Juiz federal alega que estava só “cuidando” do carro de Eike

Arquivo Pessoal

Vexame total: juiz é flagrado dirigindo carro de Eike que foi apreendido

Mariana Durão
Estadão

Flagrado dirigindo o carro Porsche de Eike Batista, apreendido pela Polícia Federal na casa do empresário, o juiz titular da 3ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, Flávio Roberto de Souza, afirma que levou o veículo para a garagem do seu prédio, na Barra da Tijuca, zona Oeste da cidade, por falta de vagas no pátio da Justiça Federal e por causa da lotação do depósito da Polícia Federal.

Na manha desta terça-feira, 24, tanto o Porsche como o Lamborghini de Eike já estavam estacionados no pátio da Justiça, na zona portuário do Rio.

O Lamborghini irá a leilão na próxima quinta-feira, dia 26. Mas não há data ainda para o leilão do Porsche e de um terceiro carro de Eike, o Toyota Hilux SW4.

Segundo o juiz, o objetivo era evitar que o carro fosse danificado ao ficar exposto aos efeitos do sol e da chuva. Apesar de ter chegado para dar expediente dirigindo o Porsche branco hoje, por volta das 10h30, o magistrado negou ter utilizado o veículo em proveito próprio.

“O carro estava em depósito na garagem fechada desde o dia em que foi apreendido até hoje. Ele nunca foi usado e só veio hoje para o pátio da Justiça porque entrará no próximo leilão e ficará exposto para os interessados”, afirmou Souza.

LEVOU TAMBÉM UM TOYOTA…

Além do Porsche, um Toyota também levado da casa de Eike, estava no prédio de residência do juiz. Ele explicou ao Broadcast, no entanto, que enviou um ofício ao Detran pedindo que os carros blindados do empresário ficassem à disposição da 3a Vara enquanto não vão a leilão. Segundo o juiz, não há irregularidade nisso, já que o Detran foi informado.

Souza justificou um eventual uso do carro blindado pelo fato de sofrer ameaças por sua atuação no caso e disse que é comum que a Justiça peça a utilização de um carro apreendido para o próprio juízo ao para a Polícia Federal.

“Já recebi várias mensagens de pessoas do meio jurídico me avisando para tomar cuidado”, disse, sem citar nomes. Neste mês, o juiz pediu autorização à Polícia Federal para comprar uma arma do tipo glock 40. Desde então, vem andando armado e diz que está sendo seguido. Acusado de parcialidade no julgamento do caso pela defesa de Eike, que já pediu o seu afastamento, Souza diz que não teme qualquer medida tomada pelos advogados do empresário. Ele acusa a defesa de Eike de partir para um confronto pessoal diante da falta de argumento jurídico.

“Não tem como me afastarem da magistratura. Só com uma sentença transitada em julgado (última instância). O que vão fazer não importa. Não tenho interesse em condenar ou absolver (o Eike)”, afirmou.

ALTO PREÇO

O Porsche Cayenne Turbo modelo S 2015 deve começar a ser vendido no Brasil a partir de junho. Conforme dados da fabricante, o Cayenne com o propulsor atualizado acelera de 0 a 100 km/h em 4,1 segundos, contra 4,5 segundos do anterior. O valor de tabela do Cayenne Turbo S no País é de R$ 859 mil. Mesmo antes da atualização do conjunto, o modelo é considerado o utilitário mais potente da marca.

19 thoughts on “Juiz federal alega que estava só “cuidando” do carro de Eike

    • Ele só é culpado pelo que foi roubado nos limites da irresponsabilidade, entre 1995 ate dezembro de 2002, metade do PIB brasileiro, coisinha de nada, mas tudo dentro da maior “etica” tucana

  1. Mais uma para ser contada lá na Terrinha além-Mar para diversão e bastantes risos dos meus parentes e patrícios……
    Estamos mais do que vingados, agora é só sobremesa.
    E viva o Brasil….””””.

  2. No leilão, vai depreciar para poder comprar baratinho. Que magistrado, que justiça, que país injusto. Cadê nossas autoridades que nada fazem, quando deveriam fazer, porque o cidadão os investe de autoridade para que não deixe essas coisas acontecer, o povo brasileiro sofre pela falta de liderança comprometida com a moral e a ética públicas. . Sabe porque este juiz faz isso ? Porque a justiça brasileira é conduzida por homens despreparados para exercê-la, e os demais juizes, se omitem diante da falta de decoro, são corporativistas , um asno coça o outro, e no final do mês um big salário recheado de privilégios. Imagina o Eike, ser submetido a uma violência dessa , ver seus bens serem arrestados por ordem de um juiz desse nível ? Isso é justiça ? Realmente o Brasil é um atraso jurídico vergonhoso. Um juiz mentir é uma vergonha ! Enquanto isso sangram a Petrobras em nome de uma moral cada dia mais distante do cidadão. Tomara que o povo não se iluda com a moral do PSDB que quer moralizar o país sangrando a Petrobras enquanto a maladragem impera no judiciário .

  3. OS INGLESES E A SUA ESTRANHA JUSTIÇA

    Em 2003, um deputado inglês chamado Chris Huhne foi pego por um radar dirigindo em alta velocidade. Pra não perder a carteira, pois na Inglaterra é feio uma autoridade infringir a Lei, a mulher dele, Vicky Price, assumiu a culpa.
    O tempo passa, o deputado vira Ministro da Energia, o casamento acaba, a Vicky decide se vingar e conta a história pra imprensa.
    Como é na Inglaterra, o tal do Chris Huhne é obrigado a se demitir primeiro do ministério e depois do Parlamento.
    – ACABOU A HISTORIA?
    – NÃO.
    Na Inglaterra é crime mentir para a Justiça sendo assim, o casal envolvido na fraude do radar foi sentenciado em 8 meses de cadeia pra cada um. E vão ter de pagar multa de 120 mil libras, uns 350 mil reais.
    Segredo de Justiça? Nem pensar, julgamento aberto ao público e à imprensa.
    Segurança nacional? Nem pensar, infrator é infrator.
    Privilégio porque é político? Nadica de nada!
    E o que disse o Primeiro Ministro David Cameron quando soube da condenação do seu ex-ministro: ‘É uma conspiração da mídia conservadora para denegrir a imagem do meu governo.’
    – Certo?
    – Errado.
    O que disse o Primeiro Ministro David Cameron acerca do seu ex-ministro foi o seguinte:
    – ‘É pra todo mundo ficar sabendo que ninguém, por mais alto e poderoso que seja, está fora do braço da Lei.’
    Estes ingleses são um bando de botocudos.
    Só mesmo nesses paisinhos capitalistas europeus um ministro perde o cargo por mentir para um guarda de trânsito.
    Porque aqui sim, neste maravilhoso paraíso chamado Brasil, a primeira lei que um guarda de trânsito aprende é “saber com quem está falando”.

  4. Quem vai punir o Juiz aproveitador ?

    RUI: “JUSTIÇA TARDIA NÃO É
    JUSTIÇA”. LEIAM ESTE TEXTO DELE
    “De Anás a Herodes o julgamento de Cristo é o espelho de todas as deserções da justiça, corrompida pela facções, pelos demagogos e pelos governos. A sua fraqueza, a sua inconsciência, a sua perversão moral crucificaram o Salvador, e continuam a crucificá-lo, ainda hoje, nos impérios e nas repúblicas, de cada vez que um tribunal sofisma, tergiversa, recua, abdica. Foi como agitador do povo e subversor das instituições que se imolou Jesus. E, de cada vez que há precisão de sacrificar um amigo do direito, um advogado da verdade, um protetor dos indefesos, um apóstolo de idéias generosas, um confessor da lei, um educador do povo, é esse, a ordem pública, o pretexto, que renasce, para exculpar as transações dos juízes tíbios com os interesses do poder. Todos esses acreditam, como Pôncio, salvar-se, lavando as mãos do sangue, que vão derramar, do atentado, que vão cometer. Medo, venalidade, paixão partidária, respeito pessoal, subserviência, espírito conservador, interpretação restritiva, razão de estado, interesse supremo, como quer te chames, prevaricação judiciária, não escaparás ao ferrete de Pilatos! O bom ladrão salvou-se. Mas não há salvação para o juiz covarde” – Rui Barbosa, em “A Imprensa, 31 de março de 1899.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *