Fred do Flunimed, na seleção

Ninguém explicou, nem ele mesmo porque estava sem jogar na Europa ou jogando raras vezes. Veio para o Brasil como grande esperança, decepção total enquanto jogou, revolta quando parou.

Na Copa e na Série B

Desapareceu de uma hora para outra, vaiado e amaldiçoado. Nessa luta desesperada entre o patrocinador que manda tudo, e um presidente que não manda nada, Fred ficou imolado.

Voltou, explicou o risco e o perigo que passou, voltou, o Flunimed hoje, é ele. Inédita essa condição quase concretizada: na seleção para a Copa, mérito dele. Na série B, demérito da ambição e deslealdade de dirigentes (?).

Ronaldinho Gaúcho – Ronaldinho Fenômeno

Títulos e mais títulos, melhores do mundo várias vezes, desapareceram. O gaúcho, muito convocado por Dunga, saiu da lista. Dá a impressão de estar voltando, nada surpreendente para um jogador como ele, antes dos 30 anos. No momento, em aparente recuperação, mais perto da Copa do que o xará que joga no Brasil.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *