Marina sinaliza apoio a Aécio no 2º turno e fala em ‘mudança qualificada’

Marina Dias, Ranier Bragon e Fabiano Maisonnave
Folha

Fora do segundo turno e apesar de não citar nomes, Marina Silva sinalizou na noite deste domingo (5) que pode apoiar um dos candidatos à Presidência, diferentemente da posição que tomou em 2010, quando se declarou neutra.

Em um espaço de eventos em São Paulo, ela afirmou que o programa de governo que lançou é a base de qualquer diálogo e indicou na direção de Aécio Neves (PSDB), da oposição, ao afirmar que “o Brasil sinalizou claramente que não concorda com o que aí está” e que reivindica uma “mudança qualificada”.

“É com esse senso de responsabilidade que participarei como liderança. (…) Nós vamos fazer a discussão, mas obviamente que estatisticamente a população mostra isso [sentimento de mudança], não dá para tergiversar com o sentimento do eleitor”, afirmou, respondendo ao questionamento se descartava o apoio a Dilma Rousseff (PT).

POLÊMICA
Aliados de Marina começaram a prospectar sua posição no segundo turno já na tarde do domingo. Alguns afirmam que a ex-senadora deve seguir a posição de 2010, quando não apoiou nenhum dos dois finalistas.

No entanto, há no partido quem defenda que ela declare voto. Nesse caso, as maiores apostas são para a aliança com o tucano Aécio Neves.

Apesar de terem detectado a curva de crescimento do tucano, o resultado final deixou muitos marineiros perplexos com o desempenho da candidata, que lembra o do presidenciável Ciro Gomes (PPS) em 2002 ou o do candidato a prefeito de São Paulo Celso Russomanno (PRB) em 2012 – chegaram a alcançar o topo das pesquisas mas desidrataram no final, ficando fora do segundo turno.

Em números e percentual, a pessebista teve um resultado muito próximo ao de 2010, quando foi candidata ao Planalto pelo PV.

5 thoughts on “Marina sinaliza apoio a Aécio no 2º turno e fala em ‘mudança qualificada’

  1. Marina é uma religiosa política latino-americana da esquerdinha com dinheiro no bolso, que sempre lembra que não tinha dinheiro como manda a bíblia dessa religião vermelha. Com isso hoje tem muito dinheiro.
    Será que Marina vai largar essa galinha dos ovos de ouro, com uma posição privilegiada, pois ainda por cima encarna a santinha madre teresa , que propicia o sucesso na política que tem , em troca do bom senso ao apoiar Aécio?
    Só acredito vendo.

  2. Se Marina Silva não apoiar ninguém, como fez em 2010, estará indiretamente apoiando a Dilma. Político não pode se omitir, tem que tomar partido
    a favor desse ou daquele candidato, caso contrário, demonstra a falta de interesse pelos runos do país e um grande egoismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *