Juízes do Trabalho também querem participar da greve pelo auxílio-moradia

O luxo dos palácios dos tribunais já diz tudo…

Daniela Lima
Folha

Os juízes federais devem ter a companhia dos magistrados da Justiça do Trabalho na paralisação do dia 15. Com o apoio do conselho de representantes, a Anamatra (Associação Nacional dos Magistrados Trabalhistas) vai consultar seus associados sobre a adesão ao ato. O presidente da entidade, Guilherme Feliciano, diz que a suspensão das atividades não é movida só pela defesa do auxílio-moradia. “Há a desvalorização dos subsídios, a inexistência de um modelo remuneratório único e os projetos que ameaçam a independência do juiz”, diz.

A Associação Nacional dos Procuradores da República vai dar corpo à rebelião com atos pelo país. As entidades devem preparar um texto conjunto em nome do que chamam de prerrogativas da magistratura e do Ministério Público.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG O movimento dos juízes para manter o auxílio-moradia e outros penduricalhos vai acabar caindo no ridículo. Na tentativa de defender o indefensável, eles estão alinhando outros argumentos que nada têm a ver, como “os projetos que ameaçam a independência do juiz”. Ou seja, tentam misturar abacaxi com abacate, pateticamente, como se fosse frutos do mesmo cacho. Antigamente os juízes tinham mais dignidade e recato, mas essas qualidades parecem estar fora de moda. (C.N.)

12 thoughts on “Juízes do Trabalho também querem participar da greve pelo auxílio-moradia

  1. São frutas diversas, mas, dá uma boa salada de frutas; saborosa e saudável.
    O que se vê em todas as esferas do público x privado, é que estão nos estorquindo de tudo que é jeito possível e imaginável.
    Aqui em PE, o Detran está usando multas de 2010 e antes, para suspender a CNH tenho dúvidas se é para disciplinar os motoristas ou arrecadar mais $ com o processo de requalificação.
    O IPTU; uma lástima, mas, os buracos nas ruas isto continua maravilhosamente em crescimento de número, profundidade e durabilidade do conserto pois na primeira chuva, reaparecem todos eles como se fossem fantasmas a nos assombrar.
    Se você monta uma firma com escritório na tua casa, pagas o IPTU do imóvel residencial e o IPTU do escritório.

  2. Especialmente a classe dos Magistrados, têm que entender de uma vez por todas, que agindo desta forma estão na contra-mão da própria Lei Maior do país. “Art. 5º – … todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza”, portanto …

  3. Na republiqueta dos bananas, vulgo Brasil, pelegos de toga fazem greve para manter os penduricalhos com os quais eles burlam o teto remuneratório constitucional, penduricalhos esses que são bancados pleo povinho otário que não reclama…kkkkkkkkk

  4. Juízes do trabalho deveriam se preocupar com processos que se arrastam ha décadas, todos querem benefícios, mas tem alguns que já decidiram que não querem tais benefícios, é uma excrecência um juiz que mora e tem casa própria aceitar este benefício, vergonha deste poder corporativista.

  5. E vem aí o trem da alegria!
    Todo mundo vai incorporar os penduricalhos e… VIVA O BRASIL!!!!
    Kkkkk
    PQP!
    Me cobrem se isso não acontecer.
    Quem viver verá!
    Atenciosamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *