Herança maldita de Paes assusta Romário, que desiste de disputar prefeitura

Romário é esperto e não quer entrar em fria no Rio

Paulo de Tarso Lyra
Correio Braziliense

O senador Romário (PSB-RJ) anunciou ao presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, que não será mais candidato à prefeitura. Siqueira já estava incomodado com a pouca movimentação do senador fluminense na campanha. Na quinta-feira, em uma conversa rápida no Rio, Romário comunicou que, atendendo ao pedido dos eleitores, abre mão da candidatura. Siqueira não gostou nada da notícia, já que o Rio era uma das cidades em que o PSB esperava ter um bom desempenho. Nas pesquisas recentes, Romário aparecia em segundo lugar, atrás apenas de Marcelo Crivella (PRB-RJ).

O presidente nacional do PSB então decidiu destituir Romário da presidência estadual do partido. O nome que será confirmado para comandar a legenda no Rio, a partir de amanhã, é do deputado Hugo Leal, recém ingresso nos quadros socialistas.

O PSB já foi procurado pelo PSD, pela Rede e pelo PRB. Romário, no entanto, tem boa relação com o presidente em exercício, Michel Temer e com o prefeito do Rio, Eduardo Paes, o que poderia também indicar uma inclinação do apoio dele ao candidato do PMDB, Pedro Paulo.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
– A matéria tem um lado especulativo, porque Romário é imprevisível e ninguém a quem ele pode apoiar. O fato concreto é que Romário tinha chance concreta de vencer a eleição, devido à fraqueza dos candidatos, mas se assustou com a herança que o futuro prefeito receberá. Sabe que Eduardo Paes fez muitas dívidas, que, por coincidência, começam a vencer justamente no mandato do próximo prefeito do Rio.  Romário gosta de ser senador (como dizia Darcy Ribeiro, “é estar no paraíso”) e não pretende arriscar a carreira. (C.N.)

18 thoughts on “Herança maldita de Paes assusta Romário, que desiste de disputar prefeitura

  1. Newton, vejo aqui no Yotub, Renato Santos da Gazeta Central noticiar que Toffoli e Teori estão envolvidos na Lava Jato. E que Temer tem que nomear até segunda feira dois novos ministros, caso contrário os militares vão intervir? O que existe de verdade nisso?

    • Há um fundo de verdade, Aquino, mas ninguém sabe os nomes dos ministros envolvidos, que seriam três e não apenas dois. Quanto à intervenção dos militares, por enquanto é só boato.

      Outra coisa: por favor, baixe a bola com os comentaristas rivais. Há pouco recebi mensagem do grande advogado Christian Cardoso, que outro dia publicou aqui uma verdadeira aula de direito. Ele hoje me pediu justamente que me dirigisse a você e ao Bendl, para irmos em frente.

      Abs.

      CN

      • Amigos,Aquino e Carlos Newton,
        Posso assegurar a vocês,que SÃO TOTALMENTE INFUNDADAS estas notícias referentes à intervenção de militares.
        Nossas gloriosas Forças Armadas estão neste momento atentas à segurança do País,durante as Olímpiadas e cumprindo exemplarmente o papel que a Constituição lhes destina.
        Grande abraço,aos dois,
        Werneck

      • Caro Newton,

        Tenho arquivado os registros do comentarista mencionado por ti a respeito de suas ofensas aos médicos, considerando-os, pelas suas condutas, como falta de patriotismo, diante da situação caótica da saúde pública, além de defender a vinda dos médicos cubanos, que mal sabe a quantidade desses profissionais absolutamente DESPREPARADOS e que já foram embora ou que fugiram do Brasil, ou seja, de Cuba, em consequência.

        E foi agressivo e grosseiro com uma categoria de profissionais BRASILEIROS, que não vou aceitar em hipótese alguma, em razão do quanto que fazem pelos doentes e sem condições, enquanto qualquer parlamentar com flatulência viaja COM NOSSO DINHEIRO para Boston(EUA) neste particular.

        O resto foram mensagens trocadas com ofensas mútuas, que NÃO PEÇO PERDÃO porque o comentarista se acha o dono da verdade, e imagina que deve ser o centro das atenções, condição que não aceito e o contestarei sempre que ofender qualquer brasileiro em benefício aos políticos ou em defesa desses, desonestos, corruptos, imorais e antiéticos, inclusive qualquer partido político nacional, principalmente os aliados dos ladrões petistas, que são os responsáveis diretos pela situação atual de desespero do povo:
        Desemprego, inflação, juros extorsivos, recessão econômica, saúde pública abandonada, educação calamitosa e segurança pública inexistente!

        Ora, culpar uma categoria de profissionais que estuda a vida inteira para se aperfeiçoar, atualizar-se, salva vidas tanto de gente boa quanto ruim, honesta e desonesta, corrupta e decente, homens, mulheres, crianças, e se cala de forma omissa quanto às obrigações de nossos governantes, evidentemente que não concordarei com tais argumentos, e defenderei os brasileiros em quaisquer condições, seja lá com quem for e por mais importante que se ache aqui ou fora deste blog incomparável!

        Portanto, ao dr.Cristian Cardoso, que deve ter ficado perplexo pelo que leu, e do alto de sua profissão e correção sobre o que percebeu, certamente deve entender que, se exagerei nas respostas quando fustigado, foi defendendo esta categoria aviltada pelo comentarista e sem qualquer razão, além de me defender de seus impropérios e mentiras relativas à minha pessoa, pois me desconhece, apesar de todos saberem quem sou, mas não durante o que fiz durante a minha trajetória depois que DEI BAIXA DO EXÉRCITO, após três anos e poucos meses, e durante o auge da recessão militar, por ter entendido que eu deveria buscar novos horizontes para mim e família, pois eu nada teria a temer como civil, haja vista que meus objetivos eram salários melhores e um futuro onde eu me projetaria ou não, mas não ficar à espera de um quadro de acesso às promoções militares e ser comandado tanto por homens que jamais esquecerei como legítimos e incontestes militares como também de gente sórdida, sem qualquer condição de ostentar ou divisas nas mangas ou estrelas nos ombros!

        Eis as minhas explicações – e não que eu seja obrigado a fornecê-las, mas faço em consideração a ti, Newton, e a dr.Cristian Cardoso, que sempre foi muito elegante comigo quanto aos meus rabiscos na Tribuna da Internet – sobre este episódio desagradável, que não partiu de mim – tenho as cópias dos comentários e suas sequências -, pois escrevi um texto acusando os parlamentares e governo como responsáveis pela nossa situação, e mencionando as doações de Dilma para Cuba através do porto de Mariel, mais de um bilhão de dólares, e que hoje faz muita falta esse dinheiro para os exauridos cofres públicos para os brasileiros, mas sempre abarrotados para aqueles que se identificam com a ideologia petista e aliados, aliás, neste sentido, o BNDES que o diga!

        • Caríssimo Francisco Bendl,

          Saúde e Paz!

          Inicialmente, cumpre esclarecer que você não me deve quaisquer explicações quanto às manifestações acerca da defesa de questões relevantes ao país. Não obstante, agradeço as considerações que você fez a título de esclarecimento.

          O pedido que fiz ao nobre Editor Carlos Newton foi no intuito de se tentar manter o debate entre raciocínios e argumentos objetivos, e consequente afastamanto do “embate” e dos “ataques” que se afiguraram entre “adversários”.

          Considerando o respeito e admiração que tenho pelos comentaristas envolvidos, muito embora as teses explicitadas sejam pertinentíssimas, constatei com tristeza a condução do debate para o campo pessoal…

          Mantenhamos as discussões no campo das ideias (não das pessoas), e esse blog continuará um espaço-crítico “incomparável” (F. Bendl).

          Gratíssimo pelas considerações e pelas exposições que enriquecem o conhecimento.

          Forte Abraço,
          Cordialmente,
          Christian.

    • Custa crer que alguém possa dar crédito a uma notícia, ou melhor, a boato desta ordem, de que o presidente da República “tem que nomear até segunda feira dois novos ministros (para o STF, no caso)”, caso contrário “os militares vão intervir.

      Dentre as garantias que a magistratura nacional desfruta, uma é a vitaliciedade e outra a inamovibilidade. Ministros do STF não são destituíveis, salvo por motivo justo e após , caso não sejam pela idade, renúncia e incapacitação por doença.

      Fora disso, é golpe armado contra a Democracia e o Estado de Direito, situação que aconteceu na história do Brasil, não tão distante, como foi o golpe de 1964.

      E mais: o presidente da República somente pode indicar (e não nomear) ministros para o STF quando a Suprema Corte estiver desfalcada, ou seja, sem os seus 11 ministros. Que “porra-louquice” — para usar a nobreza e riquesa do vocabulário e da linguagem do atual ministro da Defesa, o Jungman ao se referir aos que foram presos ontem pela polícia federal, suspeitos de serem terroristas — que esse tal Renato Santos da Gazeta Central noticiou e nosso leitor Antonio Santos Aquino trouxe à reflexão do nosso editor Carlos Newton. É boato, Aquino. E boato desairoso e grave. Em nada contribui para a paz social de todos nós brasileiros. Ultrapassa o limite do direito da liberdade de expressão, de opinião e avança para o terreno criminal, ao disseminar a perturbação da ordem, da normalidade institucional e da paz coletiva.

  2. Newton, há muito tempo eu não me envolvo com essa pessoa.
    Por ter dado minha opinião sobre o que penso sobre a razão de precisarmos de médicos cubanos.
    Essa pessoa, imaginando sem nenhuma razão que eu tivesse me referindo ao seu filho. Coisa impossível pois não sou advinho.
    Referiu-se diretamente a mim, cheio de razões, sem tê-las.
    Referiu-se a mim como velho coisa que realmente não me ofende.
    Desejou a minha morte, coisa que não me ofende.
    Mas sua forma de querer me atingir de maneira injusta pois não me referi a ele nem a seu filho que nem sei se tinha. Obrigou-me a reagir na altura de sua ofença.
    Desculpo-me com você. Só com você pois não agredi ninguém.
    Quanto ao doutor advogado, que acredito quer o Blog com um mínimo de civilidade. Peço que leia o que escrevi, dando margem ao entrevero, e verá que nem de longe me dirigi a essa pessoa.
    Lembro também que desde 1999 passei a frequentar a Tribuna da Impresa Impressa. Sendo minhas cartas publicadas pelo Hélio que sempre comentou não só as minhas mas de todos que escreviam.
    Passando para o Blog Tribuna da Internet continuei frequentando, sempre da mesma maneira.
    Separando-se Hélio de Newton preferi ficar com Newton, mesmo conhecendo Hélio (sem grande proximidade) desde 1953.
    Agradeço o conselho do doutor Chistian Cardoso.a observação dizendo: Se houver ação injusta é natural a reação.

    • Caríssimo Antonio Santos Aquino,

      Sou seu leitor desde a TI-Impressa, aprendendo com suas exposições críticas acerca de temas relevantes ao país e ao mundo.

      Reitero o post de 16:40 supra, também em relação a você.

      Forte Abraço,
      Cordialmente,
      Christian.

    • Nada a me agradecer, Aquino. Não fossem os leitores e seus comentários, que graça e que prazer teria quem escreve artigos? Nenhuma, não é?. Estar-se-ía, para empregar a mesóclise de Temer, escrevendo para ninguém, para o nada…em vão.
      Aquino, olha só o que acabei de ler e ouvir na televisão Globonews e que amanhã será notícia. A Dilma declarou que “não autorizou o uso de caixa 2”!!! Isso mesmo “não autorizou”. Disse isso em relação à delação premiada dos marqueteiros Santana, marido e mulher.
      Ora, se não autorizou é porque sabia que existia. Só se pode autorizar ou desautorizar o uso ou emprego de determinada coisa quem a tem e sobre ela exerce poder de comando. Acho que desta vez Dilma, coitada, assinou sentença condenatória contra si própria.

  3. Quero dar por encerrada esta discussão sobre quem disse o quê.

    Em princípio mente desaforadamente o comentarista que diz defender os médicos cubanos, não foi o que fez, mas atacar os médicos brasileiros, situação que me revoltou e me deixou indignado não só porque tenho um filho médico, mas porque sei quem são os verdadeiros criminosos com a saúde pública que, definitivamente, não é esta categoria de profissionais agredida e ofendida gratuitamente.

    Não preciso que acreditem em mim, pois tenho o comentário desairoso escrito e a minha resposta e, se o chamei de velho – verdade! – é porque sou um deles, e não vejo porque dourar a pílula quanto um de nós em idade avançada mais enche o saco que beneficiar com a sua presença as demais pessoas, então devemos nos despedir desta vida, a meu ver!

    Mas, as cópias estão comigo, de modo que, se quiserem, posso reproduzi-las para que percebam quem iniciou a troca de farpas e quem defendeu os brasileiros, e não os estrangeiros que vieram para cá como se escravos fossem, pois sequer o dinheiro combinado como salário recebem, indo diretamente para as mãos do déspota, do títere, do ditador e sanguinário Fidel Castro, situação deprimente e humilhante para este país, que concorda com esta indignidade cometida pelo líder maior, aquele que os dirigentes petistas beijam a mão e cheiram seus peidos em permanentes viagens a Cuba, ocasionando despesas ao erário e prejuízos ao Tesouro porque doações feitas com o dinheiro do povo, algo inaceitável como mais um roubo dos petistas e aliados(PMDB e PDT) contra o Brasil e sua população desempregada, inadimplente, vítima de juros extorsivos, recessão econômica, e sem qualquer perspectiva de futuro!

    Se, ainda por cima, devo ler despautérios sobre uma categoria de profissionais brasileiros, os médicos, e não ler absolutamente nada em protesto contra a forma como foram contratados e trazidos para o Brasil os tais curandeiros cubanos, cujos conhecimentos estão muito aquém das necessidades do povo deste país, evidentemente que só me cabia um comportamento, de me insurgir contra essas mentiras e baboseiras escritas, reação que sempre levarei adiante até eu ser convidado a me retirar do blog, porém, até lá, acusem os verdadeiros responsáveis, e não uma parcela do povo brasileiro, e não me verão saindo dos trilhos como aconteceu ontem e hoje com relação a esta pessoa, que perdeu o senso da realidade, seja pela velhice ou porque pertencente a um partido aliado dos ladrões petistas, além de o seu chefe ser um declarado apaixonado pela afastada presidente, razão pela qual os subordinados tentam agradar a chefia ao defendê-la dos crimes que cometeu, e a saúde pública pelo seu abandono é o mais grave e imperdoável cometido por esta senhora, Dilma Rousseff!

  4. “… como legítimos e incontestes militares como também de gente sórdida, sem qualquer condição de ostentar ou divisas nas mangas ou estrelas nos ombros!” …

    Encerremos, pois, a peleja, com a certeza de que militares maus há – médicos jamais !

  5. Nãosou Babão,

    Babaste na camisa, neste momento.

    Em nenhum dos meus comentários escrevi deste forma, portanto, esta tua conclusão não é a minha, mas exclusivamente tua que, dela discordo, pois existem médicos ruins, sim, mas são muito poucos diante do que faz a maioria deles, razão pela qual generalizar é um crime imperdoável, e foi o que gerou a minha resposta incisiva.

    Mesmo assim, agradeço poder esclarecer este aspecto, que outros poderiam também manchar a gola da camisa com esta dedução errada, evidentemente, e que jamais partiria dos meus pensamentos que existem categorias de profissionais infalíveis, se nem mesmo o Papa Francisco pode assim ser considerado!

    Um abraço.
    Saúde e Paz!

  6. Anteontem e ontem sai dos trilhos, respondendo ao Antônio Santos Aquino de forma agressiva um comentário que fizera que não gostei.

    Eu poderia ter sido muito mais polido, mais ameno, mas não fiz esta opção, pelo qual hoje, com a mente mais calma, e aceitando as os porquês da minha contundência, peço-lhe humildemente desculpas!

    Não que eu queira dele me aproximar ou ao contrário, não é isso, apenas explicar que não é do meu feitio esse tipo de ofensas e agressões, salvo quando provocado e, mesmo assim, precisa se de grande monta tais ataques.

    As razões pelas quais agi daquela maneira foi porque recebi, na quinta-feira, no dia que respondi indevidamente ao Antônio Aquino, os diagnósticos sobre as minhas doenças, que se transformaram em um rosário de problemas, e apontam que tenho alguns meses de vida, e com extremos cuidados, se quero tê-los contabilizados!

    Na verdade estou indo embora, quem sabe antes do fim do ano ou logo depois, mas estou me despedindo desta vida, e logo no momento que percebo ter tanto ainda por fazer!

    Então entendi que perder agora estes preciosos momentos que ainda me restam em defesa de uma categoria fiquei revoltado, pois eu poderia estar escrevendo algo mais ameno, melhor, mais útil, que registrando impropérios.

    Meu perdão, Aquino.

    Como vês, quando tanto falei de morte, indiretamente eu abordava a minha, que ao ler os laudos médicos – entendeste, agora? – que relatavam o meu final se aproximando, e por mais que tenham feito para eu continuar por mais uns anos não conseguiram, e me resta agora alguns meses para me reconciliar comigo mesmo, em princípio, com a minha família pelo que deixei de fazer, com meu irmão, parentes, que tenho poucos, amigos, e com aqueles que magoei, intencionalmente ou não.

    Dito isso, quero deixar a Tribuna, ali adiante, sem inimigos. Evidente que haverá quem não gosta de mim, mas não os quero me detestando, assim como não odeio ninguém neste blog incomparável, que passo já a sentir saudades, e tomara que a minha inata rebeldia não me possibilite volta e meia psicografar algum texto, pois eu seria a testemunha que existe vida além dessa, uma espécie de revolucionário espiritual!

    Portanto, eis os fatos, que me deixaram meio furioso por estar deixando esta minha existência mesmo insignificante, mas foi a que eu consegui, e saber que eu poderia ter sido muito melhor como pessoa, marido, pai, avô, e não ter mais tempo para reconstruir ou erigir o que não pude em 66 anos.

    Agora é tarde, e tenho de amargar uma vida que desperdicei parte dela em tolices, como ontem, que ofendi e agredi Antônio Aquino desnecessariamente, pelo qual reitero minhas desculpas.

    Ainda deixarei mais alguns comentários até julgar que devo me retirar em definitivo, e subir a serra do meu estado, RS, e olhar para baixo, imaginando que será lugar para onde devo ser designado, o alto, mas jamais andarei de metrô, pois no subsolo, e também pensar que, lá pelas tantas, será o lugar do meu destino final, embaixo da terra!

    E aproveito para pedir perdão a todos que decepcionei, de uma forma ou de outra, e com sinceridade peço que aceitem as minhas desculpas, pois pretendo pelo menos que uma página que tanto me ajudou que eu chegasse neste estágio aceitando a minha “sorte”, a Tribuna da Internet, um espaço democrático e blog incomparável, eu a deixo satisfeito porque agi sempre com autenticidade, que sempre foi o Chicão que escreveu o que pensava, entendia, compreendia, tinha por convicção, mas isso vocês sabem, apenas dou por bem recomendado.

    Um excelente fim de semana a todos.
    Saúde e Paz!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *