Michel Temer transpôs o Rubicão

Piada do Dia: Temer não pensa em ser presidente

Carlos Chagas

Desnecessário se torna traduzir ou interpretar o diagnostico do vice-presidente Michel Temer transmitido a um grupo de empresários paulistas, quinta-feira, quando sustentou que a presidente Dilma não resistirá até o final do mandato com a popularidade tão baixa como se encontra hoje. Acrescentou que não moverá uma palha para assumir a presidência da República.

Nem é preciso. Já moveu o conteúdo do imenso paiol de frustrações onde se reúnem empresários, trabalhadores, profissionais liberais, funcionários públicos, partidos políticos e a torcida do Flamengo. Não que o país clame por sua ascensão ao poder ou acredite ser ele o personagem unificador. A maioria da população o desconhece, apesar de sua condição de substituto ou sucessor constitucional.

Por enquanto, a realidade está no extremo oposto: a sociedade rejeita a presidente Dilma, incluindo-se na rejeição até o PT, sem  falar no PMDB e demais siglas  com assento no Congresso.

POPULARIDADE

Admitir que a popularidade possa ser recuperada em tempo  útil para Madame  preservar seu mandato soa como golpe de graça desferido pelo vice sobre a titular. É impossível. Aguarda-se apenas um fato novo capaz de desencadear  o desenlace: uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral ou do Tribunal de Contas da União, uma evidência a mais de ter o  governo participado do escândalo da Petrobras, a queda do ministro da Fazenda, a invasão de supermercados  ou demais  manifestações violentas da população diante do desemprego, do aumento de impostos ou da alta do custo de vida. Qualquer desses fatores, se não levarem Dilma  à renúncia, certamente conduzirão ao seu impeachment.

Michel Temer transpôs o Rubicão, mesmo com legiões esfarrapadas e enfraquecidas. Terá tido motivos para molhar os pés, humilhado e ofendido pelo que restou da exangue guarnição do palácio do Planalto. Bem como pelas trapalhadas da confusa, inoperante e perdida comandante dessa resistência inútil.

Imaginando-se a preservação dos princípios constitucionais e a permanência das instituições democráticas, mesmo postas em frangalhos, a pergunta refere-se ao papel que Michel Temer poderá exercer após  chegar à presidência da República.  Melhor seria indagar sobre seu prazo de permanência no trono. Conseguirá unificar a nação, como sugeriu que alguém precisaria tentar?

Transposto o Rubicão, Cesar virou ditador, até que  punhais de alguns senadores o abatessem.

4 thoughts on “Michel Temer transpôs o Rubicão

  1. Downgrade forçado, Levy X Mercadante, jogando a toalha, mas as açoes estao baratas, os juros altíssimos, juros americanos prestes a subirem, dolar nas nuvens, tudo precificado.

    O governo manobra para nao derrubar o veto ao reajuste dos servidores do Judiciario. Renan na China e petista no comando. Mas tudo e possivel e todas as bagatelas estao precificadas (inclusive o rebaixamento) ate Dilma cair de Madura.

    A recuperaçao nas bolsas precede a recuperaçao na economia real. Portanto, oportunistas de plantao, e hora de ganhar dinheiro.

    Comprar ao som de canhoes para vender ao som de violinos.

  2. QUE A DILMA NÃO TERMINARÁ SEU MANDATO É A OPINIÃO DE TODOS OS CÔNSCIOS DESSE PAÍS. O PROBLEMA MAIOR NÃO É ESSE. O PROBLEMA É: QUEM VAI QUERER ASSUMIR UM PROBLEMA QUE NÃO TEM SOLUÇÃO A NÃO SER POR ALGUÉM GENIAL? PELO MENOS ATÉ AGORA, ESSE GÊNIO NÃO SE APRESENTOU. NÃO TEMOS LIDERANÇAS, GENTE HONESTA O SUFICIENTE E CORAJOSA O SUFICIENTE. ITAMAR FRANCO ESTÁ MORTO. O RESTO, É DE UMA INSIGNIFICÂNCIA BRUTAL !!! REPITO: A SOLUÇÃO É DE LONGO PRAZO E TEM 3 NOMES: ESCOLAS, ESCOLAS, ESCOLAS. OBRIGATÓRIAS. COM TEMPO INTEGRAL. COM EDUCAÇÃO PRIMOROSA, INCLUSIVE EDUCAÇÃO FÍSICA. COM AULAS DE MÚSICA TAMBÉM. FILOSOFIA. ÉTICA. LEGISLAÇÃO BÁSICA (INCLUINDO UM SUMÁRIO SIMPLIFICADO DE NOSSA COMPLICADÍSSIMA E CONFUSA CONSTITUIÇÃO. E, SOBRETUDO, DE PROFESSORES BEM FORMADOS E BEM PAGOS !!!!!!!!!!

  3. JORNALISMO OU PILANTRAGEM? Comparem a íntegra da declaração do vice-presidente Michel Temer com a manchete do link abaixo e tirem as suas conclusões: “Hoje o índice de popularidade é realmente muito baixo. Ninguém vai resistir três anos e meio com esse índice. Se continuar assim, de fato fica difícil passar de 3 anos”.

    O problema é que ninguém, ou poucos, vão além das manchetes para verificar, por exemplo, como também está escrito com todas as letras, que a CPMF só não foi assinada porque antes disso a presidente Dilma Rousseff ouviu as ponderações do vice Temer – em reunião conclusiva com ministros da área econômica – e não assinou.

    Portanto, é de completa má intenção ou ignorância pura postagens ou compartilhamentos tendentes a dissociar presidente do vice em face das ações do governo. Que assim sigam, será melhor ao país. http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,para-temer-ninguem-resiste-mais-tres-anos-e-meio-com-popularidade-tao-baixa,1756160

  4. Chagas não nega a orígem: Quer revolta, sangue, golpe, invasão de supermercados. Está em seu sangue. Só está faltando dizer claramente Quero tanques nas ruas.Podemos até argumentar: se acontecer isso quem perde é o Brasil. Chagas por acaso pensa em Brasil?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *