Na fibra dos sofridos, o brasileiro é solidário e oferece ajuda mesmo sem ter o que dar

Bolsonaro e Caiado visitam obras do 1º hospital de campanha ...

Jair Bolsonaro incentiva aglomerações, ao invés de impedi-las

Vicente Limongi Netto

O povo sofre. Mas não se entrega à desesperança. É tomado por luz divina que fortalece o espírito. A solidariedade conforta a alma. Pessoas que já têm pouco para o próprio sustento estão na trincheira do bem. Sabem que criança com fome corrói o coração. É sublime ajudar quem esteja em pior situação. O entusiasmo para ajudar o próximo é contagiante, um sentimento verdadeiramente cristão.

Os brasileiros enfrentam adversidades com galhardia. Não esmorecem com enchentes, enxurradas, desabamentos e, agora, sabem que é preciso lutar contra o dramático coronavírus.

ATINGE A TODOS NÓS – Vidas e atividades são afetadas. O coração aperta. O amor floresce e desperta a união. Ninguém se omite. Tira-se energia e fé das profundezas da alma.

Precisamos encher o peito de patriotismo e perseverança. O terrível coronavírus destrói famílias. A guerra contra o vírus clama pela união dos brasileiros. Irresponsáveis precisam ter consciência que aglomerações e sair de casa sem necessidade fazem a alegria do vírus. Precisamos dos esforços de todos.   Ricos, podres e remediados. 

A satisfação de colaborar de alguma forma é cativante. Mostra que nem tudo está perdido no reino dos mortais.

NA ROTA DO BOM SENSO – Governantes e políticos precisam trilhar o caminho do bom senso. Da civilidade. Esquecer picuinhas e intrigalhadas. Pensar nas vidas das pessoas e também nas deles. Agora não é hora de arranca-rabos inconsequentes por amor às urnas.

Acorde e cresça, presidente Jair Bolsonaro. O senhor foi eleito para zelar pelo bem-estar do povo. Evite ser destemperado. Prefira o comedimento. Deus observa tudo. E permanece no comando.

5 thoughts on “Na fibra dos sofridos, o brasileiro é solidário e oferece ajuda mesmo sem ter o que dar

  1. Prezado Vicente Limongi Netto.

    Sua excelente crônica, faz um chamamento as autoridades,essas,não pode ficar alheios à reflexão.

    Ora,a base da pirâmide,que está sofrendo e pagando a conta,os governos federal, estadual, municipal,e o congresso, judiciário,salvo melhor juízo estão jogando duro e sujo contra uma população em defeso, principalmente as crianças que sofre mais, seja pela saúde,seja pelo econômico, está faltando comida na mesa dos Brasileiros,o desespero tomou conta, já está fora di controle.

    Exemplos não faltam,os ônibus di Florianópolis estão parados desde 18 Março, Motoristas e cobradores,(no RJ-SP, é trocador), estão sem receber os salários e os benefícios do vale transporte,tickets refeição,e os planos de saúde.

    Os benefícios, são imexiveis, inalienável,os patrões não querem pagar os tickets,nem INSS,nem o plano saúde.,isso se chama terrorismo…

    Em outras cidades o cenário é igual,ou tem algumas peculiaridades que as diferem para melhor ou pior,mas situação do risco é a mesma.

    Ora,se a medida provisória reduz o salários 30% a empresa paga,os 70% governo paga não sobre o teu salário,mas sim do seguro desemprego,que vai dar uma mixaria..
    até agora nada,nem 30% nem 70%, todas ditas autoridades estão no morde e sopra, ninguém quer assumir o ônus.

    Todos fazendo cara di paisagem.

    Diria Francelino Pereira,ou Renato Russo..
    Que país é esse.!!!

  2. James ele não é culpado de tudo porem suas atitudes compromete o trabalho de combate ao vírus o presidente está sendo irresponsável dando assunto para a imprensa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *