Greenwald não pode liberar material para perícia, porque a fraude será descoberta

Resultado de imagem para greenwald charges

Se liberar o material para perícia, Greenwald estará liquidado

Carlos Newton

Ao invés de continuar perseguindo o ex-juiz Sérgio Moro, os procuradores federais e outros participantes da Laja Jato, o jornalista norte-americano Glenn Greenwald começa a se sentir perseguido. Convidado para ser uma das estrelas no festival literário de Paraty, ele teve se locomover de barco, cercado de seguranças, e sua palestra foi saudada por um sonoro protesto popular, que incluiu explosão de rojões, Hino Nacional em duas versões, “Detalhes” e “Pavão Misterioso”, que se tornou sua nova trilha sonora.

Às custas da Lava Jato, Greenwald já viveu seus 15 minutos de fama, agora a tendência é descer a ladeira e prestar contas à Justiça, no prosseguimento da investigação a cargo da Polícia Federal.

INTIMIDAÇÃO – No momento, o jornalista tenta se manter incólume através da intimidação, repetindo as mesmas ameaças: “Esse acervo que nós temos é muito poderoso. E o poder dos documentos, fotos e vídeos, e dos áudios que nós temos dá medo nas pessoas que têm mais poder. Esse acervo tem a capacidade de mostrar a verdade. Só isso. E isso está assustando a eles mais do que tudo”, diz ele, na esperança de que o material não venha a ser apreendido para sofrer perícia.

Desafiadoramente, anunciou que não irá disponibilizar às autoridades as mensagens trocadas por procuradores e pelo ministro da Justiça, Sergio Moro, que basearam reportagens publicadas pelo site.

Nós não entregamos e nunca vamos entregar nosso material jornalístico para a polícia ou tribunais porque isso é uma coisa que acontece em países autoritários, tiranias, e não democracias. O que nós fizemos, como profissionais, nós verificamos com muita cautela que o material é totalmente autêntico”, advertiu.

ADULTERAÇÕES – As denúncias de Greenwald já estão desmoralizadas, desde que o ex-procurador Carlos Fernando dos Santos Lima compartilhou uma gravação do editor executivo do site “The Intercept”, Leandro Demori, feita pelo jornalista Oswaldo Eustáquio e divulgada no site “República de Curitiba”.

Na gravação, Leandro Demori, que editou as publicações dos diálogos entre Moro e os procuradores, mantém uma conversa com colegas sobre a ‘Vaza Jato’ e admite que o “Intercept” fez alterações nos diálogos: “A gente tá passando recibo […] A gente escolheu pra nós. Ta aqui ó, ninguém faz isso. A gente tá passando recibo. A gente tomou uma decisão”, disse Demori em um café na cidade de São Paulo.

Nesses áudios, Demori e seus interlocutores falam sobre supostos erros nas mensagens, tanto de digitação quanto de contexto. “Tava tudo errado. O que, por exemplo, estava errado? Tudo tava errado. Nomes, data, blocos, citação. Tudo errado”, declarou o editor do Intercept. “Absolutamente tudo errado”, confirmou outra jornalista.

SEM COMENTÁRIOS – Procurado pela imprensa, Leandro Demori não quis comentar o caso. E não foi só isso. Muitos outros erros foram identificados. O mais gritante foi denunciado pela procuradora Monica Checker, que à época do diálogo atribuído a ela não conhecia o então juiz Moro e jamais tinha ouvido falar nele.

A estratégia de Greenwald é clara. Recusa-se a liberar as gravações porque ficará comprovado que houve manipulação de dados, nomes e datas. E assim, ao invés de continuar acusando os participantes da Lava Jato, o acusado passará a ser ele.

De toda forma, Greenwald está acuado. Não pode entregar o material nem pode se livrar dele. E não conseguirá permanecer eternamente escondido sob o manto da liberdade de imprensa, para evitar que haja perícia nas gravações. Sua incriminação é apenas uma questão de tempo.

###
P.S. 1 –
A  conversa do editor do Intercept foi num café em São Paulo. Eles estava falando alto, o jornalista Oswaldo Eustáquio estava na mesa ao lado e captou a mensagem, amado mestre.

P.S. 2  Imagine-se a mesma situação na matriz USA, com um jornalista brasileiro dedicado a demolir o mais importante trabalho da Justiça americana, sem submeter as provas à perícia. Na matriz USA, Greenwald já estaria preso há muito tempo. Enquanto isso, aqui na filial Brazil, ele ainda continua tirando onda… (C.N.)

35 thoughts on “Greenwald não pode liberar material para perícia, porque a fraude será descoberta

    • Esse Verdevaldo só não pode ser chamado de inútil ou insignificante, porque está mostrando ao mundo o excelente trabalho prestado por nossos honrados juizes e procuradores da operação Lava Jato. Entretanto isso não exclui o fato de Grenn e seus comparsas serem criminosos envolvidos com hackers que precisam ser exemplarmente punidos com todo o rigor da lei.

  1. Lamentável esta opinião, já constataram que são autênticas, mas continuam tentar desacreditarem nas mensagens, então, porquê Sérgio Moro e Deltan Dallagnol , não entregam seus aparelhos,é um absurdo, por isto este país é esculhanbado mundo afora, não sou partidário de nenhuma sigla, mas não posso me fazer de cego, como muitos continuam.

  2. O mesmo se pode dizer em relação a Moro e Deltan que também não entregaram seus celulares à perícia. O próprio diretor da PF (que é subordinado ao Moro…..) não quer fazer perícia no celular dos dois. Aliás, nenhum dos dois nega categoricamente a veracidade das conversas. Eles devem saber porquê, não?

  3. O Reino Unido abriu investigação para buscar os responsáveis pelo vazamento de telegramas diplomáticos, onde o embaixador britânico nos Estados Unidos, Kim Darroch, teria dito que a administração de Donald Trump era “inepta” e “excepcionalmente disfuncional”.
    A ditadura britânica…segundo verdevaldo.

    • É natural que o caso seja investigado. Trata-se de violação de sigilo de comunicações. Além do mais, no caso britânico, qual a relevância de alardear opiniões políticas expressas privadamente por um embaixador. Isso não é jornalismo, é espionagem
      para fins de ativismo político. As mídias que divulgam essas coisas querem apenas fabricar crises e desgastar políticos que não gozam de sua aprovação.

  4. Um adendo: acho que o Newton, na frase inicial do artigo, quis dizer “…começa a se sentir perseguido”, ao invés de “perseguidor”.
    De resto, mais uma vez, um excelente artigo.

    • Gratíssimo, amigo Pedro Meira, pela correção do texto e pelas palavras de apoio. Seus comentários são cada vez melhores e profundos, precisamos transformá-los em artigos.

      Abs.

      CB

  5. Eliane Cantanhede escreveu que não há nada que prejudique o procurador Delagnol nas comunicações violadas:

    “O CNMP concluiu que promotores e procuradores têm o direito de fazer palestras e dar cursos pagos, podendo doar ou simplesmente guardar o que recebem.

    Logo, não é por aí que vão ‘pegar’ um dos símbolos da Lava Jato. Podem agastá-lo, podem desgastá-lo na opinião pública e no mundo jurídico, podem exigir explicações dia sim, dia não. Mas, por enquanto, isso se resume a um mar de constrangimentos e a um exercício: o da paciência. De concreto, que possa comprometer objetivamente sua atuação profissional, nada há.”
    https://www.oantagonista.com/brasil/de-concreto-nada-ha/

  6. Pois é….

    estranho pais este Brasil….

    Padre Marcelo é atacado em publico e “não se pode abrir processo”

    Este jornalista paralisa o país e nenhum dos milhares ou centenas de procuradores, abre um processo de investigação?

    Mas abrem para maus tratos de qualquer animal, para interferir em votações de clubes de mães, para regulamentar o bingo das senhoras do asilo boa passagem, para regulamentar o canto dos pássaros na floresta amazônica, para regular casinhas de cachorros na rua etc…..

    estranho mesmo

    Ou existe uma grande cagada do MP e que tem medo do que o jornalista tem ou o MP só serve para tirar onda …..

    Não é importante saber o que tem verdade nisso?

    se fosse contra um de vocês, não abririam processo por perdas e danos e obrigaria a mostrar as provas??

    O que faz o espirito de Raquel?
    Sim por que a procuradora geral deu uma desaparecida geral, virou procurada geral …..Nós é que estamos procurando-a

    Se eu fosse um gringo para investir, morar, visitar ou simplesmente tentar entender o Brasil, sairia correndo.

    lembram de Mussolini, sobre se era possível organizar a Itália???

    o Brasil é cópia numero um…..

    O PT já tinha mostrado isso e mais uma vez se prova.
    No Brasil basta ter audacia e cara de pau, que ninguem nos enfrenta….

    As leis sao apenas para os fracos….

    Não me venham com graúdos presos na lava jato.

    Começo a ter a convicção que são simples bois de piranha, anéis para salvar os dedos….

    Imaginem o tamanho real da boiada.

    Tudo continua como antes no quartel de …..

  7. Nem o Moro desmentiu categoricamente o seu envolvimento ilícito em mensagens trocadas com o MPF. Mas o editor do site, Carlos Newton diz que é material inventado. Que fase. A idolatria por pessoas cega muitos.

      • Pelo que eu saiba e posso estar enganado, qualquer pessoa que se sentir atingida por inverdades e coisas inventadas, pode entrar na justiça, pleiteando reparações econômicas e morais. Então, será que Os que se sentem atingidos indevidamente entrarão com alguma ação? Quanto a material manipulado, o próprio site já esclareceu.

    • A idolatria por pessoas cega muitos.

      Estás coberto de razão o mula lhe enfeitiçou ou é só jabá mesmo?

      ilícito em mensagens trocadas?
      Onde esta o ilícito? se pude nos mostrar a luz nós os ignorantes ficaremos agradecidos.

      • Acho a lava-jato, tirando alguns exageros, como punir empresas em vez de só condenar os culpados tal qual se faz nos países desenvolvidos, uma ótima coisa e ela precisa continuar, claro que com mecanismos de prevenção para prevenir a corrupção. Mas quanto aos ilícitos cometidos pelo juiz e o MPF é só verificar a Constituição e as leis do judiciário. É normal o juiz, que deveria ser imparcial, se imiscuir com o órgão acusatório, o MPF? Se queremos ser um país decente, devemos estabelecer nossa ética, sem usarmos a ótica para determinadas situações.

  8. Grenwald não entrega porque a lei brasieleira o ampara.Não depende de sua vontade. “Os fatos são tão claros mesmo para quem não os leu “que os argumentos dos acusados nada valem”.

    • Desculpe Aquino mas não entendi.

      Quer dizer que ele não pode se instado a apresentar os áudios e gravações mesmo que a justiça o acione?

      Se o Moro ou dalagnol, iniciar um processo por perdas e danos ele noa será obrigado a mostrar ou então retira os áudios e pedir desculpas….

      • Isso que é sinuca de bico,
        se não mostrar não tem pericia e mesmo que verdadeiras não podem ser utilizadas juridicamente.
        se mostradas,
        1- a farsa pode ser demonstrada rapidamente
        ou
        2- as provas não podem se provar por incapacidade técnica de autenticá-las, pois se um hacker consegue entrar no sistema protegido o que garante que ele não adulterou o conteúdo, já que os próprios jornalistas já o está adulterando?

  9. Não acredito que a Polícia Federal e o MPF estejam quietos sem tomar nenhuma medida contra o Greenwald. Acredito que vão tomar a medida certa na hora certa. Estão juntando provas, que ao prende-lo não deixe margem de defesa.

  10. Isso que é sinuca de bico,
    se não mostrar não tem pericia e mesmo que verdadeiras não podem ser utilizadas juridicamente.
    se mostradas,
    1- a farsa pode ser demonstrada rapidamente
    ou
    2- as provas não podem se provar por incapacidade técnica de autenticá-las, pois se um hacker consegue entrar no sistema protegido o que garante que ele não adulterou o conteúdo, já que os próprios jornalistas já o está adulterando?

  11. Até o presente momento não há uma só prova concreta contra qualquer componente da Operação Lava-Jato. Muito ao contrário, os textos divulgados apenas mostram diálogos de pessoas de bem procurando a verdade para evitar erros que pudessem gerar injustiças contra inocentes.
    Porém, há um fato ocorrido na Câmara Federal, amplamente divulgado nas redes sociais, no qual o protagonista é o deputado federal David Miranda (PSol-RJ), que herdou o mandato do deputado federal Jean Wyllys (Psol-RJ), por renúncia deste.
    A Câmara Federal foi criada em 25 de março de 1824 – pela Constituição brasileira de 1824 – e no dia 6 de maio de 1826 foi realizada a sessão de abertura da primeira legislatura da Assembleia Geral Legislativa, em reunião conjunta da Câmara dos Deputados e do Senado. Portanto, funciona cerca de duzentos anos.
    Nesses quase dois séculos a instituição foi palco de várias situações históricas, talvez nenhuma com a densidade de humanismo e pureza como o proporcionado pelo deputado David Miranda, em traje masculino e bigode, defender oralmente com emoção e fidelidade, a pessoa que afirmou ser seu “marido”, o respeitável senhor Glenn Greenwald.
    Devemos reconhecer que foi um ato sublime, humanitário e politicamente correto.
    E mais, que qualquer prova concreta contra a Lava-Jato ou seus participantes jamais superará a esse ato consumado pelo deputado David Miranda, que passou a ser um enorme fato humanitário e que, certamente, ficará registrado nos anais da histórica e quase duo secular Câmara Federal.
    Todos devemos reconhecer o humanismo, a grandeza e a fidelidade desse magno episódio, sejamos atrasados ou evoluídos culturalmente.

  12. Relembrando novamente o que já postei aqui noutro dia:

    Esse Glenn Greenwald não quer entregar o material para perícia porque se o fizer estará desmontada a farsa que ele armou, pois será possível provar adulteração e edição dos textos, além da participação pessoal dele nos crimes para obtenção do material roubado.

    A alegação de que recebeu anonimamente será descoberta como falsa.

    Só otários é que ainda acreditam nesse sujeito.

    Ele inverte tudo:
    Honesto vira desonesto.
    Desonesto vira honesto.
    Mulher vira homem.
    Ele, homem, vira mulher.

  13. LOUVADO SEJA O ALTISSIMO …sempre

    É prezado moderador … a cousa tá ficando feia para a turma da máfia de curitiba. Não há um sequer da plebe ..que acredita mais na lava jato…a cousa desandou geral , cada tijolo liberado …mostra só cagada da turma mafiosa…vc pode até alegar que tudo é montagem …armação ..etc
    mas lhe digo meu caro ..as cagadas estão se acumulando e o vaso não comporta tamanha merda e o perigo é que tudo vai transbordar…
    armaram para o Sr. Luis Inácio não se eleger, o sistema queria um “salvador” e o que deu ? O sr. jair fazendo das suas e agora querendo empregar a familia no serviço público federal sem concurso público …kkkkkkk… , fechar universidades “comunistas” …kkkkkk , indicar para nossa suprema corte um “bispo evangélico ‘ ….kkkkkkk, fazer campanha para se reeleger….Kkkkk , etc..etc.. É Carlão , a cousa tá feia é muita cagada em pouco tempo…creio que a melhor saida é virarmos um regime parlamentarista..dar um cartão vermelho neste doido varrido e VOLTARMOS NOSSAS FORÇAS SOCIAIS EM PROL DO PROGRESSO DO POVO E DA NOSSO SABERANIA ECONOMICA TOTAL .

    Creio que no momento só existe essa saida . não dá mais para perdermos tempo com leros ..leros..

    O ALTISSIMO SEJA LOUVADO …sempre …

Deixe uma resposta para duarte Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *