Mensalão assusta os corruptos. Por isso, Sergio Cabral e seu principal cúmplice Sergio Côrtes já decidiram abandonar a política.

Carlos Newton

Assim como não aconteceu nada com Paulo Maluf, Jader Barbalho, Romero Jucá, Renan Calheiros e tantos outros políticos comprovadamente corruptos, provavelmente nada atingirá o governador Sergio Cabral e a seu grande amigo, vizinho e principal cúmplice, o secretário de Saúde Sergio Côrtes.

Nos bons tempos da impunidade…

Nessa relação de corruptos, é claro, poderíamos incluir também muitos outros políticos da atualidade, como o governador Agnelo Queiroz, do Distrito Federal, e diversos ex-ministros de Lula e Dilma, como o todo-poderoso Antonio Palocci, hoje no ostracismo, e um que continua na ativa, Fernando Pimentel, ambos incursos no mesmo crime de tráfico de influência, através de prósperas “consultorias”.

Palocci, lembrem-se, já tinha folha corrida de corrupção desde quando foi prefeito de Ribeirão Preto, envolvido com uma empresa chamada Leão & Leão, entre outras. Já o governador Sergio Cabral se iniciou nesse ramo quando foi candidato a prefeito pela primeira vez e tomou conhecimento do que significa a expressão “sobras de campanha”. Depois, fez pós-graduação na presidência da Assembléia Legislativa, em parceria com o também enriquecido Jorge Picciani.

###
PÓS-GRADUAÇÃO

Cabral nomeou Sergio Côrtes para a Secretaria de Saúde, e os dois jogaram pesado em matéria de peculato, corrupção passiva, formação de quadrilha, lavagem de dinheiro etc. Com o julgamento do Mensalão, eles se assustaram e já decidiram abandonar a política, o que será um grande alívio para todos os brasileiros.

Não há dúvida de que o processo do mensalão está inovando no que se refere à tradicional impunidade dos políticos brasileiros, na qual nem mesmo os sinais exteriores de enriquecimento ilícito eram levados em consideração.

Cabral e Côrtes têm realmente motivos para estarem deprimidos, como de fato estão, porque, ao mesmo tempo, eles veem ser demolido o império construído pelo grande amigo e financiador Fernando Cavendish, que durante certo período chegou a ser concunhado de Sergio Cabral, até que o acidente de helicóptero na Bahia pôs fim ao tórrido romance que o governador então mantinha com a cunhada do empreiteiro.

###
LADRÕES DEPRIMIDOS

Mas a vida é assim mesmo. De que adianta roubar tanto dinheiro do povo, se todos ficam sabendo que você é ladrão e não merece o menor respeito? Como usufruir desse dinheiro maldito, longe do poder? Longe também dos amigos de infância, dos parentes, dos colegas de colégio e faculdade? O que fazer da vida, quando todos sabem que você é corrupto?

É claro que Cabral e Côrtes podem morar em Paris e continuar comprando sapatos caros para suas mulheres. Mas e daí? O que isso realmente significa? Valeu à pena?

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

6 thoughts on “Mensalão assusta os corruptos. Por isso, Sergio Cabral e seu principal cúmplice Sergio Côrtes já decidiram abandonar a política.

  1. Para Sérgio Cabral. Você merece uma cadeia filho da puta vc está acabando com o estado o detran está uma merda e vc está preocupado com os roats de petróleo vai se fuder vc quer roubar mais e mais já é dono do rodando legal, faz blitz pra caralho pega todo o dinheiro enfia no cú seu ladrão, vc vai visitar o inimigo leva a sua propina para ele porque irá te extorquir assim como vc fez com nós aqui no rio de janeiro.
    Obrigado leitores apostem nas redes sociais porque politico safado não merece releição!

  2. É muito mais fácil manipular a urna eletrônica do que votos no papel. A urna eletrônica não dá nenhuma garantia de que o voto foi realmente para o candidato escolhido, é muito fácil digitar 5602 e dentro da urna ser processado como 5680 por exemplo. É muito fácil programar uma urna para que a cada 100 votos, independentemente se ele é nulo branco ou não, este voto seja destinado a um candidato específico, alunos da universidade de Brasilia quebraram a segurança da urna em uma hora! Fala sério né. Que porra de urna é essa que nem o Uruguai quis? Ou seja na próxima eleiçao nao vou votar pois alem do voto nao me garantir nada, simplesmente nao tem candidato que mereça meu voto. Só tem merda por aí, tipo Sérgio Cabral e Eduardo Paes.

  3. SÓ TEM UM JEITO: A CHINA GOVERNAR AQUI E MANDAR FUZILAR TODOS ESSES CORRUPTOS E COBRAR DEZ VEZES `A FAMÍLIA O VALOR DA MUNIÇÃO GASTA. COM CERTEZA CONGRESSO NACIONAL, ALERJ, CÂMARAS, ETC, TUDO SRIA EXTINTO. OUTRA ALTERNATIVA É A MONARQUIA COMO FORMA DE GOVERNO, POIS O REI NÃO VAI ROUBAR O QUE JÁ É DELE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *