Ministério Público Federal pode pedir a prisão da mulher de Sérgio Cabral

Adriana Ancelmo

Charge sem assinatura, reproduzida do Estadão

Vera Magalhães
Estadão

O Ministério Público Federal analisa pedir a prisão da mulher do ex-governador Sérgio Cabral, Adriana Ancelmo. Integrantes da força-tarefa da Lava Jato dizem que a investigação sobre os desvios de Cabral e seus aliados já continham elementos para incriminar a advogada, e que documentos e objetos apreendidos pela operação Calicute devem tratar de amarrar as pontas que ainda estavam soltas e fizeram com que ela apenas tivesse pedida a condução para depor.

No site do Estadão, a coluna de Andreza Matais e Marcelo de Moraes revela que , temendo ser presa, Adriana Ancelmo se reuniu com o advogado Aristides Junqueira para avaliar a situação em que a família se encontra. Estava acompanhada de um advogado do Rio. Ela ainda não visitou o marido na prisão.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGAdriana Ancelmo, que chegou a ser ex-mulher de Cabral, quando ele se apaixonou pela cunhada do empresário, amigo e cúmplice Fernando Cavendish, precisa mesmo de um grande advogado. Na penitenciária feminina de Bangu não há privadas aquecidas. (C.N.)

25 thoughts on “Ministério Público Federal pode pedir a prisão da mulher de Sérgio Cabral

  1. É lícito todo ser humano ter um advogado. Mas tem casos que se torna imoral defender essa corja de salteadores. Muitas jóias em pelos de porcos ricos e burgueses. Eu nunca acreditei na linha de pensamento humanistas, pois são hipócritas em suas experiências.

  2. Um dado irrefutável até o momento: a madame, advogada, sabia como não pisar nas possíveis armadilhas de um casamento fracassado pelo crime.
    À conferir, em breve. quando o chorão do marido se tocar que cadeia não é fácil de carregar, e abrir o bico para minimizar a pena da sentença …

    • Cabral e o molusco são topo da pirâmide.
      Pra eles, não faz sentido a delação premiada.
      Eles vão entregar quem?
      Madre Tereza? O Papa? Deus?

      Eles vão ter que segurar essa barra, esperando uma manobra política que proporcione alguma vantagem.
      Parece que está complicando pro lado deles.

  3. A família do Sergio Cabral pouco se importou em esbanjar e em ostentar ao máximo, mesmo sabendo que acumulava uma fortuna roubada da administração pública, direta ou indiretamente.

    Agora chegou o momento da porca torcer o rabo. Vão curtir o verão carioca em Bangu, onde as temperaturas chegam facilmente aos 40°C.

    Mas é pouco perante o sofrimento que têm causado aos cidadãos contribuintes de impostos…

  4. O casal Cabral vai passar o natal na cadeia. Criaturas das profundezas ! Já integram o aterro sanitário da história.
    Trocados por cocô, será um péssimo negócio. Vade retro, Satanás !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *