Guedes esquece que vender ações de estatais é ato isolado e desembolso com Bolsa Família é mensal

Charge do Leandro Campos (twitter.com)

Pedro do Coutto

O ministro Paulo Guedes que a meu ver se especializou em projetos irrealizáveis, agora teve a ideia, como destaca reportagem de Manoel Ventura, O Globo de sexta-feira, de vender ações de empresas estatais, especialmente a Petrobras e a Eletrobras para destinar recursos ao combate à fome que está fazendo com que a miséria ocupe o lugar da pobreza.

Ele já havia se pronunciado sobre o assunto numa entrevista a Daniel Giulino e Fernanda Trisotto, O Globo, edição de quinta-feira, mas restringindo a venda às ações da Petrobras. Ele assinalou que a venda de ações da estatal poderá ser utilizada na distribuição de recursos financeiros para que os segmentos de menor renda adquiram botijões de gás. Neste caso, não levou em consideração a estrutura necessária para tal projeto. Ações seriam vendidas, o dinheiro arrecadado, mas pergunto, como seria feita a distribuição? Impossível colocar em prática um projeto desta ordem.

FUNDO DE SOCORRO – Na edição de ontem, Manoel Ventura também focaliza a iniciativa de Paulo Guedes, desta vez acrescentando que a venda de ações da Petrobras e da Eletrobras permite a arrecadação de recursos para criar um fundo de socorro às famílias necessitadas. Seria uma forma de financiar o Bolsa Família, estendendo-o de hoje ao final de 2022, passando assim pelas eleições presidenciais de outubro.

Mas, como disse no título, o ministro da Economia esqueceu que a venda de ações é uma operação singular. O desembolso com o Bolsa Família é mensal, então quando se esgotassem os recursos decorrentes da primeira venda de ações teria que ser realizada uma segunda para assegurar a continuidade do programa. Tal operação teria influência, é evidente, na cotação dos papéis da Petrobras e da Eletrobras na Bovespa. O desembolso mensal permanente não pode ser confundido com um lance financeiro isolado.

DIVIDENDOS – Paulo Guedes argumenta que este ano a Petrobras distribuirá R$ 17 bilhões em dividendos. Mas isso não muda a questão essencial que é de que o custo do programa Bolsa Família é de aproximadamente R$ 14 bilhões este ano e deve ser elevado, acentua Manoel Ventura, para R$ 23,2 bilhões  em 2022. Afinal de contas, o programa social destina-se a 14,4 milhões de famílias, correspondendo a cerca de 55 milhões de pessoas.

Há alguns meses, no início de 2021, o ministro Paulo Guedes sugeriu que restaurantes, depois de servidos os clientes para o almoço, distribuíssem a quantidade não consumida para os pobres. Impossível executar tal projeto. Sobretudo por um fato muito simples; sabendo da distribuição de alimentos, formariam-se filas de homens e mulheres aguardando a vez de receber. Basta este aspecto para mostrar que os restaurantes não poderiam colocar a ideia em prática porque principalmente faltariam clientes. Este é um reflexo absolutamente evidente para todos, menos para Paulo Guedes.

DIA DO PROFESSOR – Na manhã de ontem, sexta-feira, na TV Globo, o programa Encontro com Fátima Bernardes, apresentado por Patricia Poeta, incluiu uma excelente matéria desenvolvida por outro apresentador, Manoel Soares, sobre a passagem do Dia dos Professores e Professoras que se empenham em dar aula, enfrentando dificuldades de toda sorte, a começar, como é o caso do Rio de Janeiro, há quatro anos sem receber um reajuste salarial sequer.

As perdas acumuladas atingem 26% e além disso as professoras e professores enfrentam falta de material, falta de limpeza nas escolas, falta de sabonete para lavar as mãos, falta de papéis para enxugá-las. Todos esses fatores conduzem a um desgaste enorme e uma desvalorização de uma profissão essencial para o presente e para o futuro do país.

O panorama nacional do Magistério não é diferente do Rio de Janeiro. As dificuldades são crescentes e só uma dedicação que parte do amor ́ profissional pode sustentar, como vem sustentando, o desenvolvimento da atividade. Portanto, a tarefa é realmente de compromisso com os alunos e, sobretudo, com a própria educação. Infelizmente, digo, no Dia do Professor, que deveria ser o dia da educação, não há nada para festejar a não ser o esforço  dos professores e professoras.

FMI  – O Fundo Monetário Internacional, matéria publicada na edição de quinta-feira de O Globo, revela que a dívida global do universo, incluindo portanto governos de países e também empresas particulares, atingiu este ano o recorde de US$ 226 trilhões, mais que o dobro do Produto Bruto mundial. O relatório do FMI foi divulgado quarta-feira em Washington e acentua que a pandemia vai deixar uma marca duradoura na desigualdade, na pobreza e nas contas governamentais.

Este ano, o total de US$ 226 trilhões representa 14% a mais do endividamento registrado em 2020. Isso de um lado. De outro, a dívida de US$ 226 trilhões representa um pouco mais da metade do Produto Bruto mundial que se encontra na escala de US$ 110 trilhões. Do total de US$ 226 trilhões, as dívidas de governos representam US$ 88 trilhões e a diferença as dívidas de empresas pelo mundo afora.

Os credores são os bancos internacionais e a dívida se acumula porque, como acentua Thomas Piketty em seu livro “O Capitalismo do século XXI”, a rentabilidade das aplicações financeiras que criam menos empregos do que os investimentos econômicos são também muito mais rentáveis do que a realização de projetos que atingem diretamente a vida da população do planeta que já supera sete bilhões de seres humanos.

5 thoughts on “Guedes esquece que vender ações de estatais é ato isolado e desembolso com Bolsa Família é mensal

  1. Quantas galinhas poedeiras de ovos de ouro já foram vendidas!?
    A última foram os gasodutos e oleodutos vendidos por 9 BI. E que agora a Petrobrás que depende deles pagará 5 bi por ano!
    Seria isso só burrice?
    Óbvio que teremos mais um elemento na composição do preço do gás e dos combustíveis.

  2. Este cidadão pode servir para qualquer função, menos para Ministro da Economia de qualquer nação. Seus interesses velhacos, estão levando o país ao fundo do poço. Em um país civilizado e sério, este bravateiro já teria sido colocado pra correr há muito tempo. Alem de suas contas em Offshore, outro motivo da vergonhosa elevação do Dólar, é justamente para baratear as Empresas brasileiras e vende- las à preços de banana aos seus verdadeiros Senhores.

  3. Paulo Guedes e sua equipe econômica estão destruindo o Brasil. A política dele e de Bolsonaro é de terra arrasada. Tentam destruir tudo: as Instituições do Estado ( STF e Ministério Público), o SUS, o INSS, o IBAMA, a Educação, a Cultura e principalmente dar liberdade aos ricos para massacrar os pobres. Quando conseguirem e estão perto de obterem a vitória, não sabem o que virá no lugar. Provavelmente o terror.
    Quando o mito declarou: ” que morram os fracos, que sobrevivam os fracos” em relação a Covid, essa é a cara do governo. Os fortes e os atletas vencem, os pobres e fracos perecem.
    Empregadas não podem viajar para Disney e filhos de porteiros não tem direito de frequentar Universidades, foi a sentença de Guedes, enquanto por debaixo dos panos, faturava 51 milhões nas offshores Britânicas. Na paralela, inseriu na Reforma do Imposto de Renda, um artigo que isentava de tributos, quem repatriava para o Brasil essas quantias oriundas de contas secretas. Isso tem que ser investigado, mas, não acredito que o PGR o faça. Vai ficar por isso mesmo e daqui a pouco a imprensa esquece essa malandragem do Guedes.
    Com esse fanfarrão, falastrão e mentiroso comandando a Economia, já estamos com o cheiro de fossa na ponta do nariz. Para se desvencilhar das críticas de que não gosta de pobre, de idoso, de aposentado e de servidor público, inventou essa de distribuir dividendos para os pobres. Ele sabe, que isso é impossível, mas, os alienados vão acreditar nessa promessa de encantador de serpente. Guedes é um ser irrecuperável junto do seu chefe Bolsonaro. Os dois podem sair por aí, abraçados, ricos e rindo de todos nós, pobres coitados, que acreditaram nessa dupla do mal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *