Mendes tornou politicamente impossível a investidura de Lula

Charge do Jota A., reprodução do Portal O Dia

Pedro do Coutto

Ao acolher a representação do PPS contra a nomeação de Lula para a chefia da Casa Civil, o ministro Gilmar Mendes tornou politicamente impossível a investidura do ex-presidente da República no Ministério da presidente Dilma Rousseff. Além disso, devolveu o processo contra Lula ao juiz Sérgio Moro. Claro que a decisão liminar de Gilmar Mendes terá que ser confirmada pelo plenário do Supremo, razão pela qual estou afirmando que o despacho da noite de sexta-feira, publicado nos jornais de sábado, não decide em definitivo a questão sob o prisma jurídico. Isso é verdade. Mas verdade também é a impressão de que a Corte Suprema manterá a liminar.

Entretanto, mesmo que caso tal fato não venha a ocorrer e o plenário decida a seu favor, Lula perde as condições de exercer o posto, especialmente em se tratando de atuar como co-presidente da República. Afinal de contas, ninguém pode sentir-se bem num ministério, quando a investidura é contestada dessa forma e passa a depender de decisão judicial em última instância. Assim, não existe a menor possibilidade de êxito no lance de dados feito pela presidente Dilma Rousseff. Isso porque os atos que se sucederam em sequência destacaram a montagem de uma farsa, exponenciada pelos diálogos gravados do presidente Lula.

CAUSARAM ESPANTO

Estas gravações constrangeram o país e causaram espanto à população brasileira. Não é possível compatibilizar os textos transcritos com os princípios de dignidade e de utilização da linguagem para expressar emoções e sentimentos. Ao lado disso tudo, destaca-se também a entrevista do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, no sentido de defender a legalidade das gravações telefônicas. Considerou-as legítimas, com base na tese do domínio do fato. Dessa forma, as intercepções evitaram que sucedessem um mal maior, em decorrência do desconhecimento público das confissões feitas na prática pelo ex-presidente Lula.

ESTRATÉGIA ERRADA

E o que disse Lula? Simplesmente, pediu que o governo procurasse atuar junto a ministra Rosa Weber para que ela atendesse a seu pedido e suspendesse as investigações contra ele. Isso num tempo. Em outro, dirige-se ao ministro da Fazenda pedindo que agisse junto à Receita Federal para frear as investigações financeiras em torno dos recursos recebidos pelo Instituto que leva seu nome. Num terceiro degrau, afirmou simplesmente que o Supremo Tribunal Federal estava acovardado.

Não vale nem a pena incluir nas considerações o baixo nível de outros trechos abordados por Lula esforço de desqualificar os fatos e as pessoas. O conteúdo projetado nas fases a que me referi é suficiente para condenar eticamente seu autor.

Verifica-se, no final da ópera, o erro cometido por Dilma Rousseff em tentar nomeá-lo. Tal iniciativa impensada agravou a tempestade. As ondas do impeachment voltaram a crescer e, com isso estão inundando o Palácio do Planalto.

8 thoughts on “Mendes tornou politicamente impossível a investidura de Lula

  1. …bem, tem-se 3 ministros não nomeados/indicados por lula/dilma: Celso de Mello, Marco Aurélio e Gilmar Mendes; se Toffoli prosseguir, cfe.:
    TOFFOLI, EX-PETISTA, ELIMINA SIGILO EM AÇÕES PARA CASSAR DILMA
    Posted on março 18, 2016 by Tribuna da Internet 8 comments = 4;
    Rosa Weber foi…por lula=5; precisamos de + 1

  2. Diz um ditado que, “QUANDO O PAU É DEMAIS, ATÉ MUDO FALA”. Quando a pressão é demais, até ministro do STF, revisa seus conceitos.
    Quando a maioria do povo brasileiro se posiciona contrario ao governo e seus desmandos, é natural que estes ministros esqueçam quem os nomeou e passem a pensar em que paga seus salários, o contribuinte.
    Nomear ministros, é obrigação dos governantes e procuram fazer com aqueles mais próximo a eles, porém
    depois de nomeado, o ministro só deve ter compromisso é com a lei e principalmente com a justiça.
    Alegar que o nomeado deva obrigação ao nomeador, é uma cretinice, que só pode viver na mente de degenerados, ignorantes ou mal intencionados.
    Parece que agora o STF caiu na real e vai dar respostas contundentes aos farsantes. O cargo de ministro é vitalício, não depende mais de políticos, portanto senhores, mãos a obra.

  3. LULADRÃO, o santo alma pura, o incendiário (palavras dele publicada na Mídia), só por este “conceito”, deveria estar sendo processado e preso, (onde estão as autoridades, por essa incitação à “DESORDEM”, que ser “lider” de derramamento de sangue, pois, as INSTITUIÇÕES, para ele são “pinicos”, pode cagar, (pois ele e Dª Dilma indicaram à maioria de Ministros do STF), que lhe DEVEM GRATIDÃO, O Dr.. JANOT, IDEM, ESTE RESPONDEU À ALTURA: SOU CONCURSADO, 32 ANOS DE CARREIRA, NÃO DEVO NADA A NÃO SER A MINHA FAMÍLIA, FUI INDICADO COM O NOME EM PRIMEIRO LUGAR NA LISTA, ESQUECEU DE DIZER, “SABATINADO NO CONGRESSO PARA EXERCER O CARGO, MAS…LULA O SANTO ALMA PURA, SE CONSIDERA o “SENHOR”.
    OREMOS À DEUS, PEDINDO PROTEÇÃO AO JUIZ MORO E SUA EQUIPE, PARA QUE O “INCENDIÁRIO” NÃO PONHA FOGO NO PAÍS, CONFORME, TEM DECLARADO, SER O ÚNICO CAPAZ DESSE ABSURDO, DEMONSTRANDO QUE O PT, PC DO B, PMDB, PDT, E NANICOS, FORMARAM A MAIOR QUADRILHA A SAQUEAR O COFRE PÚBLICO, FORMARAM UMA LIDERANÇA TRAIDORA DO BRASIL.
    O ATUAL MINISTRO DA JUSTIÇA, DEVE AGRADECER LULA E DILMA, POR SUA NOMEAÇÃO, MAS…CABE URGENTEMENTE O STF, DEFENESTRÁ-LO, POR INFRINGIR A “A CONSTITUIÇÃO DE 1988”, CONFORME APLICOU NO PROCURADOR BAIANO, E NÃO ESQUECENDO O CURRÍCULO DO ATUAL, SERVIDOR DO PT PESADELO.
    PS. É FIRULA DE SAFADOS, DIZER QUE FUNCIONÁRIO, NÃO ESTÁ SUJEITO À C0NST.FEDERAL DE 1988, “A LEI, QUE NÃO MAIS SERVE AO CIDADÃO É REVOGADA POR NOVA LEI DE APRIMORAMENTO DA RELAÇÃO DE CIDADANIA/ESTADO/GOVERNO, É O “CASO DA CF DE 1988”.
    CIVISMO.
    POR UM BRASIL DECENTE E JUSTO, LEMBRO AOS CORRUPTOS: “A CADA UM SEGUNDO SUAS OBRAS” E”PAGARÁ ATÉ O ÚLTIMO CEITIL” JESUS CRISTO, A 2 MIL ANOS, NOS LEGOU ESSAS LEIS CÓSMICAS DE “DEUS-PAI”, QUE ACONTECERÁ ALÉM TÚMULO, POIS A VIDA CONTINUA, PARA O ACERTO DE CONTAS DA CONSCIÊNCIA- TRIBUNAL DIVINO.
    “DEUS” MAIS UMA VÊS ROGAMOS PELA PÁTRIA QUE NOS EMPRESTOU, PARA O PROGRESSO DE NOSSAS ALMAS.

  4. PDT – PARTIDO OU FILIAL DE HOSPÍCIO ???

    Tumulto :
    ………………………………………………..
    Estudante denuncia agressão por parte de Carlos Lupi
    O fato ocorreu após o fim do evento em Cabo Frio
    Publicado: 20 de março de 2016 às 11:53 – Atualizado às 12:23
    Durante a noite desta sexta-feira (18) em Cabo Frio, após uma palestra realizada por Ciro Gomes (PDT) houve tumulto na saída de Ciro e do ex-ministro do Trabalho Carlos Lupi com manifestantes do SEPE. A coletiva de imprensa foi cancelada, devido ao incidente.
    Gritando palavras de ordens e um com carro de som eles faziam acusações ao deputado estadual Janio Mendes (PDT), por omissão e conveniência com o governo.
    Uma estudante levou um empurrão de Lupi, enquanto gritava “eu passo fome, durmo no chão, mas não me junto com essa cora de ladrão”. Lupi puxou a jovem, que liderava o protesto, e a empurrou, a estudante acusa o ex-ministro de ter dado um tapa em sua cara, ele nega.
    Veja o vídeo

    https://www.youtube.com/watch?v=a2VA3zp70ls&feature=player_embedded

  5. Pedro, quando afirmas no teu artigo,…Afinal de contas, ninguém pode sentir-se bem num ministério, quando a investidura é contestada dessa forma e passa a depender de decisão judicial em última instância…., partes do princípio de alguém que tenha algum estofo moral.
    O governo atual é uma clepto-burocracia treinada em sindicatos onde sempre agiram segundo seus interesses comezinhos e nunca prestaram conta dos recursos recebidos de fundos constitucionais.
    Não é agora, depois de velhos e sínicos, com a boca já torna de tanto fumar do mesmo cachimbo, que vão pautar seus atos com algum prurido ético.
    Os vazamentos havidos durante a semana demonstram a assertiva!
    SDS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *