Melhora clínica leva auxiliares a cogitar antecipação da cirurgia de Bolsonaro

Resultado de imagem para BOLSONARO DA ENTREVISTA

Bolsonaro pode ser operado no início de novembro

Gerson Camarotti
G1 Brasília

Diante da evolução do quadro clínico, interlocutores mais próximos de Jair Bolsonaro já trabalham com novo calendário para a cirurgia de retirada em definitivo da bolsa de colostomia que o candidato do PSL vem usando. A bolsa, que fica presa externamente ao corpo, foi colocada depois da cirurgia à qual o presidenciável foi submetido em razão da facada que recebeu em um atentado durante um ato de campanha no último dia 6 de setembro em Juiz de Fora.

A expectativa é que ele já possa fazer o procedimento de retirada da bolsa no final de novembro. A projeção inicial é que ele teria de se submeter a essa cirurgia no final de dezembro ou até mesmo depois da posse, caso eleito, o que o obrigaria a se licenciar logo no início do mandato.

CERIMÔNIA DE POSSE – Se fizesse essa cirurgia no final de dezembro, Bolsonaro teria dificuldades para participar da cerimônia de posse, na hipótese de vir a ser o vitorioso na disputa em segundo turno contra Fernando Haddad (PT), no próximo dia 28.

O novo cronograma, com a antecipação da cirurgia para novembro, é visto como ideal pelos interlocutores mais próximos porque daria a Bolsonaro tempo de recuperação suficiente antes de receber a faixa presidencial.

De qualquer maneira, a palavra final será da equipe médica que cuida de Bolsonaro.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGA notícia é altamente tranquilizadora e reduz as possibilidades de a gente comprar gato por lebre, ao eleger Bolsonaro e ter de aturar o trator Hamilton Mourão como presidente. Bolsonaro, com 28 anos na estrada, já pegou um verniz de político, embora se saiba que continua defensor de torturar e matar. Mas em regime democrático isso non ecziste, como diria o Padre Quevedo. Então, vamos em frente. (C.N.)

9 thoughts on “Melhora clínica leva auxiliares a cogitar antecipação da cirurgia de Bolsonaro

  1. “A notícia é altamente tranquilizadora e reduz as possibilidades de a gente comprar gato por lebre, ao eleger Bolsonaro e ter de aturar o trator Hamilton Mourão como presidente. Bolsonaro, com 28 anos na estrada, já pegou um verniz de político, embora se saiba que continua defensor de torturar e matar. Mas em regime democrático isso non ecziste, como diria o Padre Quevedo. Então, vamos em frente. (C.N.)”. Vc pode ir nessa, e em qualquer outra “roubada” como se dizia antigamente, face à sua idade avançada, mas pense nos seus descendentes, nas crianças e nas mulheres de Atenas. Um regime é democrático até que caia nas mãos de um ditador, a exemplo da Venezuela, e daí deixa de sê-lo. E dai até o STF não tem a quem pedir Habeas Corpus senão ao dito-cujo. Bastam as loucuras de 64 que eram apenas por uns 6 meses e perduraram por 21 anos, as quais só caíram de podres, e pelas quais ainda estamos pagando pesadas indenizações. O Haddad, caso pise na bola, é fácil tocar o pé na bunda dele para fora do poder, como vocês já fizeram com a Dilma, mas dar trombadas e caneladas em tanques de guerra nas ruas é mais complicado. Ademais não temos um Boris Ieltsin para tirar soldados desnorteados de dentro de tanques puxados pelos cabelos. Bolsonaro, por tudo que já sabemos dele e o que ainda está pra ser levantado lá no Vale do Ribeira, que a PF ainda não se dignou investigar não obstante a denúncia da Revista Época, não parece uma pessoa indicada para assumir a presidência da república, não neste momento histórico, o seu tempo já passou, terminou em 1988, e não podemos fazer cocô na Obra do Gigante Ulysses, temos que seguir lutando para enterrar os ossos do dinossauro.

  2. Verdade!
    Todos nós que amamos o Brasil!
    Verdade seja dita!
    CN tem sido coerente.
    E mostra amar o Brasil.
    Respeitamos as convicções ideológicas de cada um cidadão.
    Mas daí a defender um projeto de rapina do país.
    Isso nenhum brasileiro concorda.
    Somente aqueles que seguem a cartilha petista do Ladrão de 9dedos condenado e presidiário.
    Parabens CN pelas suas lucidas Notas.
    E cidadania ê assim mesmo..
    Eterna vigilância defendendo o país contra os rapinaceos internos e externos.
    Brasil!!!!

  3. Depois que o Bolsonaro tirar a bolsa, passadas algumas semanas, aí então, como muita razão, sem pressa nem confusão, o então presidente pode convidar o Haddad fanfarrão para um confronto! Pronto, resolvida a questão.
    Mas vai ter que ser um confronto de honestidade, com provas de que o adversário nunca roubou, nem jammais compactuou com o quatro dedos safadão.
    Pode aceitar, Haddad, não vai haver nem chute nem palavrão, mas tem que trazer a folha corrida pronta para provar que é um bom cidadão.

  4. Newton

    Não concordo que Bolsonaro seja a favor de tortura e matar. O que ele diz, é que tem de haver o máximo de rigor com a bandidagem. Alguns exemplos

    1) – Nunca mais brasileiro nenhum levou dogas para a Indonésia, depois dos 2 fuzilamento

    2) – Depois que um americano de 14 anos, levou 3 chibatadas na bunda em praça publica , nao houve mais pichação em singapura.

    3) – Os assaltos a banca de jogo do bicho é
    coisa rara. Quando acontece…

    4) – Morei 15 anos , próximo da Imperatriz Leopoldinense. Nunca vi confusão de vulto la dentro, ou nas imediações.

    5) – Assaltaram a casa de um famoso “zootécnico” em Piratininga/Niteroi. Os dois assaltantes desapareceram. . O caso só deu noticia porque um deles, era filho de Luiz Jatobá famoso radialista à epoca.

    Pelo que se vê, Bolsonaro, prega a punição com o máximo de severidade. Resumindo: quem tem c… tem medo.

    Um abraço fraternal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *