Guedes diz que se deve “vender logo a porra do Banco do Brasil” e servidores exigem retratação

Suspeita de 'gestão fraudulenta' de Guedes em fundos de pensão é ...

Se deixarem, Guedes vende até o Corcovado e o Pão de Açúcar

Vicente Nunes
Correio Braziliense

A Associação Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil (Anabb) vai notificar extrajudicialmente o ministro da Economia, Paulo Guedes. Na reunião ministerial de 22 de abril — que está no inquérito aberto pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar denúncias de Sergio Moro contra o presidente Jair Bolsonaro —, Guedes, afirmou que é preciso “vender logo a porra do Banco do Brasil”.

Na avaliação dos funcionários do BB, Guedes ultrapassou todos os limites da ética ao atacar uma empresa cujas ações têm forte impacto na economia. Asseguram ainda que tanto, no governo do qual Guedes faz parte quanto no Congresso não há apoio para a privatização da instituição.

UM ATO INDECOROSO -“Tal postura revelou-se despropositada e indecorosa não somente para com a instituição e todo o funcionalismo do Banco do Brasil e, sobretudo, para com todo o povo brasileiro”, ressalta a Anabb na ação.

A associação assinala, ainda, que a fala do ministro irritou muito os funcionários, que cobraram da entidade uma ação efetiva, pois estão trabalhando pesado, sobretudo neste momento de pandemia do novo coronavírus, com agências abertas e operações de crédito importantes neste momento.

“Uma empresa não existe sozinha. O Banco do Brasil é a soma do trabalho e da dedicação de todos os seus funcionários. Causa perplexidade a fala em um momento grave para o país e para a sociedade brasileira. A fala desconsidera o trabalho de todos os funcionários no contexto da pandemia, que estão atendendo a população em todo o país, correndo riscos, mas sem abdicar de exercer seu papel. É um trabalho essencial, para os cidadãos e para a economia”, frisa a Associação, acrescentando:.

“Ante o exposto, a Anabb vem NOTIFICAR Vossa Senhoria a fim de que se retrate formalmente em relação ao pronunciamento realizado como medida de justiça e, sobretudo, de respeito a toda nação brasileira.”

32 thoughts on “Guedes diz que se deve “vender logo a porra do Banco do Brasil” e servidores exigem retratação

  1. BB & CEF, dois lixos, cabidão de empregos para vagabundos e políticos, péssimo atendimento é elogio, filas intermináveis, má vontade dos funcionários, desprezo ao povo, deveriam ser privatizados ontem!Tirem a administração e recursos do FGTS, acaba com o banco estatal!

  2. Usou o vocabulário típico do atual governo. Muito educativo. MA JB resolveu o problema: Não mais fará reuniões ministeriais. Ainda bem. Além de não decidirem nada ficam querendo aparecer para o MITO.

  3. Ministro dos banqueiros.
    Nem um piu sobre os juros cobrados por seus amigos que consomem o suor do povo brasileiro.
    Está igual aos ministros banqueiros dos irmãos siameses FH corrupto e lula ladrão.

    Vive lá France.

  4. O vídeo já foi liberado pelo ministro Mello? Não sabia?
    A Anabb vai exigir retração baseada em….suposição? Fofoca? Quebra de sigilo de vídeo que está no STF?
    Interessante os brazuquinhas. Amam ilegalidades. Depois quer que seus inimigos sigam a lei.

  5. Curiosamente ou seria contraditoriamente ou talvez má fé ou, lá pelas tantas, a soma dessas três questões, os fanáticos e radicais defensores de Bolsonaro, que tanto pregam patriotismo e nacionalismo, querem o desmanche, a liquidação, a destruição do patrimônio NACIONAL, ou seja, DO POVO!

    Antes, essa turma de irresponsáveis defendia as mesmas instituições que hoje admite privatizá-las porque ideia estapafúrdia de um presidente e de seu ministro, que querem e porque têm essa obrigação de, mais ainda enriquecer os banqueiros, e aumentar a pobreza e a miséria do cidadão desse país!

    Se os adoradores de Bolsonaro desconhecem, a CEF foi fundada em 12 de janeiro de 1.861 há 159 anos;
    O BB foi criado em 12 de outubro de 1.808, por D.João VI, há 212 anos!

    Se Paulo Chicago Guedes Boy e seu chefe absolutamente ignorante em economia, conforme suas próprias palavras, querem ignorar essas duas instituições icônicas do Brasil e do MUNDO, então que privatizem todas as estradas federais;
    que vendam todos os prédios públicos federais;
    que façam o mesmo com a CBTU, Trensurb, Valec, Infraero, Conab, Ceagesp, Ceasaminas … mas logo quem dá lucro para o país e emprega milhares de pessoas??!!

    Vale dizer que deveriam, o presidente e seu ministro imbecil e traidor, que acabassem com as FFAA, pois o término da Marinha, Exército e Aeronáutica, redundariam em uma fortuna para os cofres da nação muito maior que dar de presente a Caixa e o BB para banqueiros!

    Para quem não sabe, os custos das FFAA para o povo é na ordem de 25 bilhões de DÓLARES ao ano!
    Convenhamos, termos uma despesa desse porte para que os poderes constituídos tenham se tornaram nossos inimigos e doadores do nosso patrimônio através de decisões de gabinete, decididamente não precisamos de Arma alguma!

    Agora, que decepção dos ditos “nacionalistas” que escrevem neste blog!
    Que baita frustração, eu ler a insanidade declarada e manifestada de privatizações porque assim entende um bosta de ministro desse governo, que tem sido a mesma coisa, outra bosta!

    • Chico, parabéns pelo comentário em defesa dos bancos públicos.

      Os nacionalistas que antes defendiam o patrimônio público, agora, como os recursos estão secando e não querem aumentar a dívida pública em época de plena pandemia, querem liquidar as instituições pra nutrir o caixa do governo.

      Vai ficar difícil.
      Grande abraço.

      • Ricardo,

        BB, CEF e Banrisul, banco do RS, dão lucro ao país!

        Privatizá-los seria um crime lesa-pátria!
        Se Paulo Chicago Guedes Boy levar adiante essa intenção, precisamos restabelecer nessa nação mal comandada e maltratada, a Inconfidência Mineira!

  6. Manifestação da Associação Nacional dos Engenheiros e Arquitetos da CAIXA

    “Desde que foi incumbida de efetuar o pagamento do auxílio emergencial para dezenas de milhões de brasileiros, a CAIXA, um Banco 100% Público, tem se empenhado para cumprir sua missão, consciente de sua importância para a população e para o país.

    Após o cadastramento dos dados de milhões de brasileiros em seus sistemas, num esforço de inclusão bancária inédito e bem sucedido, a CAIXA se depara com outro grande desafio, que é o de fazer chegar o auxílio emergencial àqueles que tanto dele necessitam.

    A CAIXA recebe em suas agências quase metade da população brasileira em busca de recursos que amenizem o estado de extrema necessidade que os atingiu de forma repentina.

    Num esforço solitário e solidário, como única instituição financeira a executar o pagamento do auxílio emergencial, a CAIXA se encontra diante de uma situação absolutamente inédita e para a qual, em tão pouco tempo, nenhum país ou instituição estava preparada e que está causando um sobrecarregamento de sua capacidade de atendimento.

    A isso se sobrepõem o espírito de solidariedade do empregado da CAIXA, que tem a consciência de que é seu dever a prestação de um serviço essencial ao Brasil e aos mais necessitados.

    Um serviço essencial que é prestado por pessoas: pais, mães, filhos, maridos e esposas que se fazem presentes todos os dias nas agências, sob o risco de contaminação; que buscam constantemente o desenvolvimento de soluções tecnológicas para solucionar os problemas, e tantas outras pessoas que desempenham atividades necessárias à continuidade do seu funcionamento.”

    Portanto se alguém entende que algum banco privado tem a capacidade de atuar como a CAIXA atua frente a este desafio, parabéns. Você é um gênio.

  7. Chico, parece que as pessoas desconhecem como um empregado CAIXA foi admitido. Bem, não são obrigados a saber, mas por favor, devem ter mais cuidado no falar. Grande abraço!

    • Ricardo,

      Observa como se assemelham os governos de Lula e Bolsonaro:
      Lula dividiu o país ideologicamente.
      Separou o povo entre os que se dizem socialistas e capitalistas, diminuindo sensivelmente os esforços que poderiam ser despendidos para nosso desenvolvimento.

      Bolsonaro joga contra o povo, tanto faz se capitalista ou socialista, de esquerda ou de direita, o servidor público, responsabilizando-o pela crise econômica!

      No mínimo, Ricardo, lidamos com canalhas!

      O safado do Guedes não comenta as despesas criminosas do legislativo e do judiciário;
      não tece uma palavra que seja porque covarde, dos milhares de assessores dos parlamentares e dos ministros dos tribunais superiores;
      não traz à tona os milhares de funcionários que foram colocados no serviço público sem concurso, caso de Lula;
      muito menos vem a público dizer quantas pessoas colocou sobre os ombros do cidadão, que também hoje compõem o serviço público porque entraram pelos fundos, sem concurso!

      O combate de Guedes e de Bolsonaro é contra o servidor público CONCURSADO, o funcionário LEGAL, menos os aquinhoados politicamente!

      Exemplo?
      Quantos assessores os filhos de Bolsonaro têm porque parlamentares e sem concurso público, mas que mamam sofregamente nas tetas da nação??!!

      Cinismo e hipocrisia, eis o nosso Estado!

      Saúde e paz!

  8. Pessoal sempre admirei essa instituição financeira. Ela é o que é hoje assim como a Petrobras devido o profissionalismo de seus funcionários, o comprometimento e a capacidade do corpo técnico. Tudo que dá certo e é bom para o país querem derrubar. O Brasil está cheio de maus exemplos. Quando políticos e seus agentes destruidores se infiltram nas estatais a corrupção impera. Esse mau brasileiro, Paulo Guedes em plena pandemia, trabalha nos porões das falcatruas para beneficiar banqueiros. Ele é banqueiro do BTG e tem ligação com Soros. Tenta emplacar a venda de títulos podres que não valem nada em poder de vários bancos para o Tesouro Nacional. Os bancos ganhariam rios de dinheiros. Olha que isso foi descoberto na semana passada. Pasmem! isso não foi abortado imediatamente, apenas uma pausa nos corredores dos gabinetes parlamentar em Brasília. Agora, esse Sr Guedes tem alguma reputação louvável? Não, não tem. Seu passado e presente os condena. Não sou funcionário do BB. Tentei ser no passado há 35 anos atrás e não consegui ser. Fiquei reprovado no concurso público. Como dito admiro essa instituição até hoje. Mas por quê até hoje? Porque o que dá certo nesse país temos que aplaudir. Funcionários do Banco do Brasil os verdadeiros brasileiros estão com vocês. O mau atendimento que alegam ter é bravata. Parabéns a todos vocês. Quanto ao Sr. Guedes daqui a pouco cairá no ostracismo sem concretizar seus maus planos para o Brasil. Sou correntista do BB com muito prazer.

  9. Um Estado que perde o Controle de suas estratégicas Instituições Bancárias ( Banco Central, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, BNDES, Casa da Moeda e demais Bancos Públicos, perde o mais poderoso Instrumento de DESENVOLVIMENTO, o controle da MOEDA e do CRÉDITO do País.

    Colocar o controle da MOEDA & CRÉDITO nas mãos de Particulares, e especialmente de ESTRANGEIROS, é abdicar completamente da SOBERANIA NACIONAL.

    É verdade que no passado alguns Governos administraram mal, e até abusaram, dos Instrumentos de controle da Moeda & Crédito Nacionais,( Bancos Federais e especialmente Bancos Estaduais), mas daí a vendê-los, muito provavelmente para o Capital Internacional, é o clássico exemplo de “jogar fora a água suja do banho do Bebê, com BEBÊ e tudo”.

    Que devemos diminuir o tamanho do Estado que inchou a ponto de consumir +- 45% do Produto Interno Bruto ( +- 35% do PIB de Carga Tributária + +-10% do PIB de Deficit Nominal ( o que leva em conta também o Custo de Carregamento da alta Dívida Pública), não há dúvida, mas começar pelo Lucrativo e de tão bons serviços prestados ao Desenvolvimento do Brasil, o Banco do Brasil, CEF, BNDES, etc, é completamente ERRADO.

    Parabéns a TODOS os que aqui defenderam a SOBERANIA NACIONAL sendo contra a venda do controle do Banco do Brasil SA, especialmente ao ilustre Colega Sr. FRANCISCO BENDL, que discorreu mais sobre o estratégico assunto.

  10. Apesar de apoiar o presidente Bolsonaro, não gosto do Guedes, mas alguém já viu a fita para afirmar que ele falou isso? O artigo não deixa isso claro. É ilação de alguém? Prefiro esperar e ouvir a tal fita.

  11. Na Iniciativa Privada, os Funcionários também passam por uma seleção. e nem por isto terão Estabilidade Eterna.
    Temos que analisar se para os BRASILEIROS, privatizar o Banco do Brasil seria interessante.
    Para os funcionários deste Banco, nós já sabemos a resposta.

  12. Aranha,

    Particularizas uma questão, enquanto discutimos o aspecto público, coletivo.

    E quem de nós ainda não foi mal atendido circunstancialmente aqui ou ali?
    Não será por isso que condenarei a instituição ou que deveremos eliminá-la!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *