz, tinha educação, melhor tratamento de saúde, segurança, e o que é melhor, respeito aos juízes, promotores, delegados, professores,aos mais velhos e principalmente aos pais e mães e o cidadão honesto e trabalhador tinha liberdade para ir e vir aonde e à hora que quizesse,e o seu patrimonio era protejido.Alguém quer mais?. VOLTA GENERAIS, POR FAVOR, QUE MINHA FAMÍLIA PRECISA DE SEGURANÇA EM TODOS OS SENTIDOS

  72. Em 1970 eu tinha 12 anos, cheguei a presenciar quando a caminho do meu colégio, onde estudava o 1ºano do ginásio, naquela época (escola pública com ensino de qualidade, uma das melhores da época em minha cidade),a cavalaria da Polícia Militar enfrentando e sendo enfrentada por estudantes de Medicina. Como era criança não ligava muito para o que acontecia, como as outras crianças da minha idade(chegávamos a ser inocentes). Mas de muito coisa hoje eu sinto falta, nunca naquela época um aluno espancaria uma professora,ou brigaria dentro ou fora da escola,respeitávamos a todos em nosso colégio, desde as senhoras responsáveis pela limpeza, inspetoras, supervisoras, professores e diretores, mesmo os mais rigorosos, não tínhamos medo mas sim respeito.Hoje, infelizmente os valores foram totalmente invertidos, a mídia valoriza mais o que é ruim. Não gostaria que o governo militar voltasse, porque acho que infelizmente o nosso povo já se corrompeu pelo maus costumes. Quando foi anunciado que o Brasil sediaria a copa de 2014, comentei que infelizmente haveria muito desvio de dinheiro. Essa manifestações que hoje estão acontecendo, deveriam ter acontecido logo quando começaram os comentários sobre a má administração das obras dos estádios. Se realmente for verdade sobre a atitude do Gal. Figueiredo, sim ele pensou no povo brasileiro.

  73. Pessoal, esqueçam de vez uma retomada de poder pelos militares. Se não fôr de forma legal, imaginem as sanções e embargos que sofreríamos por outras nações amigas, com as quais temos centenas de acordos e transações de todos os gêneros. O não reconhecimento de um governo legal pela ONU ou qualquer país, traria consequencias difíceis de se imaginar neste momento. Eu também gostaria, mas…. A máscara caiu de vez e espero que este seja o fim de uma era de canalhas na política e o nascimento de uma classe mais honrada.

  74. Agradeço ao Sr. João Batista Figueiredo, pois foi no governo dele que tive condições de ter trabalho, “COMPRAR” uma casa, ter dinheiro no banco. Hj vc ao comprar uma casa, se endivida pelo resto da vida e corre o risco de perder o que pagou se ficar sem emprego. Me entristece ver que ainda temos muitos Luiz Felipes, que evidentemente não viveram a época em que havia “ORDEM E PROGRESSO” para todos brasileiros. Sei que houve excessos mas e hj ? Naqueles dias havia civismo e patriotismo. Rogo que logo BRASILIA volte a ser VERDE OLIVA !

  75. À partir de 1965 o “plim-plim” se fez ouvir em Pindorama, presente da Ditadura milico-servil para Roberto Mauzinho. De lá pra cá, “plim-plim” vai, “plim-plim” vem e as “cabecinhas” tupiniquins se pausterizam cada vez mais. O esboço de Nação, a Esperança de um amontoado de gente se tornar POVO dilui-se como os efeitos especiais de um filme de péssima categoria.

    2013. “Plim-plim” vai, “plim-plim” vem e as “cabecinhas”, com ou sem anel de “doutô”, emprenhadas pelos mesmos discursos exalando naftalina e excrementos dos porões, alcovas e salões de um patriotismo sem Pátria e sem Povo – marcham a passo de ganso (ou será de gambá?) para o sem-futuro.

  76. Interessante a necessidade de desabafo do brasileiro…o relato da tal reunião ao meu entender vem pura e simplesmente ilustrar que naquele momento o Brasil não podia gastar valor algum em função das necessidades de investimento, exatamente o que deveria ter acontecido no momento atual, ou seja, mudaram os atores políticos mas o jogo não…e pior…naquele tempo diziam que os “milicos” estavam no poder e sabemos que as necessidades do povo não foram atendidas…hoje, os representantes do povo estão no poder, mas o povo continua a não ter suas necessidades atendidas…enquanto os cargos políticos pagarem salários tão altos e oferecerem benefícios tão absurdos os únicos interesses levados a cabo serão os dessa nefasta classe. Urge que esses abusos cessem e se o povo não indicar isso os tais políticos é que não vão. Parabéns pelo relato dessa antiga reunião, o que a despeito de qualquer comentário ilustra a questão mais importante: O BRASIL DEVERIA SEDIAR AS COPAS ?

  77. Para mim é um momento especialmente gratificante, o que estamos vivendo nesse país.
    Nomes de grandes presidentes do período em questão, excelentes administradores públicos, têm sido enxovalhados por essa gente bandida que estão saqueando o Brasil.
    A revolta popular era previsível, sendo só uma questão de tempo. E, apesar do medo do terrível projeto do FÔRO DE SÃO PAULO, de autoria do parasita Fidel e seu assecla brasileiro, acho que o povo tem a chance de comparar os perfis dos envolvidos dos dois lados. E assim nossa História passará a ser contada direito. FINALMENTE! Esperei muito por isso. E não devemos discutir com quem defende o lado negro, pq a maioria sofreu doutrinação, o que inviabiliza raciocínio preciso. Incapacitados para discussões civilizadas. Até mesmo PORQUE O TEMPO FEZ JUSTIÇA!

  78. A NOSSA MELHOR SAÍDA FORAM OS MILITARES… SERÍAMOS UMA CUBA HOJE SE OS ESQUERDISTAS TIVESSEM NO PODER E O SR. JOSÉ DIRCEU E TURMA ESTARIAM NO PODER, DANDO AO POVO UMA BOLSA QUALQUER PARA SOBREVIVER. O RESTANTE PAGANDO IMPOSTOS E SUSTENTANDO INÚMEROS CARGOS, PAGANDO FESTAS E BOA VIDA A ELES. AINDA BEM QUE TEMOS GENTE QUE FOI ELEITA PELO POVO QUE SABE VOTAR! ESTARÍAMOS FUDIDOS! E MAIS: ELES NÃO SABERIAM O QUE É CADEIA E NÓS PAGANDO (TUDO) A CONTA.
    AINDA BEM QUE O EXERCITO VENCEU E O POVO GOSTA DO GOVERNO QUE TEM!

  79. Resumindo, estou com 65 anos de idade, servi o Exercito em pleno regime militar, O povo brasileiro era vibrante, tinha amor a pátria, antes na épcas de meus pais tiravam o chapéu ca cabeça quando passava a bandeira, e hoje ? sem demagogia prefiro mil vezes o regime militar do q. esta patifaria q. vemos hoje. O q. é pior tem gente q. vibram com estes q. roubam ,não vão presos e ainda estão no poder.

  80. Aos que criticam o Governo Militar, com certeza não viveram aquela época, falam por ouvir dizer. Deve ser muito dificil ter que ler e ouvir que aqueles anos foram muito bons para o país, ao contrário do que vemos hoje. Quero ver o governo conseguir pagar a di´vida interna do país, quero ver o que farão os que tem aplicações em poupança quando o governo mostrar que não tem como arcar co esse dívida. Com certeza dirão “que saudades dos militares”.

  81. Apesar de ser militar, sou contra militar no poder. Porém tudo o que vemos acontecer nos dias de hoje era para ter acontecido por volta da década de sessenta. Os mesmos crápulas que tentavam o poder naquela época são os que estão hoje no poder. Zé Dirceu (fez plástica na europa, casou-se no sul do Brasil com nome falso), Dilma que matou pessoalmente soldado do exército, Lula que trabalhou por alguns meses, perdeu o dedo (em situação duvidosa), entrou para o sindicato e nunca mais trabalhou e hoje tem uma fortuna de R$2 bi. Tem muito mais, mas para quem é brasileiro, honesto e trabalhador,
    basta…

  82. Apesar de ter ido ao comicio das diretas ja, do qual me arrependo e mutio, so posso dizer

    Viva o glorioso Exercito Brasleliro, que esta demorando para tomar o poder
    Viva o Humberto de Alencar Castelo Branco

  83. É incontestável tudo o que se fez de infra-estrutura nos governos militares e o que não se fez mais depois dos governos civís!
    Além do que naquela época contava-se nos dedos alguns poucos ministros que enriqueceram no uso da máquina pública, sem falar nos Generais, que todos morreram sem deixar fortunas ou até pobres.

  84. eu soube de fonte confiavel que depois de lacrados os cofres com o ouro os cofres foram colocados em um caminhao que ficou meses parado embaixo do viaduto do chá. alguem ja ouviu essa historia ?

  85. …e que voltem os militares ao poder…só assim, talvez, acabe com essa roubalheira..pode até ter tido roubalheira nessa época, mas a gente sabia que era apenas um…e não milhares querendo levar vantagem e ferrando com o povo brasileiro..Sou a favor da volta dos militares ao poder SIM.

  86. Na época dos Generais carteira de trabalho era documento, hoje documento é ficha de usuário, pena que os militares saíram do poder. Época essa que bandido era bandido e não deputado. pros baderneiros os militares não foram bons.

  87. Lamentável chegar tardiamente esta notícia, o país já esta afundado neste mar de lama de corrupto, infezmente tem 06 dúzias de petistas que não acordaram. O chefão lula esta fazendo fortunas em cima dos miseráveis. Compra bolsa família.

  88. Senhores, como já deixei subentendido, não vivi o período conhecido hoje como ditadura militar. Sou um jovem qualquer que em vários momentos da vida teve aulas de geografia com alguma professora adestrada na cartilha esquerdista brasileira, falando mil horrores dos quais ela não viveu e mil incompetências atribuídas aos governos militares, as quais ela não comprovou. Alguns desses relatos eu comprovei mais tarde que eram mentiras, como por exemplo, a Transamazônica, a qual ela dizia que era mal construída e mal projetada, mas que mais tarde pude ver que sua construção era sistematicamente sabotada, inclusive com atentados a bomba, provavelmente pelas pessoas responsáveis pelo monopólio do transporte fluvial na região Norte. Enfim, se existe alguma mágoa dentro de mim contra os militares que governaram o país, é exatamente a de permitir que os atuais governantes ingressassem na política. Pinochet talvez estivesse certo em suas ações. Mas falando de períodos os quais não vivenciei, se há um período o qual apreciei estudar, mesmo não podendo comprovar a total veracidade dos fatos, foi a Revolução Francesa. Nos livros de história podemos verificar uma situação econômica ruim, o povo vivendo na miséria e uma nobreza corrupta e que se julgava acima do bem e do mal. Olho esse período e vejo uma assustadora semelhança com os dias atuais. Espero que a queda da Bastilha não venha tarde demais.

  89. Em 07 de setembro de 2013 convoco a todos para irem às ruas. Não tenham medo, lembrem-se sempre a união faz a força e se a maioria dos brasileiros os elegeram e os colocaram no poder, a única maneira de parar com esta coisa descabida que é este governo de loucos é tirá-los do poder. Nós é que mandamos e não eles. Vamos arrancar esta erva daninha do nosso país!!! Conto com todos em 07 de setembro nas ruas de NOSSO país.

  90. Este país tá uma zorra mesmo! Jovens saem à ruas com o propósito de defender a pátria “MASCARADOS”, no anoniomato, quebrando tudo pela frente, desafiando as autoridades e a nossa Constituição Federal. Que democracia é esta? Muito evoluida para este país.
    É duro dizer, mas tem hora que dá saudades da DITADURA!

  91. Quem diria o velho HELIO FERNANDES, um combatente da ditadura militar, respeitável pelas posições que tomava na luta pela liberdade democrática, se prestar a elogiar um último guardião do governo militar. É triste sr. helio, mas estás redondamente equivocado, os tempos são outros Brasil daquela época que simplesmente se agachava pra falar com o Tio Sam mudou, é poderoso também e não tem mais complexo de VIRA-LATA.

  92. “luiz felipe, copiar textos e repetir o q os “professores” de hj falam nas salas de aula, caso nao tenha vivido nessa época, da dita “ditadura militar” vc nao tem experiencia, autoridade e muito menos competencia p/ abordar o assunto em questão, portanto, recolha- se á sua parca e mísera insignificância ” Concordo com você Neto Botasso, isso é típico deles copiar textos. Só não tivemos uma ditadura militar, tivemos governos militar e que foram os melhores anos da minha vida e decerto da sua também. Veja no que estão transformando o nosso Brasil, nossos jovens estão sem rumo.

  93. MENTIRA ! Não fez a Copa porque o Brasil estava FALIDO. Um vexame, perdemos para o México, uma vergonha, o Brasil estava QUEBRADO por eles mesmos. Depois que os EUA elevaram os juros no final da década de 70, para 20% (VINTE POR CENTO) o Brasil FALIU, QUEBROU, porque estava endividado pelo modelo de desenvolvimento baseado em EMPRÉSTIMOS. Por causa disso passamos a década de 80 com o PIRES NA MÃO NO FMI e depois eles ainda vinham aqui para monitorar nossas contas. Por isso a década de 80 é chamada de Década Perdida. Essa é a verdade o resto é blá blá blá blá.

  94. AH FAZ FAVOR NÉ PAULO? PORQUE NÃO CONTA QUE SEU PAPAI FEZ NA HIDRELÉTRICA ITAIPU NÃO CONTAM ATÉ HOJE QUE MILAHRES DE PESSOAS MORRERAM ALI E SEM CONTAR AQUELA TRAGÉDIA QUE HOUVE QUANDO O POVO FOI SE DESPEDIR DE 7 QUEDAS COMO ERA CHAMADO E TODO MUNDO CAIU EMBAIXO DAQUELAS AGUAS. E ATÉ HOJE QUEM VAI FAZER UMA VISITA NO LUGAR, O TURISTA ENTRA NUMA SALA, OUVE TODA HISTÓRIA, MAS ELE NÃO COMENTAM ESSE FATO SEGUNDO OS GUIAS DE TURISMO. SEM CONTAR QUE DEIXARAM A ENERGIA TODA LÁ PRO PARAGUAI QUE NÃO CONSOMEM NEM MENOS DA METADE E HOJE POR CAUSA DISSO O BRASIL É OBRIGADO A PAGAR MILHÕES AO PARAGUAI PRA USAR O QUE RESTA DA ENERGIA. OUTRA COISA QUE SEU PAPAI FEZ AO DEIXAR A PRESIDENCIA, FOI DEIXAR O BRASIL NAS MÃOS DO “FMI” ERAM TÃO COMPETENTES NÉ? TUDO ANDAVA AS MIL MARAVILHAS COMO VOCÊ CITA AI, MAS PORQUE O BRASIL FOI ENTREGUE AO “FMI? BEM BACANA SEU PAI HEIN? ERA A CARA DOS GENERAIS MESMO SE TRANCAREM EM SALAS DE REUNIÕES PRA VER DE QUE FORMA FERRAVA O POVO . EU NÃO ME ESQUEÇO DA ÉPOCA DA DITADURA E QUE QUEIMEM TODOS NO MÁRMORE DO INFERNO

  95. Dilma Ladrão….ops não errei não é Ladrão mesmo
    Lula ladrão
    Dirceu Ladrão
    Jenoino ladrão
    Delubio ladrão
    Marcos Valério ladrão
    …………hummmm !!!!!!!!!!!!!!!!
    perdi a conta !!!!!!

  96. É incrível como algumas pessoas são alienadas por ideais políticos partidários e seus membros nos dias de hoje. Defendem com unhas e dentes e até com a integridade intelectual tais ideais, sem ao menos conhecer a história do próprio país. É fato que o brasileiro não é um adepto a leituras em geral e principalmente quando diz respeito a história política e social. Se dizem patriotas simplesmente por torcerem pela seleção de futebol do país, sem a menor noção dos direitos e deveres cívicos, sem sequer cantar o hino da nossa pátria de forma correta. Esses valores foram se perdendo com o tempo, principalmente porque não há interesse nem do povo como dos governantes que passaram nos últimos 35 anos. Seria de bom proveito se essas pessoas procurassem ler e entender o que foi o governo militar no país. Nunca houve a tal suposta ditadura militar que muitos utilizam para justificar as mazelas de hoje, o que houve foi um estado de sítio durante um período do governo militar, não se aplicando ao mandato do presidente Figueiredo. No governo Figueiredo foi quando se iniciou a abertura política democrática, foi quando foram anistiados os exilados políticos de outrora e muitos deles estão aí hoje governando. Esteve longe de ser um mandato perfeito, mas não merece levar esse peso de que foi um ditador. Ele era austero sim, como costuma ser um militar que teve grande parte da sua vida dedicada a disciplina militar. Era grosseiro as vezes sim, pois era da sua personalidade ser, mas teve seu valor dentro da democracia deste país.

  97. Tenho saudade dessa época, apesar da idade avançada era uma época que o Brasil tinha Ordem e progresso de verdade. Onde a polícia era respeitada. Agradeço aos generais pelo o que eles fizeram, realmente tinha amor pelo país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *