Indulto de Natal concedido por Temer aos corruptos é uma ofensa à cidadania

Resultado de imagem para indulto de Natal charges

Charge do Marcos Borges (Arquivo Google)

Francisco Bendl

O Indulto de Natal que Temer está concedendo para os corruptos e ladrões do povo e país, em que pese a contrariedade dos procuradores do Ministério Público Federal, comprova que o Brasil está sendo administrado por um bando de meliantes muito bem organizado. Além da Justiça “interceder” em favor dos facínoras, libertando-os ou deixando-os detidos em suas mansões ou palacetes, o presidente agira age também para facilitar a vida dos criminosos, diminuindo-lhes a pena e soltando-os das prisões.

Faz tempo que escrevo sobre o país falido ética e moralmente. Em consequência, a população tem absoluta desconfiança das autoridades, gerando intranquilidade, instabilidade social, discriminação explícita contra o cidadão trabalhador e contribuinte, economia estagnada, além de sustentar esse festival de iniquidades produzidas pelo congresso e Planalto, corroboradas pelo Supremo Tribunal Federal.

TUDO ERRADONa razão direta em que se percebe os poderes constituídos como inimigos do povo, devido a seus comportamentos diametralmente opostos à vontade popular que exige probidade, honestidade e seriedade, porém encontra impunidade, imunidade e irresponsabilidade, indiscutivelmente a reação é deixar o país de lado, ignorando que esta decisão é justamente aquela que concede tais libertinagens com o dinheiro público, na forma de salários milionários, indenizações ilegais e imorais, penduricalhos, aposentadorias especiais, sem que haja qualquer providência contra os privilégios, pois não há cobrança pelo cidadão para que a ordem seja preservada mediante a obediência às leis.

Ora, a passividade do brasileiro se explica pela sua incapacidade de alterar a situação atual, a partir do momento que constata não haver uma liderança inata e legítima, além de não existir a indispensável união  pela força popular nem vontade política de consertar a nação.

DEMOCRACIA? – Portanto, os delinquentes construíram um país à parte, que lhes pertence, e podem fazer dele o que bem entender. Como resultado desse domínio, resta ao povo tão somente obedecer e outorgar poderes, pois assim lhe dizem os donos do poder que “a democracia” precisa ser mantida. 

Evidentemente, trata-se de uma democracia que serve para uns e outros, menos para o Brasil, que sangra de eleição em eleição, na esperança que os eleitos cumpram com seus deveres, quando, na verdade, trata-se de mais um grupelho que assaltará os cofres públicos e explorará o cidadão! 

O gesto de Temer é a comprovação tácita e indiscutível do descaso à Constituição, com enaltecimento à corrupção, mostrando que o presidente da República é não só desonesto, mas também faz questão de ser garantidor da impunidade.

2 thoughts on “Indulto de Natal concedido por Temer aos corruptos é uma ofensa à cidadania

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *