Ministro Mandetta diz quem descumpre isolamento é que depois vai se lamentar

Mandetta disse que orientação “vale para todos os brasileiros”

Deu no Correio Braziliense

Após o presidente da República, Jair Bolsonaro, ir ao encontro de apoiadores durante visita ao hospital de campanha em Águas Lindas (GO), na manhã deste sábado, dia 11, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que acompanhou a vistoria, disse que a orientação de distanciamento social vale para todos os brasileiros.

O ministro afirmou ainda que as pessoas que descumprem o isolamento serão as mesmas que se lamentarão pelo coronavírus.
“Eu posso recomendar (a não aglomeração), não posso viver a vida das pessoas. As pessoas que fazem uma atitude dessa, hoje, daqui a pouco serão as mesmas que estão lamentando”, disse Mandetta.

“VALE PARA TODOS” – Questionado sobre o fato de Bolsonaro ter ido ao encontro das pessoas e se a recomendação vale para ele também, o ministro da Saúde se limitou a responder: “Vale para todos os brasileiros.”

Após visitar a construção do hospital de campanha, Bolsonaro foi ao encontro de apoiadores que gritavam por ele. O presidente cumprimentou eleitores e tirou fotos. No início, ele estava usando máscara, mas, ao final, tirou a proteção e ficou com ela na mão esquerda.

Os ministros Luiz Eduardo Ramos, da Secretaria de Governo, e da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, acompanharam Bolsonaro, mas permaneceram de máscaras. Ao ser indagado por que não acompanhou o presidente, Mandetta disse que segue as orientações de distanciamento social. “Eu procuro seguir uma lógica de não aglomeração”, afirmou.

22 thoughts on “Ministro Mandetta diz quem descumpre isolamento é que depois vai se lamentar

  1. Enquanto isso, a OMS anuncia que a frente de contágio está agora “dentro das famílias”. Pessoas devem se isolar fora de casa e dentro de casa.

    “Nesse momento, na maior parte do mundo, estão ocorrendo transmissões dentro de casa, no nível familiar. De certo modo, a transmissão vem das ruas e é levada para dentro da unidade familiar”, apontou o diretor executivo, complementando que, mais que colocar em quarentena, o sistema de saúde precisa “detectar rapidamente os doentes dentre os contatos [dos infectados].”

    https://g1.globo.com/bemestar/coronavirus/noticia/2020/03/30/oms-reforca-necessidade-de-isolamento-social-e-testes-para-conter-velocidade-das-transmissoes-de-coronavirus.ghtml

  2. Isolar 30% da população que vivem em barracos apertados, abafados, sem saneamento básico, onde o vírus encontra melhores condições para contaminar as pessoas é coisa de maluco como esse ministro quer, com sua retórica falsa, tentando convencer aqueles que enxergam um mínimo de nossa realidade.

    O pior é que essa gente que sempre ocupou as ruas para buscar o pão de cada dia não pode mais fazê-lo, segundo o ministro da saúde, e com isso a saúde dela fica ainda mais debilitada e propícia a se contaminarem mais facilmente.

    É muito melhor para essa gente ficar ao ar livre, mantendo os devidos cuidados e com isso tentar buscar o alimento de cada dia.

    O ministro da saúde deveria instruir os prefeitos e governadores a colocar agentes de saúde, para desinfecção dos locais e instruir as pessoas com os procedimentos para evitar os problemas da contaminação.

    • MARIO VOCE NÃO ESTA VENDO O QUE ESTA ACONTECENDO NA ITALIA,ESPANHA,INGLATERRA E E U A,ESQUEÇA UM POUCO BOLSORARO E A ESQUERDA E PENSE SÓ ISSO PENSE ANALISE A REALIDADE

  3. Estou aqui em casa sempre pensando sobre essa questão da pandemia de COVID-19 que deixou a HUMANIDADE de joelhos.
    A República Popular da China (PCC-Partido Comunista Chinês) ganhou a terceira guerra mundial sem disparar um míssil sequer.
    É claro para mim que devem existir as leis e, sobretudo devem elas serem respeitadas por todos nós até porque sou operador do Direito ou, pois ao revés, a vida em sociedade seria um caos.
    Considerando que o Direito é regido pela lógica do razoável, uma autoridade, detentora do poder de proibir, possuidor da força, tem que ter sensibilidade aos resultados práticos, às consequências de suas decisões.
    Dito isso, aonde reside a lógica do razoável em proibir um caminhoneiro de ter a disposição um restaurante de beira de estrada para se alimentar, de ter uma loja ou quem sabe uma borracharia de beira de estrada para manutenção de seu caminhão, se o pneu furar?
    Devemos ter em mente que esses caminhoneiros estão transportando os nossos alimentos, os nossos combustíveis… É uma medida justa, inteligente? Estreme de dúvida que não é.
    Proibir um veículo de entrar em uma cidade, sem saber os motivos dessa necessidade é uma medida justa, inteligente? E se neste veículo está o filho que vem em socorro de seus pais idosos?
    Fique em casa, fique em casa, repetido histericamente por muitos, incentivados por governadores e prefeitos medíocres, prepotentes, arrogantes, gerando pânico, horror, histeria, pandemônio, sem saber das necessidades do cidadão.
    Ora, penso, salvo melhor juízo, medidas totalmente absurdas foram tomadas com apoio na Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, que dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus responsável pelo surto de 2019, induvidosamente que existe para ser cumprida, mas foram tomadas medidas por governadores e prefeitos de forma açodada, insensível, sem qualquer planejamento, sem base científica que as justificassem, apenas porque outros o fizeram.
    Em tais condições, espalharam o caos, o pânico, o pavor, o terror, a histeria para os cidadãos, para depois tentarem corrigir seus erros, como muitos estão fazendo.
    E agora, e os inúmeros prejuízos que advirão dessas medidas inconsequentes, irresponsáveis?
    João Dória Junior, Wilson Witzel, Marcelo Crivella, Bruno Covas, Antonio Carlos Magalhães Neto, entre outros deveriam morar por apenas dois dias em uma favela, em um barraco com dois ou três cômodos de diminutas dimensões, com duas ou três crianças, junto com o pai, a mãe e às vezes até a avó e o avô, cujas crianças antes ficavam o dia todo na escola e onde tomavam o café da manhã e almoçavam, e apenas um detalhe, tanto o pai quanto a mãe podiam ir trabalhar. Eu disse podiam.
    A Lei não pode ser editada para gerar na mente ou no espírito do cidadão o seguinte dilema “eu preciso decidir entre respeitá-la ou morrer de fome”.
    Onde estarão João Dória Junior, Wilson Witzel, Marcelo Crivella, Bruno Covas, Antonio Carlos Magalhães Neto, entre outros quando pessoas morrerem de fome, morrerem nos corredores dos hospitais públicos por falta de leitos, de UTI´s, sobretudo por falta de saneamento básico, pois a inexistência de saneamento básico é tão letal quanto o coronavírus.
    Preso como estou sem cometer qualquer crime tipificado no Código Penal brasileiro, cada vez mais tenho imbuído na minha mente e no meu espírito que, se as leis que garantem os direitos da população brasileira fossem respeitadas por esses mesmos governadores e prefeitos que agora invocam a Lei nº 13.979 de 6/2/2020, certamente milhares, dezenas de milhares de mortes, muito mais do que a do COVID-19 poderiam ser evitadas.
    E o pior de TUDO, o que o povo brasileiro pode esperar de um poder judiciário como o nosso, com o presidente de uma suprema corte reprovado duas vezes em concurso público para a magistratura do Estado de São Paulo e juízes indicados por presidentes e aprovados por políticos medíocres e processados judicialmente?
    E concluo que o remédio tem que ser administrado com critério, pois se a dose for excessiva, pode matar o doente, ou seja, o remédio, às vezes, pode ser mais letal que a doença.

  4. Bolsonaro com sua irresponsabilidade está criando um inferno para si que não pode imaginar.
    Para o povo brasileiro vai ficar marcado no consciente e subconsciente coletivo, as características de governos com ideólogos de extrema esquerda ou de extrema direita e o mal que eles fazem.
    Penso que depois do CONAVID-19, nunca mais pt, psol, e etc; assim como extrema direita assumirão governos no Brasil.

    • Assim seja, Pereira Filho, assim seja!

      Nesses últimos trinta anos tomamos um porre de políticas descabidas, corruptas, ladras, incompetentes … que precisamos pensar em mudar essa ronha de esquerda e direita que sejam radicais.

      Ambas nos afundaram, nos empobreceram, nos colocaram como um país muito mal visto no exterior, por conta do modo como temos sido governados, à base de propinas e conflitos.

      Quem sabe o vírus não nos ensine – para quem sobreviver, claro – que não existem salvadores da pátria?!
      Que não existem governos sérios e competentes?
      Que não existem quem possa levar adiante esse país através de divisões e separações entre o país e povo?
      Que não temos instituições que pensem no bem comum?

      Feliz Páscoa, Pereira, junto aos teus amados.

      Te cuida!

    • Para sermos governados por quem? Por aqueles que estiveram no poder antes de 2003? Alguém em sã consciência acha que o país estava maravilhoso antes da posse de Lula? Mesmo aqui na TI só havia um troll que elogiava vez por outra FHC, e, graças a Deus, anda sumido.
      Doria, Maia, etc., são apenas representantes da velha “zelite” que espoliou o povo brasileiro por décadas.
      Lula, com todos seus erros, ao menos fez alguma coisa pelas classes mais pobres. Bolsonaro, é preciso reconhecer, deu voz à indignação de uma parcela da população que era solenemente ignorada e desprezada pela nossa “zelite” como “pessoas deploráveis”, para o usar o jargão popularizado por Hillary Clinton. Suas falhas como governante pertencem a outro departamento.
      Não tenho intenção nenhuma de votar em Doria, Maia, ou qualquer outro representante do andar de cima. O PT é mil vezes preferível a eles.

  5. “O medicamento que protegia até os fetos, agora é “VILÃO” por conveniência de uma mídia podre aliada a interesses espúrios.
    É no mínimo “curiosa” essa campanha de agora contra a Cloroquina (CQ) e Hidroxicloroquina (HCQ), pois em 2016 ela foi muito recomendada para tratar a Zika inclusive em grávidas, mesmo sem qualquer estudo comprobatório a respeito.
    A recomendação se deu pelo fato de serem sabidos os efeitos positivos da CQ e HCQ como antiviral.
    Muito menos na época os raros possíveis efeitos colaterais foram comentados. (inclusive a Globo fez campanha a favor na época)
    Resumidamente, a CQ e HCQ agem dificultando a ação do vírus e permitindo que o corpo reaja criando imunidade, e com isso também evita que o crescimento da carga viral provoque reações tais como a ‘tempestade pró-inflamatória de citocinas’, e outros danos graves que podem levar a óbito ou a sequelas. Esses efeito da CQ e HCQ são amplamente conhecidos.
    Desta forma a CQ e HCQ vem sendo usadas largamente há décadas para vários tipos de tratamento, inclusive de doenças viróticas tais como Zika e SARS.
    Vale lembrar que não se tratam de medicamentos novos, sendo a CQ largamente utilizada desde 1934 e a HCQ é largamente utilizada desde 1946.
    Isso sem considerar que o Quinino, substância similar obtida da árvore Cinchona é conhecido e utilizado do ocidente desde o século XVI.
    No momento nos deparamos com a seguinte situação:
    Até umas semanas atrás…
    A cloroquina foi descoberta em 1934 pelo investigador da Bayer, Hans Andersag e faz parte da Lista de Medicamentos Essenciais da Organização Mundial de Saúde, uma lista dos medicamentos mais eficazes, seguros e fundamentais num sistema de saúde.
    Agora…
    A cloroquina é veneno terrível, não use!
    Pobre do pessoal que usou e usa há décadas e décadas… Antes, não tiveram efeito ruim, mas agora pelo visto vão ter de ter!
    Aliás, além dos pacientes de malária, como farão os que sofrem de amebíase extraintestinal, artrite reumatoide e lúpus eritematoso?…
    Vale notar que no caso de artrite reumatoide e lúpus eritematoso o tratamento com cloroquina é contínuo e não só por 5 dias como no caso da Covid-19.”

    http://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2016/05/medicamento-ja-usado-contra-malaria-pode-proteger-fetos-contra-zika.html

    CONTRA FATOS NÃO HÁ ARGUMENTOS.

  6. Moçada, o que falta ao presidente é coragem pra demitir o Mandetta. Não tem coragem? Não, não pode, pois o interventor não permite. O interventor permite ao meninão dar seus rolezinhos. Mas em janeiro a coisa muda. Aí o Mourão assume e acaba a brincadeirinha. Se estivermos vivos até lá, veremos. Que venha janeiro!

  7. COISA SIMPLES A CLOROQUINA EXISTE PARA TRATAMENTO DE 3 DOENÇAS QUE NÃO INCLUI A COVID 19 PARA TAL TESTES TEM QUE SER FEITOS ,QUANDO TEMPO DE PESQUISA QUAL QUER MEDICAÇÃO TEM QUE TER.A SUÉCIA SUSPENDEU O USOEM VIRTUDE DOS EFEITOS COLATERAS.PARA TUDO SE FAZ TESTE,QUANTOS TESTES SANTOS DUMONT TEVE QUE FAZER PARA TERMOS O AVIÃO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *