Mourão contraria Bolsonaro e diz que a posição do governo “é o isolamento e o distanciamento social”

Mourão defendeu a união de todos no combate à pandemia

Paula Ferreira
O Globo

 O vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) afirmou, nesta quarta-feira, dia 25, que a posição do governo é de defesa do isolamento social no combate ao novo coronavírus.Em pronunciamento em rede nacional na terça-feira, dia 24, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) defendeu a retomada de atividades comerciais e volta às aulas.

Questionado sobre o tema, Mourão afirmou que Bolsonaro pode ter se expressado mal. Novo boletim sobre a disseminação da Covid-19 registrou 2433 casos confirmados e 57 mortos.

ISOLAMENTO – “A posição do governo por enquanto é uma só, a posição do governo é o isolamento e o distanciamento social. Está sendo discutido e ontem o presidente buscou colocar, pode ser que tenha se expressado de uma forma que não foi a melhor, mas o que ele buscou colocar é a preocupação que todos nós temos com a segunda onda. Temos a primeira onda, que é a saúde, e a segunda que é a questão econômica”, afirmou Mourão .

“Existe uma discussão no mundo entre o isolamento horizontal e o isolamento vertical que são pessoas que pertencem ao grupo de risco e as que têm convívio com elas. A minha visão por enquanto é que temos que terminar esse período que estamos em isolamento para que haja calibragem da forma como está avançando a epidemia no país e, a partir daí, se possa gradativamente ir liberando as pessoas dentro de atividades essenciais para que a vida vegetativa do país prossiga”.

ATRITOS – O vice-presidente minimizou os atritos de Bolsonaro com os governadores e defendeu a união de todos os agentes públicos no combate ao novo coronavírus.

“A questão entre governadores e o presidente da república faz parte da política e ela muitas vezes nos coloca em pólos opostos. Existe um ambiente de cooperação entre governos estaduais e federais, porque temos que estar unidos para vencer essa epidemia com menor dano possível à população”.

CONSELHO DA AMAZÔNIA – Mourão, que está à frente do Conselho da Amazônia, apresentou em videoconferência seu plano de ação para a região da Amazônia. Outros 14 ministros compõem o grupo. O conselho foi instituído para dar uma resposta à crise na região, quando o desmatamento atingiu recorde de 29,5% em relação ao ano anterior e as queimadas na floresta.

O grupo ativou o Gabinete de Prevenção e Combate ao Desmatamento e às queimadas, que ficará subordinado ao Gabinete de Segurança Institucional (GSI).

VIRTUAL – Embora tenha convocado uma coletiva de imprensa, o vice-presidente Hamilton Mourão não respondeu às perguntas dos jornalistas presencialmente, mas por meio de uma vídeoconferência.

Foi montada uma sala onde cerca de 20 jornalistas e cinegrafistas acompanhavam a fala de Mourão e aguardavam para fazer perguntas. Para a coletiva sem a presença do vice-presente, a assessoria colocou as cadeiras a uma distância de pouco mais de um metro. No intervalo entre uma pergunta e outra o microfone era higienizado.

17 thoughts on “Mourão contraria Bolsonaro e diz que a posição do governo “é o isolamento e o distanciamento social”

  1. Pessoal da economia informal já está sentindo o isolamento. São milhões e estão correndo risco de morte por não ter mais como se sustentar.

    E AÍ ?

    É aquela situação, sem se alimentar até uma gripe comum pode matar.

    Se alimentando bem pode até sobreviver ao tal coronavirus como já aconteceu com muitos.

    • Você quer quarentena, ficar em casa ? Mas exige um frentista e posto de combustível aberto!
      Você quer ficar em casa ? Mas exige o mercado aberto com atendentes, senão você surta !
      Quer ficar em casa ? Mas quer que o porteiro do seu prédio e o zelador estejam trabalhando !
      Quer ficar em casa ? Mas precisa de dinheiro e quer que o bancário esteja no banco pra resolver seu problema ! Quer ficar em casa ? Mas tem motoristas e cobradores de ônibus trabalhando pra transportar quem precisa de transporte!
      Quer ficar em casa ? Mas o farmacêutico e balconista tem que estar lá pra te servir né !
      Quer comprar pão ? A padaria tem que tá aberta né?
      Quer ficar em casa? Claro, mas Deus o livre se o caminhoneiro parar né !
      Em casa sim, mas a coleta de lixo tem que estar em dia pelos garis !

      Quer ficar em casa ?
      A vida dos outros vale menos que a sua ?
      Por quê eles são obrigados a trabalhar para seu conforto mesmo num momento desse, e vc não ?

      *Isolamento social sim, mas pra grupos de riscos, claro !* *Precauções conscientes sim de todos !!!*

      Não reclame depois que a economia estiver afundada e você ser demitido para reduzir gastos da empresa.
      Foi vc quem optou por isso, fez baderna, bateu panela e foi a favor de tudo isso !

      E não culpe os outros pois avisado foi !!!

      Joabel Pereira, jornalista – Quer ficar em casa ?

  2. Não entenderam que externar um pensamento não significa determinar que seja aceito. Bolsonaro não pode externar seu posicionamento que é crise, tem que ser papagaio, aceitar tudo da mídia e dos canalhas. Cada um tem sua opinião, Bolsonaro tem a dele, Mourão tem a dele, Paulo Guedes tem a dele. Em uma democracia se reúnem e a maioria decide. Bolsonaro vai ouvir seu ministro, não vai impor nada. Simples assim, mas os canalhas golpistas querem sangue nas ruas. Aguardemos os próximos capítulos desta tentativa de golpe de governadores, mídia, esquerdalha.

    • Caro CN
      Veja bem o que uma desconstrução…temos aqui um texto do O Globo..o jornalista coloca a afirmação de Mourão onde diz textualmente que na opiniao dele tem que acabar o periodo doido isolamento solamento lhe pergunto como e onde o tal jornalista enxerga diferenças entre o vice e o titular. Esta ai a cegueira ideologica, caracas se num texto que estou lendo voce diz que o texto que leio nao é o que estou lendo, o que e isso mano? Não leu direito o artigo e partiu logo para a desconstrução e depois diz que Bolso é paranoico que imagina que esta sendo perseguido? Ate tu Brutus?
      O que isso?
      Por favor releia o texto e reafirme seu comentário. Amigo nao rstamos mais engolindo desformadores de opinião se de ao respeito, ainda pir enquanro de pois de anos leio TI mas desse jeito da nojo

  3. É vice desautorizando o titular;
    É idoso que deveria estar em quarentena, em pé durante horas, sob chuva, em filas homéricas para vacinação contra a gripe em postos de saúde onde a vacina acabou;
    É presidente da República dando orientação desautorizando seus subordinados.
    O Brasil deve estar sendo objeto de piadas no mundo.

  4. O especialista da Saúde, o ministro Dr. Henrique Mandetta, endossou TUDO o que o presidente disse ontem.

    Nhonho presidente da camara chinesa, impren$sa sino-brasileira e governadores chineses, exigem a demissão do Mandetta em 3,2,1…

  5. Pois é: são 40 milhões na economia informal que depende de se virar nas ruas para se alimentar.

    Vão matá-los de fome?

    O ponto a observar é que na esquerda o hediondo encontra justificativas para sua prática e aí ela se aproveita da situação para fazê-lo. Tudo pelo poder: os fins justificam os meios.

    • Os tais governadores oportunistas que estão aproveitando da situação para confrontar o presidente construíram cinturões de segurança para assistir o pessoal da economia informal?

  6. “Art. 267 A – Propagar direta ou indiretamente doença contagiosa, criando um perigo para a vida ou de grave lesão à saúde ou da integridade física de um número indeterminado de pessoas.
    Pena: reclusão de um a cinco anos.”

    Adivinhem o surtado que está propondo prender quem ficar doente e passar para alguém?
    O falso infectologista (igual dilma mentiu) Alexandre lava-jato Padilha.

    O ódio cega tanto que fez uma lei tentando pegar o presidente, mas se esqueceu dos direitos humanos e da falta de dolo quando alguém fica doente e passa “indiretamente” para outro.
    Falso infectologista e péssimo interpretador de texto.

  7. CN, você acredita no inferno? Existe um lugar, de fato, tenebroso onde o mal secular, adormecido, espera o seu retorno? CN, você é discípulo de Grigori Rasputin? Quem seria o manipulador? Quem seria o fantoche?

  8. Podcast: Mandetta com Bolsonaro
    O Antagonista

    Em podcast, Renan Ramalho resume como Luiz Henrique Mandetta endossou hoje o pronunciamento de ontem de Jair Bolsonaro, contrário a um confinamento geral da população.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *