“Foi o toma lá, não teve o dá cá, mas com dinheiro do Covid”, diz Olímpio sobre articulações do governo

Olímpio diz que governo ofereceu R$ 30 milhões contra covid

Natuza Nery
G1

O senador Major Olímpio (PSL-SP) disse ter recebido de um representante do governo a oferta de liberação de recursos públicos para o combate à Covid-19. Mas, segundo ele, a oferta não era para todos os senadores e não havia critérios objetivos, e sim políticos, para a distribuição da verba parlamentar.

A declaração do senador foi dada durante debate no Jornal das Dez (J10) da Globonews, na noite desta quinta-feira, dia 23. De acordo com Major Olímpio, um representante do governo Bolsonaro ofereceu R$ 30 milhões em emendas parlamentares.

PLANILHA – “No Senado foram oferecidos, sim, a inúmeros senadores, R$ 30 milhões para indicar nas suas bases políticas. Te mando a planilha com 11 itens e até com orientação para escrever na planilha ‘Covid 19’, no começo de junho para pagar e já pagou agora em julho”, disse. “Foi o toma lá, não teve o dá cá, mas com dinheiro do Covid, sim”, acrescentou o senador

O senador disse que isso está ocorrendo no Senado. “Tem senadores que já confirmaram que fizeram distribuição nos seus estados, por critérios que o senador escolheu.” O senador repassou ao blog a planilha que diz ter recebido para que incluísse seus dados. Durante o debate, o senador foi questionado sobre quem havia oferecido os recursos, se seria um senador. “Não, não, alguém falando pelo governo. Não foi um senador, não”, afirmou.

O senador Elmano Férrer e o deputado Gustinho Ribeironão responderam aos contatos da reportagem. O deputado Elmar Nascimento se limitou a dizer que o irmão foi nomeado ainda no governo Temer.

Planilha que o senador diz ter sido entregue a ele para que incluísse seu nome e dados para liberação da emenda parlamentar — Foto: Reprodução

5 thoughts on ““Foi o toma lá, não teve o dá cá, mas com dinheiro do Covid”, diz Olímpio sobre articulações do governo

  1. Nao se pode deixar passar essa lei que querem pintada de defesa do Estado de Direito Democrático em substituição à Lei de Segurança Nacional.
    O major Vitor Hugo encaminhou esse monstro legislativo que, na verdade, tem como objetivo enquadrar quem se opor aí projeto entreguista dia bens nacionais às nações estrangeiras e higienista racista e genocida de culturas que pretende esse Governo civil-militar.

  2. É uma tremenda canalhice usar o dinheiro da covid pra fazer política.

    Por isso que o ministério da Saúde só usou 29% do total para o combate ao coronavirus.

    Quem pensava que o governo não investou no combate ao coronavirus por incompetência errou, dessa vez. O governo não investou jo combate por pura maldade e canalhice.

    Essa é a nova política.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *